browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

15/02/13: Asteroide 2012 DA14 voa “raspando” a Terra

Posted by on 14/02/2013

Asteroide 2012 DA14 passa “raspando” na Terra em 15/02

Localizar o Asteroide 2012 DA14 em um telescópio dia 15/02 não vai ser muito simples! Ele vai estar tão perto do planeta que a sua localização na Terra irá afetar significativamente sua trajetória aparente através das estrelas, devido à paralaxe. E ele vai estar perto o suficiente para a Terra que a gravidade do nosso planeta irá alterar rapidamente a sua órbita.

Fonte: http://www.skyandtelescope.com/news/home/Asteroid-DA14-to-Zip-Past-Earth-189052161.html

Tradução e imagens: Thoth3126@gmail.com

Postado Por Alan MacRobert, 12 De Fevereiro de 2013

Uma rocha de cerca de 150 pés (cerca de 50 metros) de largura está prestes a fazer uma passagem invulgarmente perto da Terra. Você poderá ser capaz de segui-lo através das estrelas com um telescópio – seguindo o seu caminho conforme mostra o gráfico a seguir.

Mapa aproximado.

O Asteroide 2012 DA14 irá se mover desde o hemisfério sul para o hemisfério norte, atravessando quase metade da esfera celeste em apenas algumas horas, passando pelo Cruzeiro do Sul, a cabeça de Virgem, a cauda de Leão, e a Ursa Maior até definhar perto de Polaris, na Constelação da Ursa Menor. (Este mapa acima é de um observador imaginário no centro da Terra, ou seja, aproximadamente próximo ao Equador). A marcação do horário da passagem mostram Universal Time (GMT). Clique aqui para uma versão maior. Sky & Telescope diagrama

Espere um pequeno asteroide se transformar em uma grande notícia em 15 de fevereiro de 2013. A rocha pouco maior que um campo de ginásio de esportes, o Asteroide 2012 DA14, entre 40 ou 50 metros (130 a 160 pés) de diâmetro, vai ser o sobrevôo de um objeto natural mais próximo da Terra  já previsto com bastante antecedência.

Ele vai passar dentro da distância de de 28.500 quilômetros (18.000 milhas) da superfície da Terra em torno das 19:25 UTC em horário de 15 Fevereiro (em Brasilia às 17:25 horas), atingindo brilho de magnitude 8 assim que ele passar correndo ao norte através das estrelas, a uma taxa de velocidade de 0,8 ° de arco por minuto.

Mas não para as Américas. Naquele horário ele vai estar perto da cabeça de Virgem, o que será em um céu escuro para longitudes da Europa oriental (mais tarde da noite), em toda a Ásia até a Austrália (antes do amanhecer no dia 16 local). Até aquele momento ele poderá ser visto na Europa Ocidental e será um pouco mais fraco. Na América do Norte, a escuridão não vai cair na Costa Leste até várias horas depois, em torno de zero hora de 16 fev UTM (19:00 fevereiro Eastern Time 15 /02 Standard).

Até então o asteroide estará com magnitude de apenas 11,1 e movendo-se muito mais lentamente perto da Ursa Menor. Ao cair da noite na Costa Oeste três horas mais tarde, ele vai ter desaparecido para 12,4º de magnitude em brilho. constelação O gráfico à direita mostra, aproximadamente, a corrida do asteroide praticamente desde o polo sul ao polo norte celeste em apenas 12 horas. ( Clique aqui se você não pode ver no gráfico. )

Mas localizar o Asteroide 2012 DA14 em um telescópio não vai ser muito simples! Ele vai estar tão perto do planeta que a sua localização na Terra irá afetar significativamente sua trajetória aparente através das estrelas, devido à paralaxe. E ele vai estar perto o suficiente para a Terra que a gravidade do nosso planeta irá alterar rapidamente a sua órbita.

Para se ter uma previsão precisa para achar a sua localização, incluindo ambas as correções, vá para o utilitário JPL efemérides. Para localizar o asteroide alvo digite 2012 DA14. Para encontrar a localização digite a sua localização, latitude e longitude para 1 ° ou melhor. Para Intervalo de Tempo digite seu horário local (de onde voce esta no planeta). Na Tabela configurações incluem Ascenção Direta (RA Astrometric) e Declinação (Declination), bem como a Magnitude visual. Clique em “Usar configurações selecionadas” quando você já tiver feito cada entrada, em seguida, “Gerar Efemérides”. Você terá uma lista personalizada de posições de minuto-a-minuto do asteroide.

O Asteroide 2012 DA 14 está atualmente em uma órbita estranhamente similar à da Terra. Sky & Telescope diagrama

Em seguida, usando um programa de gráficos detalhado do céu, imprimir um mapa de estrelas de uma magnitude adequadamente profunda centrada em um desses pontos de equinócio de 2000,0-AR e declinação que você tem.

Escapando de uma colisão:

 A última vez que eu assisti uma passagem de asteróides perto o suficiente para mostrar em tempo real o movimento em meu telescópio de 12,5 polegadas, eu tive a estranha sensação de que estávamos definitivamente evitando uma bala (cósmica) – e diferente de tudo da pacífica experiência habitual de apenas observar .

Os astrônomos estimam que, se o Asteroide 2012 DA14 atingir a nossa atmosfera, ele vai liberar 2,4 megatons de energia ao explodir, comparáveis ao evento de 1908 em Tunguska, na Sibéria-Rússia, que foi estimado em 3-20 megatons e destruiu 2 mil quilômetros quadrados de floresta.

Ele não é um assassino de planetas, e possivelmente seja até mesmo inofensivo se caindo sobre um oceano  ou a vazia Antártida (dado que ele está chegando quase em linha reta vindo pelo sul-o Abismo bíblico), mas você não gostaria de estar em qualquer lugar próximo à sua queda. Veja também anúncio da NASA .

Esta é uma visão muito aproximada em close up de intersecção nos diagramas acima (e visto de um ângulo diferente) O asteroide vai passar dentro do anel de satélites geoestacionários de comunicação que orbitam a Terra. Instruções para o diagrama completo .  NASA / JPL / NEO Program Office.

Observações de radar estão planejadas – pelo VLA-Very Large Array e pela estação de radiotelescópio Goldstone da NASA, no Deserto de Mojave – para refinar a órbita do asteroide e o seu caminho futuro, para determinar a sua rotação (e, assim, ter uma ideia de como o Efeito Yarkovsky irá influenciar sua trajetória futura), e talvez obter a imagem dele.

Assista a passagem do Asteroi 2012DA14 online no dia 15 de fevereiro, se o clima permitir, um vídeo em HD do asteróide cruzando o céu e as estrelas, que será transmitido a partir do Clay Center Observatory , em Brookline, Massachusetts, a partir de 18:00 EST até quatro horas na manhã seguinte EST (15:00 a 1:00 am PST, ou 23:00 UT 15 de fevereiro a 16 de fevereiro 09:00 UT):

– Um vídeo em tempo real será transmitido pelo Slooh.com com início às 9:00 pm EST 15 fev (02:00 UT 16 de fevereiro).

–  O Projeto Telescópio Virtual na Europa planeja  transmitir em live streaming começando mais cedo, às 5:00 pm EST. (22:00 UT 15 de fevereiro)

–  Observatório Bareket em Israel irá acompanhar o asteroide em 15 de fevereiro usando um telescópio remoto acoplado a uma câmera CCD refrigerado. Seu Webcast está previsto entre 02:00-15:30 EST (19: 00 às 20:30 UT). Isto inclui o período de maior aproximação do asteroide.

 

Ao entardecer, dizeis: haverá bom tempo porque o céu está rubro. E pela manhã: hoje haverá tempestade porque o céu esta vermelho-escuro. Hipócritas ! Sabeis, portanto discernir os aspectos do céu e não podeis reconhecer  OS SINAIS DOS TEMPOS?”  Mateus 16: 2 e 3

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *