browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

A Ameaça Alienígena: (12A) A vida como nós a conhecemos?

Posted by on 09/03/2016

ets-ufos-greysA Ameaça Alienígena, um relatório Secreto dos Objetivos e dos planos alienígenas. Livro de David M. Jacobs.

Os alienígenas se referem sempre ao futuro. Eles dizem que será melhor para os seres humanos e para os alienígenas. Quando engravidam as mulheres, dizem que as mulheres estão “carregando o futuro”. Eles se referem às “crianças do futuro”.

Falam de uma “mudança” que está chegando uma mudança difícil, mas inevitável. O que nós vemos no fenômeno de abdução é aparentemente um processo. Tudo o que aconteceu com os abduzidos e todas as atividades dos alienígenas são parte de um processo dirigido a um  objetivo predeterminado no futuro.

Edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

A AMEAÇA ALIENÍGENA – Relatório Secreto, Objetivo e os planos dos Alienígenas. Livro de David M. Jacobs.

Capítulo 12 – A vida como nós a conhecemos? Parte A

Esse processo tem continuado durante o século XX, e num certo ponto, num futuro próximo, ele terminará quando atingir seu objetivo. Contrariamente às previsões otimistas dos positivos, eu não gosto do que vejo no futuro. E, quanto mais informações reúno sobre o fenômeno de abdução, mais ominoso se torna o quadro. Quando o fim chegar – e ele chegará -, o que acontecerá com a humanidade? Tenho aversão a enfrentar essa questão, preferindo ignorá-la.

De certo modo, é mais fácil e mais confortante ouvir os relatos de abdução das pessoas, tentar encontrar sentido no que está acontecendo e não confrontar as implicações para o futuro no que elas estão dizendo. Os relatos são tão extraordinários que é fácil se perder nas minudências dos procedimentos alienígenas e deixar de dar um “passo para trás”, a fim de ganhar uma perspectiva de para onde tudo isso está nos levando. Mas, apesar da minha relutância, tem de ser feito.

ETSERPO

Os alienígenas trouxeram à Terra um programa altamente eficiente de exploração fisiológica. Os programas de hibridização e de cruzamento se introduziram em nosso mundo e assumiram o controle das vidas dos abduzidos. Os alienígenas têm explicado aos abduzidos que esses programas são necessários para “salvar” o futuro. Eles têm concentrado sua comunicação com os abduzidos na necessidade de salvar o meio ambiente, na necessidade de evitar, ou pelo menos enfrentar, o risco de destruição em massa, e nos benefícios da mudança, que é como alguns deles se referem ao evento culminante nos seus planos para o futuro. Mas quem irá se beneficiar da mudança?

Salvando o meio ambiente

Um efeito intrigante do fenômeno de abdução é a preocupação com o ambiente ecológico do planeta demonstrada pelos alienígenas. Eles dizem que a poluição e outros problemas estão destruindo o meio ambiente e que os seres humanos estão prestando um desserviço à Terra. Os positivos acreditam na mensagem ambiental dos alienígenas. Entretanto, a conclusão de que uma “limpeza” ambiental é o assunto mais importante nas mentes dos alienígenas é questionável. É significativo o fato de que os alienígenas nunca dizem ou fazem nada para ajudar o ambiente; eles apenas lamentam sua devastação.

Por exemplo, eles mostraram cenas de devastação das cidades e da vida selvagem a Pam Martin, com as quais lhe inculcaram a consciência da responsabilidade dos seres humanos para com o problema:

  • Tenho a impressão de que há uma comunicação passando agora. 
  • O que ele está dizendo?
  • Não sei se é alguma coisa que devemos enfrentar. Como devemos evitar. Não sei se eles estão me mostrando. Posso ver isso no noticiário  da televisão. Já sei disso… Ele diz que isso, tem de ser evitado, ou poderia ser evitado, ou tem que ser evitado, ou alguma coisa parecida… Não sei, só tenho a sensação de que eles pensam que a gente é muito estúpido. Como se tivesse algo de errado conosco. Tenho a impressão, como ele me comunica, de que ele olha para nós como um grupo… como se não estivesse pondo a culpa em nós, mas que nos considera responsáveis… Continuo tendo a impressão de que devemos consertar isso como um grupo. Ele não parece entender como isso funciona aqui entre nós. 

Lucy Sanders também recebeu uma mensagem incisiva sugerindo que a Terra corria perigo e que os seres humanos eram o problema. 

  • Agora eles estão com uma tela na minha frente. Estão me dizendo algo sobre o futuro. “O que deve se saber do futuro.” Vejo uma bomba explodindo. Vejo fendas se abrindo no planeta. Tem muita lava saindo. Estou olhando de cima do mundo e de uma grande fenda na terra. O mundo gira e a fenda aparece. E nuvens negras e vento muito sujo. E gente morta no chão. Vejo cadáveres por toda parte.
  • “Isso não pode acontecer. Isso não deve acontecer. Isso não acontecerá. Só você pode fazer algo a respeito… Você tem de impedir. Está chegando o momento. Nós estamos chegando. Você tem de impedir isso. Você tem de impedir a destruição do planeta. Seu bem é o nosso bem.

sereshumanos-ambiente.02

O híbrido de projeto pessoal de Kathleen Morrison lhe disse que os seres humanos não compreendiam as ações e os efeitos além deles mesmos. Embora os seres humanos fossem um “atraso” para o planeta, ele não sugeriu uma ação corretiva. Durante a conversa, Kathleen estava olhando para as estrelas pela janela de um óvni, enquanto seu híbrido a abraçava:

  • É maravilhoso aqui. Reforça a ideia do quanto minúsculos nós somos, quanto os nossos conceitos são minúsculos. Temos muitas oportunidades de estragar tudo naquele tempo, embora (sorriso)… Estou num abraço bem forte e isso é maravilhoso. Eu adoro ter seus braços em volta de mim. Isso pode parecer engraçado, mas ele nunca fala de ter um caso de amor com a Terra. 
  • O que você quer dizer? 
  • Que a Terra é um dos lugares mais lindos que ele já viu. Que tem a oportunidade de ter paz e tranqüilidade. E que o homem é muito tacanho nas suas necessidades pessoais. É como se (o homem), não visse o aspecto geral. E, de fato, nós não percebemos que não é somente a nós que afetamos. E mesmo quando ele está dizendo essas coisas… é como se estivesse massageando minha mente com cada palavra. Acho que eu posso também ser parte desse amor pelas coisas… É como se a população humana estivesse num estágio crucial, nós estamos sendo um obstáculo ao planeta em vez de ajudá-lo. E eu acrescento em algum lugar: “Nem todos são assim. Nós não somos todos desse jeito.” Minha pergunta é: “Se eu fosse assim, estaria aqui?” e ele pergunta:
  • “O que você acha? Você acha que nós iríamos investir nosso’ tempo com alguém que não fosse diferente?”
  • E isso me deixa com um pé atrás. É um elogio às avessas, pois ele usou o plural “nós iríamos” em vez de dizer que “ele investe em mim”. Percebo que ele quis fazer um elogio mas… ele poderia ter dito que há uma mudança em mim, na minha energia. Não sei, acho que me retesei um pouco.

Se os alienígenas estão genuinamente preocupados com o destino do planeta, então é porque têm interesse nele. Falar para abduzidos selecionados que o meio ambiente está ameaçado é inútil. A maioria nem se lembrará da conversa, e a maioria dos abduzidos não é ambientalista ou ativista político. Mais ainda, a preocupação com o meio ambiente é relativamente nova nos planos dos alienígenas. Os pesquisadores podem considerar que o fenômeno de abdução começou em 1920 e as histórias familiares sugerem sua origem já na década de 1890. Os alienígenas estavam preocupados com o meio ambiente quando começaram seu programa de cruzamento na virada do século?

et-silencio-01

Se foi assim, não temos nenhuma prova a sugerir tal fato. É mais provável que o estratagema da preocupação com o meio ambiente se tenha desenvolvido bem depois do início do programa de cruzamento. Visto nesse contexto, os pesquisadores devem encarar essas declarações, sobre a preocupação dos alienígenas com o meio ambiente, com grande ceticismo. É inteiramente possível que eles estejam usando esses pronunciamentos para justificar o programa de cruzamento. Podem também estar tentando dar certa moralidade aos seus procedimentos.

Se eles conseguirem inculcar nos abduzidos a idéia de que a raça humana está se destruindo e que eles estão aqui para impedi-Io, então ficará mais fácil para eles defender suas ações e solicitar ajuda dos abduzidos. Quase tão importante, a mensagem ambiental pinta os alienígenas como benevolentes, o que se ajusta plenamente com o que muitos humanos querem desesperadamente que eles sejam. Não será possível que os alienígenas estejam tão preocupados com o meio ambiente porque querem uma Terra limpa para eles? O fato de que os humanos vivem num planeta sujo não parece importante para eles, mas o fato de que eles poderiam ter de viver num planeta destruído pode ser intolerável.

Impedindo a destruição

As imagens de destruição em massa são comuns durante as abduções muito mais do que as imagens ecológicas. Virtualmente, todo abduzido teve de observar essas cenas de destruição. Muitos maremotos, inundações, terremotos, bombas atômicas, guerras e misérias. As cidades devastadas mostram suas feridas. Mortos por toda parte. Homens, mulheres e crianças mortos e feridos gritam por ajuda ao abduzido sobrevivente.

Os abduzidos são levados a crer que isso vai acontecer, que não precisava acontecer, e que os seres humanos são os culpados.  Muitas vezes os alienígenas sugerem uma maneira de evitar a destruição – eles mesmos. Eles estão trabalhando para evitar esse cenário infeliz. Seu programa de cruzamento é a esperança do futuro e trará paz e contentamento. Eles podem dar um final feliz a esse horror. Patti Layne teve essa experiência: 

  • E eles disseram que precisam de algumas peças, algumas coisas de mim e que eu ajudaria todo o mundo nesse planeta. Disseram que algumas coisas más vão acontecer… Eles me mostraram algumas imagens muito nítidas… e eu me sentei na cadeira e eles colocaram um visor na minha cabeça… Disseram que algumas coisas muito ruins vão acontecer. Disseram que coisas terríveis aconteriam à Terra e que ela iria explodir, e as cidades desmoronariam e as montanhas deslizariam e o sol ficaria negro. E disseram que tudo isso de ruim pode acontecer é porque as pessoas não renunciam à sua ignorância, egoísmo e avareza e que eles estão fazendo algo para nos ajudar, mas não sei como. Eu não pude fazer a conexão entre colocar alguma coisa na minha barriga (implantar um embrião fecundado) e o que isso poderia nos ajudar.

Para Terry Matthews, a cena catastrófica terminou com híbridos alegres, passeando numa linda paisagem. Primeiro os alienígenas dirigiram a sua atenção para uma tela em que ela viu uma grande e enorme explosão:

  • Parecia ser um grande cogumelo. É o que se parece. 
  • É a Terra ou algum outro planeta?
  • Não sei, só pude ver a bomba. Só a explosão… Era realmente ofuscante, nuvens brancas explodindo, e eu sabia que não era na minha cabeça. Era na tela.
  • O que mais você viu enquanto estava sentada ali?
  • Por um minuto pensei que via exércitos e aviões destruídos. Exércitos, soldados de infantaria marchando, e vi um avião acidentado, e então vi um campo onde não crescia nada, nem erva daninha, só vazio de vida. Agora vi uma menina com o rosto redondo… de pé ao lado de uma parede. Ela parece muito pobre. Com jeito de zangada e sozinha. Foi só um flash, muito rápido. Essas imagens não são longas. 
  • Você ouviu algum som com elas?
  • Acho que não. Embora, na explosão do começo, eu quase tenha sentido a vibração dela, ainda que fosse só uma imagem. Ela me assustou tanto, mas podia ser somente minha adrenalina. Não sei, mas não escutei nada. Sinto como se ouvisse um Grey (alienígena) falando no seu… você sabe, não falando. Pensando. Como uma voz distante.
  • O que está pensando o extraterrestre Grey, ou você pode captar o sentido?
  • Sim, mas soa artificial. Como: “Isso vai acontecer.” Mas as palavras não são essas. “Inevitável”, foi essa a palavra que ouvi. É como se traduz. E tenho a impressão de estar ouvindo propaganda… Eu me sinto como quando se é criança e se é admoestado: “É melhor você se comportar, senão Papai Noel não vai trazer nada para você”, sabe como é? É o sentido daquilo. Mas eu não sei o que eles querem de mim. Não sei por que eles querem que eu veja isso. 
  • E como é a próxima imagem que você vê?
  • Foi bem rápida. A primeira foi de um campo deserto, até onde os olhos podem ver, sabe como é? Não de gente morta, mas de terra morta, penso eu. Solo morto. Sem árvores, sem casas, e de repente, campos lindos, flores e… seres humanos híbridos.
  • O que os híbridos estão fazendo?
  • (A cena) parece feliz.
  • Os híbridos estão felizes?
  • Bem, contentes, ou… parece um lindo dia.
  • … O que eles estão fazendo?
  • Passeando, todo o mundo está andando devagar e pacificamente, até as crianças. Parece um (sorriso) cartão-postal alienígena. É o que se parece… É propaganda, eu sei que é… É como uma espécie de jardim de algum tipo… Isto me lembra… o jeito que eles estão aos pares, bem devagar… como passar uma tarde de domingo, sabe? Quando tudo está perfeito… é como um enorme jardim que não termina mais.

bomba-atomica

Durante a abdução de Allison Reed, que durou cinco dias, ela testemunhou muitas cenas de devastação. Os alienígenas lhe disseram que, durante um período futuro de guerra humana, eles interfeririam e nos salvariam de nós mesmos. A experiência de Roxane Ziegler terminou com uma nota de otimismo. Ela viu soldados uniformizados e depois houve uma
explosão: 

  • E então (vejo) uma bomba explodindo. Parece um cogumelo. É como, como tudo virando preto e branco. E a cor desapareceu. É pura desolação. E um fogo gigantesco – árvores queimadas e… animais fugindo. As pessoas com a pele negra, queimada… uma espécie de devastação, só fuligem. E tudo quieto, só preto e branco. O sol está surgindo, e uma brancura imensa cobrindo a terra. Parece… algo de que eu ouvi falar antes.
  • O que é? 
  • É como: “Tudo está bem, quando termina bem.” É como se houvesse uma voz que vem dos céus, e ela envolve toda a Terra. E a escuridão desaparece, e a desolação vai embora. E a grama cresce de novo. E aparecem algumas borboletas. E as flores estão surgindo. E elas parecem seres luminosos. É quase como figuras angélicas cheias de luz. E as pessoas estão se movendo e fazendo todas as coisas novamente. E as pessoas estão sorrindo novamente. Todo o mundo parece forte e saudável. E crianças brincando lá fora. Os animais parecem contentes. E a floresta é verde. Há espaçonaves, muitas naves. E toda essa gente está saindo das espaçonaves. É como se todo o mundo falasse com todo o mundo, e eles têm muitas espaçonaves chegando, e as pessoas estão saindo delas, quase como se alguns deles já tivessem estado aqui antes. É como se estivessem fora por algum tempo, mas é como se eles estivessem voltando para casa.
  • Quando eles saem das espaçonaves, como eles estão? Parecem pessoas normais?
  • Eles não vestem as mesmas roupas que nós. Estão saindo com esta roupa luminosa… mas elas têm cores variadas, como raças diferentes. Eles estão levando esses seres para… é como se eles estivessem mostrando o lugar… é como se não tivessem mais medo deles ou de nada. Tenho a impressão, entretanto, de que esses – os que estão parados ainda parecem alienígenas – ainda não podem viver aqui. Acho que eles podem ficar por um tempo reduzido, então eles têm, pelo menos, de voltar para as espaçonaves ou coisa que o valha. Mas há partes deles que estão conosco, porque eles têm toda essa gente que é uma miscigenação. As coisas não vão voltar a ser como eram antes – as coisas vão ser melhores. Vai ter uma tecnologia muito melhor e as pessoas vão poder usar os seus dons (espirituais). As pessoas vão aprender a se entender melhor, pelo menos essas pessoas. Há mais respeito pela Terra e todos os seres viventes. E vai haver mais amor e aceitação... mais oportunidade de realizar o seu potencial. A tela está desaparecendo… Essa pessoa (que está) de pé ao meu lado parece estar dizendo que, você sabe: “Não se preocupe, não vai ser tão ruim como parece. Nós temos de testar suas emoções.” Vai haver mudanças e não vão ser tão ruins. Eles não estão causando as mudanças que estão ocorrendo na Terra, mas há alguma (n.t. o segundo sol do nosso sistema solar, uma estrela Anã Marrom – Brown Dwarf) coisa chegando. Eles têm de fazer pessoas como eles e que possam sobreviver em nossa sociedade. Nós precisamos do que eles têm a nos oferecer. Em outras palavras, teremos de fazer um esforço enorme para nos recuperar, e o fato de eles estarem aqui fará as coisas mais fáceis para nós – não tenha medo.
  • Agora, ele disse que alguma coisa está chegando. Ele diz o que está vindo, ou não?
  • … Ele diz que as coisas ficarão claras com o passar do tempo. Diz que eles estão fazendo o necessário. Tem de ser feito e eles estão tentando não nos machucar. Mas algumas coisas podem ferir – eles tentam anular a dor. Tentam fazer com que as memórias desapareçam… porque as memórias podem causar confusões com as pessoas, e ainda não chegou a hora. Mas, finalmente, tudo vai ficar bem. Tudo vai ficar claro. 

solnegro

A mudança e o papel dos abduzidos

Se essas narrativas de salvação da humanidade de uma catástrofe iminente são verdadeiras, então a mensagem dos alienígenas está clara: depois da catástrofe acontecer, qualquer que ela seja, os híbridos de último estágio e talvez os próprios alienígenas realizarão uma integração geral com a sociedade humana. Como um híbrido disse a Claudia Negrón:

  • “Bem logo toda a vida na Terra vai mudar. As pessoas serão diferentes.”

Presumivelmente, todos nós viveremos em paz e harmonia. O meio ambiente será saudável e não haverá mais guerra ou conflito. Como a mensagem ecológica, a mensagem da salvação pode ter um objetivo subliminar – uma comunicação tranqüilizadora para ser usada antes e durante a mudança. Isso sugere que os abduzidos – os alienígenas raramente mencionam os não-abduzidos – poderiam ter um papel mais ativo no futuro programa de integração. Esses planos foram e são revelados de várias maneiras.

Acalmando a humanidade

Uma das responsabilidades dos abduzidos no futuro será acalmar as pessoas. Eles parecem estar sendo treinados para esse papel. Os alienígenas muitas vezes os usam para acalmar os outros abduzidos durante uma abdução. Por exemplo, quando Kay Summers estava esperando por um óvni, no qual embarcaria com um grupo de abduzidos, os híbridos fizeram com que ela acalmasse  as vítimas para que eles parassem de chorar. Uma vez os alienígenas disseram a Susan Steiner que ela se levantasse de sua mesa e acalmasse sua amiga Linda, que estava deitada na mesa ao seu lado.

Pam Martin acalmou seu vizinho a bordo de um óvni, enquanto estava deitado numa mesa. Ela colocou as mãos nos seus ombros e na sua testa e tentou minorar o seu terror. Os alienígenas fizeram Kathleen Morrison acreditar que no devido tempo ela agiria como um agente para acalmar as pessoas. Na sua lembrança ela explicava suas funções: Fazer as pessoas se sentirem bem… comunicar conhecimento… estabelecer comunicações entre as pessoas… criando um sentido de comunidade e unificação.

E isso vai parecer estranho, pois não penso que sejam apenas pessoas, acho que devem ser também idéias. É para comunicar como há coisas similares que parecem dissimilares (coisas iguais que parecem diferentes). É importante lembrar que os alienígenas acalmam as pessoas durante cada abdução. Não faz sentido ensinar os abduzidos a acalmar as pessoas, quando os alienígenas estão presentes. Isso sugere que eles desejam que os abduzidos o façam sozinhos no futuro.

Ajudando os alienígenas

Muitas vezes os alienígenas exigem que os abduzidos os ajudem nas tarefas. Carla Enders ajudou a convencer uma mulher recalcitrante a dar de mamar a um bebê híbrido. Os alienígenas mandaram Kay Summers colocar uma máquina embaixo de uma mulher que estava deitada numa mesa; quando ela terminou a tarefa, eles ficaram alegres com seu desempenho. Terry Matthews ajudou a fazer coleta de esperma de quatro homens deitados nas
mesas. Ela colocou as mãos numa certa posição sobre os seus genitais enquanto um alienígena olhava fixamente nos seus olhos.

Pam Martin também ajudou a obter esperma. Com um alienígena do seu lado, ela flutuou através de uma janela para dentro da casa de um vizinho e masturbou um homem adormecido (também abduzido), que havia sido “desligado”. Durante alguns desses procedimentos de ajuda, o abduzido veste roupas especiais – freqüentemente um uniforme azul colante. O fato de vestir-se desse modo e ajudar os alienígenas pode provocar intenso complexo de culpa e vergonha nos abduzidos. Mas isso claramente não é a intenção dos alienígenas. Ao contrário, segundo parece, eles estão, de novo, preparando os abduzidos para desempenharem algum papel no futuro.

abdução-ufo2

Salvando pessoas

Os alienígenas parecem interessados em salvamento. De tempos em tempos, eles evocarão no abduzido o desejo de salvar alguém. Por exemplo, Christine Kennedy observou uma “cidade” habitada por híbridos que estava ameaçada por uma inundação. Ela sabia que os bebês híbridos morreriam se não fossem resgatados e se  entristeceu com essa possibilidade, e com a culpa que sentiria se não pudesse salvá-los. Charles Petrie recebeu, através da visualização, a idéia de que uma colônia de alienígenas estava instalada no fundo do mar e que os cabos que a ligavam à superfície não estavam funcionando bem. Ele se imaginou perguntando a outros como consertar os cabos e salvar os alienígenas.

Na cena de devastação imaginada por Allison Reed, ela salvou um bebê em meio a explosões, fumaça, ruínas, corpos calcinados e sobreviventes feridos que pediam socorro. Pessoas desconhecidas corriam atrás dela, enquanto ela escapava com o bebê por um caminho na direção de uma luz branca e finalmente o salvou. Depois daquela visão, ela se sentiu segura com os alienígenas e contente de fazer parte do seu programa. Os alienígenas lhe disseram: “Isso está no futuro.”

Facilitando a mudança

Alguns abduzidos indicam que eles mesmos irão facilitar o caminho para a mudança. Eles não sabem especificamente o que farão, mas pensam que irão saber, quando chegar a hora. Os alienígenas disseram a Pam Martin que, quando o mundo mudar, eles a chamarão para ajudar as pessoas a se adaptar à nova realidade:

  • Eles estão me dizendo coisas do nosso futuro…
  •  O que eles lhe dizem?
  • Eu não sei se eles estão me gozando ou o que é. Isso parece uma loucura. É como se eles estivessem me explicando coisas, preparando-me para um momento quando terei muitas responsabilidades. Mas eu não preciso me preocupar com nada, porque eles estarão ali para me guiar, para me dizer o que fazer.
  • Em que contexto? O que eles querem dizer com isso?
  • Bem, tem alguma coisa a ver com ensinar coisas a outras pessoas… Eles me dizem que as pessoas vão me escutar. Acho que estou pensando com duas cabeças, pois estava pensando naquela hora e estou agora. Naquela hora eu estava escutando e concordando. Agora acho que estou ficando doida.
  • Que mais ele disse que você iria fazer?
  • … Só que eles estão me preparando. Mas não dizem para que estão me preparando…
  • Então você está ensinando coisas às pessoas e elas vão te ouvir, e tudo o mais?
  • Sim.
  • O que você vai ensinar?
  • Sobre a vida, sobre as mudanças que acontecerão no mundo. Ajudando as pessoas a se adaptarem. E agora eles estão me preparando para aceitar o inaceitável.
  • O.K. O que eles querem dizer com “depois que o mundo mudar?” Eles explicam que tipo de mudanças? Dão o sentido disso?
  • Bem, o mundo não será como nós estamos acostumados a ver. Eles estarão aqui conosco.

Outros abduzidos sentem que terão funções específicas a realizar para facilitar a mudança, quando o seu tempo chegar. Durante um procedimento de varredura mental com um alienígena insetóide, disseram a Reshma Kamal que ela era “uma das escolhidas”. Quando ela protestou, dizendo que não era, o alienígena insetóide lhe disse que “o plano vai ser executado e que ela estaria nele daquele modo”. Mostraram a ela imagens nas quais era diretora de trânsito para orientar pessoas e multidões desorientadas e aterrorizadas pelas ruas na direção de um posto central. Os não abduzidos estariam confusos e assustados, explicou o alienígena, mas ela não. Ela era “parte do plano”.

etsdeuses

Pode ser que os abduzidos recebam conhecimentos para facilitar a mudança. Durante anos muitos deles têm dito que os alienígenas lhes deram conhecimentos, mas que eles não se lembram direito. A hipnose raramente consegue recuperar essas memórias. Os alienígenas dizem aos abduzidos que as memórias serão recuperadas “no devido tempo”. De modo típico, eles disseram a Steve Thompson, um chefe de portaria, que alguma coisa que ele sabia era importante, mas ele não poderia se lembrar disso, “porque não estava ainda na hora dele saber”. O conhecimento de Patty Layne estava ligado a um possível implante. Disseram-lhe que ela saberia mais tarde de que se tratava:

  • Ele começou me dizendo alguma coisa, mas não sei o que foi. 
  • Quer dizer que você não se lembra? 
  • Não me lembro. É como um segredo, mas eu não me lembro. Tem a ver com alguma coisa que ele colocou em mim. Ele disse que ficaria ali, que no tempo certo servirá a um propósito e me dirá quando chegar a hora…
  • Você sabe o que isso quer dizer?
  • Naquela hora parecia fazer sentido, mas agora não. Eu tive a impressão de que era algo extremamente importante, algum grande plano. 

Carla Enders tinha oito anos quando um alienígena lhe disse que seria impossível que ela se recordasse. Rememorando a experiência, como uma garota de oito anos, ela teve dificuldade em verbalizar o mecanismo de telepatia e o que o alienígena lhe estava dizendo:

  • Não parece real. É como se ele pudesse falar comigo dentro da minha cabeça. E não compreendo o que ele está dizendo na minha cabeça. Como outra língua ou coisa assim. Como, talvez, ele esteja colocando coisas na minha cabeça e mais tarde eu vou ouvir. Não sei, como uma gravação ou algo parecido. Mas agora eu não estou entendendo. É como guardar alguma coisa na minha cabeça, o que ele está me dizendo. Como se ele estivesse quase me dizendo que eu não entendo o que ele me diz. Como se me dissesse que eu não compreendo. Mas um dia eu compreenderei. O que quer que seja. O que for, diz ele, está na minha cabeça.   
  • Está na sua cabeça desde quando você tem oito anos?
  • Sim.

Ela então visualizou imagens de alienígenas morrendo. Eles estavam no chão, ao relento, ou deitados pelo chão de vários quartos. Ela acha que os outros abduzidos no quarto com ela estavam vendo a mesma coisa. Disseram a Allison Reed que haveria muitas mudanças na Terra no futuro e que ela saberia o que fazer nesse momento das mudanças:

  • Ele está falando do futuro. Vai haver muita mudança. E vai haver muito distúrbio e deslocamentos… Eu devo entender que é minha cooperação com eles é… vou saber o que devo fazer. Terei uma válvula de segurança. Não estou pescando, não sei o que vai acontecer e ele não está sendo específico. Há só alguma coisa acontecendo, sinto que vai ser em escala global. No futuro, não sei quão distante. Pode ser que nem aconteça alguma coisa, ele só está me fazendo saber que vai acontecer alguma coisa, e que vai ser horrível, mas que eu saberei o que fazer. E que eu apenas saberei, porque eles têm me ensinado. Ele não usa a palavra programação, mas é como eu posso descrever. Eles vêm me programando – o que quer que isso seja, alguma coisa vai acontecer e eu não preciso me preocupar porque tenho a informação, embora não saiba disso e eu vou saber o que fazer no momento certo, e que tudo o que eles têm feito comigo tem a ver com a minha preparação, bem como com eles mesmos, para o que irá acontecer… Alguma coisa vai acontecer; vai ser muito catastrófico. Está nosso futuro, o que quer que isso signifique, e eu vou saber o que fazer, e as informações estão chegando através das minhas experiências.

ufo2

A conclusão desconcertante é, claramente, a de que os abduzidos estão sendo “treinados” e “preparados” para enfrentarem grandes eventos catastróficos futuros e nesse contexto que as experiências primárias atordoadoras de teatralização e testes podem ser entendidas. Alguns desses procedimentos podem ser parte do programa de treinamento que os abduzidos começam a ter desde crianças. No procedimento de teatralização, os abduzidos são obrigados a participar de uma produção “teatral”, que é uma combinação de visualização e representação.

Susan Steiner testemunhou outra mulher abduzida gritando e correndo pelo quarto descontrolada. Subitamente, a mulher em pânico se bateu numa parede e foi acidentalmente apunhalada por um instrumento pontiagudo que saía dela. Ela caiu sangrando no chão. Susan foi instruída para ajudá-la. Consternada, Susan se aproximou da infeliz mulher e, quando se abaixou, percebeu que a mulher era na verdade um alienígena Grey. Todo o episódio havia sido encenado.

Nos procedimentos de testes, os abduzidos são forçados a operar dispositivos especiais que indicam que receberam conhecimentos especiais da operação de equipamentos, ou são obrigados a realizar tarefas mentais aparentemente impossíveis, como enxergar uma coisa através dos olhos de um alienígena. Os alienígenas devem ter alguma razão para inculcar essas habilidades especializadas, que bem podem servir para tarefas futuras.

Continua

Capítulos anteriores: 

  1. http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena/
  2. http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena-parte-2/
  3. http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena-parte-3/
  4. http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena-parte-4-sinistro/
  5. http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena-parte-5-sinistro/
  6. http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena-parte-6-sinistro/
  7. http://thoth3126.com.br/a-ameaca-alienigena-infiltracao/

Para saber mais:

  1. http://thoth3126.com.br/reptilianos-do-interior-da-terra-os-arquivos-lacerta-parte-i/
  2. http://thoth3126.com.br/nobreza-negra-da-europa-principe-charles-e-descendente-de-dracula/
  3. http://thoth3126.com.br/projeto-serpo-programa-de-intercambio-com-zeta-reticuli-2/
  4. http://thoth3126.com.br/category/reptilianos/
  5. http://thoth3126.com.br/zeta-reticuli-1e-2-o-mapa-estelar-do-sistema-solar-duplo/
  6. http://thoth3126.com.br/dulce-book-conexao-draconiana-reptiliana-capitulo-13/
  7. http://thoth3126.com.br/o-governo-oculto-secreto-nos-eua-ii/
  8. http://thoth3126.com.br/eisenhower-presidente-dos-eua-teve-reunioes-secretas-com-seres-extraterrestres/
  9. http://thoth3126.com.br/tecnologia-de-orion-e-outros-projetos-secretos/
  10. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-2a-explosivo/

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

thoth(172x226)www.thoth3126.com.br

One Response to A Ameaça Alienígena: (12A) A vida como nós a conhecemos?

  1. carlos

    A abdução não pode ser boa para o ser humano, pois é um abuso a integridade física pois são feitas intercorrências médicas prejudiciais tanto física como psicológica.
    Alguns seres extraterrestres ou intraterrestres ou interdimensionais tem um programa de hibridização que não é favorável a raça humana com certeza.Muito me admira algumas pessoas idolatrarem esse tipo de conduta , mas a mim não me enganam, estamos sendo manipulados pela elite humana junto com algumas raças e qual o objetivo? Ora é muito simples, continuar com a dominação sobre o planeta. Luz e informação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *