browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Mudanças climáticas: Aumento da Temperatura no planeta em 2012

Posted by on 02/07/2013

MUDANÇAS CLIMÁTICAS: Temperaturas foram notavelmente mais altas no Hemisfério Norte

Na verdade, quem tem hoje 26 anos ou menos nunca conheceu um mês com temperatura abaixo desta média. A mudança do clima, ligada à emissão de gases estufa, empurrou para cima a temperatura global em média 0.8 Cº desde o início do século passado.  Apesar de décadas de acordos e negociações internacionais, as emissões de gases de efeito estufa continuam a aumentar globalmente assim como aconteceram com as temperaturas.

Tradução: Thoth3126@gmail.com

Temperaturas foram notavelmente mais altas no Hemisfério Norte

Fonte: http://news.mongabay.com/2012/0820-hance-global-temps-july.html#

Jeremy Hance mongabay.com

O mês de JULHO de 2012 foi o quarto mês mais quente no mundo em todos os tempos, desde que os registros começaram a ser feitos em 1880, de acordo com dados divulgados pela Administração Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA) dos EUA. Foi notavelmente mais quente no Hemisfério Norte do que no Sul: no hemisfério norte, foi o julho mais quente da história. As temperaturas mundiais ficaram 0.62Cº acima da média do século 20.

“Este é o quarto mês em seguida que o Hemisfério Norte estabelece um novo recorde de temperaturas de solo,” segundo estudo para as condições do Clima, na análise da NOAA.

O mês de julho 2012, em comparação com as temperaturas de linha de base 1981-2010. Gráfico cortesia da NOAA.Clique para ampliar. ©NOAA

Com estes novos dados, o ano é no momento o décimo mais quente da história. 2012 começou com as condições do fenômeno climático sazonal La Niña enfraquecendo e a volta de condições neutras. O El Niño ainda não começou, mas cientistas acreditam que há mais de 70% de chances de que ele iniciará em setembro, o que poderia aquecer o planeta ainda mais.  Julho de 2012 foi o 329º mês em seguida com temperaturas globais acima da média desde o século 20.

Na verdade, quem tem hoje 26 anos ou menos nunca conheceu um mês com temperatura abaixo desta média. A mudança do clima, ligada à emissão de gases estufa, empurrou para cima a temperatura global em média 0.8 Cº desde o início do século passado.  Apesar de décadas de acordos e negociações internacionais, as emissões de gases de efeito estufa continuam a aumentar globalmente assim como aconteceram com as temperaturas.

Como o fenômeno La Nina acalmou, as temperaturas globais foram lentamente rastejando para cima este ano (linha preta no gráfico acima, cada cor determina um ano). Atualmente, o ano mais quente é o décimo no registro. Gráfico cortesia da NOAA.

Quase um ano após, os estados do oeste dos EUA apresentam uma forte onda de calor que levou os termômetros a marcarem temperaturas de até 53º C no estado do Arizona, onde dezenove bombeiros perderam a vida em combates a incêndios florestais. O mês de Julho de 2013 provavelmente vai quebrar o recorde de calor do ano passado nos EUA.

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *