browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Avião da AirAsia desapareceu em voo na Ásia

Posted by on 28/12/2014
air-asia-airbus-320

AVIÃO AIRBUS A-320 DA AIRASIA DESAPARECEU  DURANTE  VOO

O diretor-executivo da AirAsia, Tony Fernandes, disse em uma entrevista que o sumiço do Airbus A320-200 é “inacreditável”.

A aeronave desapareceu quando fazia o trajeto entre a Indonésia e Cingapura neste domingo, com 162 pessoas a bordo.

“Meus únicos pensamentos estão com os passageiros e com a minha tripulação”, disse Fernandes no Twitter ao se dirigir a Surabaya, no leste da ilha de Java, local de origem da maior parte dos passageiros.

Edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com

‘Estamos devastados’, diz diretor da AirAsia sobre sumiço de avião. Tony Fernandes disse que o desaparecimento de aeronave é ‘inacreditável’. Avião sumiu após decolar; buscas foram suspensas por falta de visibilidade.

Dia 28/12/2014 21h27 – Atualizado em 28/12/2014 21h36 

Fontehttp://g1.globo.com/

“Isto é um grande impacto para todos nós e estamos devastados”, declarou ele ao chegar a Surabaya. Fernandes agradeceu a todos “por seus pensamentos e orações” e disse que “é preciso ser forte” em momentos como este.

As operações de busca do avião da companhia malaia AirAsia serão retomadas na segunda-feira após sua interrupção por falta de visibilidade. “Concluímos as buscas às 17h30 (08h30 de Brasília) porque estava anoitecendo. O tempo não era muito bom e estava ficando muito nublado’, declarou o responsável do ministério indonésio de Transportes, Hadi Mustofa.

airasia-aviao

Um AIRBUS A-320 igual ao que desapareceu.

As forças aéreas indonésias passaram horas buscando o avião que transportava 155 passageiros, entre eles 16 crianças e um bebê, e sete membros da tripulação. Segundo a companhia aérea, no voo havia 156 indonésios, três sul-coreanos, um malaio, um cingapuriano, um britânico e um francês (o co-piloto).

O Airbus, com número de voo HZ8501, decolou do aeroporto internacional Juanda de Surabaya, no leste da ilha indonésia de Java, às 05h20, e seu pouso estava previsto em Cingapura às 08h30 (22h30 de Brasília).

Jacarta perdeu o contato com a aeronave às 07h55, disse o porta-voz do ministério indonésio de Transportes, J.A. Barata. A AirAsia indicou, por sua vez, que a aeronave estava ‘sob o controle do serviço de controle de tráfego aéreo da Indonésia‘ quando desapareceu.

Segundo um comunicado da direção da aviação civil de Cingapura, o contato foi perdido no espaço aéreo indonésio, ‘200 milhas náuticas (350 quilômetros) a sudeste da fronteira entre as regiões de informação de voo de Jacarta e Cingapura’. ‘O avião (…) pediu um desvio devido às condições meteorológicas’, disse a companhia malaia em sua página no Facebook.

airasia-mapa

Gérard Feldzer, ex-piloto e especialista aéreo contactado desde Paris, considera que esta manobra é particularmente complexa. “Quando não se está longe da altura máxima à qual o avião pode voar, a margem de manobra para sobrevoar uma tempestade é muito pequena”, afirmou. Apesar disso, em sua opinião o mau tempo não seria o único motivo para explicar o desaparecimento da aeronave.

Ano ruim para a aviação malaia
As atividades de busca se concentraram em uma zona situada entre a ilha de Belitung e a província de Kalimantan, na parte indonésia da ilha de Bornéu, a meio caminho da trajetória do voo.

Os Estados Unidos anunciaram sua disposição de ajudar ‘as autoridades da região que dirigem as operações de busca do avião desaparecido’. ‘Como já ocorreu no passado, os Estados Unidos estão dispostos a ajudar, de qualquer maneira possível’, disse um funcionário do departamento de Estado, acrescentando que não havia cidadão americano no aparelho.

O Bureau Nacional de Segurança dos Transportes (NTSB, em inglês) comunicou que poderá enviar investigadores se houver uma solicitação neste sentido. ‘Estamos acompanhando o desaparecimento do aparelho e monitorando a situação. Se formos solicitados, poderemos enviar investigadores (…) que trabalharão como assessores técnicos da agência que lidera as buscas’.

airasia-espera

Homem pede informações sobre parente que estava no voo QZ8501 no aeroporto de Juanda neste domingo (28) (Foto: Beawiharta/Reuters)

Na falta de notícias, o pânico foi se apoderando dos familiares dos passageiros no aeroporto de Changi, em Cingapura. Em Surabaya, centenas de indonésios se aproximaram do terminal em busca das últimas informações sobre seus entes queridos.

Uma mulher de 45 anos explicou à agência de notícias France Presse que seis de seus familiares estavam a bordo do avião. ‘Iam para Cingapura para passar as férias lá. Sempre voaram com a AirAsia sem nenhum problema. Estou muito chocada com a notícia, e inquieta ante a ideia de que o avião tenha se acidentado’, afirmou.

O Airbus desaparecido havia sido revisado em 16 de novembro, indicou a AirAsia, uma empresa que nunca teve um acidente fatal até o momento. O presidente indonésio, Joko Widodo, afirmou que sua nação reza pela segurança dos que estavam a bordo.

A Austrália e o construtor europeu Airbus se comprometeram a ajudar na investigação, assim como o gabinete de investigação e análise francês (BEA), já que a aeronave foi construída na França. A AirAsia tem mais de 120 Airbus A320 e é um dos maiores clientes do grupo aeronáutico europeu. Até 2026, há encomendas para mais 350 aparelhos.

airasia-desastre

Foto de janeiro de 2013 mostra um Airbus A320, mesmo modelo da aeronave que desapareceu neste domingo (28) na Indonésia (Foto: Enny Nuraheni/Reuters)

O ano de 2014 foi ruim para a aviação malaia, com a perda de dois aviões da companhia nacional Malaysia Airlines. Um Boeing 777-200 da Malaysia Airlines desapareceu no dia 8 de março pouco depois de sua decolagem em Kuala Lumpur com 239 pessoas a bordo.

Quatro meses depois, em 17 de julho, outro Boeing 777 da mesma empresa caiu com seus 298 ocupantes no território controlado pelos separatistas pró-russos no leste da Ucrânia. A Indonésia, arquipélago de 17.000 ilhas muito dependente do transporte aéreo, apresenta um dos piores balanços da Ásia em matéria de segurança aérea.

Permitida a reprodução desde que mantido o formato original e mencione as fontes.

thoth-escribawww.thoth3126.com.br

5 Responses to Avião da AirAsia desapareceu em voo na Ásia

  1. Canjjos

    O que está acontecendo neste mundo?

    Este ano há várias situações de aviões sendo abatidos e desaparecidos.

    Que o Espírito possa manifestar o Espírito que há dentro dessa tal “comunicação” de defesa e segurança ou dessegurança para com a ENERGIA DA VIDA que somos e não aprendemos a ser.

    Eu espero que o EQUILÍBRIO do VIVER mostre as coisas para este FATO.

    Obrigado pela sua informação e saiba que a VIDA irá sempre se manifestar para o VIVER.

    Quem CONTROLA A VIDA é a própria VIDA.

    Muito obrigado e que você tenha o que deve ter NESTA SUA VIDA e no VIVER a VIDA.

    Namastê!

  2. Joaquim Caldas

    Sobre estes mistérios de desaparecimento de aviões,perguntem pra CIA!

    • jng90

      com toda certeza, prevejo um false flag atack, a desculpa perfeita para uma nova guerra…

  3. Rodrigo R.

    Certamente sabem de muito mais acerca do sumiço e não falam ao público, tal qual o MH370…será que algum/ns desse/s passageiro/s trabalhava para alguma empresa de tecnologia de ponta e detinha patentes?
    Vai saber…

    • H.ALBERTO

      Já encontraram os destroços. Ao que tudo indica mais uma aeronave vítima de tempestade. Os equipamentos estão falhando no uso extremo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *