browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Barclays: EUA-UK multam banco em US$ 453 milhoes por fraude

Posted by on 12/04/2014
bancos-liborbankster

Banco Barclays: Os EUA e o Reino Unido (Inglaterra) multam banco em US$ 453 milhões por fraude.

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@gmail.com

(Reuters) – A Grã-Bretanha disse que havia acionado sua equipe de investigação de fraudes para investigar os possíveis crimes e elaborar leis mais rígidas sobre as tentativas de manipular as taxas da LIBOR, um escândalo que envolveu o BANCO BARCLAYS e espera-se que irá se espalhar para descobrir o envolvimento de outros bancos.

http://uk.reuters.com/

Por Matt Falloon e Ridley Kirstin – LONDRES

As ações do Banco Barclays caíram tanto quanto 18% em um ponto das vendas no meio-dia de hoje, eliminando $ 4,2 bilhões de libras do preço de suas ações – a maior queda diária desde 2009, segundo dados da Reuters. As ações caíram 14,8% às 03:23.

O banco concordou em pagar um recorde de $453 milhões de dólares de multa para os EUA e os reguladores britânicos por ter manipulado a taxa LIBOR-London Interbank Offered Rate em 2005-08. É o primeiro banco a ser apanhado em um caso que também inclui a maioria de outras instituições financeiras dos maiores bancos do mundo.

“Isso é um escândalo, é extremamente grave. Eles pagaram uma multa muito grande e muito bem aplicada, mas francamente a equipe de gestão do Banco Barclays tem algumas grandes questões para serem respondidas”disse o primeiro-ministro David Cameron à BBC. “Quem foi o responsável? Quem iria assumir a responsabilidade? Como estão sendo responsabilizados?”, ele disse. Ele e o chanceler George Osborne disseram que tanto os regulamentos assim como as leis seriam revistos e aperfeiçoados, se necessário fosse.

O CEO-Chief Executive Officer do Banco Barclays, Bob Diamond (mais tarde demitido) reconheceu que o acordo para a penalidade prejudicaria a confiança do cliente no banco, e disse que ele e outros executivos seniores renunciariam ao bônus este ano. Os políticos, incluindo alguns liberais parceiros democratas de coligações do governo de David Cameron, dizem que Bob Diamond deveria renunciar.

A taxa LIBOR, compilada a partir de taxas que os bancos pagam entre si para empréstimos, é usada em todo o sistema financeiro MUNDIAL para definir as taxas de empréstimo ao redor do mundo.

A investigação – que divulgou mensagens de e-mails em que os banqueiros ofereciam garrafas de champanhe para agradecer a outros para ajudar na fixação das taxas – acrescentou mais uma tempestade de raiva contra a indústria financeira.

“Feito para você … menino grande”, dizia uma mensagem enviada por um banqueiro do Barclays a um dos comerciantes do credor, que lhe pediu para fixar uma taxa de empréstimo chave artificialmente baixa. Em outra mensagem, após o Banco Barclays apresentar uma taxa que era inferior ao do dia anterior, um comerciante externo diz: “Cara, eu lhe devo um grande favor. Venha um dia depois do trabalho e estou abrindo uma garrafa de Bollinger!”.

Bob Diamond, o então chefe executivo do BARCLAYS PLC, Crédito: Reuters / David Moir

O Chanceler britânico George Osborne, disse que as trocas de e-mail  “Escreveram como um epitáfio para uma era de irresponsabilidade“. As Leis feitas quando o Partido Trabalhista da oposição estava no poder não dão poder regulador à Financial Services Authority para impor sanções penais pela manipulação da taxa Libor, mas o governo vai buscar a sua alteração, disse ele.

“Como parte de nossa revisão da Libor e a força da arquitetura da regulação financeira, vamos examinar se existem lacunas herdadas por este governo nesse regime criminoso e vamos tomar as medidas necessárias para resolver isso.”  A Polícia ainda poderia encontrar formas de processar os responsáveis. Um porta-voz para o Serious Fraud Office confirmou que sua equipe estava em conversações com o regulador FSA-Financial Services Authority (Autoridade de Serviços Financeiros) sobre o caso.

A BBA-British Bankers Association (Associação dos Banqueiros Britânicos), que estabelece os parâmetros de como a taxa Libor é definida a cada dia, disse que estava “chocada” com o comportamento do Banco Barclays que levou à multa de quarta-feira, e queria que o governo britânico procurasse firmemente a imposição de novas regras. “Os bancos que contribuem para a definição da taxa Libor devem cumprir as obrigações necessárias para os seus reguladores”, o BBA disse. “Como parte dessa revisão, será agora pedido às autoridades a considerar de que forma o mecanismo de fixação da Libor deve ser regulado no futuro.”

A BBA coordena a taxa Libor desde os anos 1980 em um processo que não é oficialmente regulamentado. As taxas são compiladas e distribuídas para o corpo de comércio a cada dia com as notícias e informações do provedor de Thomson Reuters, empresa controladora da Reuters. Os números são projetados para refletir as taxas a que os bancos de topo acreditam que poderiam emprestar dinheiro entre si em 10 principais moedas e por 15 períodos de empréstimo, o prazo de empréstimos overnight (uma noite) a 12 meses. Ao manipulá-los, os bancos poderiam fazer seus próprios balanços se parecerem melhores.

Um olhar acima do parapeito

Uma fonte da indústria financeira próxima da situação disse que poderia levar meses para que o próximo culpado venha a ser pego pelos reguladores no escândalo de fixação da taxa global. Mais de 20 outros bancos estão sendo testados pelos órgãos reguladores de Londres desde o Japão e Bruxelas para a América do Norte. A fonte disse que o Banco Barclays se destacou pela forma como colaboraram com os reguladores.

“Barclays foi extremamente cooperativo e a maioria destes casos acontecem não apenas pela complexidade, mas se uma empresa está disposta a cooperar e o quanto uma empresa está disposta a cooperar para além dos seus requisitos legais”, disse a fonte.  O foco agora está balançando para os lados do gigante UBS-União de Bancos Suiços, o banco suíço que estava entre os primeiros a suspender negócios de um núcleo de negociantes e julho passado ganhou imunidade parcial de alguns promotores em troca de cooperação.

Outros bancos que já demitiram, suspenderam ou viram parte de seu pessoal solicitar licença após investigações internas tentativa de manipulação na taxa Libor incluem: J.P. MorganDeutsche BankRBS-Royal Bank Of Scotland e o corretor inter-dealer ICAP.

“Uma das fortes razões de Londres ser um principal centro internacional financeiro é por causa da ênfase percebida na confiança e integridade no mercado de Londres”, disse Simon Culhane, o executivo-chefe da CISI (Chartered Institute de Valores Mobiliários e Investimento). “Este escândalo só pode servir para prejudicar a reputação de Londres.”

O líder da oposição trabalhista, Ed Miliband – cujo partido estava no poder quando a tentativa de manipulação ocorreu – disse que processos criminais aos culpados devem se seguir a investigação. “As pessoas lutam para sobreviver e estão indignados e revoltados pela forma como os banqueiros têm andado fora da linha com milhões de libras para a manipulação do mercado”, disse ele.

(Reportagem de Peter Graff e Guy Faulconbridge ; Reportagem adicional de Steve Slater , White Sarah, Rosalba O’Brien, Maria Golovnina e Addison Stephen ; edição por Alexander Smith)

Mais informações sobre “grandes bancos”, drogas e corrupção:

  1. http://thoth3126.com.br/o-trafico-de-opio-em-hong-kong-illuminatis/ 
  2. http://thoth3126.com.br/h-s-b-c-opio-e-drogas-a-origem-do-banco-ingles/
  3. http://thoth3126.com.br/a-verdade-sobre-os-grandes-bancos-ocidentais/
  4. http://thoth3126.com.br/grupo-bilderberg-entrevista-com-banqueiro-suico/
  5. http://thoth3126.com.br/a-situacao-global-uma-atualizacao/
  6. http://thoth3126.com.br/category/reptilianos/

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

4 Responses to Barclays: EUA-UK multam banco em US$ 453 milhoes por fraude

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *