browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Cometa Panstarrs, equinócio e aurora boreal…

Posted by on 21/03/2013

Cometa Panstarrs, equinócio de inverno/outono e auroras boreais.

A sonda da NASA STEREO-B vem monitorando o trajeto do Cometa Pan-STARRS , tirando centenas de fotos na medida que o cometa passou pelo sol neste mês.

Ontem, em 19 de março, o analista Karl Battams do Laboratório de Pesquisa Naval reuniu os dados em um único filme que abrange oito dias, a partir de 09  a 16 de março.

Tradução: Thoth3126@gmail.com

http://www.spaceweather.com/

O COMETA Panstarrs escapa de uma enorme CME (Ejeção de Massa Coronal) em seu caminho:   A sonda STEREO-B está estacionada sobre o lado escuro do sol, de modo que suas câmeras a bordo da nave espacial podem olhar para trás e ver a Terra, assim como o cometa. No filme acima de Battams, o sol está localizado fora do campo de visão do lado esquerdo. Clique para definir o cenário em movimento e a ação do vento solar sobre o cometa:

Nuvens enormes de plasma magnetizado de uma CME viajando para longe do sol em direção ao cometa, mas de acordo com Battams, nenhuma atingiu o mesmo:

Há duas CMEs em uma seqüência e parece que passou por um ou outro lado do cometa,” diz ele. “Isso foi um grande azar para os cientistas porque nós gostariamos de estudar como as CMEs interagem com um cometa.

As CMEs (ejeção de massa coronal) são conhecidas por rasgar as caudas dos cometas que passam perto demais do sol, mas isso não aconteceu com o cometa Pan-STARRS.

A propósito“, acrescenta Battams, “Eu olhei atentamente para as imagens da sonda STEREO e não pude ver nenhuma indicação da existência  do possível fragmento  informado recentemente em spaceweather.com, também não ter notamos qualquer brilho incomum ou interrupção na cauda de cometa que sugerisse uma fragmentação do mesmo ter ocorrido. “

Uma explosão auroral sobre a Noruega março 2008

As Auroras Boreais adoram o equinócio de primavera (hemisfério norte): As estações estão mudando. Hoje, 20 de março, o sol está cruzando  o equador celeste rumo ao norte. Isto marca o início da primavera no hemisfério norte e o outono no hemisfério sul. Nesta época do ano, dia e noite tem o mesmo período de duração, daí o nome “equinócio” (dia e noite iguais).

Para os pesquisadores, por razões que não entendemos completamente, as auroras amam os equinócios. Durante as semanas em torno do início da primavera ou no outono, a menor rajada de vento solar pode provocar luzes brilhantes em torno dos pólos. Um impacto de uma potente CME neste momento pode produzir um espetáculo inesquecível, como este apenas alguns dias atrás:

Eu tirei essa foto histórica durante a tempestade geomagnética do dia de  St. Patrick de 2013“, diz Ben Hattenbach de Fairbanks, Alaska. “Eu ainda estou exausto da experiência, durante o qual a aurora estava perto com força máxima para a noite inteira. Foi simplesmente incrível de um modo  que as imagens não chegam perto do convencional.

Com o início da primavera no hemisfério norte, dia 20 de Março, o palco está pronto para mais esta noite de auroras. Meteorologistas do clima espacial do NOAA estimam em 20% – 30% de chance de tempestades geomagnéticas polares em março dias 20-21.

MAIS: NASA video3D orbitephemerislight curves.

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.www.thoth3126.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *