browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Eclipse parcial do SOL

Posted by on 22/10/2014

eclipse-solar

ECLIPSE PARCIAL DO SOL EM 23 DE OUTUBRO

Um eclipse total ocorre quando a Lua passa diretamente na frente do sol, escondendo totalmente o disco solar e permitindo uma  fantasmagórica corona do sol para saltar à nossa vista.

Um eclipse parcial é quando a Lua passa em frente, fora do centro do sol, com uma fração do disco brilhante ficando ainda descoberta e visível.

“Ao entardecer, dizeis: haverá bom tempo porque o céu está rubro. E pela manhã: hoje haverá tempestade porque o céu esta vermelho-escuro. Hipócritas ! Sabeis, portanto discernir os aspectos do céu e não podeis reconhecer  OS SINAIS DOS TEMPOS?”  Mateus 16: 2 e 3


 

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com

Um eclipse solar assim chamado, é um raro fenômeno de alinhamentos que ocorre quando a Lua se interpõe entre a Terra e o Sol, ocultando completamente a sua luz numa estreita faixa terrestre.

Fontehttp://science.nasa.gov/

O eclipse parcial de 23 de outubro será visível a partir de todos os Estados Unidos, exceto no Havaí e Nova Inglaterra. A cobertura varia de 12% na Flórida, para quase 70% no Alasca. Se o tempo permitir, quase todos na América do Norte serão capazes de ver a lua obliterar a LUZ do sol.

tipos-de-eclipse-solar

Há quatro tipos de eclipses solares : O eclipse solar parcial: somente uma parte do Sol é ocultada pelo disco lunar. O eclipse solar total: toda a luminosidade do Sol é escondida pela Lua. O eclipse anular, eclipse anelar ou eclipse em anel: um anel da luminosidade solar pode ser vista ao redor da Lua, o que é provocado pelo fato do vértice do cone de sombra da Lua não estar atingindo a superfície da Terra, o que pode acontecer se a Lua estiver próxima de seu apogeu. Isso é similar à ocorrência do eclipse penumbral da lua. O eclipse híbrido, quando a curvatura da Terra faz com que o eclipse seja observado como anular em alguns locais e total em outros. O eclipse total é visto nos pontos da superfície terrestre que estão ao longo do caminho do eclipse e estão fisicamente mais próximos à Lua, e podem, assim, serem atingidos pela umbra; outros locais, menos próximos da Lua devido à curvatura da Terra, caem na penumbra da lua, e enxergam um eclipse anular. Eclipses solares podem ocorrer apenas durante a fase de Lua nova, por ser o período em que a Lua está posicionada entre a Terra e o Sol.

O eclipse será especialmente bonito nas partes da costa leste dos EUA, onde a Lua e o sol se alinham no final do dia, transformando o costumeiro pôr do sol em algo estranho e maravilhoso.

“Observadores do Fuso Horário Central vão ter a melhor visão porque o eclipse estará em sua fase máxima ao pôr do sol”, diz Espenak.”Eles vão ver um crescente de fogo do sol afundando no horizonte, esmaecido pela visibilidade humana por nuvens baixas e neblina”.

eclipse-solar-ISS

Eclipse solar total visto desde a ISS-Estação Espacial Internacional, com a luz do sol obstruída pela lua na foto de cima e a projeção da sombra da lua na Terra na foto abaixo.

Atenção: Não olhe DIRETO para o sol. Mesmo no máximo eclipse, um pedaço de sol que espreita para fora atrás da Lua ainda pode causar dor e danos aos olhos. A visualização direta só deve ser tentada com o auxílio de um filtro solar de segurança.

Durante o eclipse, não se esqueça de olhar para o chão. Debaixo de uma árvore frondosa, você pode se surpreender ao encontrar centenas de raios de sol em forma de um crescente salpicando a grama. Sobrepondo várias folhas criando uma miríade de pequenas câmeras naturais pinhole, cada uma lançando uma imagem de um sol “crescente” sobre o chão sob o dossel da copa da árvore. Quando o sol eclipsado se aproxima do horizonte, olhe para as mesmas imagens expressas em paredes ou cercas por trás das árvores.

Um eclipse parcial pode não ser total, mas é totalmente divertido. Veja por si mesmo em 23 de outubro. A ação começa aproximadamente às 06:00, na costa leste, e duas horas na costa oeste. Verifique Página do eclipse  da NASA para visualização perto de sua cidade natal.

Créditos: Autor e editor de Produção: Dr. Tony Phillips | Crédito: Science @ NASA

Mais informações sobre astronomia, cometas e meteoros em:

  1. http://thoth3126.com.br/meteoros-podem-estar-a-caminho-da-terra/
  2. http://thoth3126.com.br/explosao-e-queda-de-meteoro-na-russia-destruicao-e-feridos/
  3. http://thoth3126.com.br/cometa-ison-podera-causar-imensa-chuva-de-meteoros/
  4. http://thoth3126.com.br/nasa-chuva-de-meteoros-e-estrelas-cadentes-imagens/
  5. http://thoth3126.com.br/meteoro-explode-sobre-a-espanha/
  6. http://thoth3126.com.br/licoes-do-impacto-de-meteoro-na-russia/
  7. http://thoth3126.com.br/asteroide-2014rc-passa-raspando-a-terra-dia-0709/
  8. http://thoth3126.com.br/chuva-de-meteoros-perseidas-de-agosto/
  9. http://thoth3126.com.br/meteoros-orionids-noites-de-21-e-22-de-outubro/
  10. http://thoth3126.com.br/meteoro-orionids-explodiu-nos-ceus-de-recife-em-1510/
  11. http://thoth3126.com.br/fortaleza-explosao-de-meteoro-orionids-nos-ceus-a-noite/

Permitida a reprodução desde que mantido na formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *