browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Entrevista com um Alienígena – Capítulo Cinco

Posted by on 29/10/2016

entrevista-com-extraterrestre-alienLivro “ALIEN INTERVIEW” – Entrevista com um alienígena. Baseado em notas pessoais e transcrição de entrevistas de Matilda O’Donnell MacElroy.

Se você estudou o fenômeno UFO, você já está familiarizado com a infame transmissão de rádio de “Guerra dos Mundos, e a invasão de Marte” de Orson Welles feita em 30 de outubro de 1938. Esta dramatização de rádio fictícia de um invasão da Terra por “extraterrestres” incitou uma histeria mundial sobre OVNIs e aliens um pouco antes da queda do UFO perto de Roswell, NM, no ano de 1947.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Livro “ALIEN INTERVIEW”  (Entrevista com um alienígena)

Fonte: http://www.bibliotecapleyades.net/vida_alien/alieninterview/alieninterview.htm

Capítulo Cinco do livro “ALIEN INTERVIEW” – Entrevista com um alienígena- Lições de Leitura – Chapter Five, Leitura Lessons

Transcrição oficial da entrevista TOP SECRET – Força Aérea do Exército dos EUA, Base do Exército ROSWELL Airfield, 509  Bomb Group: ASSUNTO ENTREVISTA ALIEN, em 11.07.1947 – 3ª Sessão

(Nota pessoal Matilda O’Donnell MacElroy): “Comecei as aulas de leitura com as primeiras páginas de um livro escolar que tinham sido usados para ensinar as crianças pioneiras nos anos 1800 sobre as fronteiras da América. É chamado de “McGuffey’s Eclectic Reader, Primer Through Sixth”.

Desde que eu sou uma enfermeira, e não uma professora, o especialista em linguagem que me deu os livros também me deu uma extensa instrução – um curso que levou um dia inteiro – sobre como usar os livros para ensinar o ser alienígena. Ele disse que a razão pela qual ele escolheu esses livros em particular foi porque a versão original de 1836 destes livros foram utilizados durante três quartos de um século para ensinar cerca de quatro quintos de todas as crianças de escolas americanas de como aprender a ler. Não há outros livros que tivesse tanta influência sobre as crianças americanas por tanto tempo.

ufo-crash

O Curso de Formação McGuffey começa em “The Primer”, apresentando as letras do alfabeto para serem memorizadas, em sequência. As crianças eram ensinadas, passo a passo, para usar os blocos de construção da língua para formar e pronunciar as palavras, usando o método de fonética que envolve o ensino de crianças para conectar sons com letras. Cada lição começa com um estudo de palavras usadas no exercício de leitura e com marcações para mostrar a pronúncia correta de cada palavra.

Eu descobri que as histórias nos livros “Primeiro e Segundo” mostram as crianças em fotos em seu relacionamento com familiares, professores, amigos e animais. O “terceiro, quarto, quinto e sexto livros” expandiam essas ideias. Uma das histórias que eu lembro era “a viúva e o Mercador”. É uma espécie de um conto moral sobre um comerciante que se torna amigo de uma viúva em necessidade. Mais tarde, quando a viúva revela-se como uma mulher honesta, o comerciante lhe dá um presente agradável. Os livros não necessariamente ensinavam a acreditar que a caridade deva ser esperada somente de pessoas ricas. Nós todos sabemos que a generosidade é uma virtude que deve ser praticada por todos.

Todas as histórias eram muito saudáveis e elas davam muito boas explicações para ilustrar virtudes como honestidade, caridade, economia, trabalho árduo, coragem, patriotismo, reverência a Deus e respeito pelos pais. Pessoalmente, eu recomendo este livro a todos! Eu também descobri que o vocabulário usado no livro era muito avançado em comparação com o número relativamente limitado de palavras que as pessoas usam comumente em nossa era moderna. Eu acho que perdemos muito do nosso próprio idioma desde que nossos pais fundadores escreveram a declaração de independência há mais de 200 anos atrás!

Como instruído, sentei-me ao lado da alienígena Airl na sala de entrevista e fiz a leitura em voz alta para ela de cada livro sucessivo na série de livros de McGuffey. Cada um dos livros tinha excelentes ilustrações, histórias simples e assuntos estudados, apesar de estarem muito ultrapassados pelos padrões de hoje. No entanto, Airl parecia entender e absorver cada letra, som, sílaba e significado à medida que avançávamos na leitura. Continuamos com este processo no período de 14 horas por dia durante 3 dias consecutivos, sem interrupção, com exceção de algumas refeições e pausas para descanso de minha parte.

A extraterrestre Airl não fazia pausas para qualquer coisa. Ela não dormiu. Em vez disso, ela permaneceu sentada na cadeira estofada na sala de entrevista, revendo as lições que já tínhamos visto juntas. Quando voltava todas as manhãs para começar onde havíamos parado, ela já tinha memorizado as lições anteriores e estava bem nas próximas páginas. Este padrão continuou a acelerar até que se tornou inútil para mim continuar a ler para ela.

ets-ufos-greys

Embora Airl não tivesse uma boca para falar comigo, ela agora era capaz de “pensar” para mim em Inglês. No final dessas lições, Airl foi capaz de ler e estudar sozinha. Mostrei-lhe como usar um dicionário para procurar novas palavras que ela encontrou. Airl consultava o dicionário continuamente depois disso. A partir de então o meu trabalho era ser um rápido mensageiro para ela, pedindo que mais livros de referência fossem trazidos para ela em um fluxo constante.

Em seguida, o Sr. Newble trouxe um conjunto da Enciclopédia Britânica. Airl gostou especialmente disso porque ela tinha um monte de fotos. Depois disso, ela solicitou muitos mais livros de imagens e livros de referência com fotografias e desenhos, porque era muito mais fácil de entender o significado se podia ver uma imagem sobre o assunto que ela estava estudando.

Durante os próximos seis dias muitos livros foram trazidos de bibliotecas em todo o país, presumo, porque não havia passado mais do que alguns dias antes que ela tivesse lido e absorvido o conhecimento de várias centenas deles! Ela estudou cada assunto que eu poderia imaginar, e muitas outras coisas muito técnicas que eu nunca quis saber sobre, como astronomia, metalurgia, engenharia, matemática, vários manuais técnicos, e assim por diante.

Mais tarde, ela começou a ler livros de ficção, romances, poesia e clássicos da literatura. Airl também pediu para ler um grande número de livros sobre temas na área de ciências humanas, especialmente a história. Eu acho que ela deve ter lido pelo menos 50 livros sobre a história humana e arqueologia. Claro, tenho a certeza que ela recebeu uma cópia da Bíblia Sagrada, também, que ela leu de capa a capa, sem comentários ou perguntas.

matilda-odonnell-mac-elroy (1)

Matilda O’Donnell MacElroy

Embora eu continuasse a ficar com Airl por 12 a 14 horas por dia, a maior parte desse tempo durante a semana seguinte tinha sido gasto sem muita comunicação direta entre nós, com exceção de uma pergunta ocasional, que ela me fez. As perguntas eram geralmente destinadas a dar-lhe um senso de contexto ou para esclarecer alguma coisa nos livros que estava lendo. Estranhamente, Airl me disse que seus livros favoritos são “Alice no País das Maravilhas”, “Dom Quixote de la Mancha” e “As Mil e Uma Noites”. Ela disse que os autores destas histórias demostravam que é mais importante ter grande espírito e imaginação do que grande habilidade ou poder.

Eu não conseguia responder muitas de suas perguntas, então eu consultava com as pessoas na sala externa para obter respostas. A maioria destas tinha a ver com coisas técnicas e científicas. Algumas de suas perguntas eram sobre as ciências humanas. A profundidade da compreensão complexa e sutileza de suas perguntas mostrou que ela tinha um intelecto muito penetrante. Pessoalmente, acho que ela já sabia muito mais sobre a cultura e história da Terra do que ela estava disposta a admitir quando começamos. Eu logo descobriria o quanto mais. “

Muito mais informações em:

  1. http://thoth3126.com.br/o-governo-oculto-secreto-nos-eua/
  2. http://thoth3126.com.br/grupo-bilderberg-misterios-e-controle-alienigena/
  3. http://thoth3126.com.br/o-governo-oculto-secreto-nos-eua-ii/
  4. http://thoth3126.com.br/category/serpo-zeta-reticuli/
  5. http://thoth3126.com.br/aliens-eles-estao-entre-nos/
  6. http://thoth3126.com.br/henry-deacon-01/
  7. http://thoth3126.com.br/resumo-do-quadro-geral-do-atual-momento-na-terra/
  8. http://thoth3126.com.br/o-maior-dos-segredos/
  9. http://thoth3126.com.br/henry-deacon-segredos-desvelados-3/
  10. http://thoth3126.com.br/area-51-janet-airlines-uma-misteriosa-companhia-aerea-do-governo-americano/
  11. http://thoth3126.com.br/majestic-12-area-51-aliens-j-rod-greys-ufos-por-dan-burisch-parte-1/
  12. http://thoth3126.com.br/entrevista-com-um-alienigena-introducao/
  13. http://thoth3126.com.br/entrevista-com-um-alienigena-capitulo-um/
  14. http://thoth3126.com.br/entrevista-com-um-alienigena-capitulo-dois/
  15. http://thoth3126.com.br/entrevista-com-um-alienigena-capitulo-tres/

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

thoth(172x226)www.thoth3126.com.br

2 Responses to Entrevista com um Alienígena – Capítulo Cinco

  1. Rodrigo

    Porque retiraram o capítulo 6? Seria por causa das revelações? Por favor recoloquem a postagem é muito importante.

    • Thoth3126

      Esta sendo reeditado e será postado novamente esta semana que se inicia. Muita Luz e Paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *