browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Entrevista com um Alienígena – Capítulo Onze

Posted by on 07/12/2016

entrevista-com-extraterrestre-alienLivro “ALIEN INTERVIEW” – Entrevista com um alienígena. Baseado em notas pessoais e transcrição de entrevistas de Matilda O’Donnell MacElroy.

Se você estudou o fenômeno UFO, você já está familiarizado com a infame transmissão de rádio de “Guerra dos Mundos, e a invasão de Marte” de Orson Welles feita em 30 de outubro de 1938. Esta dramatização de rádio fictícia de um invasão da Terra por “extraterrestres” incitou uma histeria mundial sobre OVNIs e aliens um pouco antes da queda do UFO perto de Roswell, NM, no ano de 1947.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Livro “ALIEN INTERVIEW”  (Entrevista com um alienígena)

Fonte: http://www.bibliotecapleyades.net/vida_alien/alieninterview/alieninterview.htm

Capítulo Onze do livro “ALIEN INTERVIEW” – Entrevista com um alienígena – Uma lição de Ciências – Chapter Eleven, A Lesson In Science

Transcrição oficial da entrevista TOP SECRET – Força Aérea do Exército dos EUA, Base do Exército ROSWELL Airfield, 509  Bomb Group: ASSUNTO ENTREVISTA ALIEN, em 29.07.1947 – 1ª Sessão

Capítulo Onze – Uma Lição de Ciências

(Nota pessoal Matilda O’Donnell MacElroy): “A transcrição desta entrevista é literal. Não havia mais nada que eu pudesse acrescentar a ela. Ela diz tudo”.

(Transcrição oficial da entrevista): “Hoje Airl me contou sobre algumas coisas muito técnicas  e tomei algumas notas para não esquecer nada, para que eu pudesse repetir o que ela disse, tanto quanto possível ela começou com uma analogia sobre o conhecimento científico da humanidade: você pode imaginar quanto progresso poderia ter sido feito na Terra se pessoas como Johannes Gutenberg, Sir Isaac Newton, Benjamin Franklin, George W. Carver, Nicola Tesla, Jonas Salk, e Richard Trevithick e muitos outros milhares de gênios e inventores semelhantes se estivessem vivendo hoje?

reencarnaçãociclo

Imaginem que realizações tecnológicas podriam ter sido desenvolvidas se homens como estes nunca morressem ou vivessem muito? E se eles nunca tivessem recebedido tratamento de amnésia que os fez esquecerem de tudo o que já sabiam? E se eles continuaram a aprender e trabalhar para sempre? Qual o nível de tecnologia e da civilização poderia ser alcançado na Terra se os seres espirituais imortais como estes fossem autorizados a continuar a criar – no mesmo lugar e ao mesmo tempo – por bilhões ou trilhões de anos?

Essencialmente, o Domínio é uma civilização que já existe há trilhões de anos com o seu progresso relativamente acontecendo ininterruptamente. O conhecimento foi acumulado, refinado e melhorado em quase todos os campos de estudo que se possa imaginar – e além da imaginação. Originalmente, a interação das ilusões ou invenções dos IS-BEs criaram o próprio tecido do universo físico – o microcosmo e o macrocosmo. Cada partícula do universo foi imaginada e trazida à existência por um ser IS-BE. Tudo criado a partir de uma idéia – um pensamento sem peso ou tamanho ou localização no espaço.

Cada partícula de poeira no espaço, a partir do tamanho da menor partícula subatômica, com o tamanho de um sol ou de uma nuvem de Magalhães, o tamanho de muitas galáxias, foram criados a partir do nada, de um pensamento. Até mesmo as células mais ínfimas, individuais foram criadas e coordenadas para permitir que uma entidade microbiana sentir e navegar através de infinitamente pequenos espaços. Estes também surgiram de uma ideia imaginada por um IS-BE. Você, e todos os IS-BEs na terra, têm participado na criação deste universo local.

Mesmo que agora você esteja confinado a um frágil corpo feito de carne; você viverá, em média por apenas 65 rotações curtas de seu planeta em torno de sua estrela; e que lhe foi imposto esmagador tratamento de choque elétrico para destruir a sua memória; e que você tem que aprender tudo de novo a cada vida corporificado; apesar de todas essas circunstâncias, você é quem você é e sempre será, um ser IMORTAL. E, lá no fundo, você ainda sente quem voce realmente é e o que você sabe. Você ainda é a sua própria essência.

De que outra forma se pode compreender uma criança prodígio? Um IS-BE que interpreta concertos em um piano aos três anos de idade (como o genial Mozart), sem treinamento formal e aprendizado nenhum? Seria impossível, se eles não se lembrassem o que já aprenderam e desenvolveram com milhares de vidas passadas em frente de um teclado em tempos incontáveis, ou em planetas distantes. Eles podem não saber como eles sabem. Eles apenas sabem que sabem. A humanidade já desenvolveu mais tecnologia nos últimos 100 anos do que nos últimos 2.000 anos. Por quê? A resposta é simples: a influência do “Antigo Império” sobre a mente e sobre os assuntos da humanidade foi diminuída pelo Domínio.

Homemmeridianosdeenergia

Eu disse: Vós sois deuses, e todos vós (sois) filhos do Altíssimo“. Salmos 82:6

Um renascimento da inteligência na Terra começou em 1.250 AD, com a destruição da frota espacial do “Antigo Império” no sistema solar local da Terra. Durante os próximos 500 anos, a Terra pode ter o potencial para recuperar a autonomia e independência, mas apenas na medida em que a humanidade pode aplicar o gênio concentrada dos próprios seres IS-BEs corporificados na Terra para resolver o problema de amnésia. No entanto, há uma nota de advertência, o potencial inventivo dos IS-BEs que foram exilados para este planeta está seriamente comprometida pelos elementos criminosos da população da Terra. Especificamente, políticos corruptos, belicistas e cientistas irresponsáveis que criam armas ilimitadas, como bombas nucleares, produtos químicos, doenças e caos social.

Tudo isto têm o potencial para extinguir todas as formas de vida na Terra, para sempre. Mesmo relativamente pequenas explosões que foram testadas e utilizadas nos últimos dois anos na Terra têm o potencial de destruir toda a vida, se implantado em quantidades suficientes. armas maiores poderiam consumir (queimar) todo o oxigênio na atmosfera global em uma única explosão! Portanto, os problemas mais fundamentais que devem ser resolvidos a fim de garantir que a Terra não seja destruída pela tecnologia de destruição, são problemas sociais e humanitários. As maiores mentes científicas da Terra, apesar do gênio da matemática ou mecânica, nunca abordaram estes problemas “colaterais”.

Portanto, não imagine que os cientistas vão salvar a Terra ou o futuro da humanidade. Qualquer chamada “ciência” que é exclusivamente baseada no paradigma atual de que a existência é composta apenas de energia e de objetos que se movem através do espaço não é uma ciência. Tais seres totalmente ignoram a existência da centelha criativa originada por um indivíduo IS-BE e que é o trabalho (pensamento) coletivo dos IS-BEs que continuamente criam o universo físico e todos os universos. Toda ciência permanecerá relativamente ineficaz ou apenas destrutiva na medida em que ela omite ou desvaloriza a importância relativa da centelha espiritual que inflama e permeia (como CAUSA) toda a criação e a vida.
  
Infelizmente essa ignorância tem sido incutida com muito cuidado e com força em seres humanos por parte do “Antigo Império” para garantir que os IS-BEs corporificados neste planeta não sejam capazes de recuperar sua capacidade inata para criar espaço, energia, abundância, matéria e tempo, ou qualquer outra componente dos universos. Enquanto a consciência da poderosa centelha divina e imortal, “auto existente”, espiritual continua ignorada e desprezada, a humanidade permanecerá presa no planeta até o dia da sua própria autodestruição e esquecimento.

matilda-odonnell-mac-elroy (1)

Matilda O’Donnell MacElroy

Não contem com as dogmáticas ciências físicas para dominar as forças fundamentais da criação mais do que você confiaria nos encantamentos, danças e incensos usados por um xamã. O resultado líquido de ambos é o aprisionamento e o esquecimento. Os cientistas pretendem observar, mas eles só supõe que eles vêem, chamam a isso como “fato”. Como um cego, um cientista não pode aprender a ver até que ele perceber que ele é cego (e ignorante). Os “fatos” da ciência da Terra não incluem a fonte de criação primordial. Eles incluem apenas o resultado, ou subprodutos (EFEITOS) da criação. Os “fatos” da ciência não incluem qualquer memória da experiência passada quase infinita da existência.

A essência da criação e da existência material não pode ser encontrada através da lente de um microscópio ou telescópio ou por qualquer outra medida do universo físico. Não se pode compreender o perfume de uma flor ou a dor sentida por um amante abandonado, com martelos, alicates e pinças. Tudo que você sempre vai saber sobre a força criativa e a capacidade de um deus pode ser encontrada APENAS dentro de você – um ser espiritual imortal. Como pode um homem cego ensinar aos outros para ver os gradientes quase infinitos que compõem o espectro de luz?

noção de que se pode compreender o Universo sem compreender a natureza de um ser IS-BE (a consciência de SI MESMO) é tão absurda como conceber que um artista é uma partícula de pintura em sua própria tela. Ou, que o laço em uma sapatilha de ballet é a visão do coreógrafo, ou a graça de uma dançarina, ou a excitação elétrica da noite de abertura de uma ópera. O estudo e a compreensão do espírito (a CAUSA de todos os EFEITOS MATERIAIS) foi armadilhado pela operação de controle do pensamento e de amnésia através de superstições religiosas, dogmas científicos que se incutem na mente atrofiada e doente dos homens e mulheres. Por outro lado, o estudo do espírito e da mente têm sido ridicularizado pela ciência e proibido pelas religiões que eliminam qualquer coisa que não é mensurável no universo físico.

A ciência é a religião da matéria. Ela e os “cientistas e eruditos” adoram a matéria. O paradigma da ciência é que a criação é tudo, e o criador não é nada, pois sequer existe. A religião diz que o criador é tudo, e a criação não é nada. Estes dois extremos são as grades de uma cela de prisão aceitas pela civilização” da Terra. Eles impedem a observação de todos os fenômenos como um todo interativo. O estudo da criação sem conhecimento dos seres IS-BEs, a fonte da criação, é inútil. Quando você navegar até a borda de um universo concebido pela ciência, você cairá fora da extremidade em um abismo de espaço desapaixonado, escuro e sem vida, apenas força implacável.

Na Terra, você tem sido convencidos de que os oceanos da mente e do espírito estão cheios de terríveis monstros macabros que vão comê-los vivos se você ousar se aventurar além do quebra-mar da superstição e dogma religioso e científico. O interesse do sistema prisional “Antigo Império” é para impedir que você olhe para dentro de si mesmo e descubra a sua própria alma. Eles temem que você vai ver em sua própria memória os senhores e feitores de escravos que os mantêm presos. A prisão é feita de sombras em sua mente. As sombras são feitas pelo acúmulo de mentiras e dor, sentimento de perda e muito medo. Os verdadeiros gênios da civilização são aqueles IS-BEs cujo trabalho e exemplos permitirão que outros IS-BEs possam recuperar sua memória e recuperar sua auto-realização e auto-determinação.

Este problema (de ignorância gerada pela INCONSCIÊNCIA) não será resolvido através de aplicação de regulação moral no comportamento, ou através do controle dos seres através do mistério, DO FANATISMO RELIGIOSO, da fé, pelas drogas, uso das armas ou qualquer outro dogma de uma sociedade escravagista. E certamente não será através do uso de choque elétrico e comandos hipnóticos! A sobrevivência da Terra e de todos os seres viventes sobre ela depende da capacidade de recuperar a memória e habilidades que teriam sido obtidas através da experiência de bilhões de anos; para recuperar a essência de si mesmo.

manipulação-ocidente-nwo (2)

Tal arte, ciência ou tecnologia nunca foi concebida no “Antigo Império”. Caso contrário, não teria recorrido à “solução” que implantou a sua condição atual na Terra. Nem essa tecnologia teria sido desenvolvida pelo Domínio (The Domain). Até recentemente, não foi necessária a necessidade de reabilitar um IS-BE com amnésia. Portanto, ninguém jamais trabalhou em resolver este problema. Até ao momento, infelizmente, o Domínio não tem uma solução para oferecer em relação a este problema. 
  
Alguns oficiais da Força Expedicionária do Domínio têm que tomar sobre si mesmos a responsabilidade para fornecer tecnologia para a Terra durante o seu tempo de folga do serviço. Estes oficiais deixam os seus “corpos de boneca” na estação espacial e, como um ser IS-BE assumem um corpo biológico de carne na Terra. Em alguns casos, um agente pode permanecer em serviço, enquanto que habita e controla outros organismos ao mesmo tempo. Esta é uma tarefa muito perigosa e aventureira. Ela exige um ser IS-BE muito capaz para realizar tal missão, e retornar de volta à sua base com sucesso, sem ficar preso na Terra.

Um oficial que fez isso recentemente, continuando a atender a seus deveres oficiais, ficou conhecido na Terra como o inventor em eletrônica, Nicola Tesla. É minha intenção, embora não seja uma parte das minhas ordens da missão, ajudá-los em seus esforços para fazer avançar o progresso científico e humanitário na Terra. Minha intenção é ajudar a outra ser IS-BEs a ajudar a si mesmo. A fim de resolver o problema de amnésia na Terra a tecnologia vai ter que avançar muito mais, assim como a estabilidade social para que haja tempo suficiente para a investigação e desenvolvimento de técnicas para libertar os seres IS-BE do sono da carne do seu corpo físico, para libertar a mente dos IS-BEs da amnésia coletiva.

Embora o domínio tenha um interesse a longo prazo na manutenção da Terra como um planeta útil, não tem nenhum interesse particular na população humana da Terra, que não seja resgatar o seu próprio pessoal (IS-BEs da Força Expedicionária) daqui. Estamos interessados na prevenção da destruição do planeta, bem como acelerar o desenvolvimento de tecnologias que sustentam as infra-estruturas da biosfera global, hidrosfera e atmosfera. Para este fim, você vai descobrir, num exame muito cuidadoso e completo, que a minha espaçonave contém uma grande variedade de tecnologia que ainda não existe na Terra. Se você distribuir pedaços deste ofício a vários cientistas para o estudo, eles serão capazes de fazer engenharia reversa (exatamente o que foi feito pelos EUA) de algumas dessas tecnologias, na medida em que a Terra tem as matérias-primas necessárias para replicar esses componentes e tecnologias.

roswell-ufocrash

Destroços de uma das espaçonaves recuperadas no incidente de ROSWELL, em julho de 1947, no estado no Novo México, EUA  

Alguns recursos tecnológicos serão indecifráveis para se replicar. Outras características não podem ser duplicadas em função de que a Terra não tem os recursos naturais necessários para reproduzi-los. Isto é especialmente verdadeiro para os metais usados para construir as espaçonaves. Não só esses metais não existem na realidade tridimensional da Terra, assim como o processo de refinação necessário para produzir essas ligas metálicas levou bilhões de anos para se desenvolver. É verdade também que o sistema de navegação exige de um IS-BE cujo comprimento de onda pessoal próprio esteja especificamente afinado com a “rede neural” da espaçonave (comando simbiótico).

Um piloto das nossas espaçonaves deve possuir uma elevada ordem de energia da vontade (raio azul), disciplina, treinamento e inteligência para controlar tal embarcação espacial. Os seres IS-BEs na Terra são incapazes desta experiência porque requer o uso de um corpo artificial criado especificamente para esta finalidade. Alguns cientistas da Terra, alguns dos quais estão entre as mentes mais brilhantes da história do universo, terão sua memória desta tecnologia acessada quando examinarem os componentes da nossa espaçonave avariada.

Assim como alguns dos cientistas e físicos na Terra tem sido capazes de “lembrar” como recriar geradores elétricos, motores de combustão interna e locomoção a vapor, a refrigeração, aviões, antibióticos e outras ferramentas de sua civilização, eles também irão redescobrir outra tecnologia vital da minha espaçonave. A seguir estão os sistemas específicos incorporados na minha espaçonave e que contêm componentes úteis:

  1. Há uma variedade de fiação microscópica ou fibras dentro das paredes da espaçonave que controlam coisas como comunicações, armazenamento de informação, função de computador e navegação automática.
  2. A mesma fiação é usado para a luz, sub-luz e detecção de espectro ultra-luz e visão.
  3. Os tecidos do interior da embarcação são muito superiores a qualquer um existente na Terra neste momento e tem centenas ou milhares de aplicações.
  4. Você também vai encontrar mecanismos para criar, ampliar e canalizar partículas de luz ou ondas como uma forma de energia. 
roswell-ufo-crashed

Uma espaçonave em destroços, com um dos corpos alienígenas, já morto, embaixo à direita da foto.

Como uma oficial, piloto e engenheira das forças do Domínio, não estou autorizada a falar ou transmitir a operação detalhada ou da construção da embarcação de qualquer forma, que não seja o que acabei de divulgar. No entanto, estou confiante de que existem muitos engenheiros competentes na Terra que irão desenvolver tecnologia útil com esses recursos. Estou fornecendo esses detalhes para você na esperança de que o bem maior do Domínio será obtido”.

Muito mais informações em:

  1. http://thoth3126.com.br/o-governo-oculto-secreto-nos-eua/
  2. http://thoth3126.com.br/grupo-bilderberg-misterios-e-controle-alienigena/
  3. http://thoth3126.com.br/o-governo-oculto-secreto-nos-eua-ii/
  4. http://thoth3126.com.br/category/serpo-zeta-reticuli/
  5. http://thoth3126.com.br/aliens-eles-estao-entre-nos/
  6. http://thoth3126.com.br/henry-deacon-01/
  7. http://thoth3126.com.br/resumo-do-quadro-geral-do-atual-momento-na-terra/
  8. http://thoth3126.com.br/o-maior-dos-segredos/
  9. http://thoth3126.com.br/henry-deacon-segredos-desvelados-3/
  10. http://thoth3126.com.br/area-51-janet-airlines-uma-misteriosa-companhia-aerea-do-governo-americano/
  11. http://thoth3126.com.br/majestic-12-area-51-aliens-j-rod-greys-ufos-por-dan-burisch-parte-1/
  12. http://thoth3126.com.br/entrevista-com-um-alienigena-introducao/
  13. http://thoth3126.com.br/entrevista-com-um-alienigena-capitulo-um/
  14. http://thoth3126.com.br/entrevista-com-um-alienigena-capitulo-dois/
  15. http://thoth3126.com.br/entrevista-com-um-alienigena-capitulo-tres/

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

thoth(172x226)www.thoth3126.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *