browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Internet pode enfrentar problemas em junho …

Posted by on 09/01/2015
tempo-dali-relogios

Estamos todos ganhando um segundo extra no dia 30 de junho deste ano

O ano de 2015 chegou com uma nova ameaça a serviços e sites que adoramos como o Mozilla, Reddit, LinkedIn e Foursquare: todos eles relataram falhas em 2012, quando os cientistas determinaram a adição de um segundo extra ao horário mundial. O ajuste deste ano foi agendado para as 23:59:59 do dia 30 de junho, e serve para atualizar os absurdamente precisos relógios atômicos com o movimento de rotação da Terra, que desacelera dois milésimos de segundo por dia.

Edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com

Um segundo será adicionado ao calendário no final do dia de 30 de junho de 2015, porque o planeta está “fora de sincronia” com os nossos relógios atômicos.

FIONA MACDONALD,   7 JAN 2015

Fonte: http://www.sciencealert.com

Este ano de 2015 será um segundo mais longo do que o ano de 2014. Os cientistas anunciaram que estarão adicionando um segundo extra, chamado de “segundo bissexto” para o horário UTC (Tempo Universal Coordenado) em 30 de junho às 11:59:59 em todos os relógios do mundo.

big-ben-relogio

Isso significa que o relógio vai ler 11:59:60. Isso ocorre porque a Terra está se movendo um pouco mais lenta do que os nossos super-precisos relógios atômicos o fazem, e está ficando fora de sincronia com o tempo por eles medido. De fato, enquanto o tempo atômico é constante, a rotação da Terra está se abrandando por cerca de dois milésimos de segundo de cada dia.

“A verdadeira explicação simples é que a Terra está a abrandar um pouco a sua rotação”, disse Nick Stamatakos, o chefe do Earth Orientate Parameters no US Naval Observatory disse à Australian Broadcasting Corporation.

“Para esse dia específico haverão 86.401 segundos, em vez dos habituais 86.400 segundos”, disse ele ao The Telegraph .

A decisão vem de cientistas que trabalham no International Earth Rotation and Reference Systems Service, baseado em Paris, que tomam conta dos dados de como nosso planeta é pontual em termos de horário.

Mas 2015 chegou com uma nova ameaça a serviços e sites que adoramos como o Mozilla, Reddit, LinkedIn e Foursquare: todos eles relataram falhas em 2012, quando cientistas determinaram a adição de um segundo extra ao horário mundial.

cosmic-soulscape-300x225

Mas por que um mero segundo a mais pode desestabilizar gigantes da internet? O motivo é que o sistema que coordena os relógios dos computadores, chamado de Network Time Protocol, é baseado na medida de tempo atômica.

E quando este protocolo nota a repetição de um mesmo segundo, interpreta que algo deu errado, dando origem a uma série de problemas técnicos em serviços bancários e de comunicações. Algumas empresas como o Google já pensaram em formas de remediar esta dor de cabeça: o gigante de Mountain View elaborou uma técnica que “dilui” o acréscimo em vários milissegundos antes da data oficial.

O chamado “segundo bissexto” não é particularmente uma novidade: 26 deles já foram adicionados ao Tempo Universal Coordenado (UTC na sigla em inglês, o fuso horário referencial para todas as zonas horárias do planeta) desde 1972, sendo que o último foi incluído em 2012. A decisão parte dos cientistas do International Earth Rotation and Reference Systems Service, instituição sediada em Paris que monitora a pontualidade do nosso planeta.

cosmiclock

A maior preocupação dos especialistas é que estes segundinhos a mais acabem arruinando de vez o UTC, que não suportaria, por exemplo, um minuto ou uma hora adicionais. Mas o mais importante é: já pensou no que voce vai fazer com seu segundo extra em 2015?

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

thoth-escribawww.thoth3126.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *