browser icon
You are using an insecure version of your web browser. Please update your browser!
Using an outdated browser makes your computer unsafe. For a safer, faster, more enjoyable user experience, please update your browser today or try a newer browser.

Israel bombardeia Damasco, capital da Síria

Posted by on 05/05/2013

 Um alto funcionário dos EUA confirmou a NBC News que a Força Aérea de Israel bombardeou um centro de pesquisa militar em Damasco, na SÍRIA na madrugada deste domingo, 05 de maio.

O ataque israelense durante a noite supostamente atingiu mísseis iranianos fornecidos ao grupo guerrilheiro libanês Hezbollah, declarou uma fonte de inteligência ocidental à Reuters.  Um alto funcionário israelense confirmou à AFP que o ataque aéreo israelense na Síria foi realizado perto do aeroporto de Damasco durante a noite, tendo como alvo os mísseis iranianos destinados ao movimento xiita Hezbollah do Líbano.

Ataques aéreos israelenses desta madrugada atingiram instalações militares no aeroporto e arredores da capital da Síria, Damasco.

Tradução e imagens: Thoth3126@gmail.com

http://rt.com/news   e  http://www.haaretz.com/

Publicado em: 05 de maio de 2013 00:02

Fortes explosões atingiram os arredores da capital da Síria na manhã deste domingo, com relatos dizendo que eles eram resultados de ataques aéreos israelenses sobre um centro de pesquisa militar e no Aeroporto de Damasco. Israel já teria realizado um ataque semelhante alguns dias atrás.

Explosões foram ouvidas perto do monte Qasioun em Damasco. A área abriga centro de pesquisa militar de Jamraya, que ficou sob o ataque israelense no início de Janeiro de 2013 e marcou a primeira incursão de Israel em espaço aéreo sírio em seis anos.

Um alto funcionário dos EUA confirmou a NBC News que a Força Aérea de Israel bombardeou o centro de pesquisa militar na madrugada deste domingo, 05 de maio. O ataque israelense durante a noite supostamente atingiu mísseis iranianos fornecidos ao grupo guerrilheiro libanês Hezbollah, declarou uma fonte de inteligência ocidental à Reuters.  No ataque de ontem à noite, como no ataque anterior, o que foi atacado eram depósitos de mísseis Fateh-110 que estavam em trânsito desde o IRÃ para o Hezbollah “,  disse essa fonte.

Há também relatos de que os ataques aéreos foram direcionados as brigadas 104 e 105 da Guarda Republicana da Síria, disse uma fonte àrabe à RT. Um alto funcionário israelense confirmou à AFP que o ataque aéreo israelense na Síria foi realizado perto do aeroporto de Damasco durante a noite, tendo como alvo os mísseis iranianos destinados ao movimento xiita Hezbollah do Líbano.

Míssel Fateh 110 produzido pelo IRÃ, e que teria alcance de até 300 quilômetros.

“O ataque foi muito próximo do aeroporto, o alvo era os mísseis iranianos, que estavam destinados para ser entregues ao Hezbollah”,  disse ele. O Monte Qasioun e o Aeroporto de Damasco estão localizados em diferentes partes da cidade, por isso, se ambos foram alvos de ataques aéreos, isso provavelmente exigiria um ataque coordenado mais complexo.

Há relatos de disparo de tiros ouvidos na periferia de Damasco, aparentemente indicando que alguns grupos rebeldes tentaram aproveitar a oportunidade e começar uma ofensiva em meio à comoção causada pelos ataques aéreos israelenses. No entanto, não foram relatados avanços da sua parte.

A ofensiva rebelde no entanto, pode dar os motivos ao governo sírio para acusar mais ainda Israel de apoiar a oposição armada da Síria, dizendo que eles tinham conhecimento prévio dos ataques aéreos israelenses e estavam preparados para sair do local atingido previamente.

O Ministério da Saúde da Síria não confirmou se havia mortos ou feridos. A RT conseguiu falar com o jornalista local Abdallah Mawazini, e obteve um relatório sobre os últimos desenvolvimentos:

 “Quando a explosão aconteceu em Damasco, todas as casas foram abaladas. Havia poeira por toda parte. Agora estamos recebendo mais informações sobre o ataque, que aparentemente visava o centro de pesquisa militar de Jamraya “,  disse Mawazini à RT.  “Todo mundo acordou, a maioria das pessoas correram para fora das residências – para se certificar de que eles estavam em segurança. Agora estamos recebendo mais informações. O som da explosão foi ouvido por toda parte em Damasco. As pessoas estão com muito medo“.

Rumores se multiplicam na medida que as informações oficiais permanecem escassas.

Embora ainda nenhum número oficial sobre vítimas tenha sido tornado público, os rumores nas mídias sociais sírios dizem que pelo menos 300 soldados estacionados no Monte Qasioun foram mortos e centenas de outros ficaram feridos, disse Mawazini. Muitos sírios estão clamando por retaliação, com a possibilidade de uma guerra em grande escala com Israel se iniciar (n.t. o grande objetivo buscado pelos sionistas e pela NWO-Nova Ordem Mundial).

Durante o ataque, um jato israelense teria sido derrubado pela Força Aérea da Síria, de acordo com o canal de TV Manar do Hezbollah, citando fontes de segurança em Damasco. Dois pilotos israelenses da Israel Defense Forces (IDF) do jato abatido foram levados para uma área militar em Damasco sob o controle de Assad, segundo relatos nos meios de comunicação libaneses e sírios.

Disseminação de uma Guerra total acontecer na região é temido.

Não houve nenhum comentário oficial imediato de Israel. ” Nós não respondem a esse tipo de relatório “,  disse um porta-voz militar israelense à Agência de notícias Reuters. O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, convocou o gabinete de segurança nesta quinta-feira à noite para aprovar o ataque aéreo, disse uma fonte à Reuters.

O Exército israelense convocou milhares de reservistas no início desta semana para o que chamou de um exercício militar “surpresa” em sua fronteira ao norte com o Líbano (e a Síria), informou a AP. No início desta semana, o IDF implantou duas baterias de mísseis Iron Dome perto das cidades de Haifa e Safed, no norte de Israel, em meio a tensões ao longo da fronteira nessa área.


Imagens de vídeo enviadas para a Internet mostrou uma grande bola de fogo subindo para o céu noturno em Damasco, capital da Síria. Não foi possível para a RT verificar imediatamente a autenticidade dos vídeos.

“Até que nós tenhamos uma imagem clara do que exatamente foi alvejado é difícil especular por que o ataque ocorreu. Eu diria que os EUA deram a Israel o sinal verde para o ataque anterior nos últimos meses e supostamente lhes deu um OK para lançar ataques futuros. Então, isso provavelmente não é algo que acontece no calor do momento (foi planejado)”,  disse o editor de notícias da antiwar.com Jason Ditz  à RT. “Claro, para a Síria é improvável, estando no meio de uma guerra civil, lançar um ataque em retaliação contra Israel diretamente, mas ao mesmo tempo isso provavelmente prejudica mais  algumas das facções islâmicas dos rebeldes sírios, especialmente com relatos de que eles estão se beneficiando com esses ataques aéreos “, acrescentou. 

Entretanto Netanyahu está deixando Israel nessa tarde de domingo para uma viagem de cinco dias à China, que incidirá sobre os laços econômicos e questões regionais, como o IRÃ, a Síria e o Egito. Sua saída, porém, foi adiada por duas horas para fazer uma reunião reunião do gabinete de segurança do governo, segundo o jornal israelense Haaretz.

A Escalada de ataques aéreos de Israel

A Força Aérea de Israel realizou um ataque aéreo em território sírio já na última sexta-feira, dia 3 de maio, que teria como alvo um carregamento de mísseis avançados. Funcionários não identificados dos EUA alegaram que os mísseis estavam sendo enviados do IRÃ para o grupo Xiíta do Hezbollah do Líbano. Entre as diferentes descrições dos foguetes, Fateh 110, que são avançados o suficiente para atacar Tel Aviv desde o sul do Líbano e, portanto, percebidos como uma ameaça por Israel.

A escalada do conflito na Síria envolvendo Israel e demais países da região, como o IRÃ, fatalmente vai levar a utilização de Israel de bombas atômicas de seu arsenal nuclear de cerca de 250 ogivas. A insanidade e loucura total parece engolfar completamente o Oriente Médio. ESTE OBJETIVO ESTA SENDO BUSCADO OBSESSIVAMENTE PELA ELITE QUE CONTROLA O PLANETA.

No sábado, antes do ataque durante a noite de domingo, o presidente dos EUA, Barack Obama afirmou que Israel tem o direito de se defender contra a transferência de armas avançadas iranianas para o Hezbollah.  “Eu vou deixar para o governo israelense confirmar ou negar o que parece que eles tomaram de atitude”,  disse Obama em uma entrevista com a Telemundo em rede de língua espanhola.

O ministro da Defesa de Israel, Moshe Yaalon disse mais cedo a jornalistas que qualquer alegada entrega de armas da Síria para o Hezbollah seria considerada uma ” linha vermelha “. Ya’alon então disse que Israel não permitiria que ” armas sofisticadas “caissem nas mãos do “Hezbollah ou outros elementos nocivos”.

Obama também já disse no passado que a travessia de uma “linha vermelha” garantiria ainda mais a ação dos países do lado de fora do conflito sírio. Isso foi em relação à possibilidade de que as forças de Assad possam ter utilizado armas químicas contra os sírios – uma alegação de que ainda está sendo investigada, sem evidência até o momento.  No entanto, o secretário de Defesa dos EUA Chuck Hagel anunciou nesta quinta-feira que os EUA podem agora considerar armar a oposição síria – algo que os EUA se esquivou de fazer abertamente nos dois anos desde o início do levante sírio.

Questionado diretamente se o governo norte americano estava reconsiderando sua posição sobre essa opção, Hagel disse que  “sim”.  “Armar os rebeldes sírios- já é uma opção “, disse ele. ” Devemos continuar a olhar para todas opções”.  O conflito na Síria entrou em seu terceiro ano. De acordo com estimativas da ONU, pelo menos 70 mil pessoas já foram mortas desde o levante (n.t. levante produzido por soldados mercenários contratados para levar a Síria ao caos e facilitar a derrubada do regime e a ocupação do país por forças estrangeiras) contra o presidente Bashar Assad que começou em março de 2011.

Saiba (informe-se) mais em:

http://thoth3126.com.br/nova-ordem-mundial-a-missao-anglo-saxonica-parte-1/
http://thoth3126.com.br/gabriel-problemas-antigos-encontram-a-sua-limpeza-cosmica/
http://thoth3126.com.br/nova-ordem-mundial-a-missao-anglo-saxonica-parte-2/
http://thoth3126.com.br/ira-ali-khamenei-avisa-preparem-se-para-o-fim-dos-tempos/
http://thoth3126.com.br/nova-ordem-mundial-a-missao-anglo-saxonica-parte-3/
http://thoth3126.com.br/os-anjos-caidos-the-watchers-os-vigilantes/
 

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

 

One Response to Israel bombardeia Damasco, capital da Síria

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *