browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Mídia nos EUA: apenas 6 Corporações controlam (manipulam) a Informação.

Posted by on 04/10/2016

presstitutes-don't trustEm 1983, havia cerca de 50 corporações  que controlavam a grande maioria de todos os meios de comunicação nos  Estados Unidos. Hoje, a propriedade da mídia jornalística esta concentrada nas mãos de apenas seis-6 corporações de mídia incrivelmente poderosas

Esses gigantes corporativos controlam a maioria do que assistimos, ouvimos e lemos todos os dias. Eles são donos de redes de televisão, canais de TV a cabo, estúdios de cinema, jornais, revistas, produtoras de filmes, editoras, gravadoras e até mesmo de muitos dos nossos sites favoritos

{n.t.- Excerto do Post: “Anjos Caídos, The Watchers (os Vigilantes)”: Usaremos nossa mídia para controlar o fluxo de informações e o sentimento deles em nosso favor. Quando eles se insurgirem contra nós vamos esmagá-los como insetos, pois eles são menos do que isso. Eles serão impotentes para fazer qualquer coisa pois eles não terão armas. Suas mentes estarão limitadas por suas crenças e hábitosas MESMAS crenças e hábitos que NÓS ESTABELECEMOS para suas vidas desde tempos imemoriais  (desde  o surgimento da Babilônia). Usaremos todas as ferramentas que temos para fazer isso. As ferramentas serão fornecidas pelo trabalho deles. Vamos torná-los inimigos entre si e que odeiem seus vizinhos. Nós iremos sempre esconder a verdade divina deles, de que somos todos um… Fim de citação}. 


Tradução, edição e imagens: Thoth3126@protonmail.ch

Mídia dos EUA, as seis Corporações Gigantes que controlam e manipulam a (DES) INFORMAÇÃO.   Infelizmente, a maioria dos norte americanos nem sequer para e reflete sobre quem os está alimentando com as horas intermináveis de notícias manipuladas e (um monte de baboseiras) entretenimento que eles engolem diariamente (enquanto consomem quilos e litros de porcarias à frente da TV). 

Fonte:  http://theeconomiccollapseblog.com

obedeçam

A maioria dos americanos (e da população mundial) não parece realmente se preocupar com quem detém o controle dos seus meios de comunicação. Mas deveriam. A verdade é que cada um de nós está profundamente  influenciado pelas mensagens que estão constantemente sendo trituradas em nossas cabeças pela mídia. O americano médio assiste há 153 horas de televisão por mês (6,375 dias ou 21,25% do mês inteiro)

Na verdade, a maioria dos americanos começam a se sentir fisicamente desconfortável se ficar muito tempo sem ver ou ouvir alguma coisa na TV. Infelizmente, a maioria dos americanos se tornou absolutamente viciado em notícias (induzidas) e shows de entretenimento  (pura baboseira) e a propriedade de todas as notícias e a produção de entretenimento que desejamos está ficando concentrada nas mãos de cada vez menos pessoas a cada ano.

As seis empresas que coletivamente controlam a mídia dos EUA são hoje a Time WarnerWalt DisneyViacomRupert MurdochCBS Corporation e NBC Universal. Juntas, as “Big Six” (Seis Grandes) redes de notícias absolutamente dominam o entretenimento nos Estados Unidos. 

Mas até mesmo as áreas de mídia que o “Big Six” não controlam completamente estão se tornando cada vez mais concentradas. Por exemplo, a Clear Channel possui agora mais de 1.000 estações de rádio em todos os Estados Unidos. Empresas como Google, Yahoo, Facebook  e Microsoft  estão cada vez mais dominando a Internet.

Mas é o Big Six, que são as maiores preocupações. Quando você controla o que os americanos assistem, ouvem e leem você ganha um grande controle sobre o que eles pensam e sobre as suas vidas. Eles não chamam isso de “programação” para nada. Em 1983 já era ruim o suficiente para que cerca de 50 empresas dominassem a mídia dos EUA. Mas desde aquela época, o poder do controle sobre a mídia tornou-se rapidamente concentrado nas mãos de cada vez menos pessoas….

“Em 1983, cinquenta corporações dominavam a maior parte de todos os meios de comunicação de massa e a maior concentração de mídia na história foi um negócio de US$ 340milhões. … Já em 1987, essas cinqüenta empresas ficaram reduzidas a 29. … Em 1990, as 29 empresas se reduziram para 23. … Em 1997, as maiores empresas eram apenas em número de dez e envolveu cifra de Us$ 19 bilhões de dólares do acordo de fusãDisney-ABC, no momento em que havia a maior concentração de mídia até então. … Mas em 2000 a corporação AOL Time Warner envolveu US$ 350 bilhões de dólares resultante da fusão que foi de mais de 1.000 vezes maior do que o maior negócio do ramo feito em 1983″ Extraído do livro de Ben H. Bagdikian, ’’O Monopólio da Mídia’’, Sexta Edição, (Beacon Press, 2000), páginas 20 e 21.

Hoje, apenas seis colossais torres gigantes de mídia detém todo o resto. Grande parte das informações no quadro abaixo vem via mediaowners.com. O gráfico abaixo revela apenas uma pequena fração dos meios de comunicação que estes seis gigantes realmente possuem ….

O número de empresas de comunicação que controlam a maioria das empresas de mídia dos EUA hoje é de apenas CINCO grupos.

Time Warner

Home Box Office (HBO), Time Inc.,Turner Broadcasting System Inc., Warner Bros Entertainment Inc., CW Network (propriedade parcial), New Line Cinema, Time Warner Cable, Cinemax, Cartoon Network, TBS, TNT, America Online, MapQuest, Moviefone, Marie Clare, Castle Rock, Sports Illustrated, TMZ Fortune , a revista People

Walt Disney

ABC Television Network, Disney Publishing, ESPN Inc., Disney Channel, SOAPnet, A & E, LIFE, Buena Vista Home Entertainment, Buena Vista Theatrical Productions, Buena Vista Records, Disney Records, Hollywood Records, Miramax Films, Touchstone Pictures, Walt Disney Pictures, Pixar Animation Studios, Buena Vista Games, Hyperion Books.

Um antigo e estranho, mas nada sutil anúncio do refrigerante 7up, usando a fofura dos bebês para vender refrigerante !!!

Viacom

Paramount Pictures, Paramount Home Entertainment, Black Entertainment Television (BET), Comedy Central, Television Country Music (CMT), Logo, MTV, MTV Canadá, MTV2, Nick Revista, Nick at Nite, Nick Jr., Nickelodeon, Noggin, Spike TV, The Movie Channel, TV Land e VH1. 

News Corporation

Dow Jones & Company, Inc., FOX REDE de televisão, The New York Post, FOX Searchlight Pictures, Beliefnet, FOX Business Network, FOX Kids Europe, FOX News Channel, FOX Sports Net, FOX Television Network, FX, My Network TV, MySpace, News Limited Notícias, Phoenix InfoNews Canal, Phoenix Filmes Canal, Sky PerfecTV, Velocidade Canal, STAR TV Índia, STAR TV  Taiwan, Star World, Times Higher Education Supplement Revista, Tempos revista literária do Suplemento, Times de Londres, 20th Century Fox Home Entertainment, 20th Century Fox International, 20th Century Fox Studios, 20th Century Fox Television, BSkyB, DIRECTV, The Wall Street Journal, FOX Broadcasting Company, FOX, Interactive Media, FOXTEL, HarperCollins Publishers, O National Geographic Channel, National Rugby League, Notícias Interativo, Notícias exterior, Radio Veronica, ReganBooks, Sky Italia, Sky Radio Dinamarca, Sky Radio Alemanha, Sky Radio Holanda, ESTRELA Zondervan

CBS Corporation

CBS News 
CBS Sports 
CBS Television Network 
CNET 
Showtime 
TV.com 
CBS Radio Inc. (130 estações) 
CBS Consumer Products 
CBS Outdoor 
CW Network (50% de participação)    
Infinity Broadcasting 
Simon & Schuster (Pocket Books, Scribner) 
Westwood Rede Radio One

NBC Universal

Bravo, CNBC, NBC News, MSNBC, NBC Sports, Rede televisão NBC, Oxigen, SciFi Revista, SyFy (Sci Fi Channel),  Telemundo, EUA Network, Weather Channel, Focus Features, NBC Universal Television Distribution, NBC Universal Television Studio, Paxson Communications (apropriação parcial), Trio, Universal Parks & Resorts, Universal Pictures, Universal Home Studio vídeo.

Estas gigantescas corporações  de mídia não existem objetivamente para dizer a verdade ao povo americano (ou para qualquer outro povo). Pelo contrário, o objetivo principal de sua existência é para ganhar dinheiro e controlar e manipular a mente das massas.

Estas corporações gigantescas de mídia não vão fazer nada para ameaçar os seus relacionamentos com os seus maiores anunciantes (também grande corporações como as maiores empresas farmacêuticas que literalmente gastam bilhões em publicidade, para vender veneno) e de uma forma ou outra dessas corporações gigantes de mídia estão sempre indo expressar os pontos de vista ideológicos dos seus proprietários (ou de quem os controla)

Felizmente, um número crescente de norte americanos está começando a acordar e estão percebendo que a grande mídia não deve ser nada confiável.  

De acordo com uma nova pesquisa que acaba de ser lançado pelo Instituto Gallup, o número de americanos que têm ainda alguma confiança na mídia impressa (57 %) está em uma acentuada queda nunca vista antes em todos os tempos.

Veja mais nos links: 

  1. http://thoth3126.com.br/a-humanidade-esta-em-transe-induzido-pela-midia-controlada/
  2. http://thoth3126.com.br/numero-de-leitores-de-jornais-esta-em-colapso-nos-eua/

Essa é uma razão pela qual vemos as mídias alternativas apresentarem um crescimento tão rápido ao longo dos últimos anos. Os principais e tradicionais meios de comunicação tem vindo a perder credibilidade a um ritmo vertiginoso, e os americanos estão começando a procurar outro lugar para ver a verdade sobre o que realmente está acontecendo.

Você acha que alguém no fluxo de notícias normal vai realmente lhe dizer que a Reserva Federal dos EUA é ruim para a América, ou que estamos diante de uma terrível bolha de derivativos (criada artificialmente em 2008) no mercado financeiro que poderia destruir o sistema financeiro do mundo inteiro? 

manipulação-01

Você acha que alguém na grande mídia iria realmente lhe dizer a verdade sobre a desindustrialização da América ou a verdade sobre a cobiça voraz do grupo Goldman Sachs e de suas manipulações no mercado financeiro, ou que o mercado financeiro se transformou em um enorme Casino?

Claro que há alguns repórteres corajosos na grande mídia que conseguem escapar e trazer à luz algumas histórias do passado de seus patrões corporativos de vez em quando, mas em geral há um entendimento muito claro de que há certas coisas que simplesmente não será dito ou permitido que você tome conhecimento, na principal corrente de notícias.

Mas os norte americanos estão se tornando cada vez mais esfomeados pela verdade, e eles estão se tornando cada vez mais insatisfeitos com a idiotização e robotização dos meios de comunicação e que eles estão publicando como “notícia difícil de aceitar” nos dias de hoje. Então o que você pensa sobre o estado dos principais meios de comunicação? Sinta-se livre para deixar um comentário com sua opinião em http://theeconomiccollapseblog.com/

marcha-da-tirania-01

ABAIXO ALGUMAS DAS ESTRATÉGIAS UTILIZADAS PELOS “FORMADORES, MANIPULADORES  E CONTROLADORES DE OPINIÕES”, HÁBITOS, PENSAMENTOS E O COMPORTAMENTO COLETIVO, PERPETRADO POR AQUELES QUE CONTROLAM TODO O SISTEMA ATRAVÉS DO CONTROLE DO CONTEÚDO E PROGRAMAÇÃO DAQUILO QUE É PRODUZIDO E PUBLICADO PELOS GRANDES CONGLOMERADOS DE MÍDIA DO PLANETA:

1- A ESTRATÉGIA DA DISTRAÇÃO. 

O elemento primordial do controle social é a estratégia da distração que consiste em desviar a atenção do público dos problemas importantes e das mudanças decididas pelas elites políticas e econômicas, mediante a técnica do dilúvio ou inundações de contínuas distrações e de informações insignificantes. A estratégia da distração é igualmente indispensável para impedir ao público de interessar-se pelos conhecimentos essenciais, na área da ciência, da história humana, da economia, da psicologia, da política, da neurobiologia e da cibernética.

“Manter a atenção do público distraída, longe dos verdadeiros problemas sociais, cativada por temas sem importância real. Manter o público ocupado, ocupado (com baboseiras), ocupado, sem nenhum tempo para pensar; de volta à granja/fazenda como os outros animais (citação do texto ‘Armas silenciosas para guerras tranqüilas’)”.

2- CRIAR PROBLEMAS, DEPOIS OFERECER SOLUÇÕES. 

Este método também é chamado “problema-reação-solução”. Cria-se um problema, uma “situação” prevista para causar certa reação no público, a fim de que este seja o (aparente) mandante das medidas que se deseja fazer aceitar. Por exemplo: deixar que se desenvolva ou se intensifique a violência urbana, ou organizar atentados sangrentos, a fim de que o público seja o mandante de leis de segurança e políticas em prejuízo da sua própria liberdade. Ou também criar uma crise econômica para fazer aceitar como um mal necessário para combater a pseudo crise (criada artificialmente), com o retrocesso dos direitos sociais e o desmantelamento dos serviços públicos.

3- A ESTRATÉGIA DA GRADAÇÃO.

Para fazer com que se aceite uma medida inaceitável, basta aplicá-la gradativamente, a conta-gotas, por anos consecutivos. É dessa maneira que condições socioeconômicas radicalmente novas (neoliberalismo) foram impostas durante as décadas de 1980 e 1990: Estado mínimo, privatizações, precariedade, flexibilidade, desemprego em massa, salários que já não asseguram ganhos decentes, tantas mudanças que haveriam provocado uma revolução se tivessem sido aplicadas de uma só vez.

manipulação-midia

4- A ESTRATÉGIA DO DEFERIDO.

Outra maneira de se fazer aceitar uma decisão impopular é a de apresentá-la como sendo “dolorosa e necessária”, obtendo a aceitação pública, no momento, para uma aplicação futura. É mais fácil aceitar um sacrifício futuro do que um sacrifício imediato. Primeiro, porque o esforço não é empregado imediatamente. Em seguida, porque o público, a massa (bovina), tem sempre a tendência a esperar ingenuamente que “tudo irá melhorar amanhã” e que o sacrifício exigido poderá ser evitado. Isto dá mais tempo ao público para acostumar-se com a ideia de mudança e de aceitá-la com resignação quando chegar o momento.

5- DIRIGIR-SE AO PÚBLICO COMO  SE FOSSEM CRIANÇAS DE BAIXA IDADE.

A maioria da publicidade dirigida ao grande público utiliza discurso, argumentos, personagens e entonação particularmente infantis, muitas vezes próximos à debilidade mental, como se o espectador fosse um menino de baixa idade ou um deficiente mental (o que é a realidade quando analisada do ponto de vista da CONSCIÊNCIA do indivíduo, a maioria da população TEM MENTALIDADE infantil). Quanto mais se intenciona buscar enganar ao espectador, mais se busca a adoção de um tom infantilizante. Por quê? “Se você se dirige a uma pessoa como se ela tivesse a idade de 12 anos ou menos, então, em razão da sugestão, ela tenderá, com certa probabilidade, a uma resposta ou reação também desprovida de um sentido crítico como a de uma pessoa de 12 anos ou menos de idade.

6- UTILIZAR O ASPECTO EMOCIONAL (medo) MUITO MAIS DO QUE A REFLEXÃO MENTAL.

Fazer uso do aspecto emocional é uma técnica clássica para causar um curto circuito na análise racional, e por fim ao sentido critico dos indivíduos. Além do mais, a utilização do registro emocional permite abrir a porta de acesso ao inconsciente para implantar ou enxertar ideias manipuladas e preconcebidas, desejos, medos e temores, compulsões, ou para induzir comportamentos …

7- MANTER O PÚBLICO EM GERAL NA IGNORÂNCIA, MEDIOCRIDADE E IMBECILIDADE.

Fazer com que o público seja incapaz de compreender as tecnologias e os métodos utilizados para seu controle e sua própria escravidão. “A qualidade da educação dada às classes sociais deve ser a mais pobre e medíocre possível, de forma que a distância da ignorância que paira entre as classes inferiores às classes sociais superiores seja e permaneça impossível para o alcance das classes inferiores (ver ‘Armas silenciosas para guerras tranqüilas’)

8- ESTIMULAR O PÚBLICO A SER COMPLACENTE COM A MEDIOCRIDADE.

Promover ao  consciente de massa público para achar que é moda o fato de ser estúpido, vulgar, imbecil e inculto…(movimento punk, drogas …)

9- REFORÇAR A REVOLTA PELA AUTOCULPABILIDADE.

Fazer o indivíduo acreditar que é somente ele o culpado pela sua própria desgraça, por causa da insuficiência de sua inteligência, de suas capacidades, ou de seus esforços. Assim, ao invés de rebelar-se contra o sistema econômico, o individuo se autodesvalida e se culpa, o que gera um estado depressivo do qual um dos seus efeitos é a inibição da sua ação. E, sem ação, não há revolução e MUDANÇA NO STATOS QUO CONTROLADO o que beneficia os manipuladores e controladores do sistema!

10- CONHECER MELHOR OS INDIVÍDUOS DO QUE ELES MESMOS SE CONHECEM.

No transcorrer dos últimos 50 anos, os avanços acelerados da ciência têm gerado crescente brecha entre os conhecimentos do público e aquelas possuídas e utilizadas pelas elites dominantes. Graças à biologia, à neurobiologia e à psicologia aplicada, o “sistema” tem desfrutado de um conhecimento avançado do ser humano, tanto de forma física como psicologicamente. O sistema tem conseguido conhecer melhor o indivíduo comum do que ele mesmo conhece a si mesmo.

Isto significa que, na maioria dos casos, o sistema exerce um controle maior, tenaz e um grande poder sobre a VONTADE dos indivíduos do que os indivíduos sabem sobre si mesmos. A massa imbecilizada e ignorante é controlada sem saber que isso acontece, devido às muitas sutilezas empregadas nos métodos de controle do consciente coletivo (A MAIORIA VIVE EM UMA PRISÃO SEM GRADES). Publicado em Novembro 2013

Dizem que existem três tipos de pessoas no mundo:

  1. Aquelas que fazem as coisas acontecerem;
  2. Aquelas que observam as coisas acontecerem e
  3. Aquelas que ficam se perguntando o que aconteceu????
A vasta maioria da humanidade encontra-se nas duas últimas categorias. A maioria tem “olhos para ver”, mas não enxerga o que está acontecendo. A maioria tem “ouvidos para ouvir”, mas não compreende o que está acontecendo: “LOCAL, NACIONAL ou INTERNACIONALMENTE.”  
 

Saiba MUITO mais acessando:

  1. http://thoth3126.com.br/programa-de-controle-mental-monarch-mk-ultra/
  2. http://thoth3126.com.br/batons-contaminam/
  3. http://thoth3126.com.br/os-anjos-caidos-the-watchers-os-vigilantes/
  4. http://thoth3126.com.br/marilyn-monroe-sua-vida-oculta-como-escrava-do-programa-de-controle-mental-monarch/
  5. http://thoth3126.com.br/grande-midia-7-pecados-que-eles-nao-querem-que-voce-saiba/
  6. http://thoth3126.com.br/grupo-bilderberg-misterios-e-controle-alienigena/
  7. http://thoth3126.com.br/diet-coke-zero-e-mortal/
  8. http://thoth3126.com.br/reptilianos-mais-informacoes/
  9. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-explosivo/

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

thoth(172x226)www.thoth3126.com.br

18 Responses to Mídia nos EUA: apenas 6 Corporações controlam (manipulam) a Informação.

  1. ig

    No brasil é igual. mas fazem sem esforço.

  2. Rodrigo de Albuquerque

    Aqui no Brasil é a mesma coisa. Senão pior… – só li verdades!! Parabéns pela matéria!!

  3. Aprendiz Astral

    Excelente conteúdo. Parabéns!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *