browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Mudanças climáticas: Calor recorde em S.P. e Rio de Janeiro

Posted by on 15/10/2014

calor-termometroMudanças climáticas são irreversíveis e seca piora no sudeste do Brasil:

O CALOR bateu recorde em São Paulo e Rio em 13 de outubro:

A estação meteorológica do IAG/USP registrou nesta segunda-feira a maior temperatura da história desde que começaram as medições em 1933. Segundo a Climatempo, a estação meteorológica que fica na Água Funda, zona sul, registrou máxima de 36,7 °C. O recorde anterior havia sido registrado em 2 de fevereiro, com 36,1ºC.

Edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com

Mudanças climáticas são irreversíveis, a seca piora no sudeste do Brasil e foi registrado aumento recorde da temperatura no sudeste, e estamos apenas no começo da primavera:

A cidade de S. Paulo também registou baixo índice de umidade nesta segunda, variando entre 18% e 45% nas estações meteorológicas da capital, a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (COMDEC) colocou toda a Cidade em estado de alerta pela baixa umidade do ar (índices entre 12% e 20%, iguais ao deserto do Saara, no norte da África) às 11h10, estado que permaneceu durante toda a tarde.
 

De acordo com a equipe de meteorologia do CGE, as temperaturas diminuem gradualmente nas próximas horas, mas a sensação de calor se estende ao período da noite. Durante a madrugada o tempo fica abafado, e os termômetros ficam em torno dos 19ºC. Não há previsão de chuvas.  

calor-sao-paulo

Termômetro registrando o calor durante a tarde na avenida Paulista, em São Paulo, nesta segunda-feira.

Após 10 dias consecutivos sem chuvas, nível do Cantareira chega a 4,5%. Índice bate novo recorde de seca e é o pior da história. Não chove na região dos reservatórios desde o dia 4 de outubro. {http://g1.globo.com/}

O nível dos reservatórios de água do Sistema Cantareira chegou a 4,5% nesta terça-feira (14 de outubro), segundo medição da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). O índice bate novo recorde e é o pior da históriaNão chove na região dos reservatórios há 10 dias: em 4 de outubro a precipitação foi de 0,1 milímetro. No mês, choveu apenas 0,4 milímetro.

O Sistema Cantareira abastece 6,5 milhões de habitantes das zonas Norte e central e partes das zonas Leste e Oeste da capital, bem como os municípios de Franco da Rocha, Francisco Morato, Caieiras, Osasco, Carapicuíba e São Caetano do Sul (na sua totalidade); e parcialmente Guarulhos, Barueri, Itapevi, Jandira, Santana de Parnaíba, Cajamar e Santo André. 

seca-Sistema-Cantareira.01-jpg

Vista da represa Jaguari, que faz parte do Sistema Cantareira, em Bragança Paulista,

Sem previsão de chuvas para São Paulo

Segundo a meteorologista do Inmet Helena Balbino, não há previsão de chuvas para os próximos dias. Uma frente de instabilidade que chega à atmosfera nesta quarta (15) deve melhorar a qualidade do ar, mas não tem força para gerar precipitações. “A previsão é de que passe a ter um pouco mais de instabilidade na atmosfera que, se tivesse menos seca, provocaria chuva. Como não está, só terá mais umidade”, diz.

Helena explica que as temperaturas não devem baixar tão cedo. “Tem previsão de muito calor, tem um bloqueio atmosférico que está causando isso na região sudeste”, afirma.

Rio de Janeiro também tem novo recorde de calor

Temperatura muito elevada também no Rio de Janeiro: A cidade do Rio de Janeiro registrou nesta segunda-feira a mais alta temperatura do ano, apesar de estarmos apenas no início da Primavera. De acordo com o Sistema Alerta Rio, da prefeitura, em Guaratiba os termômetros marcaram 42°C, às 13h.

Outro ponto onde a temperatura foi elevada, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e o Climatempo, foi a Vila Militar, na zona oeste carioca. Lá os termômetros marcaram 41,6°C. Até hoje a temperatura mais alta do ano tinha sido no dia 10 de fevereiro, quando a máxima ficou 41,4ºC (em pleno verão).

calor-riodejaneiro

Calor bate recorde no Rio: Houve a intensificação dos ventos que levaram ar quente do interior do Estado para o Rio. “Com a intensificação do ar quente, a temperatura disparou com rápida elevação”.

Segundo o meteorologista Marcelo Pinheiro, do Climatempo, a região Sudeste está sob influência de uma massa de ar seco, e ela bloqueia as frentes frias no Sul do País. Além disso, conforme explicou, houve a intensificação dos ventos que levaram ar quente do interior do Estado para o Rio. “Com a intensificação do ar quente, a temperatura disparou com rápida elevação. Hoje a gente teve um dia muito quente com umidade baixa. O índice ficou abaixo de 20% durante a tarde”, esclareceu.

O meteorologista destacou que há previsão de uma frente fria para amanhã, passando pelo mar, afastada do litoral do Rio, o que deve mudar a direção dos ventos. Por isso, a partir da tarde, os ventos estarão carregados de umidade que, associados ao bloqueio atmosférico, permitem a formação de nevoeiro, como ocorreu na manhã de hoje e provocou o fechamento do Aeroporto Santos Dumont.

calor

“Tem uma condição favorável para a formação de nevoeiro especialmente nas áreas costeiras da cidade. A gente pode ter problema, sim, de nova de formação de nevoeiro amanhã, especialmente, na região do Santos Dumont, pela manhã”, adiantou.

Nesta terça-feira, o calor deve diminuir um pouco e a previsão do Climatempo é de temperatura máxima de 36°C. “Vai ter aumento de nuvens no fim do dia, e na quarta-feira diminui um pouco mais. Vai ser um dia com mais nebulosidade e temperatura mais amena. A gente está esperando máxima de 32°C com possibilidade de chuva fraca durante o dia”, contou.

Fonteshttp://noticias.terra.com.br/ e http://noticias.terra.com.br/brasil/cidades/

Mais informações em:

  1. http://thoth3126.com.br/chile-forte-tremor-de-8o-graus-tsunami-de-dois-metros/
  2. http://thoth3126.com.br/yellowstone-forte-tremor-no-super-vulcao-hoje/
  3. http://thoth3126.com.br/uma-visao-pessoal/
  4. http://thoth3126.com.br/chile-novo-e-forte-tremor-de-78o-richter-quinta-feira/
  5. http://thoth3126.com.br/carta-de-um-politico-da-noruega-sobre-2012/
  6. http://thoth3126.com.br/brasil-o-territorio-sagrado-para-a-deusa-e-seus-filhos/
  7. http://thoth3126.com.br/vulcao-cumbre-vieja-mega-tsunami-pode-atingir-o-brasil/
  8. http://thoth3126.com.br/o-futuro-dos-eua-por-ned-dougherty/
  9. http://thoth3126.com.br/profecias-de-joao-um-cavaleiro-templario/
  10. http://thoth3126.com.br/costa-oeste-dos-eua-e-futuro-grande-terremoto/
  11. http://thoth3126.com.br/mudancas-climaticas-o-impacto-sera-grave-abrangente-e-irreversivel/

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes !

thoth-escribawww.thoth3126.com.br

One Response to Mudanças climáticas: Calor recorde em S.P. e Rio de Janeiro

  1. Regismar

    Sabe amigo troth pesquise sobre a savanização da Amazônia , pois , este é o grande processo de deterioração do clima na sudeste e centroeste do brasil…muito obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *