browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Sol Central da Galaxia emitiu Poderosa Onda de energia

Posted by on 09/10/2016

foton-belt-cinturão-de-fotons (1)A NASA registrou poderosas emissões de ondas de energias (Cinturão de Fótons) desde o Buraco (Hunab KU-Sol Central) Negro do Centro da nossa Galáxia Via Láctea

 O Buraco Negro com “tamanho estimado de 4 milhões de massas solares” que se esconde no centro (por “trás do gigantesco SOL CENTRAL” da nossa Galáxia) da Via Láctea tem uma reputação de ser como um gigante gentil. Os buracos negros” arrotam e explodem” quando engolem o gás existente em torno de si, mas o nosso leviatã local apenas dá umas mordidelas ocasionais na nuvem de gás que lhe envolve  como se fosse um lanche leve.

Tradução, edição e imagens: Thoth3126@protonmail.ch

Sol Central da Galaxia emitiu Poderosa Onda de energia

NEWS BLOG,  by Monica Young

Fontes: http://www.nasa.gov , http://www.nustar.caltech.edu/ e

http://www.skyandtelescope.com

Esquerda: Símbolo Maia para o Buraco Negro/o Sol Central da nossa Galáxia, Hunab KU.

O buraco negro central da nossa galáxia emite regulares e misteriosas explosões de raios-X. Pela primeira vez, o novo telescópio NuSTAR- Nuclear Spectroscopic Telescope da NASA com o foco mais agudo, captou uma visão da emissão da alta energia em ação. 

O novo telescópio NuSTAR- Nuclear Spectroscopic Telescope, da NASA, gravou esta expansão violenta de energia emitida  pelo supermassivo buraco negro chamado de Sagitário A do Centro da nossa Galáxia Via Láctea no final de julho. A imagem de fundo mostra um amplo campo de visão, em infravermelho do centro da Galáxia. Inserções de zoom no buraco negro gravou como a energia se inflama desde o centro em repouso, explodindo para em seguida, desaparecer. 

O novo telescópio NuSTAR- Nuclear Spectroscopic Telescope, gravou esta expansão violenta de energia emitida pelo supermassivo buraco negro chamado de Sagitário A do Centro da nossa Galáxia Via Láctea no final de julho. A imagem de fundo mostra um amplo campo de visão, em infravermelho do centro da Galáxia. Inserções de zoom no buraco negro gravou como a energia se inflama desde o centro em repouso, explodindo para em seguida, desaparecer. O gás mais quente, localizado perto do buraco negro, pulsa como o ponto branco central visto nas imagens de raios-X. O gás um pouco mais frio fica associado com um gás remanescente de uma velha explosão de uma supernova nas proximidades e é responsável pela existência da nuvem circundante (DO RAIO) rosa.Foto: NASA / JPL-Caltech. (http://www.nasa.gov/mission_pages/nustar/main/index.html)

 O Buraco Negro com “tamanho estimado de 4 milhões de massas solares” que se esconde no centro (por “trás do gigantesco SOL CENTRAL” da Galáxia) da Via Láctea tem uma reputação de ser como um gigante gentil. Os buracos negros” arrotam e explodem” quando engolem o gás existente em torno de si, mas o nosso leviatã local apenas dá umas mordidelas ocasionais na nuvem de gás que lhe envolve  como se fosse um lanche leve.

 Esquerda: Reprodução da deusa egípcia, a ÍSIS Negra, a Mãe (Cósmica) de todos os sóis/estrelas e a “BASE” do poder do Faraó. Símbolo da energia divina feminina e a “BASE” do Cosmos dos universos materiais.

Notar a figura do triângulo com base para cima e o vértice para baixo formado pelas mãos de ÍSIS: o Símbolo do Triângulo equilátero feminino (com o Vértice embaixo e a base em cima) da energia FEMININA da Deusa, com o ponto central de LUZ   quase idêntico ao da foto do centro da Galáxia feita pelo telescópio NuSTAR da NASA.

Saiba mais em: http://thoth3126.com.br/12-de-outubro-n-sra-aparecida-isis-e-o-brasil/

Como os buracos negros supermassivos evoluem, o nosso é considerado muito silencioso. Mas de alguma forma, apesar de sua dieta escassa, o nosso gigante gentil é capaz de liberar enormes flares de raios-X mais ou menos diariamente. Erupções ligeiras de rádio e raios infravermelhos podem ocorrer ainda mais frequentemente, até várias vezes por dia. Agora, pela primeira vez, o telescópio da NASA, o Telescópio Nuclear Spectroscopic (NuSTAR) capturou um visual de alta energia sendo emitidos em de um desses flares.

Durante um período de dois dias no final de julho, o NuSTAR detectou emissão  de raios-X do centro da Galáxia com energias até quatro vezes maior do que pode ser observado com o telescópio orbital do Chandra X-ray Observatory

O mais novo telescópio de raios-X da NASA tem imagens 10 vezes mais nítidas e 100 vezes mais sensíveis do que os instrumentos de alta energia que vieram antes, como o Internacional Gamma-Ray Astrophysics Laboratory (INTEGRAL), permitindo que o telescópio NUSTAR possa gravar a atividade no buraco negro que os instrumentos anteriores perdiam.

Para emitir os raios-X de alta energia detectados pelo NUSTAR (6-79 keV), o gás ao redor do buraco negro teve uma ignição a cerca de 100 milhões de graus Celsius (180 milhões de graus Fahrenheit) 11 vezes mais quente que o centro do nosso sol. Os astrônomos sabem que este plasma quente deve aparecer perto do buraco negro, mas não sabem ainda se as espirais ao redor do centro galáctico são partes de um fluxo de entrada ou se está atirando longe dos polos do buraco negro como parte de um jato relativístico. Os astrônomos também não sabem ainda por que o gás se aquece tão de repente em uma base regular. Teorias incluem rupturas dos campos magnéticos ou turbulência agitando o gás mais próximo da borda do buraco negro.

Como alternativa o monstro pode estar se alimentando de fragmentos de asteroides de acordo com uma nova teoria proposta no início deste ano. Esse estudo sugere que uma nuvem de asteroides e cometas circunda o buraco negro, despido de estrelas há muito tempo e que se aventuraram muito perto um do outro. 

Para um gigantesco buraco negro, “engolir” pequenas porções dos asteroides ocasionalmente seria como ocasionalmente comer um naco do bolo do gás circundante, proporcionando uma rápida explosão de energia a partir de apenas um pouco de massa. O  NUSTAR observou o surto recente, como parte de uma colaboração internacional se unindo para observar o comportamento da besta (o Buraco Negro) no centro da nossa galáxia.

Uma foto espetacular do Centro da nossa Galáxia (na direção de Sagittarius A) em imagens obtidas de três diferentes telescópios: Chandra X-Ray, Hubble e Spitzer Space Telescopes.

Além do telescópio NUSTAR, a atividade de vigilância de julho incluiu observações de cinco outros instrumentos de observação em raios gama, de raios-X de baixa energia, infravermelho, e comprimentos de ondas de rádio. Observação simultânea em vários comprimentos de onda são importantes porque, embora esteja claro que o buraco negro exista – uma super estrela gigante recentemente foi vista completar uma órbita total em torno dele – muito do comportamento do gigantesco buraco negro  por trás do SOL CENTRAL da Galáxia é um mistério. As detecções de emissão de alta energia de raios-X do telescópio NuStar acrescentam uma peça fundamental para a busca da solução do quebra-cabeça.

Posted By Monica Young, related content: News TopicsBlack HolesMilky Way news. – Publicado em outubro de 2014.

A Terra e seu núcleo estão respondendo a essas emissões de energia do Sol Central da Galáxia, para saber (e informar-se) mais veja em:

  1. http://thoth3126.com.br/illuminati-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite-explosivo/
  2. http://thoth3126.com.br/2012-o-cinturao-de-fotons-e-as-pleiades/
  3. http://thoth3126.com.br/sons-misteriosos-sendo-ouvidos-em-todo-o-planeta/
  4. http://thoth3126.com.br/sinkholes-surgem-por-todo-o-planeta/
  5. http://thoth3126.com.br/novo-telescopio-no-polo-sul-spt-south-pole-telescope/
  6. http://thoth3126.com.br/mudanca-nos-polos-geomagneticos/
  7. http://thoth3126.com.br/sinais-de-mudanca-nos-polos-e-no-campo-magnetico/
  8. http://thoth3126.com.br/o-cinturao-de-fotons-acelera-as-mudancas/ 
  9. http://thoth3126.com.br/uma-visao-pessoal/
  10. http://thoth3126.com.br/profecias-de-joao-um-cavaleiro-templario/

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Thoth-flordavidawww.thoth3126.com.br 

36 Responses to Sol Central da Galaxia emitiu Poderosa Onda de energia

  1. Gabriel Martins

    Olá Thoth3126

    Estou em um momento de pesquisa intensa sobre assuntos galáticos, dos quais não tenho muito conhecimento, e tenho uma pergunta simples: O centro de nossa galáxia se encontra a muitos anos-luz de distância do nosso sistema solar, isso não significa que essas emissões detectada pelo NuSTAR na verdade ocorreram milhares de anos no passado?

    abraços

    • Thoth3126

      Olá Gabriel, o nosso sistema solar fica aproximadamente a 50 mil anos luz do centro da Galáxia (do Sol Central). Devemos levar em conta que o TEMPO é uma grande ilusão em nosso nível de realidade. Muita Luz e Paz.

      • Thiago Vieira

        Boa noite

        Ora, se você mesmo disse que o tempo é uma ilusão, por quê afirmou que o centro da galáxia está a 50 mil anos luz? Ficou meio sem sentido, não?

        • Maori

          Thiago, caso não saiba anos luz é uma medida de distância e não de tempo. Abs.

        • Daniel S

          Thiago, lembrando que 50 mil anos luz é uma escala de distancia e não de tempo. O tempo cronometrado pela humanidade é uma forma de entender essa dimensão e fenomenos que se chama “tempo”. E essa escala é baseada em fenomenos naturais como a rotação do sol e da terra e religiosos como os 12 meses, o universo não necessariamente segue esse padrão. E eu acredito que essa energia emitida seja mt mais rapida que a velocidade da luz e n se “prende” ao espaço tempo como conhecemos.
          Boa noite !

  2. Tiago

    Creio que 50 anos luz seria a distância, não o tempo.

  3. Valdeir

    Tudo isso é uma farsa porque a terra é plana e o sol não é como a tal da nasa lixo diz. O sol é pequeno e viaja entre as nuvens, assim como a lua. Vejam os vídeos do canal Sem hipocrisia no youtube, que vocês verão que isso não passa de uma grande mentira. O sol central pode até existir, mas para termos uma imagem da nossa galaxia como foi postado aqui, é impossível, pois seria necessário alguém viajar há uma distância suficiente para poder ter uma visão ampla da nossa galaxia e isso é impossível tecnologicamente falando! Busquem a verdade e saiam das mentiras da nasa lixo!

    • Eduardo

      Na realidade convivemos com 3 grandes ilusoes em nosso campo de consciencia: o espaco, o tempo e o eu-individualidade. Tudo o mais eh decorrencia desta santissima trindade. Muita paz.

    • Ivan

      Sinceramente meu amigo é impossível a terra ser plana, o sol é gigantesco, a tecnologia usada para ver o universo é a dos telescópios, que é uma tecnologia bem avançada para os padrões terráqueos, a Nasa mente sim mas as mentiras são sobre coisas mais importantes,e vc ve isso no YouTube?? Sinceramente meu amigo quem tem que abrir os é você
      Valdeir!!!!!!

  4. gabriel dyaz

    Esses conhecimentos são como ouro para mim! Obrigado por todas as postagem suas.

  5. luke

    é bom esclarecer que existe particulas sub atomicas muito mais rapidas que a velocidade da luz, ao qual por exemplo 50 mil anos luz significa 50 segundo de viagem ou seja o tempo é realtivo, nao se apegue a somente a velocidade da luz com referencia, senao vc incorrera em erros fatais de mediçao espaço-tempo!

  6. Jadelson

    Sem perceber isto a me tornar um astrolocrítico.
    thoth muita paz, luz e energia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *