browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

A Arte da Guerra: Exército dos EUA retoma as grandes manobras militares na Europa

Posted by on 27/05/2020

O Exército dos EUA na Europa, “após cuidadosa avaliação e planificação”, decidiu que efetuará na Polônia, de 5 a 19 de Junho, o exercício militar Allied Spirit , no âmbito da grande manobra estratégica Defender-Europe 20 (Defensor da Europa 2020). Participarão dos exercícios militares cerca de 4.000 soldados americanos de unidades blindadas e de infantaria, apoiados por 2.000 soldados do exército da Polônia. O exercício, que deveria ter acontecido em Maio, foi adiado porque, devido a pandemia pelo Covid-19, o Defender-Europe 20 foi parcialmente modificado.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

A Arte da Guerra: Exército dos EUA retoma as grandes manobras militares na Europa

Fonte: https://www.globalresearch.ca/exercito-usa-retoma-as-grandes-manobras-na-europa/5714039

Manlio Dinucci

Mas, especifica o US Army Europe, quando em Março, foi suspenso o envio de forças dos Estados Unidos, “mais de 90% dos equipamentos destinados ao Defender-Europe 20 já estavam a bordo de aviões e navios com destino à Europa”.

No total, chegaram mais de 3.000 equipamentos, a começar por tanques, aos quais foram adicionados mais de 9.000 veículos blindados e outros veículos provenientes dos depósitos “pré-posicionados” que o Exército dos EUA mantém na Alemanha. Dos Estados Unidos chegaram mais de 6.000 soldados, incorporados por milhares de outros estacionados na Europa.

Apesar do “ajuste devido ao Covid-19”, comunica o Exército o US Army, “muitos dos objetivos de prontidão estratégica foram realizados”. Anuncia portanto, que, para compensar o tempo perdido, “o US Army Europe está a planejando exercícios complementares nos próximos meses, baseados em muitos dos objetivos originais do Defender-Europe 20 para aumentar a prontidão e a interoperabilidade das forças USA e aliadas”.

O exercício Allied Spirit   faz parte de uma série de exercícios nesse quadro estratégico de nítida função anti-russa. Não é por acaso que ocorre na Polônia. Segundo, o que se estabeleceu na Declaração Militar assinada pelo Presidente Trump e pelo Presidente Duda da Polônia, em Setembro passado – os Estados Unidos estão a aumentar fortemente a sua presença militar. O número de soldados que mantém em permanência, através de um sistema de rotação, foi acrescido de 4.500 para 5.500.

  • Em Poznan, o US Army instala um verdadeiro quartel general de divisões numa base avançada.
  • Em Drawsko Pomorskie, as forças armadas USA abrem um Centro de Treino de Combate.
  • Em Wrocław-Strachowice, a US Air Force constrói um grande aeroporto de desembarque.
  • Em Lask, a US Air Force transfere uma equipe de aviões pilotados remotamente, incluindo drones Reaper.
  • Em Powidz, uma brigada aérea de combate.
  • Tanto em Powidz como em Lubliniec, as Forças USA de Operações Especiais estabeleceram as suas bases.

Num localidade ainda a ser determinada, será destacada em permanência a equipe de combate de uma brigada blindada dos EUA. Todo o equipamento já está armazenado em Bergen-Hohne, na Alemanha. O US Army Europe também comunica que a 173ª Brigada Aerotransportada, com sede em Vicenza, está a planejando operações nos Balcãs e na região do Mar Negro, enquanto o 10º Comando de Defesa Aérea e de Mísseis participará em exercícios no Báltico.

A US Air Force comunica que os três tipos de bombardeiros estratégicos convencionais e nucleares de dupla capacidade USA – B-2 Spirit, B-1B Lancer e B-52H – realizaram em Maio, missões na Europa, a partir dos Estados Unidos. O que demonstrou que “a pandemia do Covid-19 não comprometeu a prontidão e o alcance dos bombardeiros estratégicos dos EUA”. Estes fatos, grandemente ignorados pelo principais meios de comunicação europeia que tinham anunciado o cancelamento do Defender-Europe 20 devido ao Covid-19, confirmam que os USA não cancelaram, mas remodelaram, apenas, a operação estratégica, prolongando-a.

Permanece o objetivo de Washington de aumentar a tensão com a Rússia, usando a Europa como primeira linha do confronto, o que permite aos Estados Unidos reforçar a sua liderança sobre os aliados europeus e orientar a política externa e militar da União Europeia, na qual 22 dos 27 membros pertencem à NATO, sob comando dos EUA.


A Matrix (o SISTEMA de CONTROLE MENTAL):  “A Matrix é um  sistema de controle, NEO. Esse sistema é o nosso inimigo. Mas quando você está dentro dele, olha em volta, e o que você vê? Empresários, professores, advogados, políticos, carpinteiros, sacerdotes, homens e mulheres… As mesmas mentes das pessoas que estamos tentando salvar. “Mas até que nós consigamos salvá-los, essas pessoas ainda serão parte desse  sistema de controle e isso os transformam em nossos inimigos. Você precisa entender, a maioria dessas pessoas não está preparada para ser desconectada da Matrix de Controle Mental. E muitos deles estão tão habituados, tão desesperadamente dependentes do sistema, que eles vão lutar contra você  para proteger o próprio sistema de controle que aprisiona suas mentes …”


Leitura Adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

 

One Response to A Arte da Guerra: Exército dos EUA retoma as grandes manobras militares na Europa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.