browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

A guerra temporal do Deep State contra Trump e suas implicações galácticas

Posted by on 20/11/2019

Apenas alguns dias após chamar a atenção para o “Projeto Looking Glass”, QAnon apenas levou essa referência adiante em outro post, alegando ter conhecimento prévio dos planos e movimentos do Deep State. QAnon parece novamente aludir a uma vantagem que a comunidade de inteligência militar dos EUA tem sobre o Deep State em termos de tecnologia avançada, permitindo que eles vejam o futuro e com base nisso atuem no presente para derrotá-los.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

A guerra temporal do Estado (Deep State) Profundo contra Trump/QAnon e suas implicações galácticas

Fonte: https://www.exopolitics.org/the-qanon-deep-state-temporal-war-its-galactic-implications/

Na primeira parte, referi-me ao Deep State também possuindo tecnologia semelhante e à incrível implicação de que estamos testemunhando uma “guerra temporal” entre a comunidade de inteligência militar QAnon e o Deep State. Quão profunda é essa guerra temporal, quem está envolvido e quais são as suas implicações? Se você concorda que estas são questões que vale a pena buscar, continue lendo. As respostas vão chocar e surpreender você.

Para entender melhor a natureza e a extensão dessa guerra temporal, vamos começar com o post de QAnon de 15 de novembro [3596], que sugere que a tecnologia de viagens no tempo está sendo usada para reunir conhecimento prévio dos planos dos oponentes:

Que vantagens podem existir quando você conhece o manual do outro lado?
https://www.merriam-webster.com/dictionary/trap
Aproveite o show!
QAnon

Por si só, o post acima pode simplesmente sugerir que QAnon possui inteligência (informação) confiável obtida de fontes tradicionais de inteligência ou simplesmente antecipando os movimentos do Deep State com base em métodos convencionais, como perfis psicológicos. No entanto, apenas quatro dias antes, no post 3585 , QAnon se referiu a um misterioso “Operação Looking Glass” e fez uma piada sobre como viajar para a frente no tempo para olhar para trás:

Projeto Looking Glass?
Avançando para olhar para trás.
QAnon

Também precisamos considerar um post (2548) feito em 4 de dezembro de 2018, em que QAnon disse:

Você está testemunhando algo [em primeira mão] que muitos não podem compreender ou aceitar como realidade [Seria “ficção científica” ou planejamento de precisão?]

Tomadas em conjunto, as publicações 3596, 3585 e 2548 sugerem que QAnon está fazendo muito mais do que usar a coleta de inteligência convencional para antecipar as mudanças do Deep State para o “planejamento militar de precisão” – alguma tecnologia não convencional do tipo Projeto Looking Glass que muitos consideram Sci -Fi está sendo usada.

Na minha análise anterior do post 3585 (parte um), cobri as origens do Projeto Looking Glass e descrevi como a comunidade de inteligência militar e o Deep State têm usado essa tecnologia “que distorce o tempo” desde pelo menos a década de 1960. Concluí que estamos testemunhando uma “guerra temporal” em que ambos os lados podem espiar o futuro e antecipar os movimentos do outro.

Uma fonte que melhor descreve os usos de informações através de distorção temporal ou tecnologia de viagem no tempo é Andy Basiago, JD, atualmente um advogado licenciado para o estado de Washington. Basiago disse que em 1969, quando tinha oito anos, seu pai o recrutou para uma operação de coleta de informações da CIA chamada “Projeto Pegasus”, na qual atuou até 1972. Basiago afirma :

O “Projeto Pegasus na época em que entrei em 1969, não era principalmente um projeto de viagem no tempo – era um programa de inteligência para a CIA. ”

O Projeto Pegasus envolveu o uso de crianças, até um total de oito diferentes tecnologias de viagem no tempo e teletransporte relacionados, e revelando o que tinha experimentado em interrogatórios posteriores como Basiago explica :

O Projeto Pegasus estava analisando os teletransportados e as outras formas de viajar no tempo … viajantes no tempo – inclusive eu, tendo viajado para o passado e para o futuro usando diferentes metodologias e tecnologias – então estávamos sendo entrevistados para derivar quando avançávamos no tempo … informações com o qual o governo dos EUA poderia criar relatórios promulgados pela CIA e depois enviar o projeto em outras áreas do governo a pessoas com um status de ‘necessidade de conhecer’, para conhecer certos eventos futuros.

A declaração de Basiago é de vital importância, dado o papel da CIA no apoio ao Deep State na atual guerra civil não declarada entre a administração Trump / QAnon / comunidade de inteligência militar contra o governo oculto, das sombras, do Deep State / CIA e demais agências de inteligência. Basiago está nos dizendo que, no final dos anos 1960, a CIA e o Deep State começaram a usar a tecnologia de viagens no tempo como uma ferramenta de coleta de informações.

Como discutido na parte um, a comunidade de inteligência militar dos EUA desenvolveu seus próprios métodos que distorcem o tempo para ver o futuro através do “Projeto Looking Glass”.

Há muito mais em uma “guerra temporal” do que apenas olhar o futuro ou o passado para reunir informações para manobrar um oponente ou para um “planejamento de precisão militar”. Há também a capacidade de mudar a linha do próprio tempo, o que, obviamente, leva a muitos resultados imprevisíveis em muitas realidades paralelas.

Sabemos desde a primeira parte que o Projeto Montauk (também conhecido como Projeto Phoenix) conduziu experimentos que distorcem o tempo envolvendo tecnologia extraterrestre – equipamento cuja parte central é uma cadeira que aprimora significativamente as habilidades psíquicas para abrir portais de visualização no passado ou no futuro pela intenção consciente do espectador que utiliza o dispositivo. 

Esses portais do tempo também podiam ser usados ​​para viagens no tempo, e mencionei brevemente que milhares de crianças (e indigentes e moradores de rua) foram exploradas e sacrificadas sem piedade nessas “experiências temporais” quando foram enviadas para trás ou para frente no tempo e a maioria ficou perdida. Testemunhos de crianças sobreviventes desses experimentos estão disponíveis no documentário de vídeo sobre Montauk Chronicles, apresentado a seguir:.

Segundo outro especialista, o insider e denunciante Corey Goode, os experimentos temporais conduzidos em Montauk ficaram fora de controle e os extraterrestres confederados intervieram para acabar com o programa que recebia orientação técnica de aliens negativos Greys. Goode diz que teve acesso a informações através de “Smart Glass Pad”, uma espécie de tablet inteligente que continha informações sobre esses experimentos temporais anteriores:

Pelo que li no “Smart Glass Pad”, uma das principais razões pelas quais eles colocam amortecedores nessa tecnologia temporal é que parte desse experimento e tecnologia de viagens no tempo ficou extremamente fora de controle. As pessoas estavam voltando no tempo, decidindo que, se matassem uma pessoa, isso mudaria a linha do tempo e os fatos no futuro (um provável presidente dos EUA teria sido eliminado desta forma). Essas pessoas acabariam voltando e estando na linha do tempo que criaram. E estava criando todos esses cismas e dividindo cronogramas.

Então eles estavam enviando mais pessoas para voltar e evitar e corrigi-lo, e isso estava causando ainda mais e mais problemas, e mais e mais linhas do tempo paralelas que se dividiam para onde havia todo tipo de fragmentação, e tudo tava fora de controle.

E eles começaram a receber visitas de grupos de ETs muito avançados dizendo ‘Basta! Vocês têm que parar ‘. E também foi explicado que o tempo é uma ilusão, que, assim como eles usavam a consciência – esse era um componente-chave. Eles estavam usando a consciência naquela cadeira para manifestar coisas, o que fazemos diariamente com nossa consciência de massa. Estamos manifestando nossa realidade o tempo todo.  (Divulgação Cósmica, 22/9/2015)

Goode descreveu anteriormente um grupo de seres humanos do futuro que ele chama de Civilização Anshar, viajando aproximadamente 17 milhões de anos para o passado (da linha temporal da sua civilização) para preservar a linha do tempo contra os esforços para manipulá-la depois de experimentar uma versão futura do Efeito Mandela.

Ela finalmente confirmou para mim que os Anshar são na verdade pessoas do futuro da Terra, depois que passarmos por todas essas mudanças de quarta e demais densidades, em algum lugar no futuro os Anshar tiveram o que consideramos uma mudança de realidade do tipo Efeito Mandela ocorrendo na sociedade deles. O povo deles. . .  tiveram seus próprios efeitos Mandela que os fizeram olhar para trás e ver quando isso aconteceu, essa bifurcação temporal de sua realidade, e eles decidiram enviar um grupo de volta na sua linha temporal para 17 milhões de anos no seu passado. . . pouco antes do momento em que a anomalia temporal estava ocorrendo, para que esse grupo continuasse a se o administrador da sua própria linha temporal original.

Existe a possibilidade, se eles não administrarem adequadamente a sua linha temporal, que eles deixem de existir.  ( Divulgação Cósmica, 04/07/2017 )

Os seres Anshar posteriormente se estabeleceram como uma civilização clandestina subterrânea aqui na Terra que intervém quando a sua linha temporal (e sua existência) é ameaçada ou alterada por outros grupos no que equivale a uma guerra temporal em curso no nosso planeta.

VIAGEM NO TEMPO: Entrevista com um Alienígena GREY… vindo do FUTURO DA TERRA ! – Projeto Blue Book:

A ideia de que civilizações avançadas (e também de seres que servem às trevas) do futuro estão intervindo nos assuntos humanos atuais para preservação da sua linha temporal também é apoiada por Alex Collier, que afirma ter tido contato com extraterrestres da Constelação de Andrômeda. Ele disse em uma entrevista de 1996:

Agora, em nossa galáxia, existem muitos conselhos de diferentes civilizações. Não sei tudo sobre todos esses conselhos, mas sei sobre o Conselho de Andromeda, que é um grupo de seres de 139 sistemas estelares/solares diferentes que se reúnem e discutem o que está acontecendo na galáxia. Não é um órgão político. O que eles têm discutido recentemente é a tirania total em nosso futuro, daqui a 357 anos, porque isso afeta a todos.

Aparentemente, o que eles fizeram, através da viagem no tempo, é que foram capazes de descobrir onde ocorreu a mudança significativa de energia que causa a tirania no ano 2.376 em nosso futuro (da Terra). Eles o rastrearam de volta ao nosso sistema solar e foram capazes de localizá-lo ainda mais na Terra, (em bases na) na Lua e em Marte. Esses três lugares. ( Defendendo o solo sagrado , p. 10)

O comentário de Collier de que uma tirania galáctica aparece repentinamente no futuro, que pode ser atribuída à Terra, Lua e Marte, é muito revelador. Esses são os locais precisos em que um programa espacial secreto gerido pelos nazistas da Alemanha se estabeleceu depois de criar uma colônia secreta na Antártica com a ajuda de uma civilização extraterrestre de seres reptilianos oriundos da Constelação de Draco (sistema solar de Thuban), os Draconianos.

Posteriormente, o SSP nazista estabeleceu uma base na Lua com a ajuda dos draconianos e finalmente estabeleceu várias bases em Marte, depois de alcançar acordos secretos com o governo Eisenhower. Os nazistas dissidentes  subseqüentemente começaram a servir ao lado de extraterrestres draconianos em conquistas galácticas imperiais que aconteceram fora do nosso sistema solar (em mais 53 sistemas estelares/solares da nossa vizinhança na galáxia).

Embora tudo isso possa parecer ficção científica para alguns leitores de QAnon, é importante ter em mente que QAnon confirmou que as tecnologias que distorcem o tempo existem e estão sendo usadas contra o Deep State. O que desejo enfatizar é que o Deep State, vinculado a esse programa espacial secreto gerido pelos nazistas dissidentes, também possui tecnologia que distorce o tempo e a está usando também para alterar a linha do tempo em que vivemos.

A melhor evidência física de que nossa linha temporal está sendo alterada é o Efeito Mandela, sobre o qual muitas pessoas observaram e escreveram. O altamente popular canal do YouTube Edge of Wonder criou um vídeo documentando as dez principais provas do efeito Mandela.

Consequentemente, a luta que estamos testemunhando entre o governo do outsider Trump / QAnon contra o Deep State faz parte de uma guerra temporal envolvendo diferentes grupos extraterrestres e humanos do futuro, com a intenção de proteger ou alterar cronogramas que impedem uma futura tirania galáctica e o completo domínio da Terra.

Embora o movimento QAnon tenha implicações importantes para preservar a República dos EUA e expor o Estado -Deep State – Profundo, muitos podem não apreciar (entender) o significado muito maior do movimento para o futuro dos demais países e de toda a humanidade e demais civilizações da galáxia em geral.

© Michael E. Salla, Ph.D. Aviso de direitos autorais


“Nos indivíduos, a loucura é rara, mas em grupos, partidos, nações e ÉPOCAS, é a regra”.  –  Friedrich Nietzsche


A Matrix (o SISTEMA de CONTROLE MENTAL):  “A Matrix é um  sistema de controle, NEO. Esse sistema é o nosso inimigo. Mas quando você está dentro dele, olha em volta, e o que você vê? Empresários, professores, advogados, políticos, carpinteiros, sacerdotes, homens e mulheres… As mesmas mentes das pessoas que estamos tentando salvar. “Mas até que nós consigamos salvá-los, essas pessoas ainda serão parte desse  sistema de controle e isso os transformam em nossos inimigos. Você precisa entender, a maioria dessas pessoas não está preparada para ser desconectada da Matrix de Controle Mental. E muitos deles estão tão habituados, tão desesperadamente dependentes do sistema, que eles vão lutar contra você  para proteger o próprio sistema de controle que aprisiona suas mentes …”


Muito mais informações, leitura adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

 

One Response to A guerra temporal do Deep State contra Trump e suas implicações galácticas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.