browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Corey Goode fala sobre MALDEK, o super planeta que explodiu no sistema solar

Posted by on 18/05/2017

Super-terra-maldekNeste episódio de Divulgação Cósmica, Corey Goode dá detalhes sobre o assunto do planeta “super-Terra” que é dito ser um antigo planeta existente em nosso sistema solar (MALDEK). Como discutido em episódios anteriores, este planeta, que tinha seu lugar entre as órbitas de Marte e Júpiter, foi destruído em uma guerra, há 251 milhões de anos atrás e o que restou dele é hoje o Cinturão de Asteroides.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

David Wilcock e Corey Goode e a Super Terra (o planeta MALDEK

Fonte: http://discerningthemystery2000plus.blogspot.com.br/

É interessante ouvir esse testemunho, como ele surgiu do relato de Corey sobre a informação contida nas Smart Glass Pads (como discutido anteriormente, esse tipo de IPad são dispositivos avançados de mídia que são disponibilizados para os membros do SSP-Secret Space Program, Programa Espacial Secreto). Foi particularmente interessante porque na época Corey nunca tinha lido o material da Lei do Um (Law Of One), e ainda ouvimos este material de SSP corroborando muitos dos detalhes existentes dentro do texto da Lei do Um.

Este é um quebra-cabeça intrincado que temos sido expostos nos últimos tempos. Temos uma situação no espaço que é completamente estranha à maioria das pessoas aqui na Terra, e somos encarregados de recuperar e verificar qualquer informação útil para nos ajudar a resolver este enigma. Embora a nossa tarefa, ainda não esteja completa, este episódio fornece uma visão separada e congruente da história antiga do nosso sistema solar.


Com isso, aqui está a transcrição do episódio, “Cosmic Disclosure: Super (MALDEK) Terra”.

smart-glass-pads

Temos agora acesso através do Complexo Industrial Militar através dos “Smart Glass Pads”– (Pastilhas de vidro inteligentes), que é uma nova tecnologia obtida dos ETs que exibe imagens e textos no que parece ser um simples pedaço de plexiglass. Eles também são dispositivos pessoais usados para transmitir filmes, vídeos, informação, música… etc.}

David Wilcock: Tudo bem. Bem-vindos a “Cosmic Disclosure”. Eu sou seu anfitrião, e eu estou aqui com Corey Goode. E neste episódio vamos começar a explorar algo da história cósmica do nosso sistema solar. Então Corey, bem-vindo ao show. 

Corey Goode: Obrigado.

David: Então, eu tinha ouvido falar sobre este planeta, uma Super Terra muito antes de você ter alguma coisa a dizer sobre isso. É mencionado em “A Lei do Um” como o planeta MALDEK. E quando voltei a estudar todo esse material, Richard C. Hoagland, e todos os anos que passei estudando seu material de 1993, quando li “Monumentos de Marte”, ele era muito incisivo na ideia de que o Cinturão de Asteroides não algo que normalmente apareceria em um sistema solar (a não ser que um planeta naquela órbita tivesse EXPLODIDO). Então, quando vemos esses asteróides, o seu conhecimento direto é que estamos vendo um campo de detritos de um planeta que desapareceu em ruínas?

Corey: Sim.

David: E o principal instrutor de Hoagland me contou sobre algo chamado Brilliant Pebbles. E quando você e eu começamos a conversar, Houve um choque audível de você ao vivo no Skype. . .

Corey: Sim.

David: . . . Quando eu mencionei Brilliant Pebbles para você.

Corey: Certo.

David: E por que foi isso?

Corey: Porque eu tinha ouvido falar desse programa.

David: Então eu posso chutar um pouco do que eu ouvi sobre isso, mas isso é principalmente sobre como você falando, então o que você ouviu sobre Brilliant Pebbles?

Corey: Um computador e programa matemático que estava reconstruindo, a partir do que eles estudaram das órbitas de grandes objetos no Cinturão de Asteróides, para calcular o tamanho e a densidade do que costumava ser um planeta (MALDEK).

David: O que costumava ser?

Corey: Hoje é o Cinturão de Asteróides.

David: E qual foi a conclusão deste programa?

Corey: Que era os restos de um planeta ao mesmo tempo.

David: Está bem. Agora, eu tenho essa informação de Hoagland, e um top insider, a quem eu me refiro como Bruce. Năo é o nome verdadeiro dele. E uma das coisas que ele me disse foi que eles estavam liberando pedras no espaço, e depois mapeando como elas se moviam, e usando isso para construir modelos de computador muito avançados de como isso funcionaria.

{Nota de Thoth: Brilliant Pebbles era um sistema não-nuclear de mini-mísseis baseados em satélite, de tamanho melancia, projetados para usar uma ogiva cinética de alta velocidade. Foi projetado para operar em conjunto com o sistema de sensores Brilhante Olhos e teria detectado e destruído mísseis sem qualquer orientação externa. O projeto foi concebido em novembro de 1986.

John H. Nuckolls, diretor do Laboratório Nacional Lawrence Livermore de 1988 a 1994, descreveu o sistema como “a realização mais importante da Iniciativa de Defesa Estratégica”. As tecnologias desenvolvidas para SDI (Strategic Defense Initiative)  foram usadas em numerosos projetos posteriores. Por exemplo, os sensores e câmeras que foram desenvolvidos para Brilliant Pebbles tornaram-se componentes da missão Clementine e tecnologias SDI também podem ter um papel nos futuros esforços de defesa antimísseis. Embora considerado um dos sistemas SDI mais capazes, o programa Brilliant Pebbles foi cancelado em 1994 pelo BMDO (Ballistic Missile Defense Organization). No entanto, está sendo reavaliada para possível uso futuro pelo MDA (Missile Defense Agency)}

Corey: O cinturão de asteróides tem sido estudado por um longo tempo. Ele foi minado, e eles sabem muito bem. Então, eles tomaram toda essa telemetria e encontraram uma maneira de rastrear com o que teria parecido em um determinado tempo.

David: Eu acho que você mencionou isso antes no programa, mas é bom repetir agora. Eles foram capazes de encontrar diferentes aspectos da existência de um planeta onde hoje estão os asteróides?

cinturao_asteroides(restos de Maldek)

Corey: Diferentes estratos. Sim.

David: Assim como o manto, o núcleo, a crosta, essas coisas diferentes. Eles foram capazes de ver essas partes diferentes que constituíram o planeta?

Corey: Certo. E encontrar diferentes partes da crosta que tinha diferentes depósitos minerais que eram ainda mais fáceis de chegar do que depósitos minerais aqui na Terra.

David: Quando eles saíram e olharam para esses asteróides, eles não eram apenas asteróides frescos, certo? Eles foram, em alguns casos, minados completamente?

Corey: Certo.

David: E havia um monte de coisas antigas sobre eles?

Corey: Certo.

David: Está bem. Assim, uma das outras coisas que temos para conversar com relação a MALDEK (Super Terra) é o cara original de Hoagland, o Dr. Thomas Van Flandern, que criou o que chamou de Hipótese do Planeta Explodido, ou EPH. E isso é falar sobre dados científicos muito complexos, que não inclui apenas os asteróides. Também inclui perturbações orbitais no sistema solar. E inclui todos os cometas. Então ele acreditava que os cometas eram os pedaços de oceano do planeta que congelaram e se transformaram em gelo – gelo de água. E Van Flandern rastreou todos esses cometas e mostrou que todos eles realmente. . . Você liga para trás, todos eles vêm surgir de um único ponto de origem – como foi aonde os oceanos (de MALDEK) se foram. Então você ouviu algo assim sobre os cometas em Brilliant Pebbles?
 
Corey: Havia gelo em uma certa região que veio do planeta que explodiu.

David: Hm. Então, isso teria sido os oceanos que secaram por congelamento no espaço?

Corey: Certo. A água do planeta.

David: Sim. Ele estava saindo da facção militar do programa espacial. E vamos fazer um episódio inteiro só nisso. Mas ele disse que não há extraterrestres, que tudo lá fora é nosso, e é apenas todo o material avançado que conhecemos. E isso foi outra coisa que era consistente com o que você tinha ouvido.

Corey: Certo.

David: Então, a partir desta perspectiva militar, eles criaram uma narrativa sobre extraterrestres antigos que vieram e se foram e não estão mais aqui agora, Mas então eles tinham toda essa linha de história construída em torno dela. Ele não usou o termo “Ancient Builder Race” que eu me lembro. Isso foi algo que eu ouvi de você. 

Corey: Eu queria saber se ele estava falando sobre o mesmo assunto.

David: Mas ele basicamente me deu a mesma informação. Agora, isso foi uma coisa estranha, porque quando comecei a falar com você, eu tinha tomado seu testemunho no valor nominal como sendo preciso. E o que lhe foi dito, seja qual for o nível de compartimentalização em que ele estivesse, era que esta raça ABR-Ancint Builder Race, Raça de Antigos Construtores – e usaremos esse termo, mesmo que ele não o use – a raça ABR foi há cinco milhões de anos que tudo isso, essas coisas aconteceram. (Nota de Thoth: Para ser um “pouco” mais exato, a explosão do planeta MALDEK aconteceu há cerca de 251 milhões de anos.). Mas os seus dados sobre a raça Ancient Builder é realmente muito mais tempo do que isso.

Corey: Certo.

David: Quais foram os dados reais que lhe dado de quando esses artefatos feitos pela Ancient Builder Race apareceram?

Corey: Eles tinham muitos dezenas de milhões de anos de idade – mais atrás do que qualquer outro tipo ou sinais de civilização ou os novos grupos de ETs que se movimentaram por aqui no passado.

David: Será que eles têm alguma capacidade de tentar obter um tempo específico ou que apenas foram incontáveis milhões de anos de idade?  

Corey: Há muito pouco que se sabia sobre eles. Quando encontraram suas estruturas, cada vez que encontraram as estruturas que foram especialmente expostas, havia lugares que obviamente tinham glifos sobre eles, mas cujas inscrições tinham sido limpadas por outras raças que tinham chegado bem depois. Então, havia muita mitologia entre todos os diferentes grupos que estavam criando muita mitologia sobre eles. Mas quando se tratava dos caracteres inscritos, muito pouco se sabia sobre eles – só um monte de mistério.

David: Bem, você tinha mencionado antes, uma tecnologia de afinação cronológica que tinha sido usada pelos  nazista remanescentes que permaneceram na Lua e Marte, que aparentemente tinham viajado no tempo para criar.

Corey: Certo.

David: Essa tecnologia funciona se você voltar muitos milhões de anos ou começa a se tornar muito menos precisa?

Corey: Funciona. Começa a tornar-se menos precisa, e você obtém períodos de tempo mais amplo.

David: Ok, então o que Bruce, o meu insider informante, tinha dito originalmente, isso era algo muito interessante porque ele me disse que era uma divulgação autorizada do governo dos Estados Unidos. Que eles não queriam nos falar abertamente sobre isso de uma forma importante, mas que eles iriam alcançar certas pessoas que estavam semeando coisas na comunidade UFO e dar-lhes esta informação para que ela se tornasse parte da consciência pública e esta revelação foi o primeiro passo.

Corey: É assim que a divulgação parcial vai funcionar. Eles vão dizer às pessoas que há uma atmosfera, em Marte

David: Eu vi isso na noite passada.

Corey: Ha, ha.

David: E água.

Corey: Há água líquida em diferentes planetas. E então eles vão finalmente chegar a um ponto onde eles conseguem fazer a sua narrativa de divulgação, mas esta lenta, a narrativa de divulgação parcial. E então eles vão tentar essa narrativa para falar sobre esta antiga (ABR) raça de ETs que costumava estar aqui e que desapareceu, isso é muito antigo. E isso será provavelmente o primeiro pedaço de informação que as pessoas receberão.

David: Que tipo de efeito eles estão pensando que acontecerá se eles disserem que houve uma Antiga Raça de Construtores?

Corey: Bem, eles estão preparando as pessoas para saberem disso já, com uma grande parte da antiga narrativa alienígena que está acontecendo.

David: Então as pesquisas mostram que mesmo nas partes mais tradicionais da América, as partes que não estariam abertas a novas informações, estamos olhando para uma taxa de 57% de aceitação da existência de vida extraterrestre. Então, a velha idéia de que, “Oh, ‘Guerra dos Mundos’, tudo vai acabar caindo. As pessoas vão entrar em pânico. “Não vai acontecer” se eles liberarem esta narrativa de que uma raça antiga estranha e interessante estava aqui há muito, muito tempo.

Corey: Certo. Isso é o que eles acreditam.

David: Será que esta Super Terra, você acha, vai ser uma parte importante daquela primeira onda – falando que o Cinturão de Asteroides realmente já foi um planeta antes?

Corey: Sim. Nós’ Provavelmente ouviremos alguma versão da história do nosso sistema solar que eles “aprenderam”.

David: A idéia que Hoagland apresentou também incluiu a noção de que Marte era um planeta aquoso que era realmente uma lua capturada em torno desta Super Terra – que ambos tinham oceanos – e que esta explosão que criou os asteróides esmagou um lado de Marte apenas e causou danos excessivos. Isso foi consistente com o que você ouviu das Smart Glass Pads, ou como foi que você entrou em contato com essa informação?

Corey: Sim. Foi postulado que Marte era mais provável uma lua daquele planeta tipo Super Terra (MALDEK), e que foi danificado pesadamente em um lado por impactos maciços dos pedaços do planeta que atingiram sua superfície. E que provavelmente também acabou com a maior parte de sua atmosfera na época, e nunca mais se recuperou.

David: Nunca se recuperou?

Corey: Sim. Nunca se recuperou totalmente ao que era antes.

David: Então essas pessoas que se estabeleceram na Super Terra. . . O que ouvimos de Bruce foi que lhe foi dito que eles não sabem ao certo, há um monte de mistério, mas que foi entre 3 e 10 diferentes grupos extraterrestres que vieram passando e se estabeleceram em nosso sistema solar. Ele parecia pensar que quem construiu todas essas ruínas em todas as diferentes luas em todo nosso sistema solar foi a mesma civilização que estava na Super Terra. Mas, à luz do que você compartilhou em contato com seres da Inner Earth Alliance, essas pessoas (maldequianos originais) que estavam na Super Terra não parecem ser a raça ABR dos antigos construtores.

Há muito tempo somos visitados pelos "ANJOS do SENHOR" ...

Há muito tempo somos visitados pelos “ANJOS do SENHOR” …

Corey: Não. Eles não são a raça dos antigos construtores.

David: Está bem.

Corey: E parece que informações mais recentes que eu recebi estão nos dizendo que a Terra recebeu refugiados, em diferentes pontos da sua história, de muitos planetas diferentes, pelo menos, no nosso sistema solar onde os planetas falharam e os seus habitantes tiveram que abandoná-los e vieram para a Terra como refugiados.

David: E isso seria Marte e a Super Terra?

Corey: Sim.

David: E, novamente, isso é completamente coerente com o que “The Law of One” realmente diz. Eles descreveram o planeta Super Terra – que eles chamam MALDEK – e dizem que ele explodiu, eu acredito que eles dão um tempo que foi há 800.000 anos atrás.

Então, Não é exatamente o mesmo que os dados que Brilliant Pebbles calculou, porque quando eu falei com esse cara, Bruce, eles estavam falando como cerca de 500.000 anos atrás.

Corey: Certo.

David: Então é isso que você viu nos dados do Brilliant Pebbles também?

Corey: Certo.

David: Está bem. Então outra coisa que foi uma grande parte do que Bruce compartilhou comigo, foi que as pessoas no planeta MALDEK (Super Terra) estavam começando a construir um anel em torno de Saturno que era feito de algum tipo de liga de alumínio transparente e que, se o anel tivesse sido terminado, eles teriam uma arma de pulso que poderiam usar para destruir outros mundos.

Ele disse que esta arma foi atacada e destruída ao mesmo tempo que a Super (MALDEK) Terra também foi destruída, e que os remanescentes destroços formaram os anéis de Saturno, e que eles iriam lá e estudariam essas partes desses pedaços. . . Havia grandes pedaços que pessoas poderiam viver dentro deste anel quebrado que você ainda poderia sair e olhar. Você encontrou alguma dessas informações?

Corey: Eu encontrei informações sobre os anéis que estão cheios de artefatos semelhantes a isso …

David: Oh.

Corey: . . . Mas eu não tinha ouvido as informações sobre ele ser uma arma gigante.

David: Quais foram os dados específicos que você tem sobre isso?

Corey: Que tinha a liga transparente.

David: Sério?

Corey: Sim. Mas tinha detritos que parecia ser uma parte de estruturas.

David: Uau. Estruturas quebradas?

Corey: Sim.

David: Muito interessante.

Corey: Sim. Destruída.

David: Está bem. Agora eu também quero salientar que Bruce disse que na borda do anel B estão os maiores pedaços do anel e que é onde a arma estava originalmente. Então vamos dar uma olhada agora em um par de imagens desses supostos cristais de gelo no B-anel.

anel-b-saturno

Um local na borda externa do Anel B, visto pouco antes do equinócio, onde as sombras são lançadas por estruturas verticais de até 2,5 km de altura, provavelmente criadas por pequenas luas ocultas e não vistas. A Divisão (espaço vazio) Cassini está no topo.

Então, se você está olhando para esta imagem, o que você está vendo agora são sombras que são lançadas, e como nós ampliamos a imagem, você vê que há realmente alguns pedaços muito grandes lá. E sombras realmente lançadas para os anéis. Então, o que ouvimos de Bruce é que os supostos cristais de gelo são realmente grandes pedaços em que as pessoas poderiam viver, mas estas podem ser pessoas de uma altura extrema.

Agora, esta é outra área onde nossos dados estão correlacionados. Bruce me disse que esses quartos foram construídos para pessoas que seriam como 70 pés (21 metros) de altura. Agora, você ouviu sobre haver ruínas que foram construídas para pessoas desse tipo de tamanho e estatura?

Corey: Certo. Sim. Nós falamos sobre as diferentes ruínas sendo encontradas com enormes cadeiras de pedra esculpidas na rocha e tetos e portas e plataformas tipo mesas que foram obviamente construídas para seres muito, muito mais altos. Um monte de coisas antigas que foram encontradas (em diferentes planetas e luas do sistema solar) são também a partir do tempo de quando houve um planeta Super (MALDEK) Terra e esse tipo de coisa.

David: Está bem. Então,

Corey: Sim, há algum cruzamento. As lajes que foram encontradas da raça dos antigos construtores, que obviamente não são sarcófagos, mas nas quais as pessoas se deitam para serem curadas. . . Quando os humanos se deitassem sobre elas, seriam muito maiores do que o que seria necessário para um ser humano atual se deitar.

David: Eles ainda funcionam para a cura?

Corey: Sim.

David: Sério?

Corey: Uh hm.

David: Uau! O anel que você nunca ouviu falar, mas que você ouviu sobre os restos quebrados de algo que estava lá?

Corey: Algo, sim. Um ponto a se notar … Existem muitos assuntos discutidos aqui que podem parecer possíveis para muitos, estranhos para alguns, e para outros, eles podem parecer impossíveis. A verdade é que quando somos expostos apenas aos acontecimentos limitados na superfície de um planeta, nosso conceito de realidade é significativamente impedido em relação à precisão do julgamento entre “possível” e “impossível”. A chave, acredito, é perceber primeiro que nossa realidade não é exatamente o que nos ensinaram a acreditar. A observação é uma habilidade – que devemos dominar por nós mesmos, sem a necessidade de confiar, ou cegamente adotar as crenças dos outros.

Se não tivermos aprendido esta habilidade em profundidade, podemos não ter observações confiáveis para fazer julgamentos precisos. Assim como qualquer habilidade, isso requer prática, e uma vez que uma pessoa encontra seu poder dentro de si mesma, eles se tornam mais capazes de determinar com precisão a probabilidade das possibilidades desconhecidas como as discutidas aqui. Isso é discernimento. Além disso, uma dica útil … Aqueles que são capazes de aprender com independência emocional de suas próprias crenças e idéias (como apegado a dependência emocional) será o primeiro a aprender essas habilidades.

A estrela da Morte (Star Death) da saga Star Wars

A estrela da Morte (Star Death) da saga Star Wars

David: Ok. Então, para continuar com a história de Bruce, ele disse que os habitantes deste planeta Super (MALDEK) Terra tinha sido uma espécie muito guerreira, e que eles haviam explorado e eles tinham realmente guerreado com algumas raças em outros sistemas estelares. Você ouviu algo sobre os habitantes deste planeta Super (MALDEK) Terra terem uma tecnologia que lhes permitisse ter deixado o sistema solar e ter feito guerras a outros planetas em outros sistemas solares?

Corey: Eu estava com cientistas que estavam procurando por dados, principalmente dados científicos. Muita dessa informação que está sendo derramada  desta maneira vem de grupos diferentes que postulam as suas crenças raiz. Existem diferentes grupos – grupos de sindicatos (a Cabala) secretos do governo da Terra que têm crenças ocultas diferentes que estão tentando se alinhar a todas essas diferentes narrativas. E não há realmente nada muito conhecido – quer dizer, totalmente conhecido. Mas há muita gente tentando amarrar suas descendencias  a linhagens desses planetas ou amarrar sua mitologia a essas narrativas, de alguma forma. Então eu simplesmente vi um monte de dados científicos e informações mas não fui exposto a um monte de teorias.

David: Bem, vamos extrapolar o que você sabe. Claramente, as pessoas no planeta Super Terra tinham tecnologia muito superior ao que nós temos disponível hoje.

Corey: Certo.

David: Claramente, eles tinham a habilidade de viajar para outros planetas no sistema solar, como Saturno, e construir essa estrutura maciça – quero dizer, do tamanho de Saturno. Para realmente construir um anel que vai ocupar dois terços do diâmetro em torno de Saturno é quase uma conquista arquitetônica impensável.

Corey: E as pessoas no Conselho da Terra Interior declararam que os antigos habitantes dos planetas em nosso sistema solar eram extremamente avançados tecnologicamente e extremamente agressivos, e que eles destruíram suas civilizações e os sobreviventes tiveram que ser realocados aqui como refugiados por outras raças de  ETs que vieram no seu auxílio.

David: E mais uma vez, tudo isso é notavelmente preciso com o que “A Lei do Um” diz, e que você não tinha conhecimento quando isso aconteceu com você.

Corey: E ainda não sei tudo. Ha, ha.

David: Ha, ha. Então, essa civilização que estava na Super (MALDEK) Terra também se instalou Marte ao mesmo tempo, se lá tivesse oceanos e água?

Corey: As informações mais recentes que eu tenho é que estes eram dois grupos diferentes que  surgiram independentemente nesses planetas diferentes, mesmo que um pode ser considerado uma lua do outro.

David: Minha especulação pessoal, baseada na tentativa de conectar os pontos com o conteúdo da “A Lei do Um”, foi que Marte foi fortemente danificado pela explosão, mas não foi completamente danificado ao de não mais poder abrigar vida humana, mesmo que talvez envolvesse um monte de bases subterrâneas que já poderiam ter sido construídas antes que a destruição acontecesse.

Guerras interplanetárias já aconteceram em nosso sistema solar, em um passado remoto.

Guerras interplanetárias já aconteceram em nosso sistema solar, em um passado remoto.

Corey: Certo.

David: Você acha que isso é possível?

Corey: Certo. Certo.

David: Está bem.

Corey: Mas a superfície, o ecossistema anterior, tinha desaparecido.

David: Certo, mas eles poderiam ter tido uma vasta infra-estrutura subterrânea construída no planeta.

Corey: Certo. Ambos (MALDEK e Marte) eram civilizações avançadas. Então, sim, isso faria sentido.

David: Está bem. Então a próxima coisa foi. . . E isso vai começar a seguir para o que vamos continuar a falar no próximo episódio, a lua. Em vez de eu abrir minha boca grande, vamos mantê-lo simples e no que você tem para nos dizer. De onde veio a nossa Lua? O que diabos está acontecendo com a lua – a nossa Lua que gira ao redor da Terra.

Corey: Certo. De acordo com o conteúdo das Smart Glass Pads e o que me foi relatado, é que – e isso é muito controverso – que a nossa Lua chegou à Terra em torno de cerca de 500.000 anos atrás.

David: Chegou?

 

Corey: Chegou.

David: Está bem. Vamos ter que esclarecer o que isso significa. Ha, ha.

Corey: Bem, ela chegou e formou uma espécie de fechadura de maré com o núcleo da Terra.

David: Oh. Chegou à Terra.

Corey: Para a Terra.

David: Está bem.

Corey: E em uma órbita que muda muito pouco ao longo do tempo. E é originária da explosão de (MALDEK) Super Terra.

David: Ele veio para a Terra?

Corey: Certo.

David: Então ela se distanciou do. . . Na medida em que a Super (MALDEK) Terra explodiu, que a lua flutuou e de alguma forma foi gravitacionalmente capturada pela Terra?

Corey: Sim.
 
David: Parte da informação era que a Lua estava sob controle inteligente, que era artificial, e que estava abrigando refugiados aqui.?

Corey: Sim.

David: Então nem todas as informações falam a mesma coisa?

Corey: Certo. Sempre houve discussão. . . Cada vez que você tinha novas informações, você tinha que fazer um tipo de revisão por comparações – visão oposta, porque isso também poderia significar algo. Isso sempre esteve presente. Mas você sempre teria que considerar o quadro de fundo, e também, ver que havia outros pontos de vista, embora exista um que era o aceito pela maioria.

David: Quem eram a maioria?

Corey: Outros cientistas.

David: De qual facção estamos falando? ICC?

Corey: Bem, isso seria muito provavelmente um conjunto. . . Todos eles falam a mesma língua, você sabe, concordam com o mesmo tipo de coisas, mas eu não sei qual o padrão que era, mas eles tinham um processo de revisão pelos seus pares. Não foi justo. . . Um cientista não poderia simplesmente fazer um experimento e chegar a uma conclusão e, em seguida, colocá-lo no banco de dados como um fato. Ele tinha que passar por um processo de análise e aprovação dos seus pares também.

Nossa Lua é artificial e completamente oca, com várias bases extraterrestres e da própria humanidade, construídas em seu lado oculto.

Nossa Lua é artificial e completamente oca, com várias bases extraterrestres e da própria humanidade, construídas em seu lado oculto.

{Nota de Thoth: Excerto do Post Informações sobre a nossa “LUA

A LUA  que acompanha o planeta Terra foi trazida para o seu Sistema Solar, para orbitar a Terra, há cerca de 1,7 bilhões dos seus anos. Nessa época a Lua estava mais próxima da Terra do que está agora, e ela está “programada”  para se posicionar à exata distância de 30 diâmetros da Terra no “FINAL desse atual ciclo galáctico“…A sua Lua dá a volta no seu planeta em 655,719 horas, e também gira em seu eixo, uma volta completa a cada 655,719 horas, portanto vocês só vêem um lado da mesma, sempre.

Mas não foi sempre assim, há cerca de um milhão de anos, quatro balanceadores foram instalados na sua Lua pra sincronizar os movimentos dela com a velocidade de rotação do seu planeta. Nada é “artificial” no Universo… A sua Lua é tão antiga quanto o seu Sistema Solar, ela foi produzida por uma raça altamente inteligente e foi trazida para a órbita da Terra com o propósito de diminuir a velocidade de rotação do seu planeta.}

David: E acho interessante para as pessoas entenderem que não temos todas as respostas. Eles estão fazendo pesquisas e estão tentando conectar os pontos com uma expedição arqueológica da mesma maneira que encontraríamos uma cidade antiga e cavaríamos, e então teremos que estudar os pontos e estudar a escrita e ver se podemos decifrar a escrita e todo esse tipo de coisa.

Corey: Certo. E eles tentam ficar longe de uma grande parte da mitologia dos diferentes grupos de ETs. Há diferentes grupos que têm um monte de idéias diferentes sobre quem eram todas essas raças diferentes envolvidas ao longo de um tempo considerável. Há diferentes narrativas de diferentes grupos de raças extraterrestres.

David: Diferentes grupos extraterrestres, você está dizendo?

Corey: As pessoas que vieram desses planetas que foram destruídos, ou perderam sua viabilidade, que trouxeram os refugiados para à Terra, para a superfície do nosso planeta. Diferentes grupos têm diferentes descrições de quem são essas pessoas e o que e como isso foi feito – diferentes narrativas que se encaixam em seus sistemas de crença.

David: Certo. Portanto, não há um padrão absoluto do que realmente aconteceu que qualquer um pode concordar neste momento?

Corey: Certo.

David: Bem, isso é frustrante, mas acho que é o resultado de pessoas diferentes dizerem e fazerem coisas diferentes, elas não podem estar todas de acordo.

Corey: Certo.

David: É como com a religião.

David: E estes são provavelmente como religiões, certo?

Corey: Sim.

David: São crenças religiosas, em certo sentido.

Corey: Bem, sim são. Todos estes diferentes sindicatos do governo da Terra têm diferentes raízes ocultistas. E eles tentam amarrar tudo às suas crenças ocultistas e tentar encaixar tudo na narrativa de suas crenças de grupo.

David: Então você foi informado pelas pessoas na Terra (Inner Earth) Interior, com base em suas informações – e eles estão bem aqui no nosso quintal, então se eles estiveram por perto. . .

conspiração-et-bilderberg-illuminati (2)

Corey: Sob o nosso quintal. Ha, ha.

David: Sim, ha, ha. Alguns deles têm estado por aqui já em torno de, como você disse, entre 17 a 19 milhões de anos.

Corey: De 17 a 18 milhões de anos.

David: Ente 17 a 18. Isso é muito tempo.

Corey: Certo.

David: Isso significaria que o que aconteceu a esta Super (MALDEK) Terra foi há muito tempo depois que eles estavam aqui para testemunhar o que estava acontecendo.

Corey: Correto.

David: Essa é uma perspectiva muito interessante que eles teriam tido. E você disse no episódio anterior que eles estavam bastante chateados quando refugiados dos planetas destruídos, tanto da Super Terra assim como Marte, foram finalmente transplantados e colocados na Terra.

Corey: Sim.

David: Por que eles ficaram (egoisticamente) tão infelizes com isso?

Corey: Porque esta raça foi muito agressiva e imediatamente começou a se afirmar neste planeta e cruzar com a seres humanos da superfície que eram naturais da Terraa – se cruzam uns com os outros, os outros grupos. E tudo acabou misturando em uma raça misturada. Eles nos consideram uma raça humana misturada na superfície.

David: E essa agressividade é o que nos torna, para eles, muito perigosos.

Corey: Sim. Muito imprevisível, perigosos.

David: Uma das outras coisas que Bruce disse que eu quero falar para você é como. . . As pessoas vão estar dizendo – e nós vamos voltar para você falar sobre refugiados, mas como este anel construído em torno de Saturno se tornou uma arma? Então eu só quero explicar o que ele disse. O que o seu conhecimento lhes disse.

Aparentemente, é como a máquina de terremoto de Tesla. Se você voltar e olhar para os soldados romanos marchando através de uma ponte, eles tiveram que marchar fora do passo. E se todos os soldados marcharem à mesma velocidade, a ponte começa a tremer para cima e para baixo e acabará por se partir. A máquina de terremoto de Tesla aparentemente envolvia um conceito semelhante, onde há uma série rítmica de batidas e acumula uma onda de ressonância que, eventualmente, cria um terremoto maciço.

Então, o que ele disse foi que o anel foi projetado para enviar pulsos em Saturno, e os pulsos que refletem de volta para o anel e, em seguida, de volta para o planeta. E apenas acumularia essa carga incrível. E então o anel poderia realmente direcionar o feixe para qualquer local no espaço tridimensional que ele quisesse ir. Eles poderiam triangular o feixe para basicamente qualquer local. Agora, isso soa muito como um filme que todos nós conhecemos e amamos, não é? (Star Wars).

Corey: Sim.

David: Uma das outras coisas que Bruce disse foi que “Star Wars” na verdade não era apenas ficção – que era um filme de divulgação. E quando começamos a falar sobre um anel em torno de Saturno que pode ser uma arma que destrói um planeta, isso soa muito familiar, não é?

Corey: Certo. Há um monte de pequenas advertências diferentes em “Star Wars”. Algumas das espaçonaves do Império parecem muito semelhantes a espaçonaves da frota da Dark Fleet. Alguns dos conceitos de “A Força” e o Senhor das Trevas Siths, eu encontrei para ser consistente com alguns destes cultos de sindicato da Cabala que os grupos de Illuminati acreditam ser muito forte, eles são a parte negra da “Força”: “Que a Força esteja com Você”. Ha, ha.contagem-regressiva-azul

David: Então, no próximo episódio, esses dois assuntos definitivamente vão estar juntos. Nós vamos entrar no que exatamente aconteceu com a nossa Lua e realmente mergulhar nessa história. Isso está chegando na próxima vez aqui em “Cosmic Disclosure”. Eu sou seu anfitrião, David Wilcock, e agradeço-lhe por nos ler.

[Fim da transcrição]


“CONHECE-TE A TI MESMO E CONHECERÁS TODO O UNIVERSO E OS DEUSES, PORQUE  SE O QUE TU PROCURAS NÃO ENCONTRARES PRIMEIRO DENTRO DE TI MESMO, TU NÃO ACHARÁS EM LUGAR ALGUM” Frase escrita no pórtico do Templo do Oráculo de Delphos, na antiga Grécia.


Mais informações:
  1. http://thoth3126.com.br/operacao-highjump-nazistas-na-antartica/
  2. http://thoth3126.com.br/nazistas-na-antartica-operacao-highjump-final-2/
  3. http://thoth3126.com.br/nazismo-operacao-paperclip/
  4. http://thoth3126.com.br/o-3o-reich-nazista-fatos-desconhecidos/
  5. http://thoth3126.com.br/eventos-incriveis-acontecendo-na-antartica/
  6. http://thoth3126.com.br/nazistas-na-antarticaum-video-russo-a-respeito/
  7. http://thoth3126.com.br/a-sociedade-thule-e-adolf-hitler/
  8. http://thoth3126.com.br/discos-voadores-dos-nazistas-alemaes/
  9. http://thoth3126.com.br/sociedades-secretas/
  10. http://thoth3126.com.br/carta-de-um-politico-da-noruega-sobrefimdostempos/
  11. http://thoth3126.com.br/serpo-zeta-reticuli-o-programa-de-intercambio-post-6/
  12. http://thoth3126.com.br/entrevista-com-um-alienigena-introducao/
  13. http://thoth3126.com.br/antartica-aberturas-e-base-nazista-neuschwabenland/
  14. http://thoth3126.com.br/nazismo-os-arquivos-secretos-da-waffen-ss/
  15. http://thoth3126.com.br/illuminati-1-revelacoes-de-um-membro-no-topo-da-elite/
  16. http://thoth3126.com.br/eua-sabiam-sobre-acordo-nazista-com-extraterrestres-de-draco/
  17. https://thoth3126.com.br/secredos-ocultos-e-proibidos-da-sociedade-secreta-nazista-vril/
  18. https://thoth3126.com.br/estatua-de-deus-roubada-pelos-nazistas-feita-de-meteorito-com-15-mil-anos/
  19. https://thoth3126.com.br/os-nazistas-construiram-bases-em-antigas-ruinas-na-lua-e-em-marte/
  20. https://thoth3126.com.br/nazistas-eram-cacadores-de-antiga-artefatos-tecnologia-perdida/

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

thoth(172x226)www.thoth3126.com.br

4 Responses to Corey Goode fala sobre MALDEK, o super planeta que explodiu no sistema solar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *