browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Coronavírus Covid-19, mais de 3 mil mortes em mais de 60 países e territórios

Posted by on 02/03/2020

Coronavírus Covid-19, atualização desta segunda-feira: China se prepara para enfrentar uma segunda catástrofe, uma “praga de gafanhotos” de proporções bíblicas que assola o leste da África, Arábia Saudita, Paquistão e agora chega na China. Número de mortes pelo coronavírus supera 3 mil, mais de 60 países atingidos até ontem, com a Indonésia, Andorra, Islândia, Portugal, República Tcheca, Escócia, República Dominicana e o estado da Flórida apresentando seus primeiros casos. Coreia do sul é o segundo país mais afetado agora com mais de 4 mil infectados.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Número de mortes pelo coronavírus supera 3 mil, mais de 60 países atingidos. Os governos estão intensificando os esforços para conter infecções enquanto Indonésia, Andorra, Islândia, Portugal, República Tcheca, Escócia, República Dominicana e o estado da Flórida relatam os seus primeiros casos.

Fontes:  Aljazeera – ZeroHedge –

Por Kate Mayberry & Virginia Pietromarchi – Tyler Durden

Uma manchete da agência de notícias Reuters do final de domingo chamou nossa atenção e nos sentimos obrigados a compartilhar: a Administração Estadual de Florestas e Pastagens da China alertou que a segunda maior economia do mundo poderia enfrentar uma devastadora “Invasão de uma praga de Gafanhotos” de proporções bíblicas.

  • Segunda morte nos EUA relatada no estado de Washington, nos EUA;
  • OCDE alerta que crescimento global pode cair pela metade;
  • Indonésia relata primeiros casos;
  • Índia confirma mais 2 casos;
  • Número oficial de mortos no Irã atinge 66;
  • UE confirma 38 mortes em 18 países membros;
  • Primeiros casos confirmados na Flórida;
  • Andorra, Islândia e Portugal relataram seus primeiros casos
  • 2 funcionários da Amazon testam positivo em Milão;
  • Vírus agora em 7 estados dos EUA: Washington, Califórnia, Illinois, Rhode Island, Nova York, Flórida e Oregon;
  • Paciente com vírus em San Antonio foi re-hospitalizado após teste positivo;
  • China alerta que pode enfrentar ‘invasão de praga de gafanhotos’;

Segundo a Associated Press , a China está reunindo um exército de patos de mais de 100.000 “soldados” que eles enviaram ao Paquistão para ajudar a combater uma infecção maciça por gafanhotos, segundo a Associated Press , citando a mídia local.  FONTE

No mês passado, informamos que a China estava empregando um “exército de patos” para ajudar o Paquistão a combater uma invasão de gafanhotos, uma praga que também está afetando agricultores de todo leste da África.  Parece que Pequim vai precisar de seus “patos soldados” de volta. Enquanto isso, o Global Times agora está zombando do CDC [Centers for Deceases Control] por se recusar a recomendar que os americanos usem máscaras faciais.

O Japão relata 15 novos casos de coronavírus, informou a Reuters, elevando o total de países para 271, excluindo os 705 da Diamond Princess.Stella Kyriakides, Comissária Europeia de Saúde e Segurança Alimentar, confirmou nesta segunda-feira que a UE possui 2.100 casos confirmados e 38 mortes confirmadas em 18 estados membros. O bloco também elevou seu nível de alerta de risco de “moderado” para “alto”.

No entanto, todas as fronteiras europeias permanecem abertas …

Logo depois que a Coréia do Sul elevou seu número confirmado de casos para cerca de 4.300 infectados durante a noite, o Ministério dos Transportes da Coréia do Sul disse que os vôos da Coréia do Sul para os EUA começariam a rastrear todos os passageiros com verificações obrigatórias de temperatura – técnicas que já demonstraram não ser totalmente eficazes. Trump parece hesitar em dar um tapa na Coréia do Sul e na Itália com as mesmas restrições de viagem que ele usou na China. Se ele se importa em ser reeleito, ele pode querer reconsiderar sua posição.

Apósseis semanas de especulações sobre como a Indonésia conseguiu evitar um surto, especialmente considerando os milhares de viajantes de Hubei que visitaram o país, o governo do quarto maior país do mundo em população confirmou que dois pacientes haviam testado positivo na segunda-feira, relata a Reuters . Em outras notícias, o Goldman Sachs adiou todas as viagens não essenciais para sua equipe “efetiva e imediatamente”, de acordo com um memorando visto pela Reuters.

A Indonésia anunciou seus dois primeiros casos de coronavírus, enquanto o Irã registrou mais 11 mortes pelo vírus, elevando o número de mortos para 54 – o mais alto fora da China. O número de pessoas infectadas na Itália – o centro do surto na Europa – saltou para 1.694, enquanto o número na França aumentou para 130. Com o surto se aprofundando, a equipe do Louvre em Paris votou pelo fechamento do icônico museu. 

A República Tcheca, a Escócia e a República Dominicana confirmaram seus primeiros casos. Formalmente conhecido como COVID-19, o vírus até agora infectou mais de 89.000 pessoas em 60 países e territórios.

Esta é a situação neste resumo para segunda-feira, 2 de março

Vírus ‘maior perigo’ para a economia global: OCDE

O coronavírus apresenta à economia mundial o seu maior perigo desde a crise financeira global em 2008, com a bolha do mercado imobiliário nos EUA que quebrou o Banco Lehman Brothers, segundo a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Espera-se uma forte desaceleração do crescimento global no primeiro semestre de 2020, à medida que as cadeias de suprimentos de matérias primas, peças, combustíveis, serviços e commodities são atingidas, o turismo cai afetando pesadamente a indústria do transporte aéreo e a confiança diminui.

Imagem

Aeroportos vazios: O Coronavírus COVID19 apresenta ameaça a economia global com seu maior perigo desde a crise financeira de 2008, aumentando o risco de restrições ao movimento (de pessoas, bens e serviços), menor confiança nos negócios e no consumidor, retardando a produção de serviços e bens de consumo.

A economia global deve crescer apenas 2,4% neste ano, a menor desde 2009 e abaixo da previsão de 2,9% em novembro, segundo o fórum de políticas de Paris. No entanto, se o vírus se espalhar pela Ásia, Europa e América do Norte, o crescimento global poderá cair para 1,5% este ano.

Irã relata aumento no número de mortes

Sessenta e seis pessoas morreram e 1.501 pessoas foram infectadas por coronavírus no Irã, disse o vice-ministro da Saúde Alireza Raisi em um anúncio na TV estatal. “Os últimos números definitivos que temos são 523 novas infecções e 12 novas mortes, portanto o número total de pessoas infectadas é de 1.501 até agora e o número de mortes é de 66″, disse ele.

Morre membro do Conselho de Expedição do Irã

A rádio estatal anunciou que Mohammad Mirmohammadi, 71, membro do Conselho de Expedição, morreu após contrair o coronavírus. Outros membros proeminentes infectados no país incluem a vice-presidente Masoumeh Ebtekar e Iraj Harirchi, chefe da força-tarefa do país no COVID-19.

Israelenses vão às urnas pela terceira vez com máscaras e luvas 

Enquanto os eleitores em Israel vão às urnas pela terceira vez em menos de um ano, 16 cabines de votação dedicadas foram montadas em todo o país para cerca de 5.500 pessoas que foram colocadas em quarentena após viajarem para áreas consideradas hotspots de surtos.

Paramédicos vestidos com equipamentos de proteção da cabeça aos pés estão de pé ao lado das assembleias de voto para ajudar os eleitores possivelmente infectados. “A situação está sob controle, disse Moshe Bar Siman-Tov,  diretor-geral do Ministério da Saúde de Israel, pedindo aos cidadãos que não hesitem em sair para votar. 

Leia mais sobre as eleições israelenses aqui .

Um paramédico em traje de proteção assiste um homem enquanto ele se prepara para votar em uma assembleia de voto especial criada para pessoas em quarentena [Amir Cohen / Reuters]

Mais países confirmam primeiros casos 

Andorra, Islândia e Portugal relataram seus primeiros casos. Nos três países – que registraram um, três e dois casos, respectivamente – as pessoas que apresentaram resultado positivo haviam viajado recentemente para a Itália, que é o epicentro do surto de vírus na Europa. 

França vê efeito negativo no crescimento econômico ‘muito mais significativo’

O governo francês alertou que o efeito do coronavírus na economia será em escala maior que as estimativas anteriores e prometeu fornecer o apoio necessário às empresas. Falando na televisão France2, o ministro das Finanças, Bruno Le Maire, disse que o impacto do vírus será “muito mais significativo” do que a redução de apenas 0,1% no crescimento que seu ministério havia previsto duas semanas atrás. Os setores de viagens e turismo do país já foram atingidos pesadamente quando as empresas e os turistas reduziram as viagens e cancelaram as convenções, eventos e shows programadas ao longo do primeiro semestre.

Kuwait registra 10 novos casos

Um funcionário do Ministério da Saúde do Kuwait anunciou 10 novos casos de coronavírus, elevando o número total para 56. Em comentários feitos  durante uma entrevista coletiva transmitida pela televisão estatal, o funcionário pediu aos  cidadãos que evitem reuniões e aglomerações em locais públicos para impedir a propagação do vírus.

Um homem usa máscara protetora, após o surto do novo coronavírus, no Kuwait. [Stephanie McGehee / Reuters] 

Primeiras transmissões da comunidade na Austrália

Autoridades na Austrália disseram que uma mulher e um médico contraíram o coronavírus, tornando-se o primeiro caso de transmissão comunitária no país. O ministro da Saúde do estado de Nova Gales do Sul, Brad Hazzard, disse que um médico de 31 anos testou positivo para o coronavírus, embora não esteja claro de quem ele contratou o vírus.

Autoridades estaduais disseram que uma mulher de 41 anos foi testada depois que seu irmão retornou à Austrália do Irã, um país que emergiu como um hotspot de coronavírus no Oriente Médio.

Austrália adverte que não pode impedir a disseminação de coronavírus vindo do exterior

O diretor médico da Austrália disse que não é mais possível impedir completamente as pessoas com o coronavírus de entrar no país. “Não é mais possível impedir absolutamente novos casos”, disse Brendan Murphy, diretor médico da Austrália, a repórteres em Canberra.

“Temos preocupações com o Japão e a Coréia do Sul. Eles estão trabalhando duro para controlar seus surtos, mas ainda estamos preocupados que as pessoas nesses países e em outros países de alto risco possam apresentar uma infecção“. A Austrália confirmou 29 casos de coronavírus.

Nike ‘fecha temporariamente’ a sede da Europa na Holanda

A agência de notícias holandesa ANP disse que  a sede européia da Nike na Holanda será fechada segunda e terça-feira após a infecção de um funcionário com coronavírus. A ANP disse que o paciente ficou em casa isolado por 14 dias, enquanto  o escritório em Hilversum seria desinfetado. “O local está trancado”, disse à agência de notícias Reuters um segurança no local, que disse que cerca de 2.000 funcionários de 80 países trabalham na instalação.

Acusação de assassinato contra igreja da Coréia do Sul no centro do surto

Autoridades da capital, Seul, estão acusando a seita cristã no epicentro do crescente surto de coronavírus na Coréia do Sul. Um processo foi apresentado aos promotores, alegando que os líderes da seita Shincheonji – a igreja onde foram relatados os primeiros casos – são os maiores responsáveis ​​pelo surto, porque não cooperaram com os esforços para deter a propagação da doença. 

Mais um FALSO PROFETA sendo posto de joelhos, agora na Coreia do Sul, com a sua seita Shincheonji – a igreja onde foram relatados os primeiros casos de infecção pelo Covid-19 – sendo o FOCO CENTRAL da contaminação no país asiático

Park Won-soon, prefeito de Seul, disse que se Lee e outros líderes da igreja tivessem cooperado, medidas preventivas eficazes poderiam ter salvado aqueles que morreram mais tarde do vírus. “A situação é séria e urgente, mas onde estão os líderes dos Shincheonji, incluindo Lee Man-hee, diretor-chefe desta crise?” Park disse em um post em sua página no Facebook no domingo.

Líder da igreja sul-coreana pede desculpas

O líder de uma igreja ligada a cerca de metade dos mais de 4.000 casos de coronavírus da Coréia do Sul pediu desculpas pela propagação do vírus “Eu gostaria de oferecer minhas sinceras desculpas às pessoas em nome dos membros”, disse Lee Man-hee, chefe de Shincheonji, a repórteres em Gapyeong, com uma voz estridente.

Coréia do Sul registra quase 500 novos casos, com mais quatro mortes

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças da Coréia do Sul divulgaram a primeira de suas atualizações duas vezes por dia sobre o surto de coronavírus na Coréia do Sul – o maior surto fora da China. O KCDC diz que quatro pessoas morreram da noite para o dia e 476 novos casos do vírus foram confirmados. No total, 22 pessoas já morreram do COVID-19 na Coréia do Sul e 4.212 pessoas estão infectadas.

Métodos de contagem da China podem subestimar [e muito] a extensão do surto – Caixin

Um relatório da Caixin sobre a forma como a China conta as infecções por coronavírus analisou dados da província de Heilongjiang, no nordeste. Desde o início do mês passado, a Comissão Nacional de Saúde exigiu que as autoridades locais incluíssem “indivíduos infectados assintomáticos” nos dados do coronavírus, mas parece que nem todos estão fazendo isso.

Caixin diz que houve 104 casos assintomáticos  em Heilongjiang somente em 25 de fevereiro, mas eles não foram incluídos em seus 408 “casos confirmados”. O repórter do Caixin, David Yin, tem mais em seu feed do Twitter.  Caixin é um grupo independente de mídia e pesquisa financeira.

Indonésia confirma os dois primeiros casos

O presidente da Indonésia, Joko Widodo, diz que dois indonésios deram positivo para o coronavírus e estão no hospital. Há especulações sobre a ausência de casos na Indonésia desde que um turista chinês que retornou da ilha de Bali foi confirmado como tendo a infecção.

Cazaquistão proíbe cidadãos iranianos de visitar o pais

O governo do Cazaquistão anunciou que proibirá cidadãos iranianos de entrar no país a partir de 5 de março como parte de uma série de medidas para combater a disseminação do coronavírus. Também está reduzindo o número de voos de e para o Azerbaijão, que faz fronteira com o Irã, segundo a Reuters, e não emitirá mais licenças de trabalho para pessoas de países atingidos pelo vírus.

Estado americano de Washington relata segunda morte

O estado de Washington, na costa oeste dos EUA, relatou sua segunda morte por coronavírus. Ian Morse, que está reportando da área para a Al Jazeera, diz que a pessoa que morreu era residente no mesmo lar de idosos onde dois casos do vírus foram relatados anteriormente. O homem estava na casa dos 70 anos, segundo a Reuters, citando autoridades de saúde locais.

Estado de Nova York confirma primeiro caso

Andrew Cuomo, governador de Nova York, disse que o estado dos EUA confirmou seu primeiro caso de coronavírus em alguém que retornou recentemente do Irã. Cuomo disse que “não há razão para ansiedade indevida” e o risco permanece baixo. As autoridades estaduais e federais de saúde pública estão se concentrando no que parece ser um conjunto de casos confirmados em Washington, onde ambas as mortes ocorreram, bem como em surtos no Oregon e na Califórnia, onde os pacientes não tinham um caminho claro de transmissão. para o vírus, levando as autoridades a suspeitar que um surto mais amplo já começou. 

No domingo à noite, o governador Cuomo confirmou o primeiro caso em Manhattan, envolvendo uma mulher que havia viajado recentemente para o Irã. As notícias seguiram um fluxo aparentemente incessante de sustos e testes negativos na maior cidade dos Estados Unidos, segundo o New York Times.

Número mundial de mortes por coronavírus ultrapassa 3 mil vítimas

A China anunciou seus dados mais recentes sobre o surto de coronavírus, relatando 42 novas mortes. Isso eleva o número de mortos na China para 2.912 e em todo o mundo para mais de 3.000. A Comissão Nacional de Saúde diz que as últimas mortes foram todas na província mais atingida de Hubei e a maioria foi na capital isolada de Wuhan. As autoridades disseram que também houve 202 novas infecções, o número mais baixo desde o final de janeiro.

Na China, relatórios locais afirmam que a maioria dos chineses voltou a trabalhar neste momento. No entanto, na volta ao trabalho, o PCC parece ter esquecido algumas coisas … como os padrões de segurança do trabalhador. E enquanto as autoridades comunistas chinesas continuam sua campanha para convencer o mundo e a população chinesa de que o surto está diminuindo e que tudo voltará ao normal em breve, a TV estatal relata que o primeiro dos 16 hospitais especialmente construídos em Wuhan para combater a epidemia de coronavírus esta com surto.


Você quer mesmo saber como esse coronavírus “surgiu na China” e se espalhou pelo mundo em pouco tempo? Ao pesquisar os arquivos de registros de patentes nos EUA on-line, foi descoberto o registro de uma patente de Coronavírus concedida para o C.D.C. –  Centers for Disease Control and Prevention [se trata do principal instituto nacional de saúde pública dos EUA. O C.D.C. é uma agência federal dos EUA sob o United States Department of Health & Human Services (HHS)] que tem sua sede em Atlanta, Geórgia. Assim emerge um fato indiscutível, o de que o “DONO” DESSE VÍRUS MORTAL E SEU CRIADOR é o PRÓPRIO C.D.C. (Centro de Controle e Prevenção de Doenças)

O coronavírus do surto atual não teve origem na China, mas FOI IMPLANTADO neste país asiático com a clara intenção de causar o maior dano possível aos chineses. A consequência natural, quando  [se já não descobriu] a China perceber que a eclosão do surto pode ter sido um ataque de BIOWEAPON ao seu território e contra seu povo, qual será o tipo de resposta a ser dada pela China aos [ir]responsáveis pela contaminação. Começamos a ano de 2020 com muitos que operam nas sombras desejando aumentar o caos no planeta.

PATENTE de criação de um CORONAVÍRUS fornecida ao CDC (Centers for Disease Control and Prevention)  US7220852B1 – SOBRE A CRIAÇÃO DE CORONAVÍRUS [SARS] ….

Na patente acima, do registro de um CORONAVÍRUS [uma BIOWEAPON], você encontrará 72 páginas de conteúdo para poder julgar esse letal “surto repentino e desconhecido de coronavírus” na ChinaLeia a patente nesse link primeiro, faça o download e compartilhe este artigo amplamente antes que os AGENTES do DEEP STATE a excluam. Mantenha-se sábio, com discernimento e saudável!


 “E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim.  Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá FOMES, PESTES e TERREMOTOS, em vários lugares. Mas todas estas coisas são [APENAS] o princípio de dores. Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome. Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarãoE surgirão muitos FALSOS PROFETAS, e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos esfriará. Mas aquele que perseverar até ao fim, esse será salvo”.  Mateus 24:6-13


Leitura adicional:

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

thoth(172x226)www.thoth3126.com

 

 

One Response to Coronavírus Covid-19, mais de 3 mil mortes em mais de 60 países e territórios

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.