browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

COVID-19: Cerca de 90% dos pacientes tratados com “Novo Medicamento” israelense curados em apenas 5 dias

Posted by on 10/08/2021

O ensaio clínico de Fase II com um novo medicamento israelense para a COVID viu cerca de 29 de 30 pacientes, moderados a graves, se recuperarem em poucos dias.  “O principal objetivo deste estudo foi verificar se a droga é segura”, disse o Prof. Nadir Arber.  “Até hoje não registramos nenhum efeito colateral significativo em nenhum paciente de ambos os grupos”.  O teste foi conduzido em Atenas porque Israel não tinha pacientes relevantes suficientes. O investigador principal foi o comissário do coronavírus da Grécia, Prof. Sotiris Tsiodras.

COVID-19: Cerca de 90% dos pacientes tratados com “Novo Medicamento” israelense curados em apenas 5 dias

Cerca de 93% dos 90 pacientes graves com coronavírus tratados em vários hospitais gregos com um novo medicamento desenvolvido por uma equipe do Sourasky Medical Center de Tel Aviv como parte do ensaio de Fase II do tratamento tiveram alta em cinco dias ou menos.

O ensaio de Fase II confirmou os resultados da Fase I, que foi conduzido em Israel no inverno passado e viu 29 de 30 pacientes em condições moderadas a graves se recuperarem em poucos dias. “O principal objetivo deste estudo foi verificar se a droga é segura”, disse o Prof. Nadir Arber. “Até hoje não registramos nenhum efeito colateral significativo em nenhum paciente de ambos os grupos”.

O teste foi conduzido em Atenas porque Israel não tinha pacientes relevantes suficientes. O investigador principal foi o comissário do coronavírus da Grécia, Prof. Sotiris Tsiodras. Arber e sua equipe, incluindo o Dr. Shiran Shapira, desenvolveram a droga a partir de uma molécula que o professor estuda há 25 anos chamada CD24, que está naturalmente presente no corpo humano, sendo parte do sistema imunológico NATURAL.

“É importante lembrar que 19 de 20 pacientes com COVID-19 não precisam de terapia”, disse Arber. “Após uma janela de cinco a 12 dias do início da infecção, cerca de 5% dos pacientes começam a piorar após a infecção pelo vírus.”

A principal causa da deterioração clínica é uma superativação do sistema imunológico do corpo físico, também conhecida como tempestade de citocinas. No caso de pacientes COVID-19, o sistema começa a atacar células saudáveis ​​nos pulmões. “Este é exatamente o problema que nossas drogas almejam combater”, disse ele.

O CD24 é uma pequena proteína que está ancorada na membrana das células e tem várias funções, incluindo a regulação do mecanismo responsável pela tempestade de citocinas. Arber ressaltou que seu tratamento, o EXO-CD24, não afeta o sistema imunológico como um todo, mas visa apenas esse mecanismo específico, ajudando a reencontrar seu equilíbrio correto.

“Isso é medicina [ciência] de precisão”, disse ele. “Estamos muito felizes por termos encontrado uma ferramenta para lidar com a fisiologia da doença.”

“Os esteróides, por exemplo, desligam todo o sistema imunológico”, explicou ele. “Estamos equilibrando a parte responsável pelas tempestades de citocinas usando o mecanismo endógeno do corpo, ou seja, ferramentas oferecidas pelo próprio corpo humano [do seu sistema imunológico NATURAL].”

Arber observou que outro elemento inovador deste tratamento é a sua aplicação. “Estamos empregando exossomos, vesículas minúsculas derivadas da membrana das células que são responsáveis ​​pela troca de informações entre elas”, disse.

“Conseguindo entregá-los exatamente onde são necessários, evitamos muitos efeitos colaterais”, acrescentou. A equipe já está pronta para lançar a última fase do estudo.

“Por mais promissores que possam ser os resultados das primeiras fases de um tratamento, ninguém pode ter certeza de nada até que os resultados sejam comparados aos de pacientes que receberam um placebo”, disse ele.

A PATIENT is administered Prof. Nadir Arber’s EXO-CD24 COVID-19 treatment. (photo credit: ICHILOV SPOKESPERSON'S OFFICE)

A UM PACIENTE é administrado o tratamento EXO-CD24 COVID-19 do Prof. Nadir Arber. (crédito da foto: ICHILOV SPOKESPERSON’S OFFICE)

Cerca de 155 pacientes com coronavírus participarão do estudo. Dois terços deles receberão a droga e um terço um placebo. O estudo será realizado em Israel e poderá ser realizado também em outros lugares se o número de pacientes no país não for suficiente.

“Esperamos concluí-lo até o final do ano”, disse Arber. Se os resultados forem confirmados, ele prometeu que o tratamento pode ser disponibilizado com relativa rapidez e baixo custo. “Além disso, o sucesso pode abrir caminho para o tratamento de muitas outras doenças, além da Covid-19”, concluiu.

Precisamos do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho.


“O indivíduo é [TÃO] deficiente mentalmente [os zumbis], por ficar cara a cara, com uma conspiração tão monstruosa, que nem acredita que ela exista. A mente americana [humana] simplesmente não se deu conta do mal que foi introduzido em seu meio. . . Ela rejeita até mesmo a suposição de que as [algumas] criaturas humanas possam adotar uma filosofia, que deve, em última instância, destruir tudo o que é bom, verdadeiro e decente”.  – Diretor do FBI J. Edgar Hoover, em 1956


Mais informações, leitura adicional:

Permitido reproduzir desde que mantida a formatação original e a conversão como fontes.

phi-cosmoswww.thoth3126.com.br

One Response to COVID-19: Cerca de 90% dos pacientes tratados com “Novo Medicamento” israelense curados em apenas 5 dias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.