browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Marte (o mais brilhante), Saturno e Júpiter dão show a meia noite em Julho

Posted by on 15/07/2018

Ainda temos duas semanas antes da aproximação máxima do planeta vermelho da Terra, mas Marte já esta quase 3 vezes mais brilhante que Siriús, da constelação do Cão Maior (ela esta abaixo do horizonte) a estrela mais brilhante do céu, e 30% mais brilhante que o planeta gigante Júpiter. 

Em outras palavras, você não pode perder isso. Olhe para o norte à meia-noite e lembre-se, o melhor ainda está por vir. Também esta muito fácil ver Saturno, na constelação de Sagitário e Júpiter, na constelação de Libra.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

O brilhante Marte (em laranja e em sua maior aproximação da Terra), Saturno e Júpiter dão show no céu nas noites de julho

Fonte: http://spaceweather.com/

Marte está se aproximando da Terra para um encontro máximo nos últimos 15 anos na noite de 27 de julho. O Planeta Vermelho agora supera em brilho todos os objetos no céu, exceto o Sol, a Lua e Vênus. Marte está fazendo coisas que somente objetos muito luminosos podem fazer – como produzir um flash verde. Assista a esta imagem feita por Peter Rosén, de Estocolmo, na Suécia, no dia 12 de julho:

FLASH VERDE EM MARTE

“Marte estava brilhando no céu de manhã cedo”, diz ele. “A uma altitude de apenas 6,5 ° acima do horizonte, a turbulência foi extrema, algumas vezes dividindo o disco do planeta em 2 ou 3 fatias e exibindo um flash verde e azul parecido com o que é visto no sol .” 

Isso não é tudo. Marte também está fazendo seus próprios caminhos brilhantes. Ontem à noite, Alan Dyer fotografou esta imagem desde Driftwood Beach no Waterton Lakes National Park, Alberta, no Canadá:

Marte brilhante em amarelo, que se aproxima de uma próxima oposição em 27 de julho de 2018, quando estará o mais próximo da Terra,  brilha sobre as águas do lago médio Waterton no parque nacional dos lagos Waterton no sudoeste de Alberta, Canadá. Marte é tão brilhante que produz um caminho brilhante na água. A Via Láctea está à direita. Imagem tomada de Driftwood Beach, ventoso como sempre esta noite. O céu está tingido de verde, embora houvesse uma aurora fraca ao norte também, muito inesperada. Waterton Lakes é um Patrimônio da Humanidade e uma Dark Sky Preserve. Esta é uma pilha de dez exposições para o solo para suavizar o ruído em abertura  f / 3.2 e uma única exposição para o céu em f / 2.2, todos os 30 segundos com a lente Art 24mm da Sigma e Nikon D750 em ISO 6400. Feita em 11 de julho de 2018 no final de uma sessão de 6 horas treinando a equipe do Dark Sky Guides. Foi uma noite soberba, com tudo para ver no céu.

Um caminho de glitter é uma faixa de luz na água, reflexo de Marte. É causada por reflexões das calhas e cristas de pequenas ondas. Normalmente, apenas o sol e a lua (e às vezes Vênus e Júpiter) produzem caminhos brilhantes na água. Agora, Marte esta tão próximo e brilhante que também está fazendo isso.

Dyer observa que Marte era “amarelo brilhante” – um tom causado em parte pela enorme tempestade de poeira global em andamento. Pense nisso: uma tempestade de poeira em outro planeta que você pode ver a olho nu. Marte está mais perto da Terra e continua a se aproximar até seu ponto máximo em 27 de julho.

Posição dos três planetas visíveis à meia noite, com destaque para Marte, o mais brilhante e de cor laranja.

Ainda temos duas semanas antes da aproximação, Marte esta quase 3 vezes mais brilhante que Siriús, na constelação do Cão Maior (esta baixo do horizonte) a estrela mais brilhante do céu, e 30% mais brilhante que o planeta gigante Júpiter. Em outras palavras, você não pode perder isso. Olhe para o norte à meia-noite e lembre-se, o melhor ainda está por vir. Também esta muito fácil ver Saturno, na constelação de Sagitário e Júpiter, na constelação de Libra.

Outro show noturno, ao entardecer desta noite será proporcionado pelo encontro da Lua e Vênus, com Regulus (Alpha de Leão) e Mercúrio, todos suspensos dramática e brilhantemente no oeste durante o começo da noite de domingo, 15 de julho, com Vênus uma brilhante “estrela” e o crescente lunar: Um encontro de Vênus e da Lua ao entardecer e início da noite. O casal cósmico será muito atraente se o céu onde voce esta estiver limpo.

Além disso, olhe com cuidado um pouco para o canto inferior esquerdo do par e voce verá a estrela Regulus brilhar mais abaixo, é a principal (alpha) estrela da constelação do Leão, e você também pode pegar o planeta Mércurio  mais à direita e abaixo de ambos. Caso voce tenha sorte com o clima, esta noite voce poderá ver cinco planetas: ao entardecer, Vênus e Mercúrio e à meia noite, Júpiter, Saturno e o brilhante Marte. 


“Lembre-se de olhar para as estrelas e não para baixo, nos seus pés. Tente entender o que você vê e PENSE sobre o que faz o universo existir. Seja curioso.”  – Stephen Hawking, 1942–2018


Muito mais informações, LEITURA ADICIONAL:

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

phi-golden-ratiowww.thoth3126.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.