browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Mortes pela Covid-19 na Suécia chegam a zero com o pais sem bloqueio de qualquer tipo

Posted by on 24/07/2021

Em um enorme contraste com seus vizinhos europeus, a Suécia está “aberta” e recebendo turistasEmpresas e escolas estão abertas quase sem restrições. E no que diz respeito às máscaras, além de não haver um mandato obrigando o seu uso, as autoridades de saúde suecas nem mesmo as recomendam [por saberem de sua ineficácia]. Quais são os resultados da tão ridicularizada [pela mídia pre$$titute$] política de laissez-faire da Suécia? Os dados mostram que a média móvel de 7 dias para mortes de COVID ontem foi de zero  (veja abaixo). Isso mesmo, nada de mortos pela Covid no pais mais aberto do mundo para a pandemia. E está zerado há cerca de uma semana.

Mortes diárias de COVID na Suécia chegam a zero, na medida que outras nações se preparam para mais bloqueios, passe covid, etc

Fonte:  Foundation for Economics Education

Mais de 100.000 franceses inundaram as ruas de cidades na França durante o fim de semana passado e vários centros de vacinação COVID foram vandalizados conforme crescia a oposição à estratégia de pandemia mais recente do governo, a de criar um passe obrigatório de vacinação. Na mais recente encarnação de bloqueios do presidente Emmanuel Macron, funcionários do governo decretaram que indivíduos não vacinados não terão mais permissão para entrar em cafés, restaurantes, teatros, transporte público e muito mais.

Desnecessário dizer que as pessoas não ficaram felizes e saíram às ruas em protesto em defesa de suas liberdades civis.

A abordagem da França não é única [em efeito cascata outros países estão adotando as mesmas medidas draconianas contra os cidadãos não vacinados], mas é apenas um dos muitos países ao redor do mundo que impõem novas e mais duras restrições à população na medida que aumentam os temores sobre uma nova variante do COVID-19.

As recentes [e indecentes] restrições da Austrália colocaram metade do país sob estrito bloqueio – embora um recorde de 82.000 testes tenha identificado apenas 111 novos casos de coronavírus e com apenas UMA PESSOA tendo morrido pela doença no primeiro semestre – enquanto os restaurantes em Portugal estão lutando para sobreviver em meio a restrições recentemente impostas.

Um país que não traz muitas notícias na mídia mainstream pre$$titute$ é a Suécia.

A Suécia, é claro, foi caluniada em 2020 por abrir mão de um bloqueio rígido e manter o pais funcionando com suas escolas abertas. O Guardian chamou sua abordagem de “uma catástrofe” em formação, enquanto a CBS News disse que a Suécia se tornou “um exemplo de como não lidar com o COVID-19”.

Apesar dessas críticas, a abordagem laissez-faire da Suécia para a pandemia continua até hoje, com o pais aberto, suas escolas, bares, restaurantes, etc. Em contraste com seus vizinhos europeus, a Suécia está recebendo turistas . Empresas e escolas estão abertas quase sem restrições. E no que diz respeito às máscaras, além de não haver um mandato obrigando o seu uso, as autoridades de saúde suecas nem mesmo as recomendam [por saberem de sua ineficácia].

Quais são os resultados da tão ridicularizada [pela mídia pre$$titute$] política de laissez-faire da Suécia? Os dados mostram que a média móvel de 7 dias para mortes de COVID ontem foi de zero  (veja abaixo). Isso mesmo, nada de mortos pela Covid no pais . E está zerado há cerca de uma semana.

Mesmo um ano atrás, estava claro que as afirmações hiperbólicas sobre “a catástrofe sueca” eram falsas; pergunte a Elon Musk (veja também: aqui , aqui e aqui ). Mas, um ano depois, são esmagadoras as evidências de que a Suécia entendeu a pandemia de maneira geral [e seus políticos NÃO OBEDECERAM a agenda draconiana de bloqueios rígidos].

A taxa de mortalidade geral da Suécia em 2020 foi menor do do que a maioria dos países da Europa e sua economia sofreu muito menos impacto, pois tudo continuou aberto e funcionando. Enquanto isso, hoje a Suécia é mais livre e saudável do que praticamente qualquer outro país da Europa que praticaram e praticam bloqueios draconianos que estão dizimando suas economias e estressando ao nível do colapso às suas populações..

Enquanto grande parte do mundo continua dominado e CONTROLADO pelo medo e o pânico exacerbado, e as demais nações elaboram novas restrições para restringir as liberdades básicas de seus povos, a Suécia continua sendo um lembrete vital e brilhante de que existe um caminho muito mais simples e muito melhor.

[Da fabricação de crises sucessivas e em série, rapidamente o caos generalizado esta sendo implantado no dito “mundo ocidental civilizado”, com uma agenda específica sendo implantada: a do controle total com a quebra de todas as regras que impedem o lado animalesco de cada indivíduo de se manifestar.]


“E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas AINDA NÃO É O FIM.  Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá FOMES, PESTES e TERREMOTOS, em vários lugares. Mas todas estas coisas são [APENAS] o princípio de dores”.  Mateus 24:6-8


“Parece duvidoso se, de fato, a política de “Botas no rosto” pode continuar indefinidamente.  Minha própria convicção é que a oligarquia governante encontrará maneiras menos árduas e perdulárias de governar e de satisfazer sua ânsia de poder, e essas formas serão semelhantes às que descrevi em Admirável Mundo Novo [uma verdadeira profecia publicada em 1932]Na próxima geração, acredito que os governantes do mundo descobrirão que o condicionamento INFANTIL e a narco-hipnose são mais eficientes, como instrumentos de governo, do que as prisões e campos de concentração, e que o desejo de poder pode ser completamente satisfeito sugerindo às pessoas que amem sua servidão ao invés de açoita-los e chutando-os até à obediência. ”  Carta de Aldous Huxley  EM 1949 para George Orwell autor do livro “1984” 


Mais informações, leitura adicional:

Permitido reproduzir desde que mantida a formatação original e a conversão como fontes.

phi-cosmoswww.thoth3126.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.