browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Movimentos estão sendo executados para provocar uma grande guerra no Oriente Médio

Posted by on 10/03/2021

O povo americano realmente vai se arrepender de ter devolvido o controle do pais aos “warmongers” fomentadores da guerra perpetua. O marionete senil Joe Biden está na Casa Branca há menos de dois meses, e os “warmongers” de quem Biden se cercou têm armado febrilmente o cenário para a próxima [será a última] guerra no Oriente Médio. Não acredito que comece na próxima semana, mas acredito que seja inevitável, ainda este ano, envolvendo Israel, EUA-UE, Síria, Rússia e Irã, com a China aguardando as consequências. 

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Sinais de que movimentos estão sendo executados para provocar uma grande guerra no Oriente Médio

Fonte:  The Most Important News

Enquanto o presidente Trump esteve na Casa Branca por quatro anos, os EUA não iniciaram nenhum novo conflito, mas agora o [des]governo Biden está bastante determinado a começar a projetar a “influência americana” em todo o globo mais uma vez. A maioria dos americanos não entende o quadro geral, mas a verdade é que isso terá implicações muito sérias nos próximos meses.

Neste artigo, gostaria de examinar alguns dos movimentos de xadrez que foram feitos desde que Joe Biden “entrou” na Casa Branca. Como você verá, uma imagem muito preocupante surge quando você começa a juntar todas as peças.

1 – Literalmente um dia após a posse de Biden, um enorme comboio militar dos EUA chegou  à Síria …

Um grande comboio militar dos EUA entrou noroeste da Síria na quinta-feira,  a agência de notícias estatal síria  SANA  relatórios , citando fontes no terreno.

De acordo com o relatório, o comboio incluía cerca de 40 caminhões e veículos blindados e era apoiado do ar por helicópteros.

O presidente Trump havia tentado muito se desligar da guerra na Síria, mas Biden deixou bem claro que os EUA estarão fortemente envolvidos no futuro do conflito.

2 – Apenas algumas semanas depois, Joe Biden conduziu seu primeiro ataque aéreo contra as forças apoiadas pelo Irã dentro da Síria …

Os EUA realizaram um ataque aéreo contra milícias apoiadas pelo Irã na Síria, na primeira ação militar empreendida pelo governo Biden. O Pentágono disse que o ataque destruiu “várias instalações” e foi ordenado em resposta a ataques contra os EUA e pessoal da coalizão no Iraque. Oficiais da milícia disseram que uma pessoa foi morta, mas um monitor de guerra relatou pelo menos 22 mortes.

3 – Claro que era inevitável que as forças apoiadas pelo Irã respondessem, e eles retaliaram lançando foguetes contra uma base militar americana no Iraque onde as forças dos EUA estão estacionadas. Apenas alguns dias atrás, o novo Secretário de Defesa, o general Lloyd Austin disse que haverá uma resposta militar dos EUA “em um momento e local de nossa própria escolha” …

O Secretário de Defesa, o general Lloyd Austin disse a @MarthaRaddatz que  os EUA ainda estão avaliando quem realizou um recente ataque com foguetes a uma base no Iraque que abrigava as tropas americanas – e que se os EUA decidirem responder, será “em um momento e local de nossa própria escolha”.

4 – Mais ataques aéreos dos EUA podem ocorrer mais cedo ou mais tarde. Na verdade, está sendo relatado que os Estados Unidos acabaram de enviar seis bombardeiros B-52 [nucleares] a nebulosa e secreta base de Diego Garcia, no Oceano Índico …

A Força Aérea dos Estados Unidos está enviando seis bombardeiros B-52 Stratofortress para Diego Garcia, um centro militar que atua como um local estratégico para operações no Oriente Médio e no Pacífico. Citando uma autoridade dos EUA, a CNN informou na segunda-feira que o bombardeiro da época da Guerra Fria estará “disponível para operações contra o Irã, se solicitado”.

5 – O governo Biden também está enviando aproximadamente 10.000 soldados americanos para o Oriente Médio …

Assim que o  navio de assalto anfíbio Bataan , que está se  movendo em direção ao Oriente Médio , chegar, os EUA terão adicionado cerca de 10.000 soldados à área na última semana, de acordo com o  The Wall Street Journal .

6 – A Rússia também está ocupada fazendo movimentos na região. Na sexta – feira , a Rússia conduziu um ataque aéreo a uma instalação de carregamento de petróleo na Síria que é usada por forças da oposição apoiadas pela Turquia, Arábia Saudita e o [des]governo Biden …

Um suposto ataque de míssil em uma instalação de carregamento de petróleo usada por forças de oposição apoiadas pela Turquia no norte da Síria gerou um grande incêndio em uma grande área onde os petroleiros normalmente estão estacionados, imagens aéreas e de satélite mostram.

Grupos de oposição síria e pelo menos um monitor de guerra culparam a Rússia pelo ataque na noite de sexta-feira perto das cidades de Jarablus e al-Bab, perto da fronteira com a Turquia. Em um relatório, o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, com sede na Grã-Bretanha, disse que navios de guerra russos no Mediterrâneo dispararam três mísseis que atingiram refinarias de petróleo primitivas e caminhões-tanque na região.

7 – Enquanto isso, Israel continua a atingir alvos estrategicamente importantes dentro da Síria em uma base regular. O seguinte vem de uma reportagem publicada no final de fevereiro …

As defesas aéreas da Síria foram ativadas na capital, Damasco, e em seus subúrbios ao sul na noite de domingo para repelir um ataque de míssil israelense, informou a mídia estatal. Não houve nenhuma palavra sobre vítimas. A TV estatal citou um oficial militar não identificado, dizendo que a maioria dos mísseis israelenses foram abatidos antes de atingirem seus alvos perto de Damasco.

8 – Israel está particularmente interessado em impedir o Irã de desenvolver armas nucleares. Em uma entrevista à Fox News, o ministro da Defesa israelense, Benny Gantz, acaba de afirmar que Israel está pronto para atacar o Irã sem qualquer ajuda dos EUA …

O Exército israelense está atualizando os planos para atacar   as instalações nucleares iranianas e está preparado para agir de forma independente, disse o ministro da Defesa israelense, Benny Gantz, à Fox News. Israel identificou vários alvos dentro do Irã que prejudicariam sua capacidade de desenvolver uma bomba nuclear.

“Se o mundo os impedir antes, é muito bom. Mas se não, devemos permanecer independentes e nos defender por nós mesmos ”, disse Gantz em sua primeira entrevista para um meio de comunicação americano.

Neste mapa uma “diferente” visão do ORIENTE MÉDIO: O GRANDE ISRAEL: Em 04 de setembro de 2001 uma manifestação foi realizada em Jerusalém, para apoiar à ideia da implantação do Estado de Israel desde o RIO NILO (Egito) até o RIO EUFRATES (Iraque). Foi organizado pelo movimento Bhead Artzeinu (“Para a Pátria”), presidido pelo rabino e historiador Avraham Shmulevic de Hebron. De acordo com Shmulevic: “Nós não teremos paz enquanto todo o território da Terra de Israel não voltar sob o controle judaico …. Uma paz estável só virá depois, quando ISRAEL tomar a si todas as suas terras históricas, e, assim, controlar tanto desde o CANAL de SUEZ (EGITO) até o ESTREITO de ORMUZ (o IRÃ) … Devemos lembrar que os campos de petróleo iraquianos também estão localizadas na terra dos judeus”.
UMA DECLARAÇÃO do ministro Yuval Steinitz, do Likud, que detém o extenso título de ministro da Inteligência, Relações Internacionais e Assuntos Estratégicos de Israel : “Estamos testemunhando o extermínio do antigo Oriente Médio. A ordem das coisas esta sendo completamente abalada. O antigo Oriente Médio está morto, e o novo Oriente Médio não está aqui ainda. Esta instabilidade extrema poderia durar mais um ano, ou até mais alguns anos, e nós não sabemos como a nova ordem do Oriente Médio vai se parecer à medida que emergir a partir do caos e derramamento de sangue e fumaça atual. É por isso que devemos continuar a agir com premeditação. No mapa acima podemos ver as pretensões de judeus radicais (tão ou mais radicais quanto os fanáticos islâmicos).

9 – Durante um telefonema na última quinta-feira entre Kamala Harris e Benjamin Netanyahu, o primeiro-ministro israelense deixou extremamente claro que sua nação está pronta para fazer o que for necessário para impedir que os iranianos desenvolvam suas próprias armas nucleares …

“O primeiro-ministro disse que continuaríamos a fortalecer nossa inteligência e cooperação de segurança e disse durante a conversa que, como primeiro-ministro de Israel, ele está  totalmente comprometido em impedir que o Irã desenvolva armas nucleares  destinadas à nossa destruição.”

É claro que os iranianos não têm planos de recuar, e isso torna inevitável um conflito militar entre Israel e o Irã, é apenas uma questão de tempo. Haverá guerra no Oriente Médio, e o horror desse conflito chocará todo o planeta [pois será usada arma nuclear que destruirá Damasco].

E uma vez que essa guerra comece, ela vai acelerar muito nossos problemas econômicos e a turbulência política e a geopolítica em curso neste país e no planeta.

Portanto, aproveite este breve período de estabilidade relativa enquanto voce pode, porque nosso mundo está prestes a começar a mudar de forma dramática, pois o mundo pré pandemia se foi para nunca mais voltar …


Questione tudo, nunca aceite nada como verdade sem a sua própria análise, chegue às suas próprias conclusões.


“Parece duvidoso se, de fato, a política de “Botas no rosto” pode continuar indefinidamente.  Minha própria convicção é que a oligarquia governante encontrará maneiras menos árduas e perdulárias de governar e de satisfazer sua ânsia de poder, e essas formas serão semelhantes às que descrevi em Admirável Mundo Novo [uma verdadeira profecia publicada em 1932]

Na próxima geração, acredito que os governantes do mundo descobrirão que o condicionamento INFANTIL e a narco-hipnose são mais eficientes, como instrumentos de governo, do que e prisões e campos de concentração, e que o desejo de poder pode ser completamente satisfeito sugerindo às pessoas que amem sua servidão ao invés de açoita-los e chutando-os até à obediência. ”  Carta de Aldous Huxley  EM 1949 para George Orwell autor do livro “1984” 


Mais informações adicionais:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

9 Responses to Movimentos estão sendo executados para provocar uma grande guerra no Oriente Médio

  1. FLÁVIO MAGELA

    OLÁ, PENSO QUE NÃO HAVERÁ USO DE ARMAS NUCLEARES, CASO VENHA OCORRER UM CONFLITO ENTRE NO ORIENTE MÉDIO. TENHO INFORMAÇÕES QUE AS FOÇAS DA LUZ NÃO MAIS PERMITIIRAO O USO DE ARMAS NUCLEARES, EM CONFLITOS NO NOSSO MUNDO..

  2. Silvio J B Maia

    O maligno não perde tempo nem oportunidade …

  3. Jessé

    Assim espero também. Sem armas nucleares.

  4. Maria Maia

    Quer parecer-me que quem promove este tipo de informação desconhece todo o trabalho, o gigante esforço e todo o tipo de negociações que existem atualmente no Oriente Médio …
    Tanto blá-blá só para amedrontar…

    Chega de sanções e de tentarem matar os “árabes” à sede!!
    Chuvinha e neve para todos de modo a poder acontecer a reposição dos níveis de água nos solos e assim voltar a brotar água fresca nas fontes.
    A PAZ está a ser construída e vem a caminho.
    A Guerra, jamais acontecerá!!!

  5. Keanu Reeves

    Yuval Steinitz, esse cara é um psicopata véi e esse parágrafo final foi muito forte.

  6. valdir do nascimento maria

    “Quando se fizer a conjunção dos efeitos do astro intruso com os efeitos da loucura
    humana, no mau emprego da desintegração atômica, a Terra será abrasada. O
    conflito entre o continente asiático e o europeu, já mentalmente delineado entre os
    homens. Os russos e aliarão aos muçulmanos e a países orientais, que entraram
    nesta aliança”.
    Mensagens do Astral de RAMATIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.