browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Os Nagas (Povo Serpente) nos mundos antigo e atual

Posted by on 11/10/2017

O assunto extraterrestres e os OVNIs são um tema muito quente no momento, e há bastante tempo, especialmente nos últimos anos. Por quê? Em parte porque é da natureza humana de refletir sobre o desconhecido e o misterioso, mas também em grande parte devido ao fato de que centenas de denunciantes de alto nível de todo o mundo  com credenciais verificadas, compareceram à publico com suas histórias e experiências sobre extraterrestres inteligentes visitando o planeta Terra.

Tradução, edição e imagensThoth3126@protonmail.ch

UMA DESCRIÇÃO DOS SERES REPTILIANOS SHAPE-SHIFTING NOS ESCRITOS DA ÍNDIA ANTIGA – “O POVO NAGA” (O POVO SERPENTE)

Por Arjun Valia – Fonte: http://www.collective-evolution.com/

Os denunciantes e insiders variam de professores, astronautas da NASA, até militares de alto escalão, figuras políticas, pesquisadores independentes e muito mais. Não só isso, para complementar esses testemunhos, milhares de documentos relativos à questão UFO / extraterrestre foram divulgados por dezenas de governos. Os OVNIs não são mais um tópico marginal, e se os últimos anos deram uma indicação, mais e mais evidências certamente surgirão à medida que avançarmos em 2017 e além.

Você pode ver nossos artigos de grande relevância relativos a este assunto, preenchidos com documentos e testemunhos, através da publicação da seção de exopolítica do nosso site aqui .

Quando se trata de supostos encontros com extraterrestres, é muito interessante por vários motivos. Em primeiro lugar, muitas histórias compartilhadas por contatados corroboram muito bem umas às outras. Muitas pessoas relatam encontros com extraterrestres de aparência humana que estão preocupados com nosso planeta e o nosso bem-estar. Outros relataram sobre os alienígenas cinzentos (Greys), os de aparência humana, alguns com aspecto de pele diferente, como a cor azul, e extraterrestres do tipo réptil. O fator-chave para lembrar aqui é que nem todas essas interações são com Extraterrestres, algumas são simplesmente com militares dos EUA. Conhecer a verdade sobre quem está fazendo o que pode ser muito complicado. Para saber mais sobre isso. Você pode consultar os artigos que publicamos anteriormente abaixo:

OS NAGAS (O POVO SERPENTE) 

Os NAGAS é dito ser uma raça de seres do tipo reptiliano (serpente) não-humanos (mamíferos, são humanos de outra espécie e realidade). Eles são encontrados na literatura de várias culturas nativas antigas por todo o mundo, especialmente no jainismo antigo e “mitologia” hindu.

Eles eram considerados seres semi-divinos, meio humanos e meio reptilianos que podem assumir uma forma serpentina completa ou uma forma totalmente humana (capacidade de mimetismo, shape shifting, mudança de forma e aparência). De acordo com as lendas, esses seres existiam no subsolo e no interior da Terra, em grandes reinos. Eles foram considerados benéficos e amigáveis ​​para os seres humanos, assim como potencialmente perigosos. (fonte)

De acordo com a enciclopédia Britannica:

“As mulheres nagas (naginis ou Nagis) são princesas serpentes de beleza impressionante. As dinastias de Manipur no nordeste da Índia, os Pallavas no sul da Índia e a família dominante de Funan (antiga Indochina) reivindicaram cada uma sua origem na união de um ser humano e uma nagi .

No budismo, os nagas são muitas vezes representados como guardiões de portais (passagens dimensionais entre diferentes realidades) ou, como no Tibete, como deidades menores. O naga, o rei Muchalinda, que abrigou o Buddha da chuva durante sete dias enquanto este estava profundamente meditando, é retratado lindamente nos escritos Budistas Mon-Khmer do século IX e XIII do que são agora a Tailândia e o Camboja. No jainismo, o Tirthankara (salvador) Parshvanatha é sempre mostrado com um dossel de capuzes de serpentes nagas acima de sua cabeça”, protegendo-o.

Os Nagas também foram considerados protetores do Buddha e do Dharma (a Lei), alguns (como David Icke) até afirmam que os Nagas estiveram presentes no nascimento de Buddha, apesar de serem ainda considerados perigosos, especialmente quando irritados. Um exemplo em que os Nagas são referenciados na escritura antiga vem dos escritos hindus, onde o Buddha realmente foi protegido pelos Nagas de um ataque de  criaturas metade pássaro e metade humanos. De acordo com Barbara O’Brien, jornalista e estudante do budismo zen:

“Em uma lenda do budismo tibetano, quando um grande lama chamado de Sakya Yeshe e seus atendentes estavam retornando ao Tibete desde a China, ele carregava cópias inestimáveis ​​de sutras que o Imperador lhe deu. De alguma forma, os textos preciosos caíram em um rio e foram irremediavelmente perdidos. Os viajantes continuaram e voltaram para casa em seu mosteiro … Quando chegaram, souberam que um homem velho entregou alguns sutras ao mosteiro para Sakya Yeshe. Era o presente do Imperador, ainda um pouco úmidos, mas intactos, O velho que trouxe os documentos aparentemente era um Naga disfarçado de ser humano”.

Ela continua a dar mais exemplos:

“No Muccalinda Sutta (Khuddaka Nikaya, Udana 2.1), o Buddha estava sentado em meditação profunda quando uma tempestade se aproximou. Um rei do povo serpente naga chamado Muccalinda abriu e espalhou o seu grande capelo sobre o corpo de Buddha para protegê-lo da chuva e do frio”.

“No Himavanta Sutta (Samyutta Nikaya 46.1), o Buddha usou nagas numa parábola. Os nagas dependem das montanhas dos Himalaias para obter sua força, disse ele. Quando eles são fortes o suficiente, eles descem para pequenos lagos e riachos, depois para grandes lagos e rios, e eventualmente para o grande oceano. No oceano, eles alcançam grandeza e prosperidade. Da mesma forma, os monges devem depender da virtude desenvolvida através dos Sete Fatores da Iluminação (atenção plena, energia,  investigação, felicidade, tranquilidade, concentração e equanimidade) para alcançar a grandeza das qualidades mentais” (fonte)“.

Revindicações de contato com seres do tipo réptil nos dias modernos:

À esquerda, você verá uma foto de William Tompkins e do Almirante Larry Marsh. Quando adolescente, Tompkins tinha um olhar para detalhes e adorou criar modelos em miniatura de navios e submarinos da Marinha dos EUA. A Marinha se interessou por suas capacidades de design e recrutou-o para trabalhar em projetos de tecnologia avançada e secreta. Recentemente, ele apresentou reivindicações, como muitos outros têm feito, revelando informações sobre programas clandestinos de operações de orçamento (Black Ops) negro em projetos do Programa Espacial Secreto.

Estes são programas de acesso especial (SAP). A partir destes, nós não reconhecemos e renunciamos aos SAPs. Esses programas não existem publicamente, mas eles realmente existem em segredo do escrutínio e conhecimento público. Eles são mais conhecidos como “programas negros profundos”. Um relatório do Senado dos EUA de 1997 descreveu-os como “tão sensíveis que estão isentos de requisitos de relatórios padrão para informação do Congresso”.  (Fonte)

Não temos idéia do que se passa nesses programas, exceto aqueles que trabalharam dentro deles, como Edward Snowden. Para ler mais sobre o orçamento de operações de orçamento (Black Ops) negro, clique aqui. Tompkins falou sobre supostos seres reptilianos nos últimos anos. Abaixo está uma entrevista que ele fez com o Dr. Michael E. Salla, Ph.D., um estudioso internacionalmente reconhecido em política internacional, resolução de conflitos e política externa dos EUA. Ele é pioneiro no desenvolvimento da “Exopolítica“.

É interessante que a lenda sugira que esses seres possam se transformar em forma humana da superfície da Terra (capacidade de Shape Shifting), porque hoje, muitas pessoas realmente acreditam que alguns políticos de alto escalão e famílias reais têm vínculos de linhagem com esses seres e consideram eles os metamorfos reais. Esta teoria existe há algum tempo, mas foi popularizada por David Icke.

Bush pai em um momento de shapeshifting, quando seus olhos ficaram amarelos e com a pupila vertical de um reptiliano…

Icke foi um dos pioneiros que nos despertou para o fato de que a humanidade foi manipulada para se tornar “inconsciente” através do uso da programação mental por meio da mídia mainstream e da política, o controle tirânico sobre o nosso abastecimento de alimentos, água e ar, a queda das massas pelo uso de drogas farmacêuticas, drogas ilegais (consumo de ópio, cocaína, maconha alterada geneticamente) desvios em nosso comportamento sexual, fumo e álcool, e a lista continua …

De acordo com Icke, há uma linhagem que foi estrategicamente  mantida intacta há séculos. O Burkes Peerage (Burke’s Peerage Limited é uma editora genealógica britânica fundada em 1826, quando o genealogista irlandês John Burke começou a lançar livros dedicados à ascendência genealógica europeia) e o Baronetage, um extenso recurso de genealogia aristocrática, revela que todos os 44 presidentes dos EUA levaram de volta as linhagens de sangue reais europeias ao longo do curso da história.  Isso inclui Bill e Hillary Clinton, a família Bush, Barack Obama, John Kerry, muitos atores, atrizes, esportistas, cantores, músicos famosose assim por diante. Se realmente vivemos em um sistema democrático, como é que cada pessoa colocada no poder era de descendência real francesa e europeia?

Quais são as chances disso acontecer aleatoriamente, considerando que os EUA lutaram pela independência da Europa nos anos 1700? O Burks Peerage faz uma forte sugestão de que as eleições não são realmente baseadas em um sistema de votação público, mas sim são baseadas na maior porcentagem de genes reais e são manipuladas para elegê-los. Para tornar as coisas ainda mais peculiares é o fato de que Brad Pitt, Madonna, Marilyn Monroe e Tom Hanks (algumas das maiores estrelas de Hollywood) também descendem dessa mesma linhagem. O que tudo isso pode implicar?

De acordo com Icke e outros, existem seres extra-dimensionais tipo reptil que os humanos insconscientes adoram cuja origem são os sistema das constelações Orion, Sirius e Draco. Milhares de anos atrás, os seres reptilianos intervieram no planeta Terra e começaram a cruzar-se com humanos. Não fisicamente, no entanto, mas sim através da manipulação da codificação humana, ou DNA. Icke afirma que não é coincidência que os humanos tenham genética reptiliana fundamental dentro do cérebro. Ele se refere a um trecho da Bíblia, que sugere o cruzamento (hibridização) de humanos e os “deuses”.

“Havia naqueles dias gigantes na terra; e também depois, quando os filhos de Deus entraram às filhas dos homens e delas geraram filhos; estes eram os valentes que houve na antiguidade, os homens de fama. E viu o Senhor que a maldade do homem se multiplicara sobre a terra e que toda a imaginação dos pensamentos de seu coração era só má continuamente”.
Gênesis 6:4,5 

David Icke não é o único que defende esta ideia:

Icke conta em seu seminário sobre suas discussões com o maior xamã vivo da África Credo Mutwa, um xamã da etnia Zulu baseado na África do Sul, durante o qual Credo Mutwa fala de lendas africanas sobre o ser Chitauri, um ser  reptiliano como “deuses” que ascenderam do céu em vasos monstruosos que queimaram a atmosfera . Estes chamados deuses tornaram-se os ditadores do povo, tirando a potencialidade e o poder da raça humana.

Outra coisa que nossa gente diz é que os Chitauri se colocam sobre nós humanos como abutres. Eles manipulam alguns de nós. Eles enchem alguns de nós com grande ira e grande ambição. E eles transformam essas pessoas que criaram em grandes guerreiros que fazem uma guerra terrível. Mas, no final, os Chitauri não permitem que esses grandes líderes, esses grandes chefes e senhores da guerra e reis, morram pacificamente. O chefe guerreiro é usado para fazer tanta guerra quanto possível, para matar o maior número de pessoas e aqueles que ele chama de inimigos e, no final, o chefe guerreiro morre com uma morte terrível, com o sangue derramado por outros “.  (2), Credo Mutwa sobre os líderes reptilianos-hibridos.

Sobre reptilianos na África e Credo Mutwa:

Para mais informações sobre Icke e sua visão sobre supostos seres reptilianos, você pode ler este artigo detalhado que publicamos sobre o assunto há alguns anos atrás. Esta é apenas uma breve introdução sobre os seres do tipo reptil. Existem inúmeras quantidades de literatura da mitologia antiga, bem como investigações modernas.

Eles são “negativos” ou “ruins”?

Inevitavelmente, esta pergunta sempre aparece durante esta discussão. E aqui está um dos fatores mais importantes do nosso tempo que devemos lembrar quando se trata de todas as pessoas extraterrestres e grupos em geral: não podemos olhar para nada ou para alguém como absolutamente “ruim” ou “negativo”. Isso não é o que parece ser. Mesmo um ser que faz o que eles fazem não será levado à justiça ou mudara por nossa causa criando uma visão negativa sobre o que eles estão fazendo e lutando contra eles. Em todos os sentidos, trata-se de uma coisa: mudar a nossa PRÓPRIA consciência.  Eles são “professores”.

Há um grande pedido de justiça quando se trata de ações da cabala, da elite das trevas, etc e, verdadeiramente, isso se resume a como se busca a justiça. Ao expor o que está acontecendo, o mundo saberá o que essas almas fizeram, elas serão presas, enfrentarão as emoções das pessoas, e assim por diante. Mas nós temos apenas que jogá-los dentro de uma cela de 6 x 8 para que a justiça se ja feita? Essa é uma definição pobre, mas também acho que é primitiva e não resolve nada.

Deixe as pessoas decidir de um ponto de vista que não é impulsionado pelo ódio, pelo medo o que só cria mais guerra e problemas. E se perguntássemos: como podemos ajudar esses seres? Como podemos isolá-los com segurança por um período de tempo, mas ajudá-los? Estas são as perguntas difíceis que a maioria das pessoas não quer enfrentar porque são impulsionadas pela emoção básica do medo e necessidade de vingança, mas sinto que estas são as questões de uma sociedade que está evoluindo e que seria civilizada. Uma visão de mundo fundada no julgamento e o ódio contra certas coisas não é civilizada em termo algum. Interessante para se pensar. Quais são seus pensamentos a respeito?

Sobre reptilianos no INTERIOR da TERRA:


“O medo é a emoção predominante das massas que ainda estão presas no turbilhão da negatividade da estrutura de crença da (in)consciência de massa. Medo do futuro, medo da escassez, do governo, das empresas, de outras crenças religiosas, das raças e culturas diferentes, e até mesmo medo da ira divina. Há aversão e medo daqueles que olham, pensam e agem de modo diferente (os que OUVEM e SEGUEM a sua voz interior), e acima de tudo, existe medo de MUDAR e da própria MUDANÇA.” –  Arcanjo Miguel

“Conhece-te a ti mesmo e conheceras todo o universo e os deuses, porque se o que tu procuras não encontrares primeiro dentro de ti mesmo, tu não encontrarás em lugar nenhum”.  –  Frase escrita no pórtico do Templo do Oráculo de Delphos, na antiga Grécia.


Saiba mais, leitura adicional:

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

2 Responses to Os Nagas (Povo Serpente) nos mundos antigo e atual

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *