browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Próximo Jogo de Guerra [Deep State] Globalista “Cyber ​​Polygon” criará outra catástrofe conveniente?

Posted by on 05/06/2021

all these cyber attacks might be live drills for what is coming later this summer cyber polygon 2021Em abril, publiquei um artigo intitulado  ‘Globalistas precisam de outra Crise nos EUA, pois a Agenda ‘Great Reset falha‘ . Nele eu notei uma tendência estranha da qual muitos de nós na mídia alternativa [livre] ficamos cientes ao longo dos anos – Quase todas as grandes catástrofes provocadas pelo homem nos EUA e em muitas outras partes do mundo nas últimas duas décadas foram precedidas por um “discreto exercício” governamental e  globalista.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

O Próximo Jogo de Guerra [Deep State] Globalista “Cyber Polygon” criará Outra catástrofe conveniente?

Por Brandon Smith – Fonte:  Alt Market

Esses exercícios e jogos de guerra tendem a imitar o desastre exato que virá a atingir o público apenas alguns dias ou semanas depois de realizado. Às vezes, os exercícios simulados de desastre e os eventos reais acontecem ao mesmo tempo.

cyber polygon false flag 'excersise' – the war game of the globalists might lead to another convenient catastrophe

A  pandemia Covid-19 não foi exceção. 

Descrevi especificamente a bizarra “coincidência” do exercício do Fórum Econômico Mundial 201 , um jogo de guerra co-financiado por Bill [Hell’s] Gates e Johns Hopkins University e lançado em outubro de 2019. O evento 201 simulou uma nova pandemia global de coronavírus zoonótico (supostamente disseminada de morcegos para as pessoas) que “exigiram” uma resposta de bloqueio global. 

Apenas dois meses depois, a coisa real realmente aconteceu. Quase todos os aspectos do evento Covid-19 ocorreram exatamente como foram praticados durante o jogo de guerra do WEF, Bill [Hell’s] Gates e Johns Hopkins University.

Um elemento muito perturbador da resposta covid-19 foi a campanha de supressão da verdade [e da real agenda] coordenada pelas plataformas de mídia social da Big Tech, do YouTube ao Facebook e Twitter. Esta campanha procurou minar ou destruir quaisquer fatos, dados e opiniões que fossem contra a narrativa do governo/Deep State sobre qualquer aspecto da covid, mesmo que a narrativa oficial sobre o vírus acabe sendo completamente errada.

A estratégia foi descrita em detalhes durante o Evento 201 e foi executada com extrema eficiência entre empresas e governos supostamente “desconectados” em todo o mundo. É quase como se eles soubessem que uma pandemia de coronavírus estava para acontecer e eles já estivessem preparados para controlar a reação do público com bastante antecedência. Basta ver que até mesmo o principal teste, o PCR, para verificar se uma pessoa esta contaminada já havia sido patenteado com antecedência de DOIS ANOS e foi registrado com o nome de Covid!


AINDA em 2017 e 2018 – dois anos antes do surgimento do novo coronavírus COVID-19 – centenas de milhões de kits de teste PCR para COVID-19 foram distribuídos em todo o mundo, dois anos antes da “pandemia” acontecer !!.

captura de tela kits de teste cobiçado 2017

E sejamos claros porque não quero parecer ambíguo; o Fórum Econômico Mundial e seus parceiros oligarcas globalistas foram os principais beneficiários durante a pandemia. Como o chefe do WEF, Klaus Schwab, observou com entusiasmo repetidas vezes, a pandemia é uma “oportunidade” perfeita para os oligarcas globalistas seguirem rapidamente o que eles chamam de agenda da “Grande Reinicialização” [Great Reset] – um plano para desmantelar completamente a atual estrutura política e econômica dos países do mundo e reconstruí-lo em uma civilização socialista altamente centralizada na qual eles estão no controle completo e a liberdade pessoal é uma memória desbotada.

É por isso que as revelações recentes da provável ​​origem do vírus Covid ser a engenharia genética de um laboratório [Wuhan] não são nada surpreendentes. Apenas mencionar essa ideia um ano atrás nas redes sociais era o suficiente para você ser banido. E, se você quiser saber onde encontrar a verdade, sempre olhe primeiro para os assuntos que você não tem permissão para discutir. Como afirmei no meu artigo ‘Como a pandemia viral beneficia a agenda globalista’ , publicado em janeiro de 2020 no início do surto:

“Tenho dificuldade em ignorar a estranha“ coincidência ”do laboratório de  alto risco biológico de nível BSL-4 em Wuhan-China em favor da ideia de que o vírus foi lançado por acaso devido às dietas estranhas do povo chinês. Dadas as evidências, parece que o coronavírus foi gestado em um laboratório, não na sopa de morcego ou serpente de alguém. Em 2017, cientistas de fora da China  avisaram que esses laboratórios não eram seguros  e que um vírus poderia escapar de uma dessas instalações … Eu usaria o termo “fuga” vagamente, pois existe a possibilidade de que este evento tenha sido criado intencionalmente … ”

Elites como o Dr. Anthony Fauci (um associado próximo de Bill Gates e o próprio Bill [Hell’s] Gates SR.) financiaram diretamente estudos de Ganho de Função no Laboratório Wuhan por meio do NIAID desde 2015 e financiou especificamente o estudo da transferência infecciosa de coronavírus de morcegos para outros mamíferos, incluindo seres humanos . E sim, o NIAID estava de fato envolvido em experimentos de “ganho de função” usando SARS e variantes do coronavírus nesta época, apesar de Anthony Fauci alegar o contrário. O próprio site do Instituto Nacional de Saúde confirma isso .

Todos esses fatos apoiam o argumento de que covid é uma arma biológica criada em laboratório e, em minha opinião, de acordo com as evidências até agora, ela foi lançada deliberadamente em estreita aliança com o governo chinês. Fauci até de alguma forma “previu” em 2017 que Donald Trump enfrentaria um “surto surpresa de doenças infecciosas” durante sua presidência, afirmando que “Com certeza ficaremos surpresos nos próximos anos …”

O esquema certamente funcionou até certo ponto. Em grande parte da Europa, Ásia e Austrália, o WEF está conseguindo o que sempre quis.

Dito isso, e apesar disto tudo, algumas coisas não saíram como planejado. Por exemplo, o Evento 201 previu um número inicial de 65 milhões de pessoas mortas no primeiro ano da pandemia; isso não aconteceu, e não foi porque os governos salvaram vidas. Na verdade, os bloqueios e restrições governamentais não fizeram nada para evitar a disseminação de estudos ambiciosos e independentes que provaram que os mandatos de imposição do uso de máscaras [focinheiras] são  completamente ineficazes para deter o vírus. A razão para a contagem de corpos comparativamente pequena é o fato de que a taxa de mortalidade de Covid é de apenas 0,26% entre pessoas saudáveis. O único lugar onde a covid-19 é uma verdadeira ameaça são os lares de idosos com doenças preexistentes.

Por causa dos erros de cálculo das elites, a agenda de reinicialização parece estar falhando em algumas partes do mundo. Nos Estados Unidos, a resistência aos bloqueios, bem como às vacinas experimentais, cresceu exponencialmente a ponto de dezenas de estados aprovarem leis que proíbem a aplicação de restrições covid e “passaportes médicos”.

A mídia alternativa também se mostrou resiliente e foi corajosa contra a censura e a supressão de informações, e temos provado que estamos certos repetidas vezes. Fomos os primeiros a alertar que a taxa de mortalidade de covid estava sendo exagerada (a OMS e outras instituições estabelecidas previam uma taxa de mortalidade de pelo menos 3%, MUITO acima da realidade). Fomos as primeiras pessoas a alertar que os bloqueios e as regras de imposição de máscara não fizeram nada para impedir a propagação (afirma que as restrições removidas terminaram com QUEDAS de infecções e mortes). E fomos as primeiras pessoas a alertar que o vírus estava se comportando mais como uma arma biológica e que sua origem era mais provavelmente o laboratório de Nível BSL-4 em Wuhan, na China, na mesma rua do mercado de animais que o governo chinês originalmente alegou ser a fonte do surto.

Também fomos os primeiros a alertar que a pandemia seria usada como justificativa para a aplicação de passaportes de vacinas, o que criaria uma sociedade de dois níveis projetada para forçar as pessoas que não querem tomar as injeções experimentais de mRNA pois não estão em conformidade com as mesmas. Provamos que estamos certos mais uma vez, pois o estado de Oregon se tornou o primeiro nos EUA a exigir prova de vacinação (um passaporte) antes que os residentes possam entrar em qualquer empresa ou estabelecimento.

Temos sido constantemente chamados de “teóricos da conspiração” ao longo deste evento pelos burocratas do governo e pela mídia pre$$titute. Mas, estávamos certos sobre quase tudo, e a grande mídia pre$$titute estava errada sobre quase tudo. Ou isso, ou eles têm mentido conscientemente sobre quase tudo já há bastante tempo.

É importante entender essa dinâmica porque acredito que a situação de crise está longe de terminar e que mais eventos de crise estão para ser planejados (ou acontecerão magicamente por coincidência).

Minha maior preocupação agora é o próximo exercício Cyber Polygon liderado pelo WEF em 09 de julho. O objetivo do próximo jogo de guerra é “simular” um ataque cibernético a uma vital infraestrutura que levaria ao desligamento da cadeia de suprimentos global, ou pelo menos das cadeias de suprimentos em certas nações chaves.

Como avisei em abril, o momento do Cyber Polygon é suspeito. Como a ambiciosa agenda do bloqueio está falhando nos Estados Unidos [e em outros países] e os passaportes da vacina não estão ganhando o favor de uma grande porcentagem dos americanos, os globalistas precisarão de outra crise, mesmo que esperem atingir seus objetivos para sua Grande Reinicialização.

Apenas algumas semanas depois de publicar minhas preocupações iniciais sobre o Cyber Polygon , um ataque cibernético massivo foi relatado que atingiu o gasoduto Pipeline Colonial de 5.500 milhas. O gasoduto fornece gasolina e querosene de aviação para a maior parte da costa leste e, após uma semana de fechamento, vários estados relataram escassez de combustíveis. A história desde então desapareceu silenciosamente dos ciclos de notícias convencionais.

Nos últimos dias, mais um grande ataque cibernético foi relatado contra a JBS, uma empresa de carnes que fornece cerca de 23% de toda a carne bovina e suína dos Estados Unidos. A produção da JBS foi paralisada e agora existe a possibilidade de escassez de carne em todo o país se os problemas não forem resolvidos logo.

Novamente, é apenas coincidência que esses ataques cibernéticos em grande escala estejam acontecendo com maior frequência na preparação para uma simulação de Cyber Polygon do WEF? Ou o Cyber Polygon é outro vetor como o foi o Evento 201? É um teste beta para um desastre planejado para um futuro próximo? O WEF está comparando abertamente futuros ataques cibernéticos a surtos de vírus, então estou inclinado a suspeitar do último:

A questão da cadeia de suprimentos de alimentos e commodities ganhou destaque após a pandemia, já que os varejistas tiveram que lidar com a escassez intermitente e os fabricantes enfrentam a falta de componentes e gargalos no transporte de peças e demais insumos. Não apenas isso, mas os problemas inflacionários também estão pesando sobre a oferta. Dito isso, um ataque cibernético é inteiramente outro animal; seja ou não o evento real ou encenado, a cadeia de suprimentos é frágil por causa da atual interdependência global da mesma.

Nos Estados Unidos, muitas necessidades dependem de fabricantes estrangeiros ou do sistema de frete “just in time”. A preparação e o armazenamento de longo prazo não fazem parte do vocabulário dos negócios comuns nos Estados Unidos.

Eu realmente não sei se a cadeia de suprimentos poderia ser desligada completamente usando um ataque cibernético, mas em combinação com a inflação e restrições de pandemia draconiana, é possível interromper o fluxo de mercadorias, matérias primas e insumos por semanas a fio.  Também é impossível prever quantas pessoas estão preparadas para tal calamidade. Minha esperança é que mais de 30% dos americanos tenham pelo menos começado o caminho da preparação, mas sem dúvida a maioria do país não esta preparado. Bastaria algumas semanas de escassez ou um cenário de paralisação da rede e a maioria das pessoas enfrentaria a fome, entre outras coisas.

Se o Evento 201 for uma indicação, devemos permanecer vigilantes e observar cuidadosamente outro grande ataque cibernético que afete a cadeia de suprimentos dentro de dois meses do exercício Cyber Polygon do WEF em julho.


Nosso trabalho no Blog é anônimo e não visa lucro, no entanto temos despesas fixas para mantê-lo funcionando e assim continuar a disseminar informação alternativa de fontes confiáveis. Desde modo solicitamos a colaboração mais efetiva de nossos leitores que possam contribuir com doação de qualquer valor ao mesmo tempo que agradecemos a todos que já contribuíram, pois sua ajuda mantem o blog ativo. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal AGENCIA: 1803 – CONTA: 00001756-6 – TIPO: 013 [poupança] e pelo PIX 211.365.990-53 (Caixa).


“E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim.  Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá FOMES, PESTES e TERREMOTOS, em vários lugares. Mas todas estas coisas são [APENAS] o princípio de dores. – Mateus 24:6-8

“O indivíduo é deficiente mentalmente [os zumbis], por ficar cara a cara, com uma conspiração tão monstruosa, que nem acredita que ela exista. A mente americana simplesmente não se deu conta do mal que foi introduzido em seu meio. . . Ela rejeita até mesmo a suposição de que as [algumas] criaturas humanas possam adotar uma filosofia, que deve, em última instância, destruir tudo o que é bom, verdadeiro e decente”.  – Diretor do FBI J. Edgar Hoover, em 1956


Mais informação adicional:

Permitido reproduzir desde que mantida a formatação original e a conversão como fontes.

phi-cosmoswww.thoth3126.com.br

 

 

10 Responses to Próximo Jogo de Guerra [Deep State] Globalista “Cyber ​​Polygon” criará outra catástrofe conveniente?

  1. Keanu Reeves

    Está preparado para o jogo TOTH?

    • Dante

      Acho que não tem como ninguém se preparar para essas locuras que os annunakis estão querendo fazer kkkkkkkkkkk

  2. Jesse

    Bom, as cervejarias estão perto da cidade onde escondo. Mas os ingredientes são problemas. Vem de outros lugares. Hortaliças estão por perto também. Portanto “sem problemas”. Carnes estão com preços elevados, vou virar vegano na marra!

  3. Manacá

    “E fomos as primeiras pessoas a alertar que o vírus estava se comportando mais como uma arma biológica e que sua origem era mais provavelmente o laboratório de Nível BSL-4 em Wuhan, na China, na mesma rua do mercado de animais que o governo chinês originalmente alegou ser a fonte do surto”

    Engraçado, pois, já que o Covid-19 é, de fato, um vírus de origem artificial, por que vejo ninguém desse blog mencionando o Fort Detrick? Ou os laboratórios biológicos dos EUA espalhados pela Europa?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.