browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Se os EUA cair o ocidente cai junto e teremos uma NWO comandada pela China

Posted by on 04/11/2020

Este esta sendo um ano como nenhum outro na história dos EUA como uma nação multicultural e, à medida que o Dia da Independência acontece, eu me pego olhando a coisa toda de maneira diferente do que nos anos anteriores.  Ainda celebro a liberdade que temos, mas estamos assistindo o desaparecimento dela em um ritmo muito rápido. De alguma forma, em nosso pais, os vizinhos se revoltaram contra seus vizinhos, irmãos contra irmãos, negros contra brancos, ambos contra hispânicos, todos contra a ordem e a lei e finalmente os norte americanos estão se voltando contra a existência de seu próprio país.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Lembrem-se do que é ser um estadunidense. E deixe a liberdade e o direito de escolha reinar novamente.

As expressões denro de [  ] são do tradutor.

Fonte:  https://www.theorganicprepper.com/what-it-is-to-be-an-american/

Na minha memória, o momento nunca foi tão ruim quanto esta agora. Aqueles de vocês que se lembram dos protestos sobre a Guerra do Vietnã no final da década de 1960 e protestos contra outros conflitos podem ver as coisas de maneira diferente – não sei ao certo como foi em nosso país durante esses tempos. Só posso falar sobre o que pessoalmente me lembro.

Somos muito mais fracos quando estamos divididos.

Os Estados Unidos da América que conhecemos uma vez estão desaparecendo e se transformando nos Estados Divididos da América. E é de partir o coração.

Já não temos o senso de patriotismo que já tivemos algum dia. Já não sabemos se o país se unirá para lutar contra ameaças, internas e externas. Não temos mais ilusões de que as pessoas no governo estão realmente trabalhando para nós – 99% dos políticos estão lá para trabalhar por conta própria, alinhados com seus próprios bolsos e defendendo os interesses de quem os “patrocina” e somente buscando aumentar seu próprio poder em sua esfera de [nefasta] influência.

Se nascemos e moramos em um país em que não temos voz nem representação, realmente vivemos em um país livre? É o mesmo país que foi formado em 4 de julho de 1776? Não é à toa que estamos completamente divididos [e sendo manipulados completamente].

No momento, nossos inimigos [a maioria deles são inimigos INTERNOS] estão esfregando as mãos com imensa alegria, felizes em assistir online a queda de nosso país outrora unido. Eles estão adicionando combustível ao fogo e plantando sementes da discórdia ENTRE A POPULAÇÃO DESUNIDA.

A Al Qaeda divulgou recentemente uma carta às “massas oprimidas” pedindo uma revolução interna nos EUA e a China acabou sendo pega contrabandeando 10.800 “peças de armas de assalto” para Louisville por oficiais da Alfândega e Proteção de Fronteiras dos EUA. Esses são apenas dois exemplos de grupos que têm grande prazer em nossa divisão e implosão atual.

Somos mais fracos quando não estamos unidos. Estamos maduros para a colheita. Todos os anos, nos últimos dez anos, escrevo um post em 4 de julho sobre a recuperação de nossas liberdades pessoais. Este ano, não consigo encontrar as palavras para fazer isso. Este ano, tudo está muito diferente.

2020 é o ano em que a dissidência foi silenciada.

Eu nunca estive em uma situação como escritora em que meu sustento corria o risco por continuar dizendo a verdade como a vejo ao expressar o meu direito inalienável de expressão garantido, outrora, pela Constituição do país. Eu nunca senti que minha família inteira ficaria ameaçada se eu escrevesse a verdade sobre grupos que dominaram insidiosamente a mídia [PRE$$TITUTE], proclamando quem discorda deles como meros racistas odiosos.

Eu nunca imaginei que seria censurada no direito à emitir as minhas opiniões a ponto de perder o controle de minhas próprias contas de mídia social, que meu site estaria em risco ou que minha voz estaria entre aqueles que foram silenciados para que um novo regime imposto através da mídia posse queimar nossos livros virtuais e impor uma agenda de destruição do pais.

A censura é o começo do fim, meus amigos.

George Orwell em sua obra 1984, predisse isso há mais de setenta anos e estava certo. Ray Bradbury predisse isso. Aldous Huxley  também predisse tudo o que esta acontecendo.

Quando a dissidência, a opinião contrária é silenciada, resta apenas uma opinião imposta sem diálogo. Quando as pessoas ouvem apenas uma opinião, muitas delas pensam que, por padrão, essa opinião deve ser a verdade. A censura é a morte do pensamento crítico. É por isso que nossa Constituição foi escrita para proteger a liberdade de expressão e uma imprensa livre [hoje completamente corrompida pelo establishment].

Há 70 anos, o visionário (e profético) escritor britânico George Orwell capturou a essência da tecnologia em sua capacidade de moldar nossos destinos (como escravos do sistema) em seu trabalho seminal, o seu livro “1984“. A tragédia de nossos tempos é que falhamos em compreender e atender a sua advertência sobre uma futura (para ele, mas o presente para nós) sociedade distópica, totalitária, em guerra perpétua, com uma vigilância onipresente do governo, revisionismo e negacionismo histórico e propaganda massiva.

No entanto, aqui estamos no ano de 2020 com uma ávida cultura de cancelamento , tumultos organizados e bem financiados em nossas ruas e uma mídia alternativa que continua a ser eliminada ao expor a agenda por trás do momento atual do pais.

Estamos assistindo pessoas cujo único objetivo é destruir nosso país e modo de vida [e se conseguirem o próximo passo é exportar a “revolução” para os demais países do ocidente até termos um governo central totalitário estilo Nova Ordem Mundial, não é nada menos do que isso.] Eles se apegaram a uma boa causa e a levaram a um lugar escuro, incitando a violência e o ódio entre os norte americanos.

Eles estão tentando reescrever e apagar nossa história e nossa cultura. Eles fazem lavagem cerebral em uma geração de jovens americanos meros zumbis sem consciência em sua imensa maioria e os transformam na nova Guarda Vermelha. Eles estão criando um ambiente de justiça feita multidão e aterrorizando nossas cidades e dizendo que sua causa é justa. Eles estão cancelando a dissidência a chamando de racista qualquer um que se atreve a criticar a violência e o vandalismo generalizados.

Começou como uma causa justa, mas essa causa foi seqüestrada, manipulada e usada de acordo com uma nefasta agenda. Eles estão nos colocando uns contra os outros, deliberadamente e com intenções maliciosas e nefastas.

Nosso sistema político foi transformado numa bagunça ultrajante.

Temos um homem no comando de nosso país, que é o presidente eleito atualmente mais impopular da minha vida, ouvindo a mídia dizer isso, incansavelmente todos os dias.

No entanto, ao mesmo tempo, o presidente Trump atrai milhares de pessoas toda vez que faz uma aparição pública.  Seus fãs são leais e eles realmente têm que ter uma certa coragem para ousar nesse clima de usar um chapéu com o nome dele.

Os americanos não devem ser evitados publicamente ou ter suas propriedades destruídas por apoiar o Presidente eleito pela maioria dos Estados Unidos. Uma pessoa pode revirar os olhos internamente para pessoas vestindo uma camiseta do Trump. Ei, admito que acho as roupas da MAGA bastante dignas de nota, mas também estremeci internamente com as pessoas vestindo uma camiseta de Obama ou com as que usavam o pára-choques de seus veículos com um adesivo de Hillary Clinton. Eu posso não me importar com o sentimento sobre o vestuário, mas, ao mesmo tempo, defenderia até a morte o direito de uma pessoa de apoiar publicamente o político de sua escolha.

A presidência de Trump foi destruída pela grande mídia PRE$$TITUTE e por aqueles que têm uma agenda oculta.  Agora, deixe-me ser perfeitamente clara quando digo que não sou realmente um grande fã do Presidente Trump. Mas eu também não era fã do último presidente [Obama] nem daquele antes dele [Clinton}. Ainda há uma certa cortesia que deve ser oferecida à pessoa ocupando o cargo máximo do pais e isso simplesmente não está acontecendo com o presidente Trump.

Nosso sistema se tornou uma piada de muito mau gosto. Estamos literalmente escolhendo entre uma estrela de reality show e um velho com demência [Joe Bidem] que é abertamente inapropriado diante das câmeras com mulheres e meninas para ser o próximo líder do nosso país. O congresso é agora um caminho de fazer carreira para políticos atrás de uma riqueza insondável, não mais para servidores da nação e do seu povo.

Nossos inimigos estão tentando nos destruir por dentro. Eles estão nos dividindo. Eles estão zombando de nós. Eles estão destruindo nossa cultura, nosso modo de vida e os próprios fundamentos sobre os quais nosso país se mantém há todos esses anos. Estamos assistindo a uma revolução marxista radical, mas podemos impedi-la.

O único caminho a seguir, a única maneira de curar essa divisão interna e interior, é lutar pela unidade e igualdade de direitos e liberdade para todos. Não estou dizendo que nosso país é perfeito. Temos muito trabalho a fazer. Temos injustiças para corrigir. Temos vieses que foram autorizados a permanecer por muito tempo.

Mas nós podemos consertar isso. Todos nós, homens, mulheres, negros, brancos, latinos, asiáticos, heterossexuais, gays, pessoas de diferentes crenças e sistemas de crenças, não importa quem somos ou como nos identificamos, precisamos trabalhar juntos, não devemos nos separar de nossos demais companheiros norte americanos.

Precisamos ouvir quando nossos irmãos e irmãs nos pedem por ajuda. Precisamos parar de pular direto para a explosão de raiva, o cancelamento , o ódio e a violência a qualquer momento. Existem “flocos de neve” em todas as facções políticas e sociais e precisamos parar de deixar que essas pessoas perpetuamente ofendidas [as eternas vítimas de sua própria ignorância e MEDO] tenham todos os microfones e espaços para defender suas ideias.

Um retorno aos nossos direitos humanos naturais

Precisamos voltar aos valores básicos de nossa Declaração de Direitos, que foi projetada para proteger as liberdades individuais e coletivas que deveriam ser consideradas direitos humanos naturais devido a todos os seres humanos.

  • Precisamos apoiar a liberdade de expressão, mesmo quando ela é impopular.
  • Precisamos exigir uma mídia livre – não existem mais meios de propaganda que não sejam contestados por meios alternativos.
  • Precisamos de liberdade de religião e liberdade de expressão – nenhuma teocracia jamais foi um governo justo.
  • Precisamos deixar de ser tributados e legislados sem representação real.
  • Precisamos ter o direito de nos proteger com toda a força necessária contra alguém que nos privaria de nossos direitos humanos básicos à vida, liberdade e propriedade pessoal. E precisamos ter acesso às ferramentas para fazê-lo sem o potencial de acusações criminais apenas por possuir essas ferramentas.
  • Precisamos ter o direito de estar seguros em nossa privacidade, em vez da rede de vigilância tecnológica em que nos encontramos vivendo atualmente.
  • Precisamos retornar ao devido processo legal, sem exceções como a NDAA e a Lei Patriota, sem confisco de bens civis, sem justiça da Internet .
  • Precisamos de governos locais pequenos que sejam mais representativos das pessoas em uma determinada área, em vez de um amplo alcance federal.
  • Todos precisamos ser tratados com igual justiça nos termos da lei – nenhum de nós é dispensável.

Lembre-se de que temos um governo, em todos os níveis, de consentimento. O poder deles só é lícito se concordarmos com o governo deles. Lembre-se de quem somos. Nossos ancestrais eram rebeldes. Eles eram imigrantes que procuravam ser livres. Eles foram as pessoas que deram suas vidas pela sua própria liberdade e a dos outros.

Sejamos dignos desse legado.

O Dia 4 de julho de 2020 [dia da independência dos EUA, em 1776]

Hoje de manhã, acordei em um país que não era a América da minha infância, nem o farol da liberdade que celebramos no dia 4 de julho, nem o país pelo qual muitas pessoas lutaram e morreram para construir. Em vez disso, é um país cheio de raiva, ódio, descontentamento e tensão manipulada desde as sombras. Algumas pessoas criaram essa desarmonia de propósito, para cumprir sua própria visão do futuro, apagando a nossa história e controlando a nós e nossos filhos com lavagem cerebral.

Mas podemos recuperar o que perdemos. Ainda não fomos longe demais, a um ponto sem retorno. Podemos ser agredidos, mas não estamos quebrados. Podemos lembrar às gerações mais jovem o que realmente é a liberdade e, ao fazê-lo, podemos recuperar todas as coisas que fizeram do nosso país um farol de liberdade que pessoas de todo o mundo costumavam cobiçar e procurar ao longo de nossa história.

Não precisa ser assim. Não deixe que aqueles que destroem o nosso país continuem a dominá-lo. Podemos mostrar ao mundo mais uma vez por que o povo dos Estados Unidos da América é uma força a ser reconhecida. Devemos permanecer unidos. Mas nós vamos cair, se continuarmos a ser divididos por causa de motivos fúteis. A mensagem que tenho hoje é esta:

Seja forte. Seja corajoso. Seja um com seus irmãos e irmãs. Defenda os direitos dos outros e os seus. Lembre-se quem você é. Lembre-se do que é ser norte americano. E deixe a liberdade reinar novamente.


“E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim.  Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá FOMES, PESTES e TERREMOTOS, em vários lugares. Mas todas estas coisas são [APENAS] o princípio de dores.  Mateus 24:6-8

“E faz que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas, Para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome. Aqui há sabedoria. Aquele que tem entendimento, calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis“.  –  Apocalipse 13:11-18


Leitura adicional:

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

2 Responses to Se os EUA cair o ocidente cai junto e teremos uma NWO comandada pela China

  1. Silvio J B Maia

    Agora com a intervenção extraterrestre tudo mudou de figura.
    Claro que nossa vida nesse planeta não poderá virar um paraiso porque existem os karmas a queimar, mas certas vantagens conquistadas pelas sombras foram cortadas pela intervenção.
    Quem não tiver tido notícia disso acesse a multilistalivre.

  2. Valéria Maria Zanelo

    Com a possível vitória de Joe Biden temos mais uma cartada da China e seu domínio, o teatro continuará mais amargo, com cada vez menos liberdade, mais tristeza e desconsolo…

Deixe uma resposta para Ary Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.