browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Surto na China: mais 4.823 novos infectados e total de mortos chega a 1.486 vítimas

Posted by on 13/02/2020

A província chinesa de Hubei, com o epicentro do surto de coronavírus na cidade de Wuhan, registrou mais 4.823 casos de infectados pela doença na manhã dessa sexta-feira [hora local], elevando o total no continente para 64.627 infectados na China. As mortes no país causadas pela doença, agora oficialmente conhecida como Covid-19, atingiram 1.483 mortos depois que a comissão de saúde da província anunciou um aumento de 116 vítimas na quarta-feira.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Surto na China: mais 4.823 novos infectados [total de 65.213 casos] e total de mortos chega a 1.486 vítimas

Fontes:  https://www.scmp.com/  e  https://www.zerohedge.com/

Resumo de Quinta-Feira:

  • A província de Hubei [epicentro do surto] registra 116 novas mortes e 4.823 novos casos em um único dia; elevando a contagem total para 1.486 mortes e 65.213 casos;
  • Moradores de Wuhan relatam ouvir barulhos altos seguidos por sobrevoos de helicópteros;
  • Japão relata primeira morte por coronavírus;
  • Navio de cruzeiro posto em quarentena na Austrália;
  • Presidente Xi Jinping diz que a China controlará o impacto do vírus;
  • Funcionários locais do PCC demitidos como bodes expiatórios da liderança chinesa em Hubei [Wuhan];
  • A AIA se une à OPEP alertando sobre a queda significativas nas vendas de petróleo, a primeira em uma década;

  • Secretário do HHS diz que o CDC anunciará outro caso confirmado de COVID-19 nos EUA nessa quinta-feira;
  • 21 pessoas na Espanha libertadas da quarentena;
  • Administrador dos EUA questiona reportagem da China;
  • Casa Branca supostamente “duvida” dos números de coronavírus da China;
  • CDC alerta para possíveis infecções após o primeiro caso dos EUA confirmado no Texas (15º no geral);
  • 2 mulheres russas tentam escapar da quarentena;
  • U.E. pode fechar suas fronteiras se o surto piorar;
  • Kudlow diz que os EUA estão “decepcionados” [depois de muitos “elogios”]com a resposta da Chinado ao surto do coronavírus;
  • Xangai relata mais de 300 casos.

A partir da meia-noite dessa quinta-feira, os números foram o segundo lote diário a ser divulgado desde a implementação de NOVOS critérios de diagnóstico expandidos, nos quais um diagnóstico baseado na análise de sintomas é agora considerado um caso confirmado de infecção.

A inclusão de diagnósticos clínicos na contagem oficial levou a um aumento dramático nos casos e do número de mortes confirmados, parecendo confirmar suspeitas de que o número real de casos eclipsam e superam em muito os números oficiais desde o início do surto nas últimas semanas. Os dados oficiais foram “limitados [ou manipulados] pela disponibilidade” de testes para fazer o diagnóstico.

Esta imagem de arquivo do vírus Covid-19 sem data divulgada pela Agência Britânica de Proteção à Saúde mostra uma imagem do coronavírus ao microscópio eletrônico, parte de uma família de vírus que causa doenças, incluindo o resfriado comum e a SARS, que foi identificada pela primeira vez no Oriente Médio. DIVULGAÇÃO / IMPRENSA ASSOCIADA

O novo protocolo de monitoramento coincide com um expurgo das principais autoridades do PCC em Hubei, onde as autoridades locais se tornaram alvo de fúria pública em todo o país pela resposta do seu governo ao surto do coronavírus, com quase todos os membros do alto escalão sendo demitidos e substituídos.

O coronavírus agora chamado pela OMS de Covid-19 já infectou mais de 65.200 pessoas e matou 1.486 vítimas em todo o mundo e se espalhou para duas dezenas de países. Até o momento, três pessoas fora da China continental morreram da doença, em Hong Kong, Filipinas e Japão.

Nos EUA, que anunciaram recentemente seu 15º caso de infecção pelo vírus, o chefe do Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos EUA confirmou nessa quarta-feira que a doença pode ser transmitida por transportadoras que não apresentaram nenhum dos sintomas da doença, tornando a capacidade de disseminação do coronavírus muito mais abrangente e de difícil controle.

Mais um incidente envolvendo um navio de cruzeiro com possíveis passageiros infectados está ocorrendo – desta vez em Sydney, na Austrália. Este seria o quinto navio de cruzeiro a enfrentar algum nível de contágio ou quarentena (ou alguma outra forma de problema) – desde que o surto se tornou global há duas semanas, atualmente o navio “Norwegian Jewel” está sendo mantido sob uma ordem de quarentena no porto de Sydney.

O navio de cruzeiro “Norwegian Jewel” posto em quarentena na Austrália

As autoridades de saúde de Nova Gales do Sul disseram que um passageiro a bordo está sendo testado para o COVID-19. O passageiro é um homem de Singapura que “adoeceu” à bordo com uma “doença respiratória”.

Isso não parece bom … mas muitos casos semelhantes foram conclusivamente descartados como negativos ( apesar da dificuldade com o equipamento de teste da China), mesmo depois de mostrar alguns sintomas semelhantes. Esses sintomas certamente não são garantia de infecção. Mas é definitivamente preocupante. Recentemente, a Austrália estendeu sua proibição de viagem a todos os não-australianos que viajaram pela China recentemente.

A Austrália confirmou 15 casos de coronavírus, mas todos eles contraídos na China. E apenas um deles foi confirmado como sendo de humano para humano. Um navio de cruzeiro em quarentena pelo nono dia em Yokohama, no Japão, confirmou 175 casos de infecção pelo vírus entre os passageiros e a tripulação, tornando-o o local com o maior surto pelo coronavírus COVID-19 fora da China continental, um verdadeiro desastre.

Embora Hong Kong tenha permitido que um navio partisse em apenas quatro dias após uma breve quarentena e nenhum caso confirmado, os passageiros a bordo do Yokohama, estão presos em suas cabines por nove dias, ficaram loucos e muitos entraram em contato com a mídia ocidental, dando entrevistas sobre os sentimentos difusos de terror, perplexidade e paranóia entre os passageiros e tripulação do navio.

O navio “Norwegian Jewel” [jóia norueguesa] (estamos sentindo um possível tema aqui com esses nomes de navios de cruzeiro) supostamente chegou a Sydney nesta manhã, de acordo como The Australian e vários outros jornais nacionais. Tem uma capacidade máxima de 2.376 passageiros e 1.060 tripulantes.

Moradores da cidade de Wuhan relataram ter ouvido barulhos altos aproximadamente às 13:00 hora local na quarta-feira, que abalaram janelas e pisos de moradores próximos, seguidos pelo que parece ser quase uma dúzia de helicópteros sobrevoando a cidade.

Nos EUA o presidente Trump disse recentemente durante uma entrevista de rádio que acredita que a China está lidando com o surto “profissionalmente”. Isso depois de uma série de mensagens frustradas de seu governo e seus funcionários, incluindo Larry Kudlow, diretor do Conselho Econômico Nacional do presidente Donald Trump desde 2018.

Pouco depois dos relatórios alegarem que a Casa Branca esta amplamente cética em relação aos números apresentados pelos chineses, o principal assessor econômico de Trump, Larry Kudlow, apareceu na televisão para dizer que os EUA estão “decepcionados” com a forma como a China lidou com a resposta ao surto do vírus e que o administração Trump deseja que haja mais clareza.

Especificamente, os EUA foram os mais afetados pela recusa da China em aceitar uma equipe americana de especialistas do CDC, que se ofereceu para ajudar à China. A economia dos EUA teria um crescimento de 3% se não fosse o vírus, acrescentou.

Após a admissão de ontem à noite de que as autoridades locais em Wuhan estavam subestimando o número de casos, um repórter parece ter encontrado evidências de que mais de 300 casos não relatados estão ativos em Xangai, além de 1 morte não relatada anteriormente.

Então a China está apertando o bloqueio em Xangai para esconder a verdade sobre o surto? Isso não está confirmado por enquanto.


Você quer mesmo saber como esse coronavírus “surgiu na China” e se espalhou pelo mundo em pouco tempo? Ao pesquisar os arquivos de registros de patentes nos EUA on-line, foi descoberto o registro de uma patente de Coronavírus concedida para o C.D.C. –  Centers for Disease Control and Prevention [se trata do principal instituto nacional de saúde pública dos EUA. O C.D.C. é uma agência federal dos EUA sob o United States Department of Health & Human Services (HHS)] que tem sua sede em Atlanta, Geórgia. Assim emerge um fato indiscutível, o de que o “DONO” DESSE VÍRUS MORTAL E SEU CRIADOR é o PRÓPRIO C.D.C. (Centro de Controle e Prevenção de Doenças)

Francis Boyle é professor de direito internacional na Faculdade de Direito da Universidade de Illinois. Ele elaborou a legislação de implementação doméstica dos EUA para a Convenção de Armas Biológicas, conhecida como Lei Antiterrorismo de Armas Biológicas de 1989, que foi aprovada por unanimidade pelas duas Casas do Congresso dos EUA e sancionada pelo presidente George H.W. Bush. FONTE

  • Dr. Francis Boyle, criador da lei BioWeapons dos EUA, diz que o coronavírus é uma arma de guerra biológica

O coronavírus do surto atual não teve origem na China, mas FOI IMPLANTADO neste país asiático com a clara intenção de causar o maior dano possível aos chineses. A consequência natural, quando  [se já não descobriu] a China perceber que a eclosão do surto pode ter sido um ataque de BIOWEAPON ao seu território e contra seu povo, qual será o tipo de resposta a ser dada pela China aos [ir]responsáveis pela contaminação. Começamos a ano de 2020 com muitos que operam nas sombras desejando aumentar o caos no planeta.

PATENTE de criação de um CORONAVÍRUS fornecida ao CDC (Centers for Disease Control and Prevention)  US7220852B1 – SOBRE A CRIAÇÃO DE CORONAVÍRUS [SARS] ….

Na patente acima, do registro de um CORONAVÍRUS [uma BIOWEAPON], você encontrará 72 páginas de conteúdo para poder julgar esse letal “surto repentino e desconhecido de coronavírus” na ChinaLeia a patente nesse link primeiro, faça o download e compartilhe este artigo amplamente antes que os AGENTES do DEEP STATE a excluam. Mantenha-se sábio, com discernimento e saudável!


“E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim.  Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá fomes, e PESTES, e terremotos, em vários lugares. Mas todas estas coisas são [APENAS] o princípio de dores. Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome. Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarão. E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos esfriará. Mas aquele que perseverar até ao fim, esse será salvo”Mateus 24:6-13


Leitura adicional:

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

thoth(172x226)www.thoth3126.com

.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.