browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Trump cria armadilha aos inimigos dos EUA, Putin cancela tratado nuclear com americanos

Posted by on 01/06/2019

Um novo e intrigante relatório do Conselho de Segurança russo circulando no Kremlin hoje concorda com um pastor norte americano dizendo que o presidente Donald Trump “é a escolha de Deus, eles (os democratas) não vão removê-lo da presidência”, e também concorda com uma declaração feita pelo Dalai Lama afirmando que “A Rússia é uma ponte entre o Oriente e o Ocidente”, mas afirma que o Presidente Putin, no entanto, não teve escolha a não ser submeter à Duma do Estado (o Parlamento da Rússia) uma lei que autoriza o fim de um tratado de armas nucleares com os Estados Unidos.– num movimento de guerra contra um país preso pelas garras da histeria  russofóbica que agora ameaça a eleição presidencial de 202o nos EUA.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Putin se move para acabar com o Tratado Nuclear com os EUA após Trump divulgar “Armadilha do impeachment”

Fonte:  http://www.whatdoesitmean.com/

Somado a isso, ontem Trump lançou seu mais ousado movimento ao estilo “Gambling” (um movimento no jogo de cartas que esconde a verdadeira natureza de algo), uma aposta no seu próprio impeachment, sua estratégia mais ousada até hoje – numa ação que implica um alto grau de risco calculado para obter uma vantagem que disfarçadamente provoca através do Conselheiro Especial Robert Mueller, parecendo incentivar o Partido Democrata no Congresso dos EUA a tirar Trump do poder.

Esse é um movimento que encorajou ainda mais altos funcionários do satânico regime Obama-Clinton, atualmente instando as agências de inteligência dos EUA a desafiar Trump – em um jogo em que um dos peões, aparentemente, é o diretor da Agência de Inteligência de Defesa (DIA), tenente-general Robert Ashley, que afirmou nesta semana que a Rússia pode estar realizando testes nucleares em um local remoto acima do Círculo Ártico – mais uma mentira deslavada, na medida que com sua declaração ele não prova coisa alguma, pois nada disso existe, e o mundo inteiro imediata e instantaneamente saberia se algum país disparasse uma arma nuclear.

 

De acordo com este relatório, se os EUA fossem apenas um médio país do terceiro mundo localizado nos remansos de nosso planeta cujos políticos se odiassem e se consumissem em uma guerra política prolongada entre suas elites poderosas, quase ninguém estaria prestando atenção a esse conflito – assim como, e da melhor maneira possível, literalmente ninguém no Ocidente se preocupa com a situação da nação do continente africano da República do  Congo que, desde 2012, se dividiu no pior conflito interno que nosso mundo tem visto desde a Segunda Guerra Mundial.

Mas diferente de ser o Congo, entretanto, observamos que o mundo inteiro é forçado a enfrentar e lidar com a situação interna de luta intestina nos Estados Unidos que controlam o segundo maior arsenal de armas nucleares da Terra, além de ser a nação econômica e militarmente mais poderosa da história – cujos aliados da União Européia foram avisados para se prepararem para a imposição de pesadas tarifas sobre produtos europeus importados pelos EUA, que serão impostas pelo governo Trump – que esta sendo chamado de “The Tariff Man”

Também acabaram de ver seu continente dominado por Trump apoiando políticos populistas da Europa – uma atitude condenada pelo líder “socialista globalista”, o secretário-geral da ONU, António Guterres, que disse que os populistas “estão vivendo uma era dourada que provavelmente nunca houve antes ”- mas cuja verdadeira realidade é que esses populistas que estão ganhando as eleições em seus países para que não tenham que ser dominados por “idiotas” como ele, Trump.

“E viu-se outro sinal no céu; e eis que era um grande dragão vermelho, que tinha sete cabeças e dez chifres, e sobre as suas cabeças sete diademas”. – Apocalipse 12:3

Nesse mundo nacionalista-populista que o presidente Trump está tentando expor à luz, explica o relatório, o “elemento estranho” a esse propósito é nada menos do que a República Popular da China, liderada pelos comunistas. E o que é mais importante é que este país foi o ungido pelos socialistas/comunistas-globalistas como o  sucessor para os Estados Unidos como líder do planeta, para o século XXI e cujo despótico “sistema de crédito social” para controlar seus cidadãos é invejado pela elite dos socialistas ocidentais – tanto que as forças de esquerda socialista na Austrália estão tentando colocar seus cidadãos sob um tirânico “ sistema de crédito social ”, também.

Infelizmente para estes socialistas-globalistas, no entanto, é que eles não conseguiram convencer, dobrar e impor sua vontade ao presidente Trump sobre o plano mestre da esquerda comunista para escravizar a humanidade, substituindo os EUA pela China como novo líder global para posterior implementação de um governo mundial totalitário estilo NWO-Nova Ordem Mundial.

Para impedir esses planos dos socialistas, comunistas, globalistas, vemos Trump atacar a China sistematicamente com pesadas tarifas que os comunistas/socialistas chineses agora estão chamando de “terrorismo econômico” – e agora vê tentativas da China interferindo descaradamente nas eleições presidenciais dos Estados Unidos para 2020,  interrompendo todas as compras de soja dos EUA em uma tentativa de colocar agricultores americanos contra Trump – bem como poderosos ativistas na China agora pedindo pela guerra contra os Estados Unidos até que o Oceano Pacífico se divida em dois“.

Apesar de lutar contra o presidente Trump com tudo o que possuem em seus arsenais demoníacos cheios de mentiras, este relatório detalha, as forças combinadas dessas potências globalistas socialistas ainda precisam derrotá-lo – e cuja única arma que agora resta é através de processo de impeachment – mas o que eles não percebem que esta é a batalha final que o próprio presidente Trump realmente quer que aconteça, na medida que ele aplicou aos seus inimigos uma clássica “Armadilha“.

As duas primeiras regras que os inimigos de Trump continuamente não percebem são que “ ele prospera em meio ao conflito” e  todas as “eleições são ganhas por quem domina os holofotes” – e foi uma armadilha montada e anunciada ontem quando o procurador Especial Robert Mueller deu um comunicado de menos de 10 minutos anunciando que sua investigação de interferência da Rússia na eleição de Trump (Russiagate) foi encerrada e que ele estava se demitindo do Departamento de Justiça dos EUA imediatamente.

O procurador especial Robert Mueller quebrou um silêncio de dois anos ontem e falou sobre a investigação da influência russa na eleição americana. Em declaração curta, ele rejeitou inocentar Donald Trump e afirmou que cabe ao Congresso – e não a ele – indiciar um presidente no exercício do mandato. As declarações aumentaram a pressão para que os democratas iniciem um processo de impeachment na Câmara.

“Agora que o escândalo do Russiagate esta provado ser falso, quando é que começam os julgamentos por traição?”

“Como consta no relatório, depois da investigação, se nós tivéssemos tido a confiança de que o presidente não cometeu um crime, teríamos dito isso”, afirmou Mueller. A declaração, que veio junto com o anúncio de que ele estava se demitindo do serviço público, jogou o tema no colo do Congresso e ressuscitou o tema do impeachment, que vinha perdendo força. Os candidatos que pretendem disputar a eleição presidencial de 2020 contra Trump se mostraram a favor da abertura de um processo de impeachment, com diferença na intensidade das manifestações. Por enquanto, a resistência está nos líderes do Congresso.

No clássico estilo “Armadilha”, também, este relatório observa, o Procurador Especial Mueller pareceu sugerir que o procurador dos EUA William Barr enganou o povo americano e o Congresso dos EUA sobre suas descobertas – uma “sugestão ” rapidamente aproveitada pelos mais radicais opositores de Trump, os principais veículos da Mídia Mainstream e os democratas que alegaram que isso significa que Mueller estava colocando o destino de Trump nas mãos do Congresso dos EUA para decidir – mas cegos pelo alegre desejo por sangue, não perceberam que Mueller  disse que nunca iria testemunhar contra Trump no Congresso dos EUA, pois tudo que ele tinha a dizer já estava em seu relatório – e ainda mais importante, apenas três horas após o início do frenesi do impeachment da mídia, não percebeu uma declaração oficial emitida por Barr e Mueller afirmando que ambos concordaram em tudo.

O que a Esquerda desconhece neste momento, observa este relatório ainda, é se os democratas no Congresso dos EUA morderem a isca e vão abrir um processo de impeachment de Trump – que seria um espetáculo grandioso e espetacular televisionado como um grande evento e espetáculo a nível mundial, colocando todos os holofotes da história moderna diretamente disponível ao presidente Trump – quando, de fato, sua armadilha será lançada – mas não sobre Trump , pois ele usará esse evento para mostrar ao povo americano e ao mundo os crimes daqueles que governam escondidos nas sombras (A cabala, Deep State, et al…), os golpistas, os democratas e seus veículos de mídia controlados – com algumas revelações novas e chocantes que incluem:

  • Evidências provando que crimes de todos os funcionários de agências de inteligência do regime Obama-Clinton mentiram sob juramento NO Congresso quando testemunharam na investigação ilegal Trump-Rússia começou em julho de 2016 – quando, na verdade, começou em janeiro de 2016 .
  • Evidências provando que o FBI obteve um mandado de espionagem da campanha de Trump para um suposto computador dos republicanos conectando-se com um banco russo depois que seus próprios agentes descobriram que tudo era uma mentira fabricada.
  • O Departamento de Justiça (DoJ) dos Estados Unidos revelou aturdido ontem que um ex-vice-diretor adjunto do FBI estava envolvido em “conduta imprópria” ao investigar Trump, incluindo vazamento de informações “sensíveis” para a mídia, e violando a lei federal divulgando registros do tribunal e recebendo um presente de alguém da mídia.
  • Os serviços de inteligência britânicos revelaram ter enviado uma mensagem de advertência ao FBI de que o autor do “dossiê sujo” Christopher Steele não se poderia acreditar em nada do que ele escreveu ou disse, uma advertência ignorada pelo FBI que usou os escritos de Steele para obter outra garantia e desculpa para espionar Trump – e é por isso que Steele está agora se recusando a cooperar com o procurador John Durham, a quem Barr apontou para investigar e processar todos esses trapaceiros.

 

Com o plano de golpe para derrubar o Presidente Trump sendo tão exposto que volumes inteiros já foram escritos sobre o assunto, um dos mais extensos e legalmente detalhados sendo The Russia Hoax: The Illicit Scheme to Clear Hillary Clinton and Frame Donald Trump“, (A Farsa da Rússia: O Esquema Ilícito para Limpar Hillary Clinton e acusar Donald Trump), este relatório concluiu, que Trump sabe que precisa agora é de um “evento espetacular e final” para empurrar a verdade através da censura deliberada e dos muros de propaganda erguidos pelos democratas e seus veículos da Mídia Mainstream controlados para manter esses crimes escondidos das massas do povo americano.

Essa ocultação de décadas de controle e domínio dos EUA pelas trevas será impossível durante um processo de impeachment com o seu  Partido Republicano se unindo no Congresso dos EUA e há muito tempo se preparando para este ataque dos opositores de Trump – assim como o próprio Trump, que se recusa a se deitar e morrer como seus inimigos esperavam que ele assim fizesse, pois ele nem sabe o que é a palavra desistir de uma luta.

Nos últimos dois meses, a sombra da investigação de Mueller saiu da Casa Branca e passou a pairar sobre os democratas. Desde que o procurador especial Mueller concluiu a investigação, a oposição se vê diante de um impasse. De um lado, as conclusões são graves o bastante para que o eleitorado fiel aos democratas e críticos a Trump deixe a história para trás. De outro, líderes do partido entendem que deixar de debater temas locais para investir no impeachment pode levar a população à exaustão e, se o processo for malsucedido, os democratas sairão desgastados às vésperas da eleição. Isso seria fatal para o candidato dos Democratas e reelegeria Trump.

A tentativa dos democratas e seus aliados das diferentes facções, como judeus khazares, nazistas, a cabala, o Fed e o Deep State de derrubar Trump pode se virar contra eles mesmos ao criar o cenário ideal para que Trump e seus aliados (com a maioria dos militares), finalmente exponham para o público de todo o planeta o estado de coisas que levou os EUA e o próprio planeta à situação atual.

Em 30 de maio de 2019 © UE e EUA todos os direitos reservados. A permissão para usar este relatório em sua totalidade é concedida sob a condição de que ele seja vinculado de volta à sua fonte original em WhatDoesItMean.Com. Conteúdo do Freebase licenciado sob CC-BY e GFDL.


Image result for puppet gif

A Matrix (o SISTEMA de CONTROLE MENTAL):   “A Matrix é um sistema de controle, NEO. Esse sistema é o nosso inimigo. Mas quando você está dentro dele, olha em volta, e o que você vê? Empresários, professores, advogados, políticos, carpinteiros, sacerdotes, homens e mulheres… 

As mesmas mentes das pessoas que estamos tentando salvar. “Mas até que nós consigamos salvá-los, essas pessoas ainda serão parte desse sistema de controle e isso os transformam em nossos inimigos. Você precisa entender, a maioria dessas pessoas não está preparada para ser desconectada da Matrix de Controle Mental. E muitos deles estão tão habituados, tão desesperadamente dependentes do sistema, que eles vão lutar contra você  para proteger o próprio sistema de controle que aprisiona suas mentes …”


Mais informações, leitura adicional:

 

2 Responses to Trump cria armadilha aos inimigos dos EUA, Putin cancela tratado nuclear com americanos

  1. HÉLCIO GONÇALVES DA SILVA

    BOM DIA
    03/06/2019

    SERÁ QUE NUNCA MAIS VÃO APRENDER A COEXISTIR PACIFICAMENTE ????

    HÉLCIO GONÇALVES DA SILVA
    LABREA – AMAZONAS
    B R A S I L

Deixe uma resposta para HÉLCIO GONÇALVES DA SILVA Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.