browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Boeing: Novamente aviões da empresa sofrem sérios acidentes e são aterrados

Posted by on 22/02/2021

Destroços caem do céu após motor de jato da United explodir provocando pouso de emergência em Denver com motor em chamas

Um Boeing 777 da United Airlines sofreu uma grande falha de motor no ar e foi forçado a fazer um pouso de emergência no Aeroporto Internacional de Denver, enquanto espalhava destroços por vários bairros.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Turbina de Boeing 777 explode no ar espalhando destroços após decolar de Denver, EUA. Na Holanda um Boeing 747-400 também tem problemas com turbinas e destroços caem do céu

Fonte:  Rússia Today

O incidente chocante aconteceu logo depois que o vôo 328 da United decolou de Denver para Honolulu, forçando a tripulação a realizar um pouso de emergência com um dos motores em chamas e grandes pedaços dele faltando.

O avião Boeing 777-200, que tinha 231 passageiros e 10 tripulantes a bordo, pousou com segurança, sem relatos de feridos. Vários passageiros capturaram vídeos do motor em chamas e no momento em que o jato tocou o solo para alívio e alegria de todos.

Enquanto isso, várias testemunhas passageiros atordoadas no solo relataram ter ouvido um grande estrondo e visto pedaços de metal chovendo no céu. Outra testemunha aparentemente viu uma explosão no céu e conseguiu capturar um vídeo do jato voando baixo e traços de fumaça preta.

Também não houve relatos de feridos no solo, já que a polícia em Broomfield, Colorado, compartilhou fotos de alguns destroços espalhados por vários bairros. As autoridades locais pediram aos residentes que não tocassem em nenhuma peça que encontrassem, enquanto se aguarda uma investigação do National Transportation Safety Board para determinar a causa do mau funcionamento.


As autoridades holandesas estão investigando depois que um avião de carga da Boeing começou a se desfazer de peças de metal logo após a decolagem. O incidente coincidiu com um acidente semelhante com destroços caindo do céu após a explosão de uma turbina por um avião Boeing 777 decolando de Denver, Colorado para o Hawai.

Um dos motores do Boeing 747-400 supostamente pegou fogo depois que o avião decolou do aeroporto de Maastricht-Aachen, na Holanda no sábado. De acordo com funcionários do aeroporto, o avião começou a “perder” pedaços de destroços ao sobrevoar uma área residencial próxima ao aeroporto.

Um Boeing 747-400 © AFP / ANP / Vincent Jannink

De acordo com relatos da mídia, duas pessoas ficaram levemente feridas, e uma delas precisou de hospitalização. Os destroços também causaram danos a vários veículos e casas. Uma fotografia publicada pela mídia holandesa mostra uma grande haste de metal que perfurou o teto de um carro depois de cair no chão.

A aeronave, que viajava para Nova York, foi desviada para o aeroporto de Liege, na Bélgica, onde pousou com segurança. O Conselho de Segurança holandês disse que lançou uma “investigação exploratória” sobre o evento.

O bizarro incidente ocorreu no mesmo dia em que um Boeing 777 da United Airlines, voando de Denver [Colorado, EUA] a Honolulu {Hawai], espalhou destroços em uma área residencial após sofrer uma falha com um motor explodindo no ar. Não houve relatos de feridos e a aeronave fez um pouso de emergência no Aeroporto Internacional de Denver.


Reino Unido vai proibir voos do Boeing B777s com as mesmas turbinas que explodiram e espalharam detritos sobre a Holanda e os EUA

Alguns aviões da Boeing estão sendo banidos do espaço aéreo britânico, disse o secretário de Transporte do Reino Unido, Grant Shapps, na segunda-feira, depois que falhas dramáticas de motor em duas aeronaves diferentes causaram a chuva de destroços no fim de semana, nos EUA e na Holanda.

“Após os acidentes neste fim de semana, os Boeing B777s com motores Pratt & Whitney 4000-112 serão temporariamente proibidos de entrar no espaço aéreo do Reino Unido”, disse Shapps em um comunicado no Twitter. “Vou continuar a trabalhar em estreita colaboração com a Autoridade de Aviação Civil do Reino Unido para monitorar a situação.”

A mudança segue ação semelhante da FAA-Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos e das transportadoras japonesas All Nippon Airways e Japan Airlines, que aterraram todos os modelos Boeing 777 com motores Pratt & Whitney PW4000.

Um avião Boeing 777-200ER da United Airlines © Reuters / Kamil Krzaczynski / Foto do arquivo

No sábado, um Boeing 777 da United Airlines com destino a Honolulu teve que fazer um pouso de emergência logo após decolar de Denver, Colorado, quando um de seus motores explodiu e pegou fogo e peças começaram a cair após se desprenderem da turbina em chamas.

Os destroços do jato de passageiros foram encontrados espalhados por vários bairros, embora nenhum ferimento tenha sido relatado. Mais tarde no sábado, o motor de um Boeing 747-400 também pegou fogo ao decolar do aeroporto de Maastricht Aachen, na Holanda, resultando na queda de destroços da aeronave e ferindo duas pessoas, uma das quais foi hospitalizada.


Leitura adicional:

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.