Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Braço direito de George Soros, acusado de abusar sexualmente de seis mulheres e da Própria Filha

{Aviso: conteúdo perturbador} Psicopatas em ação: <strongBraço direito de George Soros, acusado de abusar sexualmente de seis mulheres e da própria filha. Como um gestor de dinheiro com altos ganhos – inclusive para o Fundo Soros – Howard Rubin parecia ter tudo.  Havia a cooperativa multimilionária no Upper East Side, bem como uma propriedade à beira-mar de US$ 9 milhões nos Hamptons. Mas havia outra propriedade imobiliária que ele mantinha escondida: uma luxuosa cobertura na Madison Avenue, equipada com fotos ampliadas de modelos da Playboy e, aparentemente, todo tipo de parafernália BDSM [sadomasoquismo]. É nessa masmorra sexual secreta que Rubin, agora com 66 anos, é acusado de ter cometido atos violentos e agressão sexual contra várias mulheres . . .

“Eu vou estuprar você como eu estupro minha filha”: braço direito de [judeu khazar] George Soros, Howard Rubin . . .

Fonte: Information Liberation

O financista de Wall Street, o judeu khazar Howard Rubin, ex-gerente financeiro e braço direito do bilionário George Soros, está sendo processado por seis mulheres por “espancá-las e agredi-las durante sessões de BDSM [Bondage, Dominação, Submissão, Sadismo e Masoquismo] pervertidas na masmorra de sexo de seu apartamento em Manhattan”.

Do The Daily Mail, “o braço direito de George Soros, Howard Rubin, 66, é processado por seis mulheres que o acusam de ‘espancá-las e agredi-las durante sessões de BDSM pervertidas no calabouço de sexo de seu apartamento em Manhattan'” :

george soros' right hand man accused of sexually abusing six women 'i'm going to rape you like i rape my daughter'
Psicopatas em ação: Braço direito de George Soros, acusado de abusar sexualmente de seis mulheres e da própria filha

Howard Rubin, um ex-gerente de dinheiro de George Soros, está sendo acusado por seis mulheres de espancá-las durante sessões de sexo sadomasoquistas em um ‘masmorra do sexo’ especialmente construída em seu apartamento em Manhattan, New York.

Rubin, 66 anos, um notório comerciante de Wall Street casado que é acusado de incorrer em US$ 377 milhões em perdas na Merrill Lynch em 1987, é acusado de pagar a mulheres até US$ 5.000 para participar de seções de sexo BDSM.

Agora, várias das mulheres que participaram das sessões de sexo “excêntrico” estão processando o financista, alegando que ele abusou delas; ignorar segurança delas, ir além dos limites e acordos BDSM que eles estabelecem antes do sexo e feri-las fisicamente.

As primeiras acusações foram feitas em novembro de 2017, mas um total de seis mulheres estão processando Rubin em um julgamento civil, marcado para novembro, por US$ 18 milhões.

Detalhes chocantes divulgados pelo New York Post dizem que uma mulher foi tão espancada que seu cirurgião plástico não estava disposto a operá-la depois que seu implante no seio direito foi invertido.

Outra mulher disse que ela e Rubin fizeram sexo contra sua vontade, alegando que, enquanto estava presa em sua masmorra, ele lhe disse: ‘Vou estuprar você como estupro minha filha’ antes de forçá-la a ter relações sexuais.

[…] Um ex-colega que trabalhou com Rubin na Soros Fund Management disse ao Post ‘Eu o achei um cara legal. Ele era um cara judeu nebuloso e totalmente normal. Fiquei surpreso ao saber que ele tinha aquele apartamento [com uma masmorra de sexo]. ‘

Emma Hopper [esquerda] é uma das mulheres que alegam que Rubin abusou fisicamente delas. Foto: Instagram Fonte: Instagram
“[As mulheres] não esperavam realmente apanhar”, disse seu advogado ao New York Post . O Daily Mail tem fotos de suas supostas vítimas, todas parecem ser loiras de olhos azuis.

O promotor distrital de Manhattan, Cyrus Vance, vai realmente investigar se Rubin estuprou ou não sua própria filha ou abusou sexualmente dessas mulheres?

Vance teve muito tempo para processar uma “Karen” aleatória por chamar a polícia de um negro que a estava assediando em um parque . Vendo como Vance fez a cobertura do caso Jeffrey Epstein e Harvey Weinstein , acho que todos nós sabemos que Howard Rubin ficará limpo. A justiça, em alguns casos, parece ser diferente para pessoas “poderosas”.


“O indivíduo é [TÃO] deficiente mentalmente [os zumbis], por ficar cara a cara, com uma conspiração tão monstruosa, que nem acredita que ela exista. A mente americana [humana] simplesmente não se deu conta do mal que foi introduzido em seu meio. . . Ela rejeita até mesmo a suposição de que as [algumas] criaturas humanas possam adotar uma filosofia, que deve, em última instância, destruir tudo o que é bom, verdadeiro e decente”.  – Diretor do FBI J. Edgar Hoover, em 1956


Mais informações, leitura adicional:

Permitido reproduzir desde que mantida a formatação original e a conversão como fontes.

phi-cosmoswww.thoth3126.com.br

 

0 resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *