Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Colapso da Telefonia Celular: ‘Acaba em 30 Minutos’- na lista de eventos do Armagedom da Europa

Não é apenas o aquecimento e a energia elétrica que podem faltar na Europa neste inverno: os telefones celulares podem ser os próximos a desaparecer. Isso porque se cortes ou racionamento de energia elétrica derrubarem partes das redes móveis em toda a região, os telefones celulares podem ficar escuros em toda a Europa neste inverno, assim como a internet, de acordo com o último relatório apocalíptico da Reuters .

Colapso da Telefonia Celular: ‘Acaba em 30 Minutos’- na lista de eventos do Armagedom da Europa

Fonte: Zero Hedge

Embora todos saibam agora que as chances de racionamento e falta de energia na Europa explodiram desde que Moscou suspendeu o fornecimento de gás, na França, a situação é ainda pior, pois várias usinas nucleares ‘coincidentemente’ estão fechando para manutenção. 

E a cereja do bolo do caos europeu auto infligido: funcionários do setor de telecomunicações disseram à Reuters que temem que um inverno rigoroso colocará a infraestrutura de telecomunicações da Europa à prova, forçando empresas e governos a tentar mitigar o impacto (ou seja, mais demandas de resgate).

O problema, como disseram quatro executivos de telecomunicações, é que atualmente não há sistemas de backup suficientes em muitos países europeus para lidar com cortes generalizados de energia elétrica, aumentando a perspectiva de quedas de telefones celulares. 

Percebendo que em apenas algumas semanas a Europa poderá ficar bloqueada de telefones celulares, países como França, Suécia e Alemanha estão se esforçando para garantir que as comunicações possam continuar, mesmo que os cortes de energia elétrica acabem esgotando as baterias de reserva instaladas nas milhares de antenas de celular espalhadas por território europeu.

Infelizmente, como tudo na Europa, é muito pouco, muito tarde e a Europa está enfrentando a possibilidade real de um apagão verdadeiramente histórico da telefonia celular, porque enquanto a Europa tem quase meio milhão de torres de telecomunicações, a maioria delas tem backups de bateria que duram apenas cerca de 30 minutos para funcionar as antenas móveis. Depois disso elas escurecem e apagam.

Uma das alternativas em discussão é levar a Europa de volta aos regimes de apagão da era comunista: na França, um plano apresentado pela distribuidora de eletricidade Enedis inclui potenciais cortes de energia de até duas horas no pior cenário, disseram duas fontes familiarizadas com o assunto. .

Os apagões gerais afetariam apenas partes do país de forma rotativa. Serviços essenciais, como hospitais, polícia e governo, não serão afetados, disseram as fontes. E agora, parece que os telefones celulares também são considerados essenciais: a Federação Francesa de Telecomunicações (FFT), um grupo de lobby que representa a Orange, a Bouygues Telecom e a SFR da Altice, destacou a Enedis por não conseguir isentar as antenas dos celulares dos cortes de energia.

A Enedis disse que conseguiu isolar seções da rede para fornecer clientes prioritários, como hospitais, instalações industriais importantes e militares e que cabe às autoridades locais adicionar a infraestrutura das operadoras de telecomunicações à lista de clientes prioritários.

“Talvez melhoremos nosso conhecimento sobre o assunto neste inverno, mas não é fácil isolar uma antena móvel (do resto da rede)”, disse um funcionário do Ministério das Finanças francês com conhecimento das negociações.

As empresas de telecomunicações na Suécia e na Alemanha também levantaram preocupações sobre possíveis faltas de eletricidade com seus governos, disseram várias fontes familiarizadas com o assunto.  O regulador de telecomunicações sueco PTS está trabalhando com operadoras de telecomunicações e outras agências governamentais para encontrar soluções, disse. 

Isso inclui conversas sobre o que acontecerá se a eletricidade for racionada. A PTS está financiando a compra de postos de combustível transportáveis ??e estações base móveis que se conectam a telefones celulares para lidar com faltas de energia mais longas, disse um porta-voz da PTS.

O lobby italiano de telecomunicações foi ainda mais contundente e disse à Reuters que quer que a rede móvel seja excluída de qualquer corte de energia ou paralisação de economia de energia e vai levantar isso com o novo governo da Itália. 

As quedas generalizadas de energia elétrica aumentam a probabilidade de componentes eletrônicos falharem se forem submetidos a interrupções abruptas, disse o chefe do lobby de telecomunicações, Massimo Sarmi, em entrevista.

Até que uma solução seja alcançada, para economizar energia, as empresas de telecomunicações estão usando software para otimizar o fluxo de tráfego, fazer as torres “dormirem” quando não estiverem em uso e desligar diferentes bandas de espectro, disseram fontes da Reuters. 

As operadoras de telecomunicações também estão trabalhando com governos nacionais para verificar se existem planos para manter serviços críticos. Na Alemanha, a Deutsche Telekom tem 33.000 torres de rádio móvel e seus sistemas móveis de energia de emergência só podem suportar um pequeno número delas ao mesmo tempo, disse um porta-voz da empresa.


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal  AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)”. para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Saiba mais, leitura adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *