Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

O Caso ‘Amicizia’ de contato entre italianos e um Grupo de Extraterrestres

No início do Grupo de Estudos da Antropologia Galáctica em maio de 2023 (1), um amigo italiano, Antonio, recomendou análise do caso “Amicizia” [Amizade] que trata de um grupo de extraterrestres que teve extensos contatos com pelo menos cerca de 100 pessoas na Itália, principalmente na década de 1950, na região da cidade de Pescara. Hoje finalmente escrevemos este artigo sobre este caso fascinante baseado num documentário de 50 minutos (2,3). Esperamos que você goste, pois é muito esclarecedor.

O Caso da Amizade e interação entre italianos e um grupo de Extraterrestres

Fonte: Galactic Anthopology

STEFANO BRECCIA E BRUNO SAMMACICCIA EM 2007

O caso “Amizade” começou em 1956, mas só foi levado ao conhecimento público quando o engenheiro Stefano Breccia (1945-2012) começou a escrever sobre o assunto em 2007 (6), após ter passado um mês entrevistando Bruno Sammaciccia, o principal contato humano neste notável caso de contato direto com extraterrestres. A maioria dos eventos ocorreu na região da cidade de Pescara, no leste da Itália (7).

OS EXTRATERRESTRES

Bruno e dois de seus amigos foram até um certo castelo do bairro e conheceram dois extraterrestres que pareciam normais, exceto pela altura excepcional: um tinha cerca de um metro e o outro cerca de 2,5 m (8). Eles emanavam energia amorosa e diziam que sua principal tarefa na Terra era impedir que a humanidade usasse armas nucleares. Disseram que já estavam na Terra há muitos séculos, vivendo em bases subterrâneas em vários lugares do planeta. Os italianos deram-lhes o nome de ‘W56’. Bruno e estes amigos conversaram (e passearam pela praia) com estes extraterrestres.

BASES SUBTERRÂNEAS FLEXÍVEIS

Os italianos foram informados de como eles construíram suas bases. De alguma forma, eles conseguiam comprimir o solo sob a superfície e criar aberturas, com o solo comprimido transformando-se em paredes. Breccia disse que eles poderiam “acionar um interruptor” para que tudo voltasse a ser como era. Até os corredores de entrada nestas bases eram muitas vezes abertos e fechados desta forma. No trecho abaixo você pode ter uma ideia de como isso teria funcionado. O homem que fala é Stefano Breccia. Em um artigo anterior, falamos sobre como seriam feitos os túneis subterrâneos (9).

TELETRANSPORTE DE MERCADORIAS

Breccia disse que esses W56 também pediam algo em troca. Pediram caminhões com todos os tipos de frutas (13′) e quantidades industriais de minerais estranhos, como estrôncio e nitrato de bário. Enquanto os italianos distraíam os caminhoneiros em um bar local, o desembarque aconteceu em poucos segundos por teletransporte (10).

Esses produtos eram bastante caros. Às vezes, os aliens pagavam simplesmente manifestando dinheiro em uma caixa, mas na maioria das vezes Bruno Sammaciccia tinha que pagar sozinho. Isto levanta a questão de por que uma espécie tão avançada precisava da ajuda dos humanos. Eles disseram que nós [os italianos] ajudaram a nos ajudar.

MUITOS AVISTAMENTOS DAS ESPAÇONAVES DOS EXTRATERRESTRES

Muitas pessoas associadas ao grupo viram as naves espaciais desse grupo de extraterrestres. Na maioria das vezes suas espaçonaves apareciam na hora e no local marcados. Foram feitas muitas fotos, que você também encontra no livro de Breccia (2). Abaixo você confere trechos de um filme de 2 minutos realizado por Gaspare de Lama, uma das testemunhas que participaram do documentário (13).

GRUPO DE AMIZADE COM CIDADÃOS EM OUTROS PAÍSES

A atividade do W56 estendeu-se além das fronteiras da Itália. Houve avistamentos e contatos na França, Suíça, Alemanha, Rússia [Sibéria], Argentina e Austrália (23′).

MATERIALIZAÇÕES

Gaspare de Lima fala sobre como as coisas surgiam sendo materializadas do nada: filmes com espaçonaves, cartas que incluíam respostas a perguntas que eles haviam feito anteriormente eram respondidas deste modo.

CONTATOS ATRAVÉS DE RÁDIOS E TV

Breccia disse que os Amigos ETs às vezes se comunicavam através de rádios. Ele deu um exemplo engraçado de dois rádios que estavam sintonizados exatamente na mesma frequência, e então um rádio poderia receber sua mensagem enquanto o rádio próximo a ele simplesmente continuava com sua programação normal. Aos 25′ minutos da gravação (14) dá até para ouvi-los já que suas vozes foram gravadas em fitas. Eles também mostraram suas espaçonaves interrompendo um programa de TV incluindo algumas mensagens adicionais.

Nomeados pelos italianos ” W56″ porque o caso de contato começou em 1956 em Pescara, na Itália, o caso de contato em massa “Amicizia” ou “Amizade” foi generalizado. Dezenas, se não centenas de pessoas na Itália e em outros lugares, foram contatadas por extraterrestres de aparência humana. É importante reconhecer que os contatados não eram mentalmente instáveis por qualquer extensão da imaginação. Eles eram membros proeminentes da sociedade italiana: escritores, políticos, empresários, artistas, professores, etc.

OS CONTRÁRIOS

Os extraterrestres disseram a Bruno que também havia outros extraterrestres negativos que Bruno chamou de CTR. Eles eram materialistas e, em muitos aspectos, o oposto dos aliens em contato. Eles disseram que estavam em conflito com os CTRs e também estavam aqui para mantê-los sob controle. Eles temiam que a humanidade também pudesse seguir o seu caminho [dos aliens CTRs] inescrupuloso. Os aliens amigos parece implicar que a sua própria harmonia e ética elevada também formam uma espécie de proteção contra estes aliens CTR negativos. Talvez seja como o que aprendemos sobre seres que escapam de seres de densidade mais baixa, elevando as suas frequências para uma densidade mais elevada.

SEU NOME VERDADEIRO: AKRIJ

Eles revelaram o nome real daquele povo extraterrestre negativo, ou seja, Akri(j). Lembrei-me imediatamente dos Aker, mas rapidamente descartei isso, já que se diz que esses Aker estão longe de ser benevolentes (15). Breccia descobriu que certas línguas também usavam a palavra ‘Akri’. Em sânscrito [Índia] significa “Os Sábios”, em egípcio refere-se a divindades ou pessoas sábias e em grego clássico significaria “pessoas de/em lugares elevados”.

FIM DOS CONTATOS

No final da década de 1970, após cerca de vinte anos, o contato entre os extraterrestres e o grupo de italianos de Pescara terminou, principalmente por causa de discussões dentro dos italianos. Eles teriam prometido voltar algum dia. Eles podem ter sido os que partiram após o rompimento. Antonio do Grupo de Estudo GA comentou sobre este aspecto: “Posso acrescentar algum testemunho pessoal a isto.. em 78-79 voltei de uma viagem à Grécia e encontrei toda a Itália em tumulto, durante semanas houve avistamentos por todo o lado, as pessoas se reuniam para assistir aos acontecimentos, principalmente no mar Adriático, as espaçonaves emergiam da água assustando os pescadores. Eu não sabia nada sobre o caso “de “Amizade” e aos poucos o fenômeno foi diminuindo e de alguma forma foi esquecido, mas lembro muito bem de como as pessoas estavam entusiasmadas!”

ALGUMAS REFLEXÕES FINAIS

Não seria ótimo se pudéssemos de alguma forma determinar quem são esses extraterrestres amigos dos italianos? De que planeta eles são originários? Eles fazem parte da Federação Galáctica de Mundos? Acho que seria uma boa pergunta para Thor Han.

O Dr. Salla também escreveu sobre este caso em seu Exopolitics.org(16). Por que eles precisavam de frutas, estrôncio e nitrato de bário? Quem são os outros extraterrestres inimigos de que eles falaram aos italianos? Com base na sua descrição desses aliens negativos não terem consciência e na sua tendência para o materialismo, a raça dos Nebu (17) pode ser uma boa candidata. Junte-se ao Grupo de Estudo GA se quiser compartilhar algumas ideias ou perguntas (1).

FOOTNOTES
(1) Telegram groups: Galactic Anthropology (general updates), Galactic Anthropology Study GroupAlex Collier and Andromedans Study Group and the Galactic Anthropology Library. You can of course also comment below the articles here. There is also a facebook page that you can join. In October 2023 I started a Laura Aboli Archive to store the multiple ways the Deep State is losing its terrible grip on our world in a topic format with very topical subjects. See: Laura Aboli Archive. Elena Danaan also has her own telegram channel which is accessible for most people. In November 2023 I started a new account on X (formerly Twitter): : Galactic Anthropology on X
(2) The Friendship Case Alien UFO Documentary
(3) I will go through the documentary and make paragraphs on the various interesting topics, in the same way as I did with the interview with Robert Dean (4). Somehow I have learned to use youtube-videos as source-material, more so than books.
(4) An Interview with Robert Dean
(5) Alieni in Abruzzo. Dalla mega base nel Monte Meta alla famiglia extraterrestre che si stabilì a Pescara
(6) Breccia, S. (2009) Mass Contacts
(7) In the documentary we are also introduced to Gaspare de Lama and Mirella Bergamini who both were eye-witnesses in the case.
(8) 1 meter is 3.3 feet; 2.5 meters is 6.5 feet
(9) On the Creation of Underground Tunnels
(10) We have come across our fair share of teleportation on this website. See (11,12)
(11) Quantum Teleportation
(12) To be Reshuffled into a Higher Density Avatar Body
(13) I was told by Antonio that at the moment of writing Gaspare would still be alive at an age of 103.
(14) https://youtu.be/KpxJtVKhlSw?si=eV_KZR3vurXgna02&t=1553 (right timestamp)
(15) The Anunnaki and the Aker
(16) Extraterrestrials among us
(17) The Nebu


SEJA UM ASSINANTE DO BLOG: Para os leitores do Blog que ainda não são assinantes e desejam acessar as postagens em seus endereços de E-Mail, solicitamos, por favor, que façam a sua inscrição aqui neste LINK: https://linktr.ee/thoth3126

Convidamos também a conhecerem e seguirem nossas redes sociais:
Instagram: https://www.instagram.com/th.oth3126/
Facebook: https://www.facebook.com/thoth3126.blog
X (antigo Twitter): https://twitter.com/thoth3126_blog
Youtube: https://www.youtube.com/@thoth3126_blog

Siga o canal “Blog Thoth3126” no WhatsApp: https://www.whatsapp.com/channel/0029VaF1s8E9Gv7YevnqRB3X


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *