Hezbollah pode tornar Israel ‘inabitável em 72 horas’, Alerta Especialista judeu

A rede elétrica de Israel é vulnerável a um ataque do Hezbollah que poderá torná-la “inabitável” 72 horas mais tardeinformou o Haaretz a 21 de Junho. De acordo com o CEO de uma empresa que gere e supervisiona os sistemas elétricos de Israel em nome do governo, Israel está totalmente despreparado para uma guerra com o Hezbollah que provavelmente teria como alvo toda a infraestrutura energética do país.

Fonte: The Cradle

“Não estamos prontos para uma “Guerra Real”. Vivemos em um mundo de fantasia, aos meus olhos”, disse o judeu Shaul Goldstein, chefe da Noga – Operadora de Sistema Independente de Israel.

Goldstein fez os comentários enquanto discursava numa conferência organizada pelo Instituto de Estudos de Segurança Nacional (INSS) na cidade de Sderot, no sul do país. Ele disse que Israel ficaria “inabitável” após 72 horas sem energia.

“Olhando para toda a nossa infraestrutura, as fibras ópticas, os portos – e não vou entrar em assuntos delicados – não estamos numa boa situação.”

“Se o Hezbollah decidir paralisar a rede elétrica de Israel, Nasrallah só precisará pegar o telefone e ligar para o chefe da rede elétrica de Beirute, que é [tecnicamente] idêntica à de Israel.” Goldstein acrescentou: “A vantagem é que investimos muito em proteção, trabalhando em conjunto com a Israel Electric Company”.

Na quinta-feira, a Reuters observou que o Hezbollah provavelmente possui mais de 150 mil mísseis, drones e foguetes de vários tipos e alcances.

Usina de energia Hadera em Israel (Crédito da foto: Shutterstock)

O Hezbollah afirma ter foguetes que podem atingir todas as áreas de Israel [com território minúsculo], incluindo mísseis de precisão, drones e mísseis antitanque, antiaéreos e antinavio.

Israel e o Hezbollah têm trocado ameaças cada vez mais hostis nos últimos dias. O chefe do Hezbollah, Hassan Nasrallah, alertou que uma invasão da Galiléia “ainda está sobre a mesa” em caso de guerra.

O judeu khazar israelense Amos Hochstein, conselheiro do presidente dos EUA, [‘Dementia’ Joe] Biden, viajou para Israel e o Líbano esta semana em meio ao aumento das tensões.

Em Israel, Hochstein reuniu-se com o primeiro-ministro genocida Benjamin Netanyahu, o presidente Isaac Herzog, o ministro da Defesa Yoav Gallant, o líder da oposição do Knesset, Yair Lapid, e o ex-membro do gabinete de guerra Benny Gantz.

O Haaretz escreve que Hochstein alertou para a possibilidade de que a guerra com o Hezbollah poderia levar a um ataque iraniano em larga escala a Israel, de um tipo que seria difícil para os sistemas de defesa de Israel repelirem em conjunto com um possível fogo em grande escala do Hezbollah a partir do Líbano.

Os líderes israelitas ameaçam há meses “copiar e colar” [mas não será um ataque a “mulheres e crianças”, como em Gaza] a destruição de Gaza no Líbano se o Hezbollah não parar os seus ataques vindos do sul do Líbano sobre o norte de Israel, na Galileia, o que forçou a evacuação de cerca de 200.000 colonos judeus da fronteira com o Líbano.

Na quarta-feira, o exército israelita anunciou que o seu Comando do Norte tinha aprovado planos operacionais para a guerra com o Líbano. O deputado e porta-voz libanês afiliado ao Hezbollah, Ibrahim Moussawi, afirmou no início desta semana que se Israel quiser uma guerra em grande escala, a resistência islâmica está pronta.

“Se quiserem vir para o Líbano, são bem-vindos. Estamos esperando por eles. Ahlan wa Sahlan, como se diz em árabe”, afirmou. Moussawi observou que Israel [mesmo com a ajuda massiva dos EUA/OTAN] está tendo dificuldades em gerir a guerra em Gaza e perguntou onde Israel conseguiria as tropas para lançar uma invasão muito mais difícil do Líbano.

“Eles não conseguem administrar-se em Gaza e querem vir para cá? Em Gaza, eles não estão lutarndo. Eles estão apenas bombardeando e enviando drones. Mas se eles vierem, estaremos esperando ansiosamente por eles. Fizemos preparativos que eles nunca podem imaginar”, acrescentou ele.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.310 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth