Maior Agricultor do Brasil reduzirá o uso de fertilizantes em 25% em meio à escassez

O aumento dos preços dos fertilizantes industriais forçou um dos maiores agricultores do Brasil a iniciar planos para reduzir a distribuição de nutrientes nos campos em pelo menos um quarto na safra 2022-23, segundo a  Bloomberg. A SLC Agricola SA, que administra campos de soja, milho e algodão em uma área maior que o estado de Delaware, reduzirá o uso de fertilizantes em 20% e 25%, disse o CEO Aurelio Pavinato. 

Maior Agricultor de alimentos do Brasil reduzirá o uso de fertilizantes em 25% em meio à escassez

Fonte: Zero Hedge

A SLC Agrícola, fundada em 1977 pelo Grupo SLC, é produtora de soja, algodão e milho, além de trabalhar com criação de gado, fazendo a integração lavoura-pecuária. Também é detentora da marca SLC Sementes, que produz e comercializa sementes de soja e algodão. Foi uma das primeiras empresas do setor de produção agrícola a ter ações negociadas em Bolsa de Valores, tornando-se uma referência no seu segmento. Com Matriz em Porto Alegre (RS), a Empresa possui 22 Unidades de Produção  estrategicamente localizadas em sete estados brasileiros. Na safra 2020/2021, a produção totalizou cerca de 470 mil hectares plantados e a estimativa para a safra 2021/2022 é de 660 mil hectares.

A redução planejada de fertilizantes disse Pavinato ocorre no momento em que os preços subiram para recordes devido à escassez decorrente da invasão russa da Ucrânia. Ele disse que menos nutrientes ainda não afetarão necessariamente a produção agrícola. 

“É possível cortar fertilizantes em um ano e ter um impacto nulo na produção”, disse ele em entrevista, acrescentando que há reservas de fertilizantes e nutrientes no solo de safras anteriores. 

A decisão da SLC de reduzir os fertilizantes nos campos é um excelente exemplo de como os agricultores em todo o mundo estão lidando com preços altos e a escassez do produto. Alguns agricultores estão mudando para culturas que  precisam de menos fertilizantes . 

Agro - Estoque baixo e alta demanda valorizam soja, que deve ter colheita  recorde no RS

Mesmo que Pavinato não acredite que as colheitas serão afetadas no curto prazo, a perspectiva de rendimentos mais baixos é uma preocupação significativa entre os comerciantes agrícolas e continua a empurrar os preços globais dos alimentos para recordes de elevação de preços em décadas. 

O trader da CBoT, Tommy Grisafi  (também consultor de risco da empresa de comercialização de commodities Advance Trading Inc.) ”  Grisafi alertou: “Não é se, é quando”

As notícias do Brasil são muito alarmantes porque 80% das terras agrícolas do país são muito dependentes de fertilizantes, e  mais de 85%  de seu fertilizante é importado do exterior (suscetível a interrupções no fornecimento). 

O Brasil também é um grande exportador agrícola de commodities, como café, açúcar, soja, mandioca, arroz, milho, algodão, feijão e trigo além de ser um dos maiores produtores de proteína animal, carnes de gado, frangos, perus e porcos. 

Se as colheitas futuras diminuírem devido ao menor uso de fertilizantes, isso poderá exacerbar a crise global de alimentos que a  Fundação Rockefeller  espera que nos atinja “nos próximos seis meses”. 

Pode ser o momento perfeito para  plantar um jardim  e se tornar mais independente à medida que surgem graves rachaduras na cadeia global de produção, distribuição e logística no fornecimento de alimentos. 


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)” para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Mais informação adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.326 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth