Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Mais de 40 países retornando ao Padrão Ouro vai acelerar fim do Domínio do Dólar

Lembram quando a guerra Rússia/Ucrânia tinha acabado de começar, e eu previ que a Rússia e a China lançariam sua própria moeda lastreada em ouro? Na época, essa ideia soou completamente estranha e fui ridicularizado por trazê-la à tona. Hoje, tornou-se apenas realidade. Mas 41 países parecem estar voltando a um tipo de moeda lastreada em padrão-ouro. As imagens espalhadas por toda a RT neste fim de semana eram de manchetes como “Novo dinheiro, novo mundo” e “Padrão-ouro será de grande benefício para fortalecer uma nova moeda única”.

Mais de 40 países Retornando ao Padrão Ouro vai acelerar fim do Domínio do Dólar

Fonte: Quoththeraven.substack.com

“O anúncio oficial deve ser feito durante a cúpula do BRICS em agosto na África do Sul”, informou o site Kitco  no fim de semana:

O mercado de ouro pode ter um novo impulso de alta, pois o mundo pode ver um novo tipo de padrão-ouro.

Sexta-feira, de acordo com a estatal RT, o governo russo confirmou que Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, também conhecidos como países BRICS, introduzirão uma nova moeda comercial lastreada em  ouro. O anúncio oficial deve ser feito durante a cúpula do BRICS em agosto na África do Sul.

“À primeira vista, uma nova unidade de transação, lastreada em ouro, soa como um bom dinheiro – e pode ser, antes de mais nada, um grande desafio para a hegemonia do dólar americano”, disse Thorsten Polleit, economista-chefe da Degussa .

Ele continuou:

“Para tornar a nova moeda tão boa quanto o ouro, uma moeda verdadeiramente sólida, ela deve ser conversível em ouro sob demanda. Não tenho certeza se é isso que Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul têm em mente. Usar o ouro como dinheiro, a unidade de conta seria um verdadeiro divisor de águas, sem dúvida. Poderia levar a uma forte desvalorização de muitas moedas fiduciárias em relação ao metal amarelo (incluindo as próprias moedas fiduciárias do BRICS) e poderia catapultar os preços dos bens e commodities em termos de moedas fiduciárias. Pode ser um choque para o sistema global de moeda fiduciária. Não tenho certeza se é isso que os BRICS desejam alcançar.”

Polleit acrescentou que outra opção seria as nações do BRICS criar um novo banco [o que já foi feito] para financiar o comércio exterior que exigiria a retenção de ouro como capital.

O anúncio oficial da nova moeda está previsto para agosto, durante a cúpula do BRICS na África do Sul.

Ainda mais chocante do que o anúncio do retorno ao Padrão Ouro é a atitude descuidada que a secretária do Tesouro dos Estados Unidos, a judeu khazar Janet Yellen, parece estar levando ao noticiário. Em declarações que só posso descrever como completamente delirantes, Yellen disse neste fim de semana:

“Só quero reiterar o que disse no passado, que acho que  os Estados Unidos podem ter certeza de que o dólar desempenhará o papel dominante [?!] facilitando as transações internacionais e servindo como moeda de reserva nos próximos anos. Não vejo esse papel sendo ameaçado  por nenhum desenvolvimento, incluindo o que você mencionou [moeda comum dos BRICS].”

Lá está – é oficial ‘BRICS planeja introduzir nova moeda comercial lastreada em ouro na cúpula de agosto’ ‘Padrão-ouro será um grande benefício para o fortalecimento da moeda única’ ‘41 países solicitaram adesão ao BRICS’ – FONTE: EMBAIXADA DA RÚSSIA

Essa é uma opinião que ela vai querer retomar em algum momento, tenho certeza. Enquanto isso, este anúncio do BRICS é um ponto chave em um mapa maior de destronar o dólar americano como moeda de reserva global do mundo. Isso não apenas solidifica o que já sabemos – que o ouro é um bem real TANGÍVEL [como ALIMENTOS] – mas também é o desafio público mais pronunciado ao dólar americano no cenário global na memória recente.

É também um  ponto de passagem sério  em um  mapa muito maior da desdolarização dos EUA que apresentei na íntegra há apenas 2 meses  em uma longa entrevista de várias horas com meu amigo Andy Schectman.

Nessa entrevista imperdível, meu amigo Andy Schectman me disse:

“Quando você olha para os países que manifestaram interesse em ingressar no BRICS, todos eles têm reservas substanciais de ouro. Os números estão aumentando entre aqueles que querem ingressar no BRICS, há mais de 60 países que fizeram fila [para ingressar no BRICS].”

A próxima coisa que estarei procurando será a cooperação dos sauditas que, por causa de seu domínio nos mercados de petróleo, podem ajudar a afetar a mudança necessária para fazer crescer esta nova moeda. Andy continuou,  dizendo-me  em maio:

“Eu acredito que será numa noite de domingo [algum tipo de anúncio]. A OPEP, as nações do BRICS, a Arábia Saudita – eles saem e dizem em uma noite de domingo, estamos aceitando outra moeda para o petróleo – e tudo explode na manhã de segunda-feira. É um tsunami de venda dólares [que será transformado em um pedaço de papel inútil]”, concluiu Andy. “As peças estão sendo colocadas no tabuleiro agora. Ninguém vai ter tempo para reagir.”

“Por que diabos os Bancos Centrais de muitos países estariam comprando mais ouro agora do que nunca? Eles estão na frente. Eles não se importam com os técnicos, eles estão usando a supressão ocidental dos preços do ouro para desdolarizar suas economias. Como é quando o mundo perde completamente os dólares porque não precisa mais deles para comprar petróleo?”

Para que não esqueçamos, isso é simples, pois é bom senso.

Eu defendi a desdolarização não porque sou antipatriótico ou porque quero que coisas ruins aconteçam aos Estados Unidos – é exatamente o oposto. Simplesmente porque o caso se torna senso comum ao examinar como abusamos do status de moeda de reserva do dólar, mais recentemente armando nossa moeda como resultado da guerra Rússia/Ucrânia. 

Quando uma moeda lastreada em ouro entrar no cenário do comércio global, ela será levada a sério porque o resto do mundo terá a mesma percepção de bom senso que já temos. E é por isso que acredito, não importa o ceticismo que você possa ouvir dos defensores do dólar, as rodas já estão em movimento.

Para obter uma lista do que possuo e como estou me posicionando pessoalmente,  confira minha análise de portfólio , lançada há apenas alguns dias. Este post é público, então sinta-se à vontade para compartilhá-lo:  Compartilhar


“O indivíduo é deficiente mentalmente [os zumbis], por ficar cara a cara, com uma conspiração tão monstruosa, que nem acredita que ela exista. A mente americana [humana] simplesmente não se deu conta do mal que foi introduzido em seu meio. . . Ela rejeita até mesmo a suposição de que as [algumas] criaturas humanas possam adotar uma filosofia, que deve, em última instância, destruir tudo o que é bom, verdadeiro e decente”.  – Diretor do FBI J. Edgar Hoover, em 1956.

A estátua do sonho de Nabucodonosor, um símbolo daquilo que a humanidade construiria na Terra. Os dias de insanidade da atualidade estão contados, muito em breve, a “Grande Prostituta”, a cidade de Roma será varrida da face da Terra PELO IMPACTO DE UM METEORO/ASTEROIDE, dando início a derrota completa dos servidores das trevas e o fim de seus planos nefastos para o controle do planeta.


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal  AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)”. para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Saiba mais, leitura adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *