browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Massa de ar polar traz Frio Intenso com neve, ‘Chuva Congelante’ e baixas temperaturas na região Centro Sul do Brasil

Posted by on 12/05/2022

Forte massa de ar polar vai derrubar temperaturas entre os dias 16 e 22 de maio. No mesmo período, passagem de um ciclone extratropical aumenta a umidade e favorece neve, chuva e ocorrência de geadas. Serão diretamente impactados todos os estados do Centro-Sul do Brasil. Há previsão de queda de neve para municípios da Serra Gaúcha e algumas cidades da região central de Santa Catarina na terça-feira (17) e quarta-feira (18).

Massa de ar polar traz Frio Intenso com neve, ‘Chuva Congelante’ e temperatura atípica para maio

Fonte: GloboG1

Os serviços de meteorologia afirmam que grande parte do Brasil vai enfrentar uma semana de frio atípico para o mês de maio a partir da próxima segunda-feira (16). De acordo com Cesar Soares, meteorologista da Climatempo, os termômetros devem ficar abaixo de 10°C em São Paulo, há previsão de neve e “chuva congelante” para os estados do Sul e geadas para outros trechos do país.

“Para quem está sentindo frio agora, digo que o frio ainda nem começou”, afirma César Soares. “Esse pode ser o episódio de frio mais intenso deste ano.”

Nas redes sociais, o frio que se aproxima vem sendo divulgado como uma “erupção polar histórica“. O meteorologista da Climatempo afirma que o termo não existe na literatura da meteorologia, e o que de fato vai ocorrer tecnicamente é o avanço de uma “massa polar”, que o especialista classifica como “muito intensa”.

Serão diretamente impactados todos os estados do Centro-Sul do Brasil. O ápice será entre os dias 16 e 22. Segundo o especialista da Climatempo, o grande diferencial é que desta vez o deslocamento da massa de ar polar vai coincidir com a passagem de um ciclone extratropical, o que vai trazer umidade e possibilitar a ocorrência de eventos mais incomuns: queda de neve e precipitação da chamada “chuva congelante”.

Neve e chuva congelante

A neve é um fenômeno já mais conhecido: os flocos são formados já na nuvem e chegam ao solo no mesmo estado, enquanto a chuva congelante é um evento mais raro em nosso país. Segundo o meteorologista César Soares, a chuva ocorre de forma normal, com a queda da gotícula na atmosfera, mas a água se congela ao tocar uma superfície.

“(Quando ocorre uma chuva congelante”, você vê as gotas caindo, mas olha as pessoas na rua e as pessoas não se ‘molham’, porque a gota congela quando toca a superfície”, explica o meteorologista.

Há previsão de queda de neve para municípios da Serra Gaúcha e algumas cidades da região central de Santa Catarina na terça-feira (17) e quarta-feira (18).

Frio abaixo de 10ºC em SP

Um dos marcos deste frio atípico é a previsão de temperatura abaixo de 10°C em São Paulo. A previsão mais recente considera a possibilidade de mínimas em torno de 7ºC a 9°C.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a estação do Mirante de Santana, a oficial da capital São Paulo, registrou 9,5°C em 2016.

No sul, há condições para temperaturas abaixo de zero. Em Urupema, de acordo com Soares, é possível que os termômetros cheguem a -8°C negativos.

Geada em vários estados

Há previsão de geada em várias áreas entre os dias 19 e 22 de maio (quinta a domingo). A geada ocorre quando é formada uma camada de gelo nas superfícies por causa da intensa redução de temperatura quando a umidade do ar está elevada.

A possibilidade é mais forte nos estados do Sul, no sul e oeste paulista, em Mato Grosso do Sul e no sul de Minas Gerais. O meteorologista César Soares não descarta até mesmo a ocorrência de geada na capital paulista.

“Dessa vez, no Sul, não só as áreas mais altas devem registrar geada, mas até em Curitiba a chance é bastante alta”, aponta a Climatempo.

De acordo com o Inmet, as geadas poderão ser fortes em alguns pontos. Veja figura abaixo:

Ocorrência de geada prevista para Sul e trechos do Sudeste e Centro-Oeste. — Foto: Inmet

Ocorrência de geada prevista para Sul e trechos do Sudeste e Centro-Oeste. — Foto: Inmet

Impacto no Norte do Brasil

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia, a queda das temperaturas mínimas vai afetar também estados do Norte do Brasil. “No Acre e em Rondônia, o frio deve causar o segundo episódio de friagem do mês”, explica o Inmet, citando que o primeiro episódio ocorreu entre os dias 4 e 5.

La Niña mais intensa

O ano de 2022 vem sendo marcado pelo fenômeno La Niña, cuja principal característica é o esfriamento das águas do Oceano Pacífico que provoca invernos rigorosos e secas severas. No Brasil, em anos de La Niña, é comum mais chuvas na região Sul e menos nas regiões Norte e Nordeste.

De acordo com análise do serviço de meterologia MetSul, o atual comportamento do La Niña “foge” ao que costuma ser observado. “O episódio que se iniciou em agosto do ano passado normalmente atinge seu pico de intensidade entre o fim do ano e o começo do ano seguinte. Na sequência, começa a perder intensidade e, via de regra, há uma transição para neutralidade no outono do ano seguinte”, explica, em nota, a meteorologista Estael Sias.

“Não é o que ocorre em 2022. A La Niña voltou a ganhar força agora no outono e fazia muito tempo que o Pacífico não se encontrava tão frio na região equatorial nesta época do ano” afirma Estael com base em dados da Administração Nacional de Oceanos e Atmosfera (NOAA), a agência climática dos EUA.


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)” para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Mais informação adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.