Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

O (Hospício do) Ocidente não pode deixar a Rússia ‘Vencer’ – Macron

Macron enviará a Kiev 40 mísseis SCALP e centenas de bombas, enquanto a Ucrânia continua a implorar por mais ajuda, disse o presidente francês. O presidente francês Emmanuel Macron anunciou novas entregas de mísseis e bombas de longo alcance para Kiev, enquanto insistia que o Ocidente “não pode deixar a Rússia vencer” o conflito com a Ucrânia. Ele acrescentou que visitará o país em guerra no próximo mês.

O (Hospício do) Ocidente não pode deixar a Rússia ‘Vencer’ – Macron

Fonte: Rússia Today

Discursando numa conferência de imprensa no Palácio do Eliseu, em Paris, na terça-feira, o líder francês reiterou que o seu país continuará a ajudar a Ucrânia. Em meio a críticas de que a França não tem feito o suficiente para ajudar Kiev, Macron disse que Paris enviaria 40 mísseis de cruzeiro SCALP lançados do ar, com alcance de mais de 250 km, bem como “centenas de bombas.”

A mídia local, citando autoridades francesas, informou que o presidente estava se referindo a munições equipadas com o AASM, ou módulo HAMMER, que transforma bombas comuns em armas guiadas de precisão com um alcance de até 70 km. A Rússia acusou repetidamente Kiev de usar armas de longo alcance fornecidas pelo Ocidente para atingir infraestruturas civis.

Macron acrescentou que visitaria a Ucrânia em Fevereiro para finalizar um acordo bilateral de segurança com Kiev, semelhante ao que o país assinou recentemente com o Reino Unido. O acordo de dez anos entre os dois, anunciado na semana passada, garante a “assistência de segurança rápida e sustentada” da Grã-Bretanha à Ucrânia no caso de uma futura ataque russo, ao mesmo tempo que descreve inúmeras outras medidas de apoio.

Alguns dos aliados da França na OTAN, nomeadamente a Polônia, criticaram-na por não ter exercido a sua influência na ajuda à Ucrânia, apesar de ser uma das economias mais poderosas da Europa. De acordo com o Instituto Kiel para a Economia Mundial, a França forneceu a Kiev 500 milhões de euros (540 milhões de dólares) em ajuda militar – menos do que a Eslováquia. No entanto, os legisladores em Paris insistiram que a verdadeira escala da assistência era na verdade maior, culpando a metodologia errada.

A Ucrânia tem pedido mais ajuda ocidental desde o início do conflito em Fevereiro de 2022, expressando recentemente preocupações sobre o impasse no Congresso dos EUA relativamente à aprovação de financiamento adicional. Na segunda-feira, o ministro dos Negócios Estrangeiros ucraniano, Dmitry Kuleba, apelou ao Ocidente para que fizesse mais neste sentido, prometendo que os ucranianos “lutariam com pás” assim que esgotassem de armas.

A França forneceu pela primeira vez à Ucrânia 50 mísseis SCALP no ano passado, seguindo o exemplo do Reino Unido, que enviou armas semelhantes – mísseis Storm Shadows. Desde então, a Rússia acusou Kiev de usar mísseis de longo alcance fornecidos pelo Ocidente para atingir áreas residenciais, causando inúmeras vítimas civis em território russo.


SEJA UM ASSINANTE DO BLOG: Para os leitores do Blog que ainda não são assinantes e desejam acessar as postagens em seus endereços de E-Mail, solicitamos, por favor, que façam a sua inscrição aqui neste LINK: https://linktr.ee/thoth3126

Convidamos também a conhecerem e seguirem nossas redes sociais:
Instagram: https://www.instagram.com/th.oth3126/
Facebook: https://www.facebook.com/thoth3126.blog
X (antigo Twitter): https://twitter.com/thoth3126_blog
Youtube: https://www.youtube.com/@thoth3126_blog

Siga o canal “Blog Thoth3126” no WhatsApp: https://www.whatsapp.com/channel/0029VaF1s8E9Gv7YevnqRB3X


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.311 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

NOSSOS PRODUTOS

Indicações Thoth

Seja um Anunciante

Divulge seu produto ou serviço em nosso portal!
Converse com a equipe comercial no WhatsApp