Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Incêndios em Grandes Fazendas de Frangos na N. Zelândia e EUA matam 150.000 galinhas em meio à Escassez de Ovos

O último grande fornecedor de alimentos a pegar fogo, depois de décadas de fornecedores de alimentos não pegando fogo, é o maior produtor de ovos da Nova Zelândia – depois que um incêndio estourou na segunda-feira, matando cerca de 50.000 galinhas. O incêndio na fazenda Zeagold “levou a maior parte do dia para ser contido”, segundo a empresa, acrescentando que doze trabalhadores no local ficaram “ilesos, mas muito assustados”.

Incêndio na Maior Fazenda de Frangos da N. Zelândia mata 50.000 galinhas em meio à escassez nacional de ovos

Fontes: Zero Hedge

Antes do incêndio acontecer, os fazendeiros da Nova Zelândia já estimavam que o país precisava de mais 300.000 galinhas para lidar com a escassez nacional de ovos, relata o The Guardian .

O porta-voz acrescentou que, embora ainda seja muito cedo para avaliar o quanto o incêndio afetaria a cadeia de suprimentos, “obviamente haverá algum impacto – não é uma grande coisa acontecer no meio de uma escassez ” .

A Nova Zelândia enfrenta uma escassez de ovos desde o início do ano, quando pôs fim à criação em granjas. A proibição estava em andamento desde 2012 e o número de galinhas em granjas caiu ao longo do tempo para representar apenas 10% da produção total de ovos – mas sua proibição final no início de janeiro ainda foi suficiente para abalar a cadeia de fornecimento de ovos, deixando os supermercados com prateleiras vazias, donos de lojas policiando compras de bandejas e amantes de grandes cafés da manhã despojados.

A escassez chegou ao ponto de discórdia: um supermercado de uma cidade pequena proibiu a tripulação de um navio de cruzeiro de comprar mais ovos depois que eles esvaziaram as prateleiras; os jornais publicaram colunas de conselhos sobre panificação sem ovos e mexidos de tofu; e em janeiro, a SPCA divulgou um aviso dizendo aos neozelandeses para não se envolverem em compras instintivas de aves domésticas, após preocupações de que um aumento na propriedade de frangos amadores resultaria em animais não sendo tratados adequadamente. – The Guardian

Há preocupações de que um incêndio no maior produtor de ovos da Nova Zelândia agrave a escassez de ovos no país. Fotografia: Ezra Bailey/Getty Images

Os suprimentos de ovos são escassos, então isso não ajudará em nada“, disse Michael Brooks, diretor executivo da Federação de Produtores de Ovos.

O incêndio na N. Zelândia ocorre cerca de uma semana depois que um dos principais fornecedores de ovos da América, a Hillandale Farms, queimou, matando cerca de 100.000 galinhas.


Grande incêndio destrói fazenda comercial de ovos pertencente ao principal fornecedor dos EUA

Dezenas de fábricas de processamento de alimentos foram destruídas e/ou danificadas no ano passado por “incêndios acidentais” nos EUA. Após vários meses de calmaria em incêndios misteriosos que se espalharam pela indústria de alimentos dos EUA, o primeiro grande incêndio do ano novo foi relatado pela NBC Connecticut no sábado. 

Vários destacamentos de bombeiros estão respondendo a um grande incêndio de três alarmes em Hillendale Farms, onde milhares de galinhas produzem ovos, com fumaça espessa que pode ser vista a quilômetros de distância

Mais de 100 bombeiros lutaram contra um grande incêndio em uma fazenda comercial de ovos em Bozrah, Connecticut, na tarde de sábado.

De acordo com o Epoch Times, os bombeiros passaram horas extinguindo o fogo num galinheiro de 150 pés por 400 pés [45 x 121 metros – 5.472 metros quadrados] em Hillandale Farms, que continha cerca de 100.000 galinhas. 

Um caminhão cantina do Exército de Salvação estava no local, fornecendo alimentos. De acordo com o Exército de Salvação, cerca de 100.000 galinhas podem ter morrido no incêndio. Também disse que não houve feridos.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 2023-01-29_10-22-30.png
Dezenas de fábricas de processamento de alimentos foram destruídas e/ou danificadas no ano passado por “incêndios acidentais” nos EUA.

A Hillandale Farms é um dos maiores fornecedores de ovos de galinha nos Estados Unidos. 

Não está claro o que a produção de Bozrah danificada pelo fogo significará para a cadeia nacional de fornecimento de ovos da Hallandale Farms. O incêndio ocorre em um momento em que os EUA sofrem com uma grave escassez de ovos devido à “gripe aviária” que dizimou dezenas de milhões de galinhas poedeiras em todo o país. 

A escassez de ovos foi relatada em supermercados em todo os EUA. Os preços de uma dúzia de ovos de grau A no supermercado saltaram para níveis astronômicos. 

Este pode ser o início de outra “série de incêndios suspeitos em fábricas de alimentos”. Citando dados da Bloomberg, as notícias sobre “incêndios em instalações de indústrias de alimentos” tiveram o maior salto em uma década no ano passado. Muito Estranho, não é mesmo?


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)” para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Mais informação adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *