Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Ministro das Relações Exteriores da Hungria: Europa à beira de uma ‘Catástrofe’

A Europa está se aproximando de uma “catástrofe em todos os sentidos”, declarou o ministro das Relações Exteriores húngaro, Peter Szijjarto, nessa segunda-feira, antes de estender o veto de Budapeste às transferências de armas da UE para a Ucrânia. A previsão de Szijjarto aconteceu na segunda-feira. Após um discurso do ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmitry Kuleba, os principais diplomatas do bloco votaram para aumentar seu fundo conjunto de armas para a Ucrânia em € 3,5 bilhões adicionais (US$ 3,85 bilhões).

Europa à beira de uma ‘Catástrofe’ – Hungria. Os líderes do continente devem sair de sua “Psicose de Guerra”, alertou o ministro das Relações Exteriores húngaro, Peter Szijjarto

Fonte: Rússia Today

“A Europa está se aproximando de uma catástrofe – em todos os sentidos, infelizmente”, escreveu Szijjarto no Facebook antes de se reunir com os ministros das Relações Exteriores da UE em Luxemburgo na segunda-feira. “Agora problemas ainda maiores poderiam ser evitados e milhares de vidas poderiam ser salvas”, continuou ele, “mas para fazer isso seria preciso sair da psicose de guerra”. 

“Não tenho ilusões de que isso acontecerá na reunião dos ministros das Relações Exteriores da UE em Luxemburgo hoje”, concluiu.

A previsão de Szijjarto aconteceu na segunda-feira. Após um discurso do ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmitry Kuleba, os principais diplomatas do bloco votaram para aumentar seu fundo conjunto de armas para a Ucrânia em € 3,5 bilhões adicionais (US$ 3,85 bilhões).

Conhecido como ‘European Peace Facility’ (EPF – Mecanismo Europeu de Paz), o fundo é uma bolsa de € 5,6 bilhões (US$ 6,08 bilhões) que o bloco usa para financiar militares estrangeiros e reembolsar seus próprios membros que enviam armas para conflitos estrangeiros. Antes do conflito na Ucrânia, o ‘Peace Facility’ só havia sido usado para fornecer equipamentos não letais para a Geórgia, Mali, Moldávia, Moçambique e Ucrânia, por um total de menos de US$ 125 milhões.

Embora o teto do EPF seja aumentado, Szijjarto confirmou na segunda-feira que a Hungria manterá seu veto sobre a última parcela de € 500 milhões (US$ 546 milhões) em armas do fundo por mais um mês. Budapeste está atualmente bloqueando a transferência de armas da UE para a Ucrânia devido à lista negra de Kiev de empresas húngaras que fazem negócios na Rússia. 

Szijjarto e o primeiro-ministro húngaro, Viktor Orban, pediram repetidamente um cessar-fogo e um acordo de paz na Ucrânia, ao mesmo tempo em que insistem que as sanções anti-Rússia prejudicam mais a Europa do que a Rússia. 

Em entrevista ao tablóide alemão Bild na terça-feira, Orban afirmou que a ideia de uma vitória ucraniana contra a Rússia no campo de batalha é “impossível” e que sem um cessar-fogo imediato, a Ucrânia  “perderá uma enorme quantidade de riqueza e muitas vidas, e uma destruição inimaginável acontecerá”.

“O que realmente importa é o que os americanos querem fazer”, disse Orban, explicando que “a Ucrânia não é mais um país soberano. Eles não têm dinheiro. Eles não têm armas. Eles só podem lutar porque nós, no Ocidente, os apoiamos”.


O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é anjo-espada-colheita-01.png

“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)” para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Saiba mais, leitura adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *