Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Pfizer deu a seus funcionários australianos ‘vacinas’ COVID de um ‘Lote Separado’ daquele usado para injetar a população em geral

A indústria farmacêutica em geral, juntamente com suas reivindicações específicas sobre a segurança ou eficácia de qualquer produto, não é confiável. Anteriormente, relatei evidências bombásticas de que os grupos de pesquisas clínicas com os quais a Pfizer contratou cometeram fraude durante seus testes de injeção de mRNA do COVID-19 , que incluíam o uso inadequado de pacientes, falsificação de registros, uso de equipe insuficientemente treinada, etc. As taxas de efeitos adversos infligidos pelas injeções de mRNA do COVID-19 variaram de lote para lote, de dezembro de 2020 a janeiro de 2022, por trabalho crítico conduzido por pesquisadores dinamarqueses.

Notícia bombástica: a Pfizer deu a seus funcionários australianos vacinas COVID de um “lote separado” e “distinto” daquele usado para injetar a população em geral

Fonte: Global Research

Eu relatei em outro lugar que as taxas de efeitos adversos infligidos pelas injeções de mRNA do COVID-19 variaram de lote para lote, de dezembro de 2020 a janeiro de 2022, por trabalho crítico conduzido por pesquisadores dinamarqueses desonestos.

Via  Jornal Europeu de Investigação Clínica :

“A vacinação foi amplamente implementada para mitigar a doença de coronavírus-2019 (Covid-19) e,  até 11 de novembro de 2022, 701 milhões de doses da vacina BNT162b2 mRNA (Pfizer-BioNTech) foram administradas e vinculadas a 971.021 relatórios de suspeita de efeitos adversos (SAEs)  na União Europeia/Espaço Econômico Europeu (UE/EEA). 1  

Os frascos de vacina com doses individuais são fornecidos em lotes com rigoroso controle de qualidade para garantir a uniformidade do lote e da dose. 2  Dados clínicos sobre níveis de lotes de vacinas individuais não foram relatados e a variação dependente do lote na eficácia clínica e segurança das vacinas autorizadas parece ser altamente improvável. 

No entanto, tendo em vista a autorização de mercado para uso emergencial e a rápida implementação de programas de vacinação em larga escala, a possibilidade de variação dependente do lote parece digna de investigação. Portanto, examinamos as taxas de SAEs entre diferentes lotes de vacina BNT162b2  administrados na Dinamarca (população de 5,8 milhões) de 27 de dezembro de 2020 a 11 de janeiro de 2022…

A variação observada nas taxas de SAE [Eventos Adversos Graves]  e gravidade entre os lotes da vacina BTN162b2 neste estudo nacional  foi contrária à taxa homogênea esperada e à distribuição de SAEs entre os lotes .

Em conclusão , os resultados sugerem a existência de um sinal de segurança dependente do lote  para a vacina BNT162b2, e mais estudos são necessários para explorar essa observação preliminar e suas consequências”.

Em 25 de fevereiro de 2009, durante uma reunião [Council of Eugenics] da OMS, o judeu khazar Henry Kissinger declarou: “Uma vez que o rebanho (os bovinamente zumbis) aceita as vacinas obrigatórias, o jogo termina. Eles aceitarão qualquer coisa – doação forçada de sangue ou órgãos – para um bem maior, NÓS PODEMOS MODIFICAR GENETICAMENTE E ESTERILIZAR CRIANÇAS, para um bem maior – Controle as mentes das ovelhas e você controla o rebanho. Os fabricantes de vacinas devem ganhar bilhões. E muitos de vocês nesta sala são investidores. É uma grande vitória para todos. Nós reduzimos o rebanho e o rebanho nos paga pelos serviços de extermínio“.

Em termos leigos, o quão doentes essas injeções deixavam os receptores, em média, dependia de qual lote elas foram tiradas.

Agora, em depoimento no Senado australiano, um capanga da Pfizer chamado Krishan Thiru – sobre quem denunciei anteriormente devido à sua teimosa falta de vontade de responder a perguntas básicas sobre se seu empregador testou a transmissão em seus testes de má qualidade do COVID-19 (não ) –admitiu que a corporação, ou seja, a Pfizer, usou um lote reservado de vacinas COVID para seus funcionários na Austrália, o que ignorou a supervisão regulatória normal, enquanto dava à população em geral lotes separados.

Via  NTD Notícias :

“De acordo com dois executivos da Pfizer Inc.,  a equipe australiana da empresa farmacêutica recebeu seu próprio lote separado de vacinas COVID-19 especialmente importadas. Os executivos falaram em audiência no Senado australiano, onde foram questionados pelo senador de Queensland, Malcolm Roberts.

Um trecho da audiência foi posteriormente compartilhado pelo Sr. Roberts em seu canal no YouTube. O segmento compartilhado mostra os representantes da Pfizer—Dr. Krishan Thiru, diretor médico da Pfizer Austrália e Nova Zelândia, e o chefe de ciências regulatórias da empresa, Dr. Brian Hewitt, respondendo às perguntas do senador.

https://youtube.com/watch?v=QAOfAtmlWMA%3Ffeature%3Doembed

Como as injeções eram gratuitas para todos os australianos no ponto de serviço (a Pfizer conseguiu que o governo pagasse a conta) e não houve escassez de suprimentos, não havia razão aparente legítima para a Pfizer dar injeções de um lote separado a seus funcionários.

Mas há uma razão nefasta muito provável.

Dada a totalidade das evidências – o aumento maciço de câncer e ataques cardíacos ( e inúmeros outros efeitos devastadores à saúde ) em todo o mundo após 2020, as taxas variadas de efeitos colaterais com base no lote e a Pfizer reservando um lote selecionado para seus próprios funcionários na Austrália ( e provavelmente para todos os seus funcionários em todos os países onde opera) – a imagem do que a Pfizer fez, e a premeditação e malícia com que cometeu o que provavelmente é o maior crime da história mundial, começa a se pintar um quadro MUITO NEGRO.

Ben Bartee , autor de Broken English Teacher: Notes From Exile , é um jornalista americano independente baseado em Bangkok com polegares opositores. Ele é um colaborador regular da Global Research.


Estamos executando o nosso blog com as doações de nossos leitores. Como a receita de anúncios foi  “cancelada” há bastante tempo, agora você não é apenas um leitor, mas uma parte integrante do processo que constrói este site. Obrigado pelo seu apoio, ele é muito importante.  Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (CEF)”.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *