browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Pfizer lança estudo final para medicamento COVID que é suspeitamente ‘semelhante a Ivermectina’

Posted by on 29/09/2021

Outra peça do quebra-cabeça da propaganda anti-ivermectina dos EUA pode ter surgido à luz. Na segunda-feira, a Pfizer anunciou que está lançando um ensaio de Fase 2/3 acelerado para uma pílula profilática projetada para evitar COVID em pessoas que possam ter entrado em contato com a doença. Como os leitores deste blog podem reconhecer, isso é exatamente o que a ivermectina, o profilático usado por uma série de razões em humanos e animais, faz. E, ao contrário do “novo” medicamento experimental da Pfizer, a ivermectina já pode ter salvado centenas de milhares de vidas, desde a Índia ao Brasil.

Fonte: Zero Hedge

Coincidentemente (ou não), o medicamento da Pfizer compartilha pelo menos um mecanismo [o principal] de ação com a Ivermectina – um antiparasitário usado em humanos por décadas, que funciona como um inibidor de protease contra o vírus Covid-19, que os pesquisadores especulam “poderia ser a base biofísica por trás de sua eficiência antiviral”.

Vejam só, o novo medicamento da Pfizer – que alguns apelidaram de “Pfizermectina”, é descrito pela gigante farmacêutica Big Pharma como um “potente inibidor de protease”.

Como os leitores deste blog podem reconhecer, isso é exatamente o que a ivermectina, o profilático usado por uma série de razões em humanos e animais, faz. E, ao contrário do “novo” medicamento experimental da Pfizer, a ivermectina já pode ter salvado centenas de milhares de vidas, desde a Índia ao Brasil.

Não somos os únicos a fazer essa suspeição, já que usuários do Twitter comentaram sobre as semelhanças entre os dois medicamentos. E o momento atual – que coincide com toda a campanha de difamação da Ivermectina como um ” vermífugo de cavalo ” – parece muito estranho.

A semelhança entre a oferta futura da Pfizer e a ivermectina não passou despercebida para os mais “atentos”:

Mas a Pfizer, Moderna e seus executivos já mostraram ao mundo com suas ações que vêem a COVID como um “maná dos céus” – para citar o lendário advogado de defesa Johnny Cochran – um novo ‘centro de lucro’ infinito que manterá os seus acionistas na manteiga, especialmente desde que as empresas Big Pharma “aumentaram” discretamente os preços de suas vacinas.

Mas como uma grande parte do mercado americano e global rejeitou as vacinas mRNA, a Pfizer precisa de outro medicamento que possa ser usado para tratar os infectados pelo vírus covid também (caso contrário, a empresa está perdendo quase um terço do mercado americano).

De acordo com a Reuters , a Pfizer disse na segunda-feira que “iniciou um grande estudo testando seu medicamento antiviral oral experimental para a prevenção da infecção por COVID-19 entre aqueles que foram expostos ao vírus”.

A Pfizer não é a única farmacêutica Big Pharma que espera desenvolver um tratamento profilático para a exposição a COVID (especialmente porque as variantes levantam a possibilidade de que as injeções mRNA podem não ser “eficientes o suficiente”). A Merck e a rival suíça Roche estão correndo para desenvolver uma pílula antiviral fácil de administrar – então o tempo está passando para a Pfizer.

A Reuters explica que o estudo de estágio intermediário a final testará a capacidade do medicamento Pfizer – conhecido como PF-07321332 [“Pfizermectina”] de prevenir os sintomas de COVID em até 2.660 participantes adultos saudáveis ​​com 18 anos ou mais que vivem na mesma casa que um indivíduo com uma infecção viral sintomática confirmada por COVID.

A droga, projetada para bloquear a atividade de uma enzima chave necessária para o coronavírus se multiplicar dentro do corpo humano, será administrada junto com uma dose baixa de ritonavir, um medicamento mais antigo amplamente usado em tratamentos combinados para a infecção pelo HIV.

Relacionado:

No momento, o remdesivir IV, remdesivir, muito alardeado, mas [também] não tão eficaz, da Gilead é o único tratamento antiviral aprovado para COVID nos Estados Unidos. Vários coquetéis de anticorpos também foram amplamente testados e os ensaios estão em andamento – incluindo a Merck e o seu parceiro Ridgeback Biotherapeutics, que recentemente lançou um ensaio de estágio final para COVID profilático experimental, o molnupiravir.

Nesse ínterim, os cidadãos preocupados devem ficar atentos a qualquer nova informação sobre a ivermectina – se você puder encontrá-la.


Precisamos do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal  AGENCIA: 1803 – CONTA: 00001756-6 – TIPO: 013 [poupança] e pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)”.


O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é covid-19-circus-fake-pandemia.png

“O ser humano vivência a si mesmo, seus pensamentos como algo separado do resto do universo numa espécie de ilusão de ótica de sua consciência. E essa ilusão é uma espécie de prisão que nos restringe a nossos desejos pessoais, conceitos e ao afeto por pessoas mais próximas. Nossa principal tarefa é a de nos livrarmos dessa prisão, ampliando o nosso círculo de compaixão, para que ele abranja todos os seres vivos e toda a natureza (e o universo) em sua beleza. Ninguém conseguirá alcançar completamente esse objetivo, mas lutar pela sua realização já é por si só parte de nossa liberação e o alicerce de nossa segurança interior.” –   Albert Einstein


Saiba mais, leitura adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.