browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Príncipe Andrew, da “realeza” britânica, sofre manifestação contra pedofilia

Posted by on 27/08/2020

Andrew e seu amigo Epstein

Em imagens do protesto divulgadas posteriormente, os manifestantes podem ser vistos agitando faixas com o rosto do príncipe Andrew, juntamente com mensagens em protesto condenando seus crimes sexuais com meninas menores de idade. Os protestos foram organizados por meio de uma página de evento no Facebook chamada ‘Freedom For The Children Global Walk Londres’. De acordo com um ex-membro da guarda real que trabalhou na segurança do Príncipe Andrew, a Polícia Metropolitana de Londres destruiu evidências que poderiam ter revelado onde o Príncipe Andrew estava na noite em que ele é acusado de fazer sexo com um adolescente que estava sendo traficado por Jeffrey Epstein e Ghislaine Maxwell.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Manifestantes contra o tráfico sexual de crianças se reuniram em frente ao Palácio de Buckingham para condenar o príncipe “pedófilo”

Fonte:  https://themindunleashed.com/

Neste último sábado, em Londres, os manifestantes se reuniram em frente ao Palácio de Buckingham como parte de uma manifestação contra a exploração infantil . Os manifestantes gritaram acusações de “pedófilo” fora dos portões do palácio da [anacrônica] realeza britânica, em referência ao envolvimento do Príncipe Andrew na rede de tráfico de crianças do condenado e suicidado pedófilo judeu khazar  Jeffrey Epstein.

Ghislaine Maxwell e o abusador sexual, o ator Kevin Spacey sentados no trono inglês

Os protestos foram organizados por meio de uma página de evento no Facebook chamada ‘Freedom For The Children Global Walk Londres’. Uma postagem na página do evento dizia: 

“O objetivo desta caminhada pela mudança é trazer a consciência para a realidade atual da exploração infantil em nossas próprias comunidades e ao redor do mundo. Vamos mostrar nossa devoção e determinação para proteger essas crianças, nossas comunidades mais vulneráveis, solicitando mudanças e reformas dentro de nosso governo e agências de aplicação da lei para garantir que a justiça seja feita de forma a reduzir significativamente os casos de exploração infantil, promovendo a conscientização a fim de encerrar este problema em andamento”.

Em imagens do protesto divulgadas posteriormente, os manifestantes podem ser vistos agitando faixas com o rosto do príncipe Andrew, juntamente com mensagens condenando seus crimes. Enquanto isso, o príncipe Andrew está se esquivando dos investigadores que querem questioná-lo sobre as acusações feitas por algumas das vítimas do pedófilo “suicidado” Jeffrey Epstein.

Os promotores de Nova York disseram que o príncipe  “fechou completamente a porta”  para cooperar com as autoridades. Eles agora estão considerando que outras ações legais podem ser tomadas contra o príncipe pedófilo.

Andrew continua a negar qualquer delito ou conhecimento dos muitos crimes de Epstein, apesar de um crescente corpo de evidências indicando que ele estava envolvido. O advogado de Manhattan, Geoffrey Berman, descreveu o príncipe como um ” co-conspirador “.

“Ao contrário da oferta pública do Príncipe Andrew de cooperar com nossa investigação sobre os co-conspiradores de Epstein, uma oferta transmitida via comunicado à imprensa, o Príncipe Andrew agora fechou completamente a porta à cooperação voluntária e nosso escritório está considerando suas opções”,  disse Berman , de  acordo com  o  Guardian .

Andrew já havia prometido ajudar os investigadores com o caso, mas desde então se retirou da vida pública. Ele também recusou os pedidos de entrevistas que os investigadores lhe enviaram. Ele deixou sua posição oficial real e agora é mais do que nunca a ovelha negra da família real britânica.

Após a prisão da ex amante e agenciadora de meninas menores de idade e co-conspiradora de Epstein, a brittânica Ghislaine Maxwell, que também é conhecido por ser uma amiga de longa data de Andrew, o príncipe cancelou todas as suas viagens e negócios fora do Reino Unido, provavelmente por temer de que ele também seja preso .

O Príncipe Andrew e Ghislaine Maxwell, foram diretamente acusados de cometer abusos por Virginia Roberts, vista nesta foto com Andrew (Giuffre) 

De acordo com um ex-membro da guarda real que trabalhou na segurança do Príncipe Andrew, a Polícia Metropolitana de Londres destruiu evidências que poderiam ter revelado onde o Príncipe Andrew estava na noite em que ele é acusado de fazer sexo com um adolescente que estava sendo traficado por Jeffrey Epstein e Ghislaine Maxwell.

A noite em questão é 10 de março de 2001, assim como as primeiras horas da manhã de 11 de março. A vítima Virginia Giuffre, que na época era conhecida pelo nome de Virginia Roberts, diz que foi levada a Londres por Epstein e Maxwell e era esperado que ela tivesse relação sexual com o príncipe Andrew. Giuffre tinha apenas 17 anos na época em que teria ocorridos os fatos por ela denunciados.


Uma perturbadora imagem do ex-presidente dos EUA e prêmio Nobel da Paz, Barack H. Obama vestido de Satã enquanto participava de uma “festa dos Illuminati” organizada por elites internacionais se tornou viral na Internet. A foto apareceu com a legenda “Class and Grace, You are my favorite” (“Classe e graça”, voce é o meu favorito), e logo se tornou viral no Instagram.

A tecnologia de filtragem usada para determinar se uma imagem foi photoshopada ou falsificada não fornece nenhuma evidência de que a imagem tenha sido adulterada.

 A revelação de que Obama participa de rituais satânicos e se veste como Satã não é surpresa para muitos observadores do ex-presidente e “teóricos da conspiração”. A foto foi originalmente carregada no Instagram por Annemarie Hope, uma “artista que tem sido reconhecida por seu trabalho promovendo o satanismo” e é conhecida como favorita da comunidade (satanista) da elite internacional.


Eu quero você: A pintura original é da artista australiana e americana Petrina Ryan-Kleid, embora não esteja claro se Epstein comprou a tela ou teve uma impressão montada.A Matrix (o SISTEMA de CONTROLE MENTAL):  “A Matrix é um  sistema de controle, NEO. Esse sistema é o nosso inimigo. Mas quando você está dentro dele, olha em volta, e o que você vê? Empresários, professores, advogados, políticos, carpinteiros, sacerdotes, homens e mulheres…  As mesmas mentes das pessoas que estamos tentando salvar. “Mas até que nós consigamos salvá-los, essas pessoas ainda serão parte desse  sistema de controle e isso os transformam em nossos inimigos. Você precisa entender, a maioria dessas pessoas não está preparada para ser desconectada da Matrix de Controle Mental. E muitos deles estão tão habituados, tão desesperadamente dependentes do sistema, que eles vão lutar contra você  para proteger o próprio sistema de controle que aprisiona suas mentes …”


Saiba mais, leitura adicional:

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.