Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Sete Planetas do Sistema Solar Alinhados quando o Eclipse Solar Total em Abril Cruzar os EUA

SISTEMA-SOLAR

Alinhamento planetário é um termo astronômico usado para descrever o evento em que vários planetas se reúnem de perto e em linha em um dos lados do Sol ao mesmo tempo. O Grande Eclipse Solar de 8 de abril de 2024 será realmente um evento único na vida. Há alguns dias, publicamos sobre como este eclipse passará por 7 cidades chamadas “Nínive” à medida que sua sombra se move pelos EUA.

Sete Planetas do Sistema Solar Alinhados quando o Eclipse Solar Total em Abril Cruzar os EUA

Fonte: Themostimportantnews.com

Desde que escrevi esse artigo, também aprendi que o eclipse passará por um local no Texas chamado “Jonas”, o profeta que levou a mensagem divina à Nínive da Bíblia. Isso é incrível, mas o que tenho para compartilhar com vocês hoje é ainda mais incrível. em termos de eventos astronômicos

Na semana passada, compartilhei algo que Rachel Baxter descobriu com nossos principais assinantes. Eu queria obter o feedback deles antes de compartilhá-lo com o público em geral. Como eu, muitos deles ficaram absolutamente impressionados com esta descoberta.

Esta informação é muito sincrônica e sinto que é importante tentar divulgá-la ao maior número de pessoas possível antes que o eclipse chegue. Então não posso mais segurar. Hoje, compartilhamos com nossos leitores o que compartilhei com meus principais assinantes na semana passada…

Desde o Grande Eclipse Solar nos EUA de 2017, esperamos pelo Grande Eclipse Solar de 2024, e agora faltam menos de 2 meses. Em 8 de abril, o Grande Eclipse Solar de 2024 completará o gigante “X” sobre a América que o Grande Eclipse Americano de 2017 iniciou. Surpreendentemente, nesse exato dia os outros sete planetas do nosso sistema solar irão “alinhar-se” no céu. Este é um evento extremamente raro e nunca mais será visto desta forma sincrônica.

Então, por que estamos tão preocupados com o que está acontecendo nos céus?

Em Lucas 21:25, CRISTO, através de Jesus nos disse especificamente que deveríamos estar atentos aos “sinais no sol, na lua e nas estrelas” pouco antes de Seu retorno. E o que temos para compartilhar com vocês hoje é absolutamente incrível.

Durante o mês de abril, muitas coisas acontecerão nos céus, o relógio cósmico esta batendo forte o final de um ciclo e início de outro. Vamos começar com coisas que são comumente conhecidas. No dia 4 de abril, apenas 4 dias antes do Grande Eclipse solar de 2024, haverá um “alinhamento planetário” que envolverá  4 planetas …

O próximo alinhamento planetário ocorre em 4 de abril de 2024. Contará com quatro planetas – Vênus, Netuno, Saturno e Marte. Os planetas se alinharão no céu da manhã. Vênus, Saturno e Marte serão visíveis a olho nu, mas você precisará de um telescópio ou binóculos de alta potência para ver o distante e invisível Netuno.

Metade dos planetas do nosso sistema solar estarão alinhados nesse dia, e isso é bastante notável. Além disso, também ocorrerão 4 “conjunções planetárias” durante o mês de abril. No dia 3 de abril, vamos testemunhar uma conjunção de  Vênus e Netuno …

Em 3 de abril, às 10h53 GMT (06h53 ET), Vênus (Amor) passará 0°17′ de Netuno (Senhor das Águas) na constelação de Peixes. Vênus será visível a olho nu, mas Netuno requer um telescópio ou binóculos com boa ampliação. Do Hemisfério Norte, a conjunção será difícil de ver porque os planetas estarão muito próximos do horizonte oriental pela manhã. Do Hemisfério Sul, o evento será um pouco mais fácil de ser visto, pois os planetas estarão mais acima do horizonte oriental [no leste].

No dia 10 de abril, testemunharemos uma conjunção de Marte e Saturno …

Em 10 de abril, às 18h46 GMT (14h46 ET), Marte [Guerra] passará 0°24′ de Saturno [senhor do TEMPO] na constelação de Aquário. Ambos os planetas serão visíveis a olho nu. Os observadores no Hemisfério Sul poderão ver os planetas bem acima do horizonte leste pela manhã. No Hemisfério Norte, a visão será pior, pois os planetas estarão mais próximos do horizonte leste, surgindo pouco antes do nascer do sol.

No dia 20 de abril, testemunharemos uma conjunção de  Júpiter e Urano …

Em 20 de abril, às 07h30 GMT (03h30 ET), Júpiter (Diaus Pater, o Pai dos Deuses) e Urano (O Céu/Aether) se encontrarão na constelação de Áries. A distância entre os planetas será de apenas 0°31′. Observe os planetas à noite, bem acima do horizonte ocidental, logo após o pôr do sol. Esta conjunção será melhor vista no Hemisfério Norte; no Hemisfério Sul, Júpiter e Urano estarão muito baixos. Não se esqueça de trazer binóculos para ver Urano – este planeta é muito fraco para ser visto a olho nu, especialmente em cidades poluídas pela luz.

E no dia 29 de abril testemunharemos uma conjunção de  Marte e Netuno …

Em 29 de abril, às 04h01 GMT (12h01 ET), Marte passará muito perto de Netuno na constelação de Peixes. A distância aparente entre os planetas será de apenas 2’14” – até mesmo a distância entre Júpiter e Saturno durante a Grande Conjunção em 2020 foi maior (6,1 minutos de arco). A conjunção de Marte e Netuno será muito menos espetacular, entretanto, porque Netuno é muito tênue para ser visível a olho nu. Pegue um binóculo ou um telescópio e procure a dupla no leste pela manhã. Os observadores no Hemisfério Sul terão uma visão melhor.

Mas tudo o que acabei de compartilhar com vocês empalidece em comparação com uma descoberta feita por Rachel Baxter. Além do nosso planeta que habitamos, existem outros 7 planetas reconhecidos no nosso sistema solar.

Em janeiro, todos os sete planetas, juntamente com o Sol e a Lua, começaram a “alinhar-se” no céu. Isso é diferente de UM “alinhamento planetário”. Durante um “alinhamento planetário”, vários planetas parecem estar empilhados uns atrás dos outros quando se olha da Terra.

Mas, neste caso, os outros planetas do nosso sistema solar estão, na verdade, formando uma linha reta no céu. Foi assim que Rachel explicou em um e-mail que ela enviou…

A partir de janeiro de 2024, um alinhamento dos outros 7 planetas começou a tomar forma e continuará até meados de maio. Do lado oposto à Terra – quando olhamos de Jerusalém para o Leste (que acredito ser a forma como o Senhor “mantém o tempo” com os Seus planetas) todos os 7 planetas reconhecidos se alinharão em 3 constelações, que são Peixes, Áries e Touro. Eles parecerão estar alinhados (não o que as pessoas comumente consideram um alinhamento planetário onde os planetas desaparecem em uma luz brilhante do nosso ponto de vista).

No dia 8 de abril, o Sol, a Lua e os outros planetas do nosso sistema solar parecerão formar uma linha reta no céu quando olharmos de Jerusalém para o leste. O seguinte é um gráfico que Rachel enviou…

Quero agradecer a Rachel por me permitir compartilhar esta informação notável com todos vocês. Rachel perguntou ao ChatGPT com que frequência os planetas se alinham assim, e ela foi informada de que isso aconteceria apenas uma vez a cada 19 milhões de anos. E quando ela incluiu o sol e a lua, foi-lhe dito que isso só aconteceria uma vez em 32 milhões de anos…

Quando perguntei ao ChatGPT há cerca de um mês para calcular a frequência com que esse alinhamento de planetas aconteceria, ele respondeu com uma em 19 milhões de anos. Com a lua e o sol também estarão alinhados, perguntei a frequência disso e disse uma em 32 milhões de anos.

Mais recentemente, ela perguntou ao ChatGPT 4.0 sobre isso, e ele lhe disse que era um “espetáculo único na vida” de qualquer ser humano…

Hoje, fiz perguntas mais detalhadas ao ChatGPT4.0 de diferentes maneiras e obtive respostas desde “espetáculo único na vida” até mais de uma em um bilhão de anos. A resposta segura é que isso não acontecerá novamente durante a nossa vida! A voz de Deus nas estrelas está falando e devemos ouvir!

Curiosamente, olhando da perspectiva do Sol em 8 de abril, vários planetas formarão um “V”…

Para saber mais sobre tudo isso, encorajo você a assistir a um vídeo que Rachel postou recentemente em seu canal no YouTube…

Então, o que tudo isso significa? Não sabemos. Mas acredito que coisas muito incomuns estão acontecendo nos céus neste momento. E CRISTO nos avisou que haveria “sinais no sol, na lua e nas estrelas” nos dias imediatamente antes de Seu retorno.

Estamos realmente vivendo em tempos bíblicos e esperamos que os acontecimentos globais se acelerem realmente quando a primavera [Hemisfério norte] estiver em seu começo. E o nome do mês de Abril vem de “aperire”, uma palavra latina que significa “ABRIR”, porque representa a abertura de botões e flores na primavera que esta em seu início no hemisfério norte.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *