browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Serpo-Zeta Reticuli-O Programa de Intercambio, Post 19

Posted by on 26/11/2016

serpo-zetaProjeto SERPO – O Programa de Intercâmbio com o sistema solar de Zeta Reticuli 1 e 2 – Postagem nº 19 – (03 de abril de 2006)

A liberação gradual dos documentos confidenciais relativos a um programa de intercâmbio ultra-secreto de doze militares dos E.U.A. com alienígenas habitantes de SERPOum planeta do sistema solar duplo de ZETA RETICULI, entre os anos de 1965-1978.

Revelação efetuada por um insider que trabalhou para o governo dos EUA em estreita relação com o assunto, por ele revelado após a sua aposentadoria, autodenominado como Anonymous.

Tradução, edição e imagensThoth3126@protonmail.ch

O Programa Secreto de Intercâmbio de 12 militares dos EUA  com alienígenas habitantes do planeta SERPO do sistema solar de ZETA RETICULI.

Fonte: http://www.serpo.org/release19.php

Postagem nº 19 – por Anonymous (03 de abril de 2006) 

DOCUMENTO DE SEGURANÇA NACIONAL(EUA) – sobre a produção do PENTAGEN (elemento Hidrogênio-5) e dispositivo Alienígena de produção infinita de energia chamado de CRYSTAL RECTANGLE-CR

Nota do moderador: Legendas: CR = Crystal Retângulodispositivo alienígena gerador de energia Eben, NTS = Nevada Test Site {a famosa ÁREA 51}

1) Produção em Segredo de Pentagen pelos EUA (elemento Hidrogênio-5).

A. O elemento Trítio é feito através da captura de nêutrons no gás hélio. Para suprir os nêutrons, os prótons são energizados em um acelerador linear e utilizado para bombardear um alvo de metal pesado de tungstênio e chumbo, dessa forma criando nêutrons em um processo conhecido como espalação. Os nêutrons resultantes são moderados (abrandados) por colisões com chumbo e água, aumentando a eficiência de sua captura do gás hélio fluindo através do alvo de tungstênio e chumbo para produzir trítio. O trítio é extraído do gás hélio de forma contínua, providenciando o abastecimento para estoque.

B. Ao produzir o Trítio, os pesquisadores dos EUA descobriram que um outro isótopo rapidamente desaparecia no processo. De fato, se descobriu que vários isótopos saltavam fora do metal tungstênio. Os Pesquisadores dos EUA iniciaram um programa que tentou capturar esses esquivos e fugidios isótopos. Uma instalação secreta foi construída no Nevada Test Site (mesma região da ÁREA 51/GROOM LAKE/DREAMLAND). Estas instalações foram chamadas de “The Lance”.

O N.T.S. – Nevada Test Site e ao seu lado, à direita e acima a ÁREA 51 assinalada no retângulo central ao lado de Groom Lake. 

SOBRE área 51 PARA SABER MAIS:

  1. http://thoth3126.com.br/area-51-entrevista-de-david-adair/;
  2. http://thoth3126.com.br/area-51-entrevista-de-david-adair-parte-2/;
  3. http://thoth3126.com.br/area-51-entrevista-de-david-adair-parte-3/;
  4. http://thoth3126.com.br/area-51-e-seus-segredos-por-david-adair-parte-de-final/

A cobertura para a existência dessas instalações secretas foi a de que ela continha um mecanismo experimental de acelerador de produção química. Uma unidade de produção de trítio continha um Injetor, um Acelerador de produção de trítio e instalações para separação do trítio. As instalações em “The  Lance” continha um injector, acelerador, um prédio de Contenção, Aparelho de Coleta e um reservatório de armazenamento.

CO MAKING OF do PENTAGEN. Embora os detalhes exatos desse assunto sejam altamente classificados/secretos, uma explicação aproximada é indicada abaixo.

C1) O Injector: O processo começa com o injetor. Um feixe de alta energia é dirigido a átomos de hidrogênio e acelerando-os para formar um feixe de prótons. Este feixe é diferente do feixe de trítio em que em vez de ser um feixe de baixa energia, esse feixe é um feixe de alta energia, enriquecido por um intensificador/acelerador químico a Laser.

C2) O Acelerador: Os prótons são acelerados através da mistura de um átomo de carbono e nitrogênio-isótopo 13. Isso cria dois átomos de carbono, e um pósitron neutrino. Os isótopos B13 se fundem para formar um reforço de alta energia (raios gama).

C3) O Prédio de Contenção: o prédio de contenção foi construído para abrigar o injetor e o acelerador.Este edifício na verdade contém um túnel subterrâneo que leva da instalação do acelerador para o Prédio de Contenção. Por causa da fusão e da radiação envolvidos no processo de aceleração, o prédio de contenção devia ter mais de 1 quilômetro de distância. A razão exata para esta necessidade não é conhecida. O feixe do acelerador é dirigido a partir da instalação do acelerador para o prédio da contenção (túnel).

C4) A COLETA DE APARELHOS: Esta instalação contém uma série complexa de filtros, que contém produtos químicos e outros itens classificados/secretos. Acredita-se ser semelhante ao processo de fragmentação de trítio, porém, há diversas etapas envolvidas. A porta de injeção contém “válvulas de vazamento”, que contém um medidor de fluxo que mede a fuga de Pentagen a partir deste porto. O vazamento do Pentagen é coletado. O polônio é utilizado neste processo, porém o método exato não é conhecido. O gás argônio também é usado em um dos sistemas de filtragem. Um filtro contém recipientes de zinco alinhados que são carregados de elétrons.

ufo-frota-orbita-terra

C5) O RESERVATÓRIO DE CONSERVAÇÃO: Este reservatório é o lugar onde o armazenamento do Pentagen finalmente é coletada e armazenado. O interior do reservatório está alinhado com uma liga de berílio. O reservatório contém vários tubos coletores complexos que coleta, armazena e refrigera o Pentagen durante o final do processo de produção. O produto final é recolhido em hélio líquido, que é carregado com radiação gama. Em setembro de 2002, os EUA recolheu 53,5 picocuries de Pentagen por litro de Hélio. Quando o Pentagen é necessário, há um processo pelo qual o Pentagen é extraído do Hélio. Este processo está classificado/Top Secret.

D. Essa instalação chamada por “The Lance” é operada em conjunto por cientistas de Los Alamos, Brookhaven, Livermore, Sandia, e Savannah River Plant. Uma empresa de nome General Atomics construiu as instalações da ”The Lance”. Eagle Sistems é também um dos contratantes principais.

E. De acordo com uma fonte, um “Visitante” (um ser Alienígena)  explicou como é feito o Pentagen. Mas desde que o “visitante” estava explicando um sistema que poderíamos não entender totalmente, os nossos cientistas pegaram pedaços de informação e iniciaram os seus experimentos para obtenção do Pentagen (Hidrogênio5). Os EUA experimentaram pela primeira vez o processamento de Pentagen em 1977 em Los Alamos. 

F. O Pentagen é o quinto isótopo do hidrogênio. É radioativo com uma meia-vida de 0,34222 segundos. No entanto, com um complexo de contenção e sistema de armazenamento, o Pentagen pode ser coletado por um período prolongado de tempo. De alguma forma, os cientistas dos EUA descobriram que o Pentagen é produzido naturalmente no Planeta Mercúrio. Vapores de Pentagen podem ser detectados na atmosfera mais baixa de Mercúrio. Em 2006, a NASA planejava enviar uma sonda a Mercúrio em um esforço para recolher Pentagen. O laboratório de Los Alamos tem um projeto secreto chamado “Pindall”, que irá construir um método de coleta especial do Pentagen em Mercúrio para a sonda espacial.

G. O Pentagen é a substância/elemento que agrava o processo de energia dentro do CR-Crystal Retangle. O Pentagen dentro do CR não é radioativo e não sofre decadência.

H. Existe também uma experiência usando Pentagen para aumentar a produção de energia dentro de transformadores elétricos. O Laboratório Sandia esta atualmente realizando este experimento. Essa experiência está sendo realizado em Tech Área III.

I. O diretor de “The Lance”, é Philip Conklin, um cientista do Departamento de Energia.

J. As instalações de “The Lance” foram ampliadas em 2008, que lhe adicionou duas novas estruturas que vão abrigar “novas tecnologias” na produção de Pentagen.

K. Acredita-se que o MIT-Massachusetts Institute of Technology e a Universidade de Miami tem experimentado com a coleta de Hidrogênio-5 por meio de um sistema de clorofluorcarbonetos da recolha de Hidrogênio-5. No entanto, de acordo com DOE, este método não funciona! 

L. O elemento Hidrogênio -4, que também foi coletado, se mostrou demasiado instável para ser capturado e mantido por um período prolongado.

M. As instalações da “The Lance” está aberta para 62 cientistas e técnicos.

ufocigarshape

2. ATUALIZAÇÃO/UPDATE no CR (Retângulo Cristal – Fonte de Energia)

A. Desde 1956, vários experimentos foram realizados com o CR. A maioria dos experimentos foram conduzidos pelo laboratório Los Alamos ou um empreiteiro para o Departamento de Energia. Lembre-se que o CR foi descrito da seguinte forma:

As dimensões do Retângulo de Cristal (CR-Crystal Retangle) são de 26cm x 17cm x 2,5 cm. O CR pesa 728 gramas. Existe a possibilidade de que “duas” CR existam. Uma que pesava 668 gramas e uma que pesava 728 gramas. Houve uma notação em um documento classificado que dizia: PVEED-1 [Particle Vacuum Enhanced Energy Device-Partícula vácuo  dispositivo de energia avançado].

Isso poderia indicar que há uma PVEED-2! Os cientistas não se referem ao Crystal Retangle como um CR, mas como um PVEED, ou O Cubo Mágico.

B. Lembre-se do pequeno ponto que se movia em torno do interior do dispositivo CR, quando uma demanda de energia  foi colocada/solicitada ao CR? Nossos cientistas descobriram a substância contida nesse ponto. O ponto foi definido como sendo partículas perfeitamente arredondadas de antimatéria carregadas (?). Nossos cientistas ainda não compreenderam como este pedaço de antimatéria pode permanecer estável até que seja posto em movimento por uma “Tarefa” solicitada. Eles ainda não entendem quando e porque uma demanda por energia é feita para o Crystal Retangle, que a antimatéria começa seu movimento para criar a energia solicitada.

PARA SABER MAIS:
  1. http://thoth3126.com.br/o-governo-oculto-secreto-nos-eua-ii/
  2. http://thoth3126.com.br/aghartha-e-area-51-um-visitante-na-terra-interior/

C. Nossos cientistas descobriram que o CR é feito de um material desconhecido, com vários elementos desconhecidos que foram detectados. Um dos materiais é semelhante ao carbono, mas não exatamente como o carbono como nós o conhecemos. Outra substância é similar ao zinco, mas não a mesma consistência de zinco que conhecemos.

D. Os nossos cientistas não conseguem explicar a ação da antimatéria e das ações de nêutrons que são criadas e desaparecem quando a demanda por energia é levantada.

E. Os nossos cientistas não conseguem explicar porque a temperatura constante do CR é de 72 graus. Mesmo quando o calor é dirigida para a CR, a temperatura permanece em 72 graus. Como isso ocorre não pode ser explicado.

F. Alguns cientistas acreditam que o CR é operado remotamente, talvez por um satélite desconhecido em órbita da Terra. No entanto, mesmo [quando] blindado, o CR funcionava normalmente.

G. Quando uma demanda de energia é colocada no CR, ele cria um sinal, que pode ser avaliado em 23,450 MHZ. No entanto, quando um aumento da demanda é colocada no CR a freqüência é modulada de 23,450 MHz a 46,900 MHz ou o dobro da freqüência original. Mas, quando a demanda é reduzida, a freqüência cai para 1,25 kHz, o que é uma freqüência constante, quando nehuma solicitação de energia é solicitado ao CR. Independentemente do que a demanda de energia é colocada sobre o CR, a freqüência nunca ultrapassa  mais de 46,900 MHZ! 

H. Lembre-se do pequeno conjunto de quadrados que continha fios horizontais? Os fios foram identificados como sendo semelhante ao tungstênio. Os fios de alguma forma conduzem a energia saltando os nêutrons fora destes fios de volta ao fluido. O pequeno ponto salta contra o fio quando a demanda de energia é colocado no CR. Lembre-se, apenas alguns fios reagiriam ou se expandiriam quando a demanda de energia foi colocada sobre o CR. Os cientistas pensam que, dependendo da demanda, apenas alguns fios se expandirão. De alguma forma, o produção de energia seria controlada pela quantidade de quadrados usados. 

I. O Governo dos EUA conseguiu duplicar e fabricar um dispositivo do Crystal Retangle. O governo dos EUA fez um em 2001 que realmente funcionou … por um curto período de tempo. A operação foi altamente secreta e o aparelho explodiu no Nevada Test Site, ferindo dois (2) empregados.  

{n.T. Em 2002 apareceu um Crop Circle que apresentava uma mensagem/UM ALERTA sobre o TIPO de Extra Terrestre (Grey) que, principalmente o governo, os militares e cientistas dos EUA tem mantido estreita relação e acordos. A mensagem em código binário esta inserida no Disco.

Cuidado com os portadores de  Dons falsos e as suas Promessas não cumpridas. Muita DOR mas ainda há tempo.  Existe BONDADE LÁ FORA. Nós nos opomos ao engano ENCERRAMENTO DO Conduto (BELL SOUND)

Apareceu em Plantação de trigo em 15 de agosto de 2002 em Crabwood, Hampshire, no Reino Unido (Inglaterra). O disco inserido no crop circle têm uma CLARÍSSIMA mensagem de ADVERTÊNCIA em código binário, a mensagem foi decodificada exatamente como aparece acima.}

J. A cronologia para o Crystal Retangle-CR é o seguinte:

j1) 1947: Um Crystal Retangle-CR foi encontrado no segundo local do acidente da queda de UFOs em ROSWELL.

j2) 1949: Os cientistas de Los Alamos primeiro conduziram experimentos com CR. Neste momento, ninguém sabia o que ele era. Alguns cientistas pensavam que era apenas uma janela da aeronave acidentada.

j3) 1954: Sandia Labs realizou vários experimentos com o CR, mas ainda não sabia o seu uso real.

j4) 1955: O CR foi emprestado a Westinghouse para experimentos.

j5) 1958: O CR foi emprestado a Corning Glass, em um esforço para determinar o seu material de construção.

j6) 1962: O primeiro teste “oficial” do CR, foi realizado em Los Alamos e publicado em um relatório confidencial.

j7) 1970: CR estava determinado a ser mais do que uma janela. O CR foi descoberto caber em um espaço na nave espacial acidentada. Os cientistas determinaram que o CR seria algum tipo de dispositivo de geração de energia.

j8) 1978: CR determinado a ser um dispositivo de energia de alta potência que fornecia energia elétrica para a nave espacial alienígena acidentada.

j9) 1982: CR foi testado e produziu energia.  

j10) 1987: CR foi dado a Eletronic Sistems para testes extensivos.

j11) 1990: CR foi provado ser um poderoso e ilimitado sistema gerador de energia. A construção e conteúdo do CR foi decodificada. No entanto, ninguém sabia como ele apenas funcionava.

j12) 1998: projeto do CR, “O Cubo Mágico” foi iniciado em um esforço para acelerar o conhecimento do aparelho.

j13) 2001: projeto do CR, “O Cubo Mágico” foi transferido de Los Alamos” Futures Division para a sua Divisão de “Projetos Especiais, Seção K”.

K. No momento [em setembro de 2002], o CR está contido nas Instalações da Seção K, em Los Alamos.

3. Atualização na situação de contato com Visitantes (raças alienígenas em contato com os EUA)

A. Com base no “Projeto Vislumbre” (será discutido mais tarde), os EUA podem se comunicar com os nossos “visitantes”. O sistema de comunicação é um processo complexo, altamente classificada série de estações repetidoras e satélites. O sistema de comunicação é intitulado, “Echelon“. Ele é executado pela Agência de Defesa de Comunicação, e não a Agência de Segurança Nacional.

B. “Os Visitantes” (diferentes raças de alienígenas) vieram a Terra e/ou fizeram links de comunicação direta conosco, nas seguintes datas e locais:

1) abril de 1964 – Socorro, NM.
2) abril de 1969 – White Sands, NM
3) abril de 1971 – White Sands, NM
4) abril de 1977 – White Sands, NM
5) novembro de 1983 – Local desconhecido, mas acredita-se ter sido Kirtland – AFB
6) novembro de 1990 – White Sands, NM
7) novembro 1997 – Nevada Test Site. 
8) novembro 1998 – Nevada Test Site.
9) novembro 1998 – Nevada Test Site.
10) novembro 1999 – Nevada Test Site.
11) Novembro 2001 – Nevada Test Site
 

C. A próxima data da visita alienígena foi: Novembro de 2009 no Local de Testes de Nevada (ÁREA 51).

4. Atualização na situação dos cientistas

A. A seguir está uma lista dos cientistas e oficiais que têm ou tiveram acesso ao “programa SERPO”:

Chiles Henry G. Almirante, USN / Ret, Academia Naval dos EUA
Willard H. Miller, o comandante USN Ret, E-Systems
Alessi Vic, EUA Coalizão da Indústria
Steve Chu, do Departamento de Física, Stanford, Universidade
Charles B. Curtis, Iniciativa Ameaça Nuclear
Derrick Olterson J., Departamento de Energia
Colena Besman H., USAF
Shirley A. Jackson, do Instituto Politécnico Rensselaer
Raymond Jeanloz, U da Califórnia em Berkeley
Paulo Messina, do Instituto de Tecnologia da CA
Robert W. Noonan, Palisades Instituto de Pesquisa sobre Serviços
Christopher W. Mauche, Lawrence Livermore
Gerhard Weinberg L., Agência de Investigação Científica
Harris Wesley, do MIT
Barnes Conde, do Instituto de Estudos Tecnológicos
James Sherley, MIT
Charles Yost, USAF
Alfred Hubbard, NSA
Albert Osterheld, EG & G
Konrad Kahler L., EG & G
Robert E. Miller, BDM
Jason D. Menzel Universidade Northwestern, Física (também um dos integrantes do Projeto Majestic 12)
Klaus Von Karman, Los Alamos
George Haufman, Los Alamos
Lyle Rossmart, Los Alamos
Richard Devitt, em Los Alamos
Arthur Lundahl
Stanley Schneider
Robert amigo
Phillip Keaton
Richard Helms
Clyde Neiberheimer
Charles Sheldon
Leo Vrana
RB Willingham
Aronld Branco
Dr. Gerald Rothberg
James Garland
William Hipps
Curtis Lemay
Norris E. Bradbury, Jr., Los Alamos / DOE
Craig McPherson, DOE / EG & G
Dean Housman L., Sandia
Charles A. Delormonte, Sandia
Jonathan K. Doty, Sandia
Barbara Shipman, K. Inteligência da Casa Branca
Nicholas Bausmenta O., do MIT
Harold Zirin, Califórnia Institute of Tech
John Manley
MG KD Nichols
Albert Alexander
Norris E. Bradbury
TB Larkin
Edward Teller
Alvin Graves
William Webster
James McCormack
Carroll Tyler
James Russell
Samuel Mickelson
Alvin Betts
Glenn T. Seaborg
Robert Oppenheimer
David Lilienthal
Daniel Galeria
Harold Harmon

5. Los AlamosProjeto Vislumbre.”

Esse é um projeto altamente secreto que lida com comunicação direta com “Os Visitantes”. Nova tecnologia de comunicação que lida com envio de unidades multi-frequência . Unidades direta de múltiplas freqüências em uma direção em particular. Alta velocidade de envio do sistema permite que o feixe possa ser impelido a uma enorme velocidade. Não muito mais é conhecido sobre o assunto.O Laboratório de Los Alamos e vários empreiteiros, incluindo, EG & G, BDM, Motorola, Risburn Corporation e Sandia, são [todas] envolvidas com este projeto. Locais das Instalações construídas nos finais dos anos 1940, em Nevada Test Site.

manipulação-ocidente-nwo

Um boato (boato só da minha fonte) é que esta previsto que “Os Visitantes”, nos cedam esta tecnologia. Ela nos permitiria nos comunicarmos com os “Os Visitantes” em uma rápida maneira, diferentemente do que aconteceu no passado. Parte deste programa envolve a uso de produtos Lasers químicos empurrando o feixe de comunicação.

Como já foi explicado para mim (em termos leigos), diversas freqüências são postas juntas em um feixe de sinais e são impelidas para um alvo ou receptor. O receptor, então aumenta a energia e re-envia o sinal para outro ponto (relé?). De alguma forma, o laser químico empurra o feixe, assim impulsionando-o mais rápido que o normal. Mais informações sobre este projeto pode ser no próximo ano e a próxima liberação através de seu [Fórum de discussão UFO] lista para publicação no Web SERPO.org site.

6. A transferência de tecnologia da ÁREA 51 de Nevada Test Site [NTS].

A) O NTS-Nevada Test Site/ÁREA 51 foi fundado no início dos anos 1950 pela antiga Comissão de Energia Atômica  para realizar testes nuclear acima do nível do solo. O site de teste consiste de 1.426 quilômetros quadrados de espaço de ensaio e um total de 5.470 milhas quadradas de bombardeios e outros campos de ensaio. Nevada Test Site é dividido em 30 áreas, que em seguida, são divididos em unidades. 

Testes nucleares, tanto acima como abaixo do solo, foram realizadas em oito das 30 áreas. Mercury é o acampamento base para NTS. Mercury inclui todos os instalações de apoio para operar o NTS. Embora, oficialmente o Departamento de Energia do contratante, Bethtel opera o NTS, oficialmente, o NTS é controlado pelo Grupo “Lima” de Apoio ao Exército dos EUA (???). Você não vai encontrar “Lima” mencionado em nenhuma das publicações oficiais do Exército dos EUA ou da listagens das unidades.  “Lima” é uma unidade operacional classificada/Top Secret do Exército dos EUA.

A segurança para o NTS é oficialmente realizado pela empresa privada Wackenhut Serviços de Segurança, um contratante privado do Departamento de Energia. No entanto, dos 185 agentes de segurança Wachenhut, 57 são realmente encomendados como agentes federais pelo Departamento de Justiça. Um adicional de 80 policiais militares dos EUA executam as proteções de segurança classificadas no NTS. Um adicional de 44 USAF Guarda da Polícia de Segurança Especial Storage Facility (SST), localizada na Área 6,  Unidade 23A. O SSF tem no estoque um arsenal de armas nucleares.

A existência deste SST é classificada/secreta desde que o governo dos EUA não reconhece que armazena todas essas armas mais do que o oficialmente publicado sob a proibição de tratados de testes nucleares. O SST tem cerca de 300 armas nucleares.
Próximo a este depósito do SST existe uma outra instalação de armazenamento altamente classificada conhecido como, “Site K.” Ninguém sabe realmente o que está armazenado no “Site K”, mas alguns acreditam que ele contém presentes dos visitantes” (tecnologia alienígena) para os EUA! Oficialmente, o NTS anuncia várias instalações localizadas em suas propriedades. Uma delas é o dispositivo de Instalação para Montagens de artefatos na Área 6, Unidade 2A. 

De acordo com uma publicação oficial, esta instalação monta armas nucleares antes do teste subterrâneo. Extra-oficialmente, este local conduz experimentos com os “presentes alienígenas”. Outro local contido na área do NTS e chamado oficialmente de Instalação Experimental de Grandes Explosivos, realiza simulações de explosões. Extra-oficialmente, esta instalação abriga a entrada subterrânea para o Site U, que contém instalações secretas de teste subterrâneo construídos em 1987. Fontes relataram que o Site U é usado para montar sistemas de propulsão das aeronaves alienígenas.

Embora Bethtel opere o NTS/ÁREA 51, vários outros empreiteiros têm edifícios e conduzem experiências no NTS. Amador Valley Operations, Los Alamos, Lawrence Livermore, EG & G, laboratórios técnicos especiais, a Universidade da Califórnia, Sandia Laboratories Física Especial Operacional Nacional Laboratories, BDM Corporation, Motorola, Corporação Kyle-Witt, Geral Motors Research Facility Remote, CIA, DRAC, NSA, USN, Centro de Treinamento de Forças Especiais do Exército dos EUA,  USAF Scientific Evaluation Center, Defense Communication Agency, Remote Operations Facilities, U.S. National Reconnaissance Office, Advance Physics Laboratories, MIT, KENN Corporation and General Dynamics. Centro de Avaliação Científica da Força Aérea,

B. VICTOR: A seguir algumas datas importantes obtidas por minhas fontes que dizem respeito à OVNIs e marcos históricos: 

1) 1957: Primeira tentativa para testar a propulsão do sistema de espaçonave capturada em Roswell. O teste foi realizado na Área 8, a Unidade 3c.

2) 1961: Primeira tentativa para fazer reparos nas espaçonaves alienígenas de Roswell na Área 29, a unidade 1b.

3) 1962: testes de radiação realizado em embarcações de Roswell de Los Alamos em Área 18, unidade 3Z 

4) 1964: Explosão provocada por sistema de propulsão experimental colocado na espaçonave de Roswell, Espaço 7, 19S unidade.

5) 1968: Primeiro vôo bem-sucedido da nave de Roswell (com sistema de propulsão dos EUA, sistema de um velho sistema de propulsão nuclear) Área 29, 1B unidade.

6) 1970: Explosão provocada por sistema de propulsão alienígena.  Área 25, 8B unidade.

7) 1970: A EBEN-2 (uma Alienígena do sexo feminino do planeta SERPO) fixa residência na Área 15, na unidade 11.

8) 1987: Uma nova construção começou em uma nova instalação de testes subterrâneos na Área 6, Área 12 e Área 26.

9) 1991: Começou a construção de instalações de teste adicionais na Área 23 (Mercury), Área 14, Área 20 e Área 19. Todas as instalações de apoio utilizado para MECANISMO DE INVESTIGAÇÃO ALIEN [ARF] Defense Advance Rechearch Agency (DARA).

10) 1994: A primeira mudança de Alien Research Facility [ARF] de Groom Lake (Lago dos Noivos)para a Área 11.

11) 1996: O presidente Clinton visitou o ARF.

12) 1998: O movimento de todas as ARF completa para o NTS.

13) 2001: O teste do novo sistema de propulsão alienígena começa.

14) 2002: Teste de “Vislumbre Project”, “Delta Project”, “Adam Project”, “KRISPA Project” e “Project Orion”.

15) 2004: O movimento final das instalações de Groom Lake para NTS é completado.

16) 2006: O movimento final das instalações do Lago Papoose para NTS esta completo.

17) 2008: Construção de nova “Plataforma de Aterrissagens para os “Visitantes/Alienígenas

[a] concluída na Área 13 [com o tempo extra alocado; tudo isso é para os próximos eventos de visitação ALIENÍGENA para os EUA agora agendado para novembro de 2009, no Nevada Test Site/Área 51].

Para saber mais sobre ROSWELL ver aqui: 
  1. http://thoth3126.com.br/roswell-entrevista-com-o-coronel-philip-j-corso/;
  2. http://thoth3126.com.br/roswell-o-dia-depois-da-qaeda-de-um-ufo/;
  3. http://thoth3126.com.br/roswell-o-dia-depois-da-qaeda-de-um-ufo-de-final/

 

C. INFORMAÇÃO sobre ALIENS OBTIDA do NTS/ÁREA 51

1. VÁRIOS TIPOS DE ALIENÍGENAS/espécies conhecidas pelo GOVERNO DOS EUA

a) Ebens [Planeta SERPO, Sistema solar Zeta Reticulum 1 e 2 ]

Outros tipos de Ebens: 

b) Archquloids, c) Quadloids; d) Heplaloids; e) Trantaloids; 

7) TECNOLOGIA sendo desenvolvida no NTS:

A. “Projeto DELTA”: um projeto altamente secreto para desenvolver métodos para extração de materiais específicos de naves espaciais alienígenas. Este projeto esta tentando utilizar materiais de artefatos alienígenas conhecidos e determinar exatamente a composição destes materiais.

B. “Projeto ADAM”: um projeto que usa a energia da radiação nuclear / contra  material ALIEN para determinar como o material alienígena pode absorver ou repelir radiação.  (Victor Martinez Eu recebi uma informação oralmente sobre isso e eu não tenho certeza se eles estão falando de “Adam” ou “Atom”, como o nome do projeto).

C. “Projeto KRISPA”: um projeto altamente secreto que está tomando  Tecnologias ALIEN e o seu desenvolvimento em aplicações civis. Não se sabe muito mais ele.

D. “Projeto ORION: Este é o projeto de teste do sistema ALIENÍGENA de PROPULSÃO, que discutirei mais tarde.

E. “Project (nome desconhecido): Um projeto altamente secreto que envolve experiências médicas com Alien Technology. Isto está sendo realizado tanto no NTS, no Instituto de Tecnologia das Forças Armadas e da Universidade de Medicina de Miami School.

F. “Project (nome desconhecido): Um projeto altamente secreto que leva Alien Technology e sua aplicação para uma viagem espacial. Pouco mais se sabe.

G. “Projeto SIGMA:” Um projecto em curso que envolve o estudo das Naves espaciais alienígenas. Esse projeto mudou de Groom Lake para o NTS.
 
H. “Projeto NOMAD”: um projeto altamente secreto para estudar espécies exóticas. Não se sabe muito mais.
 
I. “STARLIGHT Project”: Pouco se sabe, mas envolve o estudo do espaço usando Alien Technology.
 

8) PLANOS SECRETOS DOS EUA para a exploração espacial:

A Agência Nacional de Segurança-NSA e a  NASA, ambas se uniram para desenvolver novas tecnologias para explorar a Universo. A NSA / NASA tem implantado as seguintes sondas de espaço profundo.

 
A. 1965: A primeira sonda espacial Espaço Profundo, nome de código: “Patty”
B. 1967: Segunda sonda espacial espaço profundo, nome de código: “Sween”
C. 1972: A Terceira sonda espacial  profunda, nome de código: “Dakota”
D. 1978: Quarta sonda espacial profunda, nome de código: era desconhecida
E. 1982: A Quinta sonda espacial  profunda, nome de código: era desconhecida
F. 1983: Sexta sonda espacial profunda, nome de código: era desconhecida
G. 1983: Sétimo sonda espacial profunda, nome de código: era desconhecida
H. 1983: Oitava sonda espacial profunda, nome de código: “Moe”
I. 1985: A sonda espacial lançada na SS Missão 51-J, nome de código: “Sting Ray” (Victor: Não tenho certeza se isso era uma sonda de comunicação real ou algum outro tipo de sonda).
J. 1988: Nona sonda espacial profunda, nome de código: “Amber Light”
K. 1988: Décima sonda espacial profunda, nome de código: “Sandl Slipper”
L. 1989: Décima primeira sonda espacial profunda, nome de código: “Cocker Peak”
M. 1992: Décima segunda sonda espacial profunda, nome de código: “Twinkle Eyes”
N. 1997: Décima terceira sonda espacial profunda, nome de código: “Kite Tangle”. 

 

Essas sondas foram utilizadas para estabelecer um elo/sistema de comunicação com os ALIENS. Eles formaram uma espécie de sistema repetidor para as comunicações com alienígenas. Não se sabe muito mais.

9) Um novo sistema de propulsão PARA ESPAÇONAVES está sendo desenvolvido no NTS-Área51

Este sistema, embora altamente secreto/classificado, envolve o uso real da Tecnologia Alienígena para ser colocado nas aeronaves de estilo americano. Vou obter mais informações sobre isso durante minha próxima viagem a NTS/ e para postar na sua lista. {n.t. Este novo sistema de propulsão ainda é limitado, porque os alienígenas anõezinhos greys adoram brincar com os cientistas e militares dos EUA e pode ser visto aplicado no projeto TR-3B em desenhos abaixo, desenvolvido no Nevada Test Site/ÁREA 51}.

A espaçonave Top Secret desenvolvida pelos E.U.A., código TR-3B com formato triangular aeroespacial movida a propulsão nuclear usando a criação de um campo de vórtice de pulso eletromagnético gravitacional, a plasma de mercúrio.

Esta aeronave desenvolvida secretamente pelos EUA é o exemplo mais bem acabado de utilização de ENGENHARIA REVERSA de espaçonaves alienígenas em poder dos norte americanos. A aeronave Top Secret desenvolvida pelos E.U.A., código TR-3B com formato triangular aeroespacial movida a propulsão nuclear (descrição Edgar Fouché) usando a criação de um campo de vórtice de pulso eletromagnético gravitacional, a plasma de mercúrio para interromper / neutralizar os efeitos da gravidade sobre a massa do veículo e em suas proximidades” (Mirahorian) o mesmo mecanismo de propulsão utilizado nos antigos Vimanas hindus e na maioria das espaçonaves alienígenas menores vistas nos céus do planeta e submersas em nossos oceanos…

Mais para vir …. ANONYMOUS

NOTAS do moderador (Victor Mrtinez):

I) suplementar, corroborando as informações sobre o dispositivo de energia alienígena [CR] ou “Cristal Retângulo” ou “O Cubo Mágico”, H5/Pentagen pode ser encontrada no clássico bestseller UFO Underground“, Capitão Robert Collins M, USAF Ret, Peregrine. Comunicações, 2 ª ed, maio © 2006, ISBN 0976642638 #, 192 pp / LER: p. 159-168, “Dispositivo de Energia Alien (ED), codinome” Retângulo Cristal ‘ e Produção H5 – Comprar o livro na Amazon .

“O Livro Vermelho” é extremamente grosso, muito detalhado. Um resumo do relato escrito e compilado pelo governo dos EUA sobre  investigações OVNIs que datam de 1947 até os dias atuais. Este livro laranja-acastanhado é atualizado a cada 5 (cinco) anos e também contém algumas informações cruzadas com informações do livro dos Ebens, “O Livro Amarelo”.

O “Livro Amarelo” ou “Bíblia” é a história alienígena de nosso universo escrita pelos próprios aliens, bem como suas interações e envolvimento com o desenvolvimento/evolução da civilização da Terra.  Ele foi trazido para a Terra e apresentado ao governo dos EUA na Holloman Air Force Base, no famoso desembarque, em abril de 1964 efetuado pela Eben feminina, “a número 2”, que foi também traduzido por ela própria para o inglês.

O filme de Steven Spielberg de 1977, “Contatos Imediatos do Terceiro Grau” é com base no desembarque Eben na Base da Força Aérea Holloman, assim como o intercâmbio/troca humanos-ETs descrito no final com 10 (dez) homens e duas (2) mulheres que são mostradas embarcando na nave espacial alienígena.

III) DARA vs DARPA NO DOCUMENTO PENTAGEN

No documento Pentagen, há uma referência para Agência de Pesquisas de Defesa Avançada (DARPA). A menos que haja duas agências com nomes e características semelhantes, isto pode ser um erro de desleixo de digitação, ou uma variação ou abreviação do atual nome completo e oficial da sigla que é:  Defense Advanced Research Projects Agency (DARPA):  http://www.darpa.mil/ 

Variantes do nome da agência e da utilização da sigla DARA aparecem em: http://www.public.asu.edu/ ~ skiaei /% Pesquisa 20Projects.htm  Menciona “Investigação Avançada de Defesa (DARPA)” (discrepância? – nome e sigla não coincidem)

A DARPA (Defense Advanced Research Projects Agency) é para tentar criar uma tecnologia de baixo custo para lançamentos espaciais. DARA espera usar um conceito de propulsão conhecida como pre-compressor via injeção de massa de arrefecimento (MIPCC), bem como os avanços em motores de foguete … ? (Divergência – duas siglas para a mesma agência?) Quanto as siglas militares da Inglaterra:

http://www.boeing.com/ids/news/1999/news_release_991025n.htm 

ST. LOUIS, 25 de outubro de 1999 – A Boeing já concedeu um contrato para o Reino Unido, Agência de Defesa e Reparação Aviação (DARA) para  inspeção e reparo de trabalho em transmissões de helicóptero CH-47 Chinook na Europa.

IV- ECHELON:(Saiba mais sobre o programa Echelon em

  1. http://thoth3126.com.br/echelon-o-esquema-de-espionagem-global-dos-eua/)

Segundo a Wikipedia.org, o Sistema ECHELON é um sistema mundial altamente secreto de captação de sinais de inteligência e análise da rede gerida pela Comunidade do Reino Unido-EUA. O ECHELON pode capturar sinais de rádio e de comunicações via satélite, telefone, celulares, faxes e e-mails quase que em qualquer lugar do mundo e inclui a análise automatizada via computador e a triagem das interceptações.O Sistema ECHELON esta estimado para interceptar até 3 bilhões de comunicação por dia. Algumas das estações terrestres conhecidos ou suspeitos pertencentes ou participação na rede ECHELON são as seguintes:

  • Fort Meade, Maryland, EUA (sede da NSA)  
  • Geraldton (Austrália Ocidental, Austrália)  
  • Menwith Hill (Yorkshire, Reino Unido)
  • Base Aérea de Misawa (Japão)
  • Morwenstow (Cornwall, Reino Unido)
  • Pine Gap (Northern Territory, Austrália – perto de Alice Springs)
  • Sabana Seca (Porto Rico – EUA)
  • Shoal Bay (Northern Territory, Austrália) 
  • Sugar Grove (West Virginia, EUA)
  • Yakima (Washington, EUA)
  • Waihopai (Nova Zelândia)
  • Exmouth-Cabo Ocidental, Austrália Ocidental

CONTINUA em novas postagens…

PARA SABER MAIS S/SERPO

  1. http://thoth3126.com.br/category/serpo-zeta-reticuli/

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e a citação das fontes.

thoth(172x226)www.thoth3126.com.br

5 Responses to Serpo-Zeta Reticuli-O Programa de Intercambio, Post 19

  1. ilka ursula huscher

    PARABÉNS! ESTOU ADORANDO ESTAS INFORMAÇÕES.

  2. Luiz Aumond

    Estou acompanhando o projeto Serpo.
    Dentro das informações que li sobre Magestic a nave perdida e outros tantos livros e observações e pesquisas de campo que experimentei acredito que a humanidade não está sendo informada de quase nada .
    Por isso acho interessante o que estão escrevendo sobre Serpro

  3. Yattush Huryel Nommbrasko

    About informações destes projetos, são veras? y as fontes são reais?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *