“Eles não vão me silenciar”: Médica que descobriu variante Omicron foi Pressionada a ‘NÃO REVELAR’ que mutação não era Grave

A médica que descobriu a cepa Omicron, uma variante da Covid-19, Angelique Coetzee, diz que foi pressionada pelos governos europeus a não revelar que a nova variante covid tinha ameaça de saúde leve, segundo entrevista ao Welt da Alemanha. Quando foi questionada se isso foi verdade, Coetzee respondeu: “Disseram-me para NÃO DECLARAR PUBLICAMENTE que era uma doença leve. Pediram-me para me abster de fazer tais declarações e para eu dizer que era uma doença grave. EU RECUSEI”. (traduzido).

“Eles não vão me silenciar”: Médica que descobriu variante Omicron foi Pressionada a ‘NÃO REVELAR’ que mutação não era Grave

Fonte: Zero Hedge

“O que isso significa?” perguntou a Welt .

“Sou médica clínica e com base no quadro clínico não há indícios de que estamos lidando com uma doença muito grave. O curso da infecção é principalmente leve. Não estou dizendo que você não ficará doente se for leve”.

“A definição de doença leve de Covid-19 é clara e é uma definição da OMS: os pacientes podem ser tratados em casa e não é necessário oxigênio ou hospitalização”, disse ela, acrescentando: “Uma doença grave é aquela em que vemos infecções respiratórias pulmonares: as pessoas precisam de oxigênio, talvez até de respiração artificial. Vimos isso com a variante Delta – mas não com a Omikron. Então eu disse às pessoas: “Não posso dizer isso porque não é o que estamos vendo” .

A Drª Angelique Coetzee se RECUSOU a ser um instrumento da agenda de pânico do establishment que fabricou a pandemia covid

Quando perguntada por que ela foi impedida de dizer a verdade, Coetzee disse: “Eles tentaram, mas não conseguiram”.

“O que eu disse em um ponto – porque eu estava cansada disso tudo – foi: na África do Sul esta é uma doença leve, mas na Europa é muito séria. Isso é o que seus políticos queriam ouvir” [que ela dissesse]. 

De acordo com Coetzee, ela não foi pressionada pelas autoridades sul-africanas – e, em vez disso, foi criticada por “cientistas” do Reino Unido e da Holanda, que disseram “Como você pode explicar que é uma doença leve? É uma doença grave. Veja as mutações”.

Meus relatórios os desviaram dos trilhos. Em uma pandemia, você também precisa olhar para o que está acontecendo no nível de base. Deve-se perguntar aos clínicos gerais que tratam os doentes todos os dias o que eles vivenciam, como se apresenta o quadro clínico. – ela declarou.

Quando a nova variante Omicron surgiu pela primeira vez, o Dr. Anthony Fauci se fez de bobo logo após elogiar os médicos sul-africanos, dizendo: As coisas que não sabemos agora são se as pessoas que são infectadas têm uma forma mais grave da doença ou se é um doença leve ou um pouco o mesmo que a Delta”. 

E lembrem-se do que a fanática do confinamento da pre$$titute$ CNN Leana Wen disse em novembro sobre a Omicron: “3 perguntas importantes sobre as novas variantes do #covid19: 1) É mais contagioso? 2) É mais virulento? 3) Existe escape imune? Muita coisa sem resposta sobre a Omicron, mas o administrador de Biden teve que agir. Imagine o clamor se eles não instituíssem uma proibição de viagem e essa variante se instalasse nos EUA.

Mais uma vez – “siga a ciência”, a menos que a ciência não esteja de acordo com as diretrizes [leia-se a agenda de pânico e medo fabricada] de saúde vigentes.


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)”. para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Mais informação adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.326 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth