Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Em Protesto em Bruxelas, Agricultores jogam esterco na polícia e derrubam barricadas

bruxelas-protesto-agricultores

Agricultores isolaram as ruas em Bruxelas, na Bélgica, em frente à sede da UE em protesto contra as políticas agrícolas do bloco europeu, segundo a mídia local. Os irados agricultores belgas pulverizaram esterco contra a polícia, atiraram projéteis, quebraram barreiras e incendiaram feno enquanto centenas de tratores saíam às ruas de Bruxelas na terça-feira, antes de uma reunião dos ministros da Agricultura da UE.   

Em Protesto em Bruxelas, Agricultores jogam esterco na polícia e derrubam barricadas

Fonte: Rússia Today

Dezenas de tratores quebraram barricadas e bloquearam ruas perto da sede da UE em Bruxelas. Os agricultores protestam contra as barreiras administrativas excessivas, o aumento das medidas ambientais pelas “Alterações Climáticas” e uma enxurrada de importações isentas de direitos provenientes da Ucrânia.  

“Vamos ganhar a vida com a nossa profissão”, dizia um cartaz num trator que bloqueava uma estrada principal repleta de batatas, ovos, esterco e palha.  

Um agricultor usa seu trator para despejar estrume e feno, 26 de março de 2024. © APTN / Geert Vanden Wijngaert

A manifestação coincidiu com uma reunião de ministros da agricultura dos países do bloco europeu, que chegaram a Bruxelas para discutir respostas à crise no setor agrícola.  

Os agricultores pulverizaram esterco contra a polícia, que respondeu usando canhões de água e gás lacrimogêneo. Um vídeo mostrou um trator pulverizando uma substância marrom enquanto a polícia o atacava com um canhão de água. Outras imagens mostraram manifestantes lançando projéteis contra policiais.   

A polícia patrulha atrás de uma barreira enquanto agricultores protestam durante uma manifestação em frente ao edifício do Conselho Europeu em Bruxelas, 26 de março de 2024. © APTN / Virginia Mayo

As tensões aumentaram quando os ativistas do campo se deslocaram para a central Rue de la Loi, onde tratores descarregaram beterrabas e paletes de madeira em frente a um bloqueio policial, bombardeando os agentes com palha, ovos, estrume e fogos de artifício. Dois policiais ficaram feridos em confrontos com manifestantes, informou o Brussels Times.  

Os agricultores de toda a Europa têm protestado há vários meses em resposta às rigorosas políticas e regulamentações ambientais da UE, incluindo cortes generalizados nos subsídios agrícolas. Argumentam que os planos de Bruxelas irão potencialmente colocá-los fora do mercado.   

Os manifestantes do campo apelam a mudanças nas restrições impostas pelo chamado “Acordo Verde” do bloco e à suspensão das importações agrícolas baratas de fora do bloco, principalmente da Ucrânia, que inundaram os mercados da UE.  

Agricultores em protesto despejam um carregamento de batatas em uma avenida principal, 26 de março de 2024. © APTN / Harry Nakos

Com os protestos acontecendo desde a Finlândia até à Grécia, Polônia, França e Irlanda, os agricultores já ganharam algumas concessões, incluindo um afrouxamento dos controles nas explorações agrícolas e um enfraquecimento das regras ambientais e de uso de pesticidas, de acordo com a AP.  

No início deste mês, os legisladores da UE concordaram em suspender os direitos de importação e as quotas sobre as importações de alimentos agrícolas ucranianos para o bloco até junho de 2025.


Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *