browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Erdogan transforma Hagia Sophia em mesquita e abala confiança entre cristãos e muçulmanos

Posted by on 11/07/2020

Transformar a Hagia Sophia em mesquita islâmica prejudicará a confiança entre cristãos e muçulmanos: Pode conquistar o presidente da Turquia, Erdogan, um megalomaníaco egocêntrico, alguns amigos islâmicos, mas transformar a antiga catedral cristã ortodoxa de Istambul, a famosa Hagia Sophia, em uma mesquita mostra total desconsideração por um equilíbrio religioso frágil e um importante destino cultural da Turquia. A decisão do governo Erdogan de converter a famosa Hagia Sophia – o local turístico mais visitado do país – em uma mesquita levou a ideologia islâmica à porta da Europa em um decreto arrepiante.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Transformar  Hagia Sophia em mesquita islâmica prejudicará a confiança entre cristãos e muçulmanos, afetará o turismo e transformará o Ocidente contra Erdogan

Fonte:  https://www.rt.com/op-ed/494443-hagia-sophia-islamism-erdogan/

A antiga catedral cristã ortodoxa, Patrimônio Mundial da UNESCO, atraiu mais de 3,7 milhões de visitantes no ano passado. Mas esses números vão despencar a partir de agora, à medida que os turistas se afastarem do que será uma mesquita ativa, com a maioria preferindo um pouco menos de controvérsia ao procurar mergulhar a família em uma cultura estrangeira.

Não apenas os visitantes do exterior ficarão intrigados com a mudança, mas a pressão do presidente megalomaníaco egocêntrico Tayyip Erdogan para anular o status do museu do local não caiu muito bem na vizinha Atenas, ou mesmo nos EUA, para esse assunto, onde o Secretário de Estado Mike Pompeo aconselhou contra seguir em frente com o plano mal considerado.

Hagia Sophia [“Santa Sabedoria”], também conhecida como a Mesquita Sagrada da Grande Hagia Sophia e historicamente como a Igreja de Hagia Sophia (Igreja da Santa Sabedoria), é uma casa de culto histórica localizada em Istambul que serviu como catedral patriarcal cristã ortodoxa grega, catedral católica romana, mesquita otomana e museu secular. Em julho de 2020, o local foi reclassificado como mesquita pelo atual Presidente da Turquia. Construída em 537 dC, durante o reinado de Justiniano, foi o maior espaço interior do mundo e o primeiro a empregar uma cúpula totalmente pendente. É considerada a epítome da arquitetura bizantina e diz-se que “mudou a história da arquitetura” pela sua singular beleza e simetria de suas formas.

Lina Mendoni, Ministra da Cultura da Grécia, lar de milhões de seguidores da Igreja Ortodoxa, criticou Erdogan, dizendo à BBC: “Isso leva seu país de volta [no fanatismo islâmico] seis séculos”.

Como um dos dois membros da União Européia (UE) compartilhando uma fronteira com a Turquia, sendo a Bulgária o outro, a Grécia aguarda ansiosamente por uma resposta igualmente firme de seus colegas no bloco de países da UE, mas pode esperar muito tempo.

Graças à pandemia de coronavírus, a UE está funcionando com fumaça. As instituições mal estão funcionando, os eurodeputados estão espalhados pelo vento e as reuniões online com uma equipa de esqueletos estão na ordem do dia. Isso dificulta a criação de um impulso por trás de uma campanha para pressionar um governo estrangeiro complicado fora do domínio da UE que decidiu agora que é hora de mais diversão e jogos [mais Pão e Circo]. E o megalomaníaco e egocêntrico Erdogan sabe disso.

Interior da Hagia Sophia, a basílica patriarcal em Constantinopla projetada e construída em 537 CE por Isidoro de Mileto, o primeiro compilador das várias obras de Arquimedes. A influência dos princípios de Arquimedes da geometria sólida é evidente em Hagia Sophia.  Seu nome completo em grego é Ναός της Αγίας του Θεού Σοφίας , Naos tis Hagias tou Theou Sophias , “Santuário da Santa Sabedoria de Deus

A catedral foi construída há cerca de 1.500 anos pelo imperador bizantino Justiniano, mas convertida em uma mesquita em 1453 pelos otomanos. No entanto, em 1934, como parte de um esforço para tornar a Turquia mais secular, foi transformada em museu. Mas esse tipo de pensamento não interessa ao atual presidente da Turquia.

Sempre disposto a se estabelecer no cenário mundial como um cara durão [sendo apenas mais um perigoso marionete do establishment], o bufão Erdogan descaradamente telegrafou sua decisão de se acostumar com os interesses islâmicos, transmitindo a primeira chamada de oração da Hagia Sophia nos principais canais de notícias da Turquia e desligando canais de mídia social do site cultural.

Além disso, ele solapou a frágil convivência entre cristãos e muçulmanos do país e decidiu atingir exatamente o oposto do que Mustafa Kemal Ataturk procurava fazer quando transformou o local em um museu para sublinhar sua visão da Turquia moderna.

Erdogan é muitas coisas, mas ele não é e jamais será sequer a sombra de Ataturk. O fundador da República da Turquia governou o país como um ditador benevolente por 15 anos. E parece que Erdogan se ressente muito desse fato. Segundo seus fantoches no Conselho de Estado, a razão para reverter a Hagia Sophia para uma mesquita é que Ataturk “errou” ao mudar o status de uma estrutura religiosa.

Visão interna das cúpulas de Hagia Sophia

Demorou 86 anos para que o atual presidente chegasse ao local e chegasse a essa conclusão politicamente conveniente, mesmo que a maioria da Turquia parecesse bastante satisfeita com seu imensamente popular museu, com os milhões de turistas que atraía e com o dinheiro que gastavam ao visitar a Turquia.

Reivindicações de que o local ainda estará aberto a visitantes estrangeiros de qualquer fé e, portanto, serão tão populares como sempre, são enganosas. Passear por um museu vestido com roupas de praia, falar alto, tirar fotos e gritar com as crianças para parar de correr faz parte de ser um turista e visitar um famoso local cultural no exterior.

Se, por um momento, alguém acredita que proibir qualquer uma dessas coisas não terá impacto nos números de turistas que visitam a imponente e histórica Hagia Sophia, então eles não sabem nada sobre turistas. E menos ainda sobre o século XXI.

As declarações, visões e opiniões expressas nesta coluna são exclusivamente do autor e não representam necessariamente as do RT.


“E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim.  Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá FOMES, PESTES e TERREMOTOS, em vários lugares. Mas todas estas coisas são [APENAS] o princípio de dores.  Mateus 24:6-8

“E faz que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas, Para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome. Aqui há sabedoria. Aquele que tem entendimento, calcule o número da besta; porque é o número de um homem, e o seu número é seiscentos e sessenta e seis“.  –  Apocalipse 13:11-18


Leitura adicional:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.