browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

IceCube Neutrino Detector na Antártida e a conexão com SSPs

Posted by on 20/05/2022

A partir de outubro de 2010, Eric Hecker passou um ano trabalhando na Estação Amundsen Scott dos EUA no Polo Sul para a Raytheon Polar Services Company [do Complexo Industrial Militar], onde realizou manutenção em equipamentos científicos, incluindo o enorme IceCube Neutrino Detector. Ele descobriu que o Ice Cube fazia muito mais do que registrar passivamente os neutrinos que passavam pela Terra, mas que o instrumento também agia como um transmissor gigante e poderia ser usado para comunicações no Espaço Profundo com espaçonaves. 

IceCube Neutrino Detector na Antártida e a conexão com SSPs

Fonte: ExopoliticsOrg

Seu tamanho, potência e poder sugeriram que ele poderia ser usado para comunicações no Espaço Profundo (quântico) com espaçonaves viajando por todo o nosso sistema solar e além.

Mais sinistramente, seu vasto poder de transmissão fez dela também a maior Arma de Energia Dirigida [DEW-Directed Energy Weapon] do mundo, superando de longe a infame instalação HAARP em Gacona no Alasca. 

Eric descreveu como o IceCube poderia ser usado para modificação do clima, controle da mente e desempenhou um papel em dois terremotos que atingiram Christchurch na Nova Zelândia em setembro de 2010 e fevereiro de 2011.

Nesta entrevista da Exopolitics Today com o Dr. Michael Salla, Eric descreve suas experiências como uma criança talentosa e um breve serviço na Marinha dos EUA que o levou a concluir que ele fazia parte de um programa espacial secreto e que a corporação Raytheon desempenhou um papel fundamental na seu serviço secreto. 

Como a Raytheon [do Complexo Industrial Militar] também foi seu empregador durante o ano em que ele trabalhou no Polo Sul, em que ele suspeita que seu trabalho tenha sido uma cobertura para seu serviço contínuo em um programa espacial secreto operando na Antártida, cujas memórias de sua participação foram apagadas. 

Eric descreveu seus esforços para recordar mais memórias de seu serviço no programa espacial secreto e como isso se relaciona com o ano que passou trabalhando na Antártida, próximo ao Polo Sul.

Em seu novo livro, “The Telescope in the Ice: Inventing a New Astronomy at the South Pole“, o escritor Mark Bowen narra o projeto de décadas para construir o Observatório de Neutrino IceCube.


Artigos Relacionados:


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)” para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Mais informação adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.