Judeus e árabes recusam ser inimigos: campanha de mídia social se torna viral

arabes-judeus-irmaos

Judeus e árabes residentes em diferentes países se recusam a ser inimigos: campanha de mídia social se torna viral.

Na medida em que a operação militar Protective Edge efetuada por Israel na Faixa de Gaza, até agora custou mais de 1.000 mortos, os usuários das redes sociais foram inundando a web com dezenas de fotos de judeus e árabes juntos representando paz, irmandade, amor, carinho, amizade e fraternidade (n.t. a união entre os povos, algo que os sionistas e islâmicos fanáticos odeiam) sob a hashtag # JewsAndArabsRefuseToBeEnemies. Isto não é apenas sobre política. Isto é sobre pessoas. Ninguém sabe melhor do que eu, o pedágio em vidas humanas que a violência no Oriente Médio toma em vidas de pessoas comuns que estão apenas tentando viver“.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com

Judeus e árabes residentes em diferentes países se recusam a ser inimigos: campanha de mídia social se torna viral.

Publicado em: 26 de julho de 2014 11:59 – Moscou – Rússia

Fontehttps://rt.com/news

A campanha foi lançada por Abraham Gutman (judeu) e Dania Darwish (árabe), os dois são estudantes no Hunter College, em Nova York, logo após o início da Operação militar israelense em Gaza – e esta semana ganhou impulso.

arabes-judeus-irmaos
Muhanad Alhassoun @Muhanad97 Follow Abraham Gutman & Dania Darwish both students at Hunter College in NYC #JewsAndArabsRefuseToBeEnemies #GazaUnderAttack
6:14 PM – 23 Jul 2014. União, amizade e fraternidade entre árabes e judeus, é algo que horroriza a sionistas e os fanáticos religiosos islâmicos. Ser manipulado e controlado é uma grande armadilha da qual devemos nos livrar. Despolarize-se, e não acredite na piada de alguma raça “eleita”, pois só existe uma raça: a humanidade, o resto é ignorância pura….

“Para mim, é difícil assistir a escalada atual da violência entre Israel e Gaza de longe. Eu queria encontrar uma maneira de ser mais do que um passageiro, para fazer algo sobre isso em vez de apenas assistir o noticiário e esperar pelo melhor“, Abrahan Gutman declarou à Christian Science Monitor.

Abraão e Dania tiraram uma foto de si mesmos juntos em Washington Square Park. Eles começaram um grupo no Facebook e até agora tem sido inundado com fotos semelhantes sobre a união dos dois povos (n.t. que fanáticos querem que sejam inimigos) de todo o mundo. A página já tem mais de 5.000 fãs.

arabes-judeus-irmaos.01
Joel rayner @joe_n1nety Follow
We need more of this. It’s beautiful“. #JewsAndArabsRefuseToBeEnemies
6:17 PM – 22 Jul 2014 – (Nós precisamos mais disso, é muito bonito). Um judeu adulto leva um menino árabe em suas costas em adesão à campanha da fraternidade entre os povos.

A hashtag # JewsAndArabsRefuseToBeEnemies logo se tornou popular. Uma das fotos mais virais se tornou a única que mostrou um casal se beijando – a jornalista libanesa Sulome Anderson e seu namorado judeu ortodoxo.

Ele me chama neshama, eu chamo-lhe habibi. O amor não fala a linguagem  da ocupação “, escreveu Sulome em sua conta no Twitter.

amorincondicional

A jornalista também disse ao NY Magazine que o seu selfie tornou-se um “símbolo viral da paz”.

“Isto não é apenas sobre política. Isto é sobre pessoas. Ninguém sabe melhor do que eu, o pedágio em vidas humanas que a violência no Oriente Médio toma em vidas de pessoas comuns que estão apenas tentando viver”.

arabes-judeus-irmaos.02
#JewsAndArabsRefuseToBeEnemies 5:47 AM – 26 Jul 2014. A jornalista libanesa Sulome Anderson e seu namorado judeu ortodoxo.

A operação terrestre na Faixa de Gaza foi lançada por Tel Aviv em 8 de julho, após mais de uma semana do Hamas começar bombardeando Israel e as IDF (Israel Defense Forces – Exército de Israel) respondendo com ataques aéreos. Nas mais de 1.030 pessoas mortas, pelo menos 40 são soldados israelenses, que morreram por causa da violência.

No sábado, Israel e o Hamas concordaram com um cessar-fogo humanitário de 12 horas nas hostilidades em Gaza, que começou na manhã de sábado.

No entanto, logo após a trégua ter sido anunciada, pelo menos 60 corpos foram recuperados pelas forças de resgate de edifícios destruídos em ataques israelenses na Faixa de Gaza, informou a emissora de rádio oficial da Autoridade Palestina.

arabes-judeus-irmaos.03
Árabes muçulmanos, judeus e cristãos, não importa, somos todos irmãos e quem disser o contrário tem interesse em nos manter separados e lutando entre si…. não caia mais nesta armadilha.

No início, no sábado – pouco antes da trégua – as equipes de resgate recuperaram uma família de 18 palestinos mortos por bombardeios de tanques israelenses no sul da Faixa de Gaza, de acordo com o Ministério da Saúde de Gaza. As vítimas eram membros da família Al-Najar, que haviam sido presos dentro de sua casa em Khuzaa aldeia a leste de Khan Younis, desde quinta-feira.

View image on Twitter
O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei. João 15:12

“E CRISTO, vendo a multidão, subiu a um monte, e, assentando-se, aproximaram-se dele também os seus discípulos; e, abrindo a sua boca, os ensinava, dizendo:

Bem-aventurados os humildes, porque deles é o reino dos céus;
Bem-aventurados os que choram, porque eles serão consolados;
Bem-aventurados os mansos, porque eles herdarão a terra;
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque eles serão fartos;
Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia;
Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus;
Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus;
Bem-aventurados os que sofrem perseguição por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus”   –   Mateus 5:1-10  

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br

3 respostas

  1. Isso mesmo. Nós somos um!
    Chega de matança.
    Essa guerra sem sentido só interessa aos fazedores de guerra.
    Os mesmos que passeiam pelos continentes semeando o horror.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.330 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth