Membro da OTAN, Turquia declara intenção de aderir ao BRICS

Türkiye tentará juntar-se ao grupo de nações BRICS e pretende levantar a questão numa próxima reunião dos ministros dos Negócios Estrangeiros do bloco económico na Rússia, anunciou na terça-feira o diplomata-chefe de Ancara, Hakan Fidan.

Fonte: Rússia Today

O ministro das Relações Exteriores da Turquia, Hakan Fidan, afirmou que Ancara pretende discutir o assunto durante uma próxima reunião na Rússia.

Falando aos repórteres durante uma visita de três dias à China, Fidan afirmou que a Turquia espera há muito tempo para se tornar membro da União Europeia, mas durante anos enfrentou a oposição de alguns dos membros desse bloco. Neste contexto, Ancara considera agora o ingresso nos BRICS como uma plataforma alternativa para a integração, explicou o ministro.

“Não podemos ignorar o fato de que os BRICS, como uma importante plataforma de cooperação, oferecem a alguns outros países uma boa alternativa”, disse Fidan, observando que embora o grupo ainda tenha “um longo caminho a percorrer”, Ancara vê o potencial dos BRICS”. ”

Durante evento no Centro para China e Globalização (CCG), em Pequim, Fidan disse estar ansioso para participar da reunião de chanceleres do grupo, que incluirá representantes de Brasil, Rússia, Índia, China, África do Sul, Irã, Egito , Etiópia, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos. O evento está marcado para a próxima semana na cidade russa de Nizhny Novgorod.

Moscou saudou o interesse de Ancara em aderir ao BRICS. O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, afirmou que o tema da adesão da Turquia ao grupo será incluído na agenda da reunião de cúpula da próxima semana, que este ano será presidida pela Rússia.

Peskov observou, no entanto, que o bloco econômico pode não ser capaz de satisfazer plenamente os interesses de todos os numerosos países que manifestaram o desejo de aderir aos BRICS. No entanto, afirmou que “este interesse ativo” é bem-vindo e que o grupo fará tudo o que estiver ao seu alcance para manter contato com todas as nações interessadas.

Na semana passada, o Ministro dos Negócios Estrangeiros russo, Sergey Lavrov, também observou que as portas dos BRICS estão abertas aos representantes dos mais “diversos sistemas econômicos e políticos e macrorregiões”.

A única condição para aderir ao grupo é o compromisso de trabalhar com base no princípio fundamental da igualdade soberana dos Estados – algo com que os colegas ocidentais da Rússia parecem estar lutando, comentou Lavrov.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.326 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth