browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Microchip ‘Skynet’ anuncia escravização final da humanidade através do Controle da I.A.

Posted by on 17/12/2021

Na série de filmes de ficção científica Terminator, o cientista Miles Dyson recebe um microchip exótico retirado de um ciborgue enviado do futuro por uma IA e o usa para buscar novos desenvolvimentos “radicais” em microprocessadores. Essa pesquisa acaba se tornando a rede “Skynet”, o sistema global de supercomputador IA que desenvolve autoconsciência e decide eliminar a humanidade iniciando uma guerra total pelo controle do planeta. Este enredo de ficção científica não está mais longe da atual realidade.

Microchip ‘Skynet’ anuncia escravização final da humanidade através do Controle da I.A.

Fonte: Natural News

A tecnologia de transistores foi estudada e desenvolvida pela primeira vez na década de 1940, estudando hardware retirado da espaçonave extraterrestre do acidente de julho de 1947 em ROSWELL. Esta tecnologia foi rapidamente entregue a poderosas corporações americanas que logo anunciaram a “descoberta” do transistor. Este tópico é muito detalhado para explorar aqui, mas uma boa visão geral da engenharia reversa da tecnologia não terrestre pode ser encontrada neste link em UFOinsight.com , que escreve:

Em dezembro de 1997, Jack Shulman, como presidente e CEO da American Computer Company em Cranford, New Jersey, alegaria ter em sua posse provas de que a tecnologia recuperada de espaçonave extraterrestre no local do acidente em Roswell foi submetida a engenharia reversa [1] e, em seguida, patenteada como excelente Avanço científico americano em tecnologia. Shulman se concentraria principalmente no patenteamento do transistor pela empresa Bell Labs. E fez uma pergunta vagamente disfarçada como “e se” eles não tivessem realmente inventado sua tecnologia? Mas feito apenas a engenharia reversa?

De acordo com esses documentos, o transistor desenvolvido no Bell Labs, mais notavelmente creditado a Bardeen, Brattain e Shockley, foi, de fato, “fornecido” à empresa. Além do mais, quando alguns pesquisadores investigaram a história do transistor antes da maravilha tecnológica inovadora da Bell, não há um ponto de desenvolvimento óbvio entre tudo o que veio antes e a versão do Bell Lab.

Em dezembro de 1947 – e aparentemente do nada – os Laboratórios Bell conseguiram demonstrar o primeiro transistor fabricado na Terra, que por qualquer análise honesta parece violar as leis da física. (Todos os transistores são dispositivos quânticos.) A tecnologia de transistores foi então fortemente pesquisada e refinada ao longo da década de 1950 até os nossos dias.

A rede de vigilância global nunca teria sido possível sem a tecnologia de transistor MOSFET

Em 1959, o transistor MOSFET foi criado. Significa o acrônimo de Metal Oxide Semiconductor Field Effect Transistor, (ou transistor de efeito de campo metal – óxido – semicondutor – TECMOS) e permite que os microchips sejam produzidos em massa. Existem mais dispositivos MOSFET no planeta Terra do que qualquer outro dispositivo que já foi fabricado na história do mundo conhecido.

É crucial observar que o uso generalizado de dispositivos MOSFET está agora dando início ao estado de vigilância da tecnocracia digital que permite que governos tirânicos vigiem e monitorem os cidadãos: seus movimentos, transações, atividade na Internet, diálogos nos telefones e muito mais. Hoje, bilhões de pessoas carregam dispositivos espiões consigo o tempo todo. Eles são chamados de “telefones celulares” e assistem e ouvem as pessoas enquanto enviam detalhes de vigilância para “a nuvem”, onde são analisados ​​por sistemas de computação altamente complexos para controlar e manipular a humanidade. (As pessoas também instalam tolamente dispositivos Alexa e Ring em suas casas, literalmente convidando dispositivos espiões para dentro de seus próprios espaços privados.)

O monitoramento em massa da humanidade por meios digitais é o passo necessário para que os sistemas de IA não terrestre vigiem e controlem a totalidade da raça humana. Nós cobrimos isso em grande detalhe em um artigo e podcast recente sobre Inteligência Artificial exopolítica e a trama para despovoar o planeta Terra. Agora mesmo, a Terra está sendo preparada para um futuro pós-humano , e os humanos que atualmente povoam a Terra estão sendo persuadidos a cometer suicídio biológico por meio de injeções de armas biológicas entregues como vacinas. Esta é uma campanha de autoimolação de [da imensa maioria de zumbis de] toda a espécie sob o pretexto de uma “pandemia” que nem mesmo existe.

É importante ressaltar que a “queda” de espaçonaves não terrestres na década de 1940 apenas coincidentemente permitiu que esses microprocessadores caíssem nas mãos de humanos que a partir de então construíram a rede de vigilância de tecnologia global que agora está escravizando a humanidade e forçando bilhões ao suicídio da vacina. (Dica: não há coincidências.)

IBM e Samsung anunciam a descoberta “skynet” em miniaturização de hardware de microprocessador e consumo de energia

Agora, 74 anos após o crash de Roswell, a IBM e a Samsung anunciaram um salto histórico na fabricação de semicondutores que “desafia o design convencional”, como dizem em seu próprio comunicado à imprensa na PR Newswire .

A IBM, a mesma empresa de tecnologia que forneceu máquinas de cartão perfurado ao regime nazista para tornar o assassinato em massa do Holocausto mais eficiente, está agora lançando esta nova e poderosa tecnologia de fabricação de semicondutores que revolucionará a fabricação de microchips. Em nossa avaliação, este novo design de chip é o momento decisivo “skynet” que permitirá sistemas de supercomputação de IA generalizados que irão rastrear e monitorar tudo o que os humanos fazem .

Combinados com a tecnologia neuralink que permite que supercomputadores de IA façam interface com a neurologia humana, esses microchips permitirão a vigilância digital de pensamentos humanos, emoções, ações e narrativas de “fala interior”. Uma vez totalmente conectado com os nervos ópticos, o ouvido interno e outros centros neurológicos de processamento sensorial do cérebro [via transhumanismo], isso permitirá o controle digital sobre toda a “realidade” de uma pessoa, incluindo a realidade digital “aumentada” sem a necessidade de óculos ou óculos de proteção. A realidade aumentada será simplesmente sobreposta digital e diretamente na neurologia da pessoa.

A “Matrix completa”, em outras palavras, está prestes a se tornar uma realidade. O projeto Metaverso de Mark Zuckerberg não viverá apenas na “nuvem”, mas na sua cabeça porque todo ser humano será neural conectado na simulação de supercomputador de IA ou será banido da sociedade como está acontecendo atualmente com os passaportes de vacinas. A humanidae, bovinamente, está prestes a ser destruída pela Matrix . (Isto é, se você concordar em ter esses sistemas embutidos em você.)

O design do microprocessador IBM “skynet” permite melhorias radicais na densidade computacional, supercomputadores vestíveis e processadores embutidos em humanos

A tecnologia IBM / Samsung é verdadeiramente revolucionária por vários motivos. A inovação na fabricação permite que os transistores sejam empilhados no plano Z (não apenas X e Y), o que permite densidades computacionais extremamente altas. Do comunicado à imprensa da IBM:

A IBM (NYSE:? IBM) e a Samsung Electronics anunciaram em conjunto uma inovação no design de semicondutores utilizando uma nova arquitetura de transistor vertical que demonstra um caminho para escalar além da nanofolha e tem o potencial de reduzir o uso de energia em 85 por cento em comparação com um campo de aletas escalonado. transistor de efeito (finFET).

Historicamente, os transistores foram construídos para ficarem planos na superfície de um semicondutor, com a corrente elétrica fluindo lateralmente, ou lado a lado, através deles. Com os novos Transistores de Efeito de Campo de Transporte Vertical, ou VTFET, a IBM e a Samsung implementaram com sucesso transistores que são construídos perpendicularmente à superfície do chip com um fluxo de corrente vertical ou para cima e para baixo.

O comunicado à imprensa cita especificamente o potencial de tais microprocessadores serem incorporados em todos os tipos de novos sistemas, expandindo enormemente a Internet das Coisas (IoT), que é o sistema de vigilância digital global para a escravidão total da humanidade:

Expansão contínua da Internet das Coisas (IoT) e dispositivos de ponta com menor necessidade de energia, permitindo que operem em ambientes mais diversos, como bóias oceânicas, veículos autônomos e espaçonaves.

O consumo de energia bastante reduzido dessa configuração também significa muito menos produção de calor . Uma vez que a dissipação de calor é um dos principais desafios da densidade computacional (os microprocessadores criam tanto calor que podem derreter-se), a redução de 85% no uso de energia se traduz em 85% menos produção de calor. Como há menos calor para lidar, os microprocessadores de alta densidade que usam essa nova tecnologia inovadora podem ser empilhados em todos os três planos físicos (X, Y, Z) em densidades que vão muito além do que é possível atualmente. 

Além disso, a redução de 85% no consumo de energia significa que microprocessadores menores podem ser embutidos em roupas e dispositivos vestíveis que geram eletricidade por meio do movimento cinético do próprio corpo humano. Mesmo sistemas menores podem ser embutidos em ossos e tecidos humanos (no crânio, por exemplo) e simplesmente operar com base no potencial elétrico biodisponível. Em outras palavras, os seres humanos estão prestes a se tornar verdadeiros ciborgues de cobre.

Não se esqueça do que expliquei em meu artigo e podcast anterior : Mover a tecnologia de transistores da escala  micro para a escala nano, ao considerar todas as 3 dimensões (X, Y, Z) resulta em um aumento de 10 ^ 9 na densidade computacional. Por quê? Porque é um fator de 1.000 (ou 10 ^ 3) em cada uma das três dimensões. Portanto, um microprocessador em escala de pico expressará 10 ^ 9 mais densidade computacional do que um microprocessador em escala nano. (A escala é assim: Micro, Nano, Pico, Femto)

A IBM está atualmente fabricando microprocessadores de 2 nm, o que significa que a empresa já está no reino de escala nanométrica de um dígito baixo da tecnologia de microprocessador. Este novo avanço do eixo Z permite o “empilhamento” no nível de 2 nm (ou até menor) e, com a próxima melhoria incremental, a IBM terá alcançado microprocessadores em escala de pico, talvez em 800 pm (picômetros) de tamanho.

De acordo com minhas fontes, a IBM já atingiu essa escala de design de microprocessador, embora os microprocessadores em escala de pico ainda não estejam em produção real. Eles existem no laboratório, no entanto.

Isso não é uma boa notícia para a humanidade. Este é, de fato, o fim da humanidade como a conhecemos. A “ciborgificação” da espécie humana agora é imparável e terminará com a obliteração de tudo o que significa ser humano.

Obtenha todos os detalhes no podcast de atualização da situação de hoje:

Brighteon.com/e69c5bf3-0a36-41de-a045-1e49859c5659


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal  AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)”. para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


“Você não é deste mundo. Você não é este corpo que habita. Você não é essas emoções, esses pensamentos, esse ego com o qual se identifica. Você nem mesmo é sua vida ou morte. Quando você é capaz de se distanciar dessas coisas, então o verdadeiro você, o você gnóstico, entra no foco de sua cognição. Mais puro que o éter, mais radiante que o sol, mais puro que a neve acumulada, cheio de vida e retirado do contexto da morte, este é o eu que você é. Para ajudá-lo a saber disso, Jesus e Buddha e todos os outros grandes mensageiros de luz vieram a este mundo, fazendo o sacrifício de vir da plenitude para o vazio para trazer isso a você. Você deve saber disso, e deve fazer isso, porque sem ele você não está realmente vivo, não está realmente consciente, mas com ele, você é todas as coisas, você tem todas as coisas, e o Tudo se tornou você. Esta é a mensagem da Gnose! ”  – Richard, Duc de Palatine (1916–1977)


Saiba mais, leitura adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

One Response to Microchip ‘Skynet’ anuncia escravização final da humanidade através do Controle da I.A.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.